Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Gisele Bündchen lança livro em São Paulo e aconselha: "Não leve nenhuma crítica para o lado pessoal"

05 de November de 2015 2

Gisele por Mert&Marcus

É amanhã (6/11), com sessão de autógrafos em São Paulo, o tão aguardado lançamento do livro Gisele Bündchen, que faz uma retrospectiva dos 20 anos de carreira da modelo. Editada pela Taschen com curadoria e direção de arte de Giovanni Bianco, a publicação conta com cerca de 300 fotografias da top e terá edição limitada. Por aqui, o livro chega às livrarias na segunda (9/11). Conseguimos um tempinho para falar com a concorridíssima Gisele.

PAULO VAINER - VOGUE BRASIL 40 ANOS

Como foi reviver estes 20 anos de carreira pelo livro?
Foi como voltar no tempo. Nem acredito que passou tudo isso. Foi muito rápido.

Qual foi o trabalho mais difícil de chegar ao resultado final?
Quando fotografei uma campanha e precisei ficar dentro de uma caixa de vidro por três dias até as 4h com uma máquina de espuma jorrando sabão em mim. Fiquei com a pele toda vermelha e irritada. Mas as fotos ficaram divertidas no final.

Que conselho a Gisele de hoje daria para a Gisele entrando em seu primeiro ensaio fotográfico?
Não leve nenhuma crítica para o lado pessoal. Se pudesse escolher um trabalho para refazer, qual seria? Não faria nenhum novamente. Acho que tudo acontece da maneira como tem que acontecer.

20150209_ZEE_NUNESVG_GISELE_AGUA_0815

Qual é o segredo para ter uma trajetória consistente e admirada?
Não há receita específica. Todos somos diferentes e temos nossa maneira de ser, mas sempre estive com o coração aberto e com vontade de dar o meu melhor.

Qual foi o último desafio profissional que você enfrentou?
Todos os dias em que entro no estúdio é um desafio novo. Estou sempre tentando me superar.

Fotos: Mert&Marcus, Zee Nunes e Paulo Vainer/Divulgação

Comentários (2)

  • Jorge diz: 5 de November de 2015

    Ué….por que não veio lançar na maior feira do livro ao ar livre da AL… KKKkkkkkkkk….

  • Jegue diz: 6 de November de 2015

    Não valorizo quem ganha a vida explorando o próprio corpo. Queira ou não, ela ganhou a vida se expondo feito um pedaço de carne numa vitrine de açougue. Isso não é digno.

Envie seu Comentário