Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Grupo recusa cachê de R$ 500,00 e suspende show

25 de maio de 2010 24

Acabo de receber um e-mail do grupo Querência, de Pelotas, anunciando a suspensão de sua apresentação na prestigiada Fenadoce, que começa amanhã na cidade. O motivo é o cachê baixo, de R$ 500,00 oferecido aos músicos locais, enquanto no evento estão programados “shows nacionais terceirizados e gravação de programa de TV”.

Para Alexandre Primo,  diretor do grupo, tal postura desvaloriza o artista pelotense, ao qual são destinadas apenas “migalhas”. Na mesagem, o grupo lembra que possui 28 anos de história, divulgando a música pelotense, com 13 CDs e um DVD gravados.

Concordo plenamente. Esperamos uma manifestação formal da organização da feira.

Comentários (24)

  • luis Girardi diz: 25 de maio de 2010

    Há muito tempo deixamos de tocar na fenadoce,por esse motivo.Muito boa essa idéia do Querência de tornar isso público,fizeram muito bem em não aceitar esse cachê,que as vezes o prazo de pagamento é de 60 dias.

    Abraço

  • Bah Tchê – O Portal dos Gauchos – Bah tche diz: 25 de maio de 2010

    [...] olhar o artigo: Grupo recusa cachê de R$ 500,00 e suspende show – Diário Gaúcho [...]

  • CELSO CARDOSO diz: 26 de maio de 2010

    Parabéns ao Grupo Querência pela atitude madura e honrada. Eu,diretor do Grupo PIALO também de Pelotas, já fui prejudicado pela organização da Fenadoce que ajustou um certo valor comigo e na hora do pagamento, ou seja, 8 meses depois do evento, me pagaram outro valor, evidfentemente, menor. Precisamos acordar e nos impôr com este tipo de tratamento aos músicos Gaúchos, enquanto os chamdos Shows Nacionais vem à Fenadoce e recebem até mesmo antes das apresentações. Abraço. Celso.

  • CELSO CARDOSO diz: 26 de maio de 2010

    Ainda quanton à FENADOCE, sempre o o ingresso individual ao ser pago dava direito a um doce grátis a escolher e na última Feira custava R$ 5,00 o ingresso e na Feira cada doce custava R$ 2,00, ou seja, o ingresso, na verdade custava R$ 3,00. Neste ano a proposta mudou, cada ingresso custa R$ 5,00 SEM DIREITO AO DOCE, ou seja, houve um significativo aumento de 40% no valoor do ingresso. Abraço. CELSO

  • PEDRO PORTELLA diz: 26 de maio de 2010

    Não interessa quanto vão ´pagar aos outros, se vão pagar ou não, Esta atitude tomada pelos empresários da CDL têm haver com RESPEITO pelas coisas da terra e por quem divulga esta cidade. O

  • João Batista Rodrigues diz: 26 de maio de 2010

    Sempre gostei da musicalidade do Grupo Querência….que também sempre foi chamado de “Querência de Pelotas”..cuja cidade sempre foi divulgada…é uma lástima que se pense dessa forma quando da organização de um evento de tamanha grandeza…sou solidário a não participação no evento por um cachê tão minúsculo, uma vez que, 28 anos divulgando o Nome da Cidade dos doces não resume-se em “migalhas”…convenhamos!”!!

    Algumas pessoas com o poder nas mãos encantam-se com ele e esquecem suas Raízes.

  • albert silveira diz: 26 de maio de 2010

    está se desenhando como a mais fracassada fenadoce que pelotas já teve, pois com esses organizadores mercenários, o resultado não poderá ser outro. esse ano não irei.

  • Equipe Guapos diz: 27 de maio de 2010

    Um absurdo realmente!
    Parabéns ao Grupo Querência pela atitude!

  • DAMABIAH WENITT diz: 27 de maio de 2010

    Valorizo muito as coisas do Rio Grande que é a minha querência.

    Estava programando visitar a proxima Fenadoce com a familia, mas, realmente baseado nesta materia ficarei aguardando o desenrolar e se não ver ou ouvir alguma explicação muito bem clara dos organizadores, vou engrossar a fileira das pessoas descontentes e não irei.

    O que tem por trás destas cortinas, de pagamento à shows terceirizados à vista e pagamento
    a shows de artistas locais com valores minguados e á prazo expichado ?

  • Ricardo Neves diz: 27 de maio de 2010

    Que maravilha a atitude deste grupo maravilhoso que é o Querência, eles em todos os lugares que vão estão sempre levando e divulgando o nome de Pelotas e dai fazem uma dessas com eles, bá que vergonha FENADOCE, se não tem QUERENCIA nós de Arroio Grande, Herval e região não vamos.
    Depois dessa somos ainda mais fâs do QUERÊNCIA, tenham sempre esta coragem.

  • joão camargo diz: 27 de maio de 2010

    Sou Pelotense do Bairro Fragata,sede local da Fenadoce,fazem 11 anos que estou em Lisboa,após tomar conhecimento dessa taxa que me perdoem aqueles responsaveis por esta bela atitude,gente por favor taxar um artista da terra só pode ser brincadeira,principalmente esse brilhante grupo que tanto nos enaltece por onde passam,mostrando um belo trabalho musical,promovendo nossa querida Princesa do Sul,gente vamos valorizar nossos artistas,porque as demais regiões valorizam e muito seus artistas,mas não sei porque tudo que é nosso não tem valor,anos atrás houve uma feira de turismo numa area de Lisboa,o Rio Grande do Sul so tinha o espaço mais nada foi uma vergonha,porque não divulgar nossa terra,ou não somos capaz de realizar grandes projetos?,nas diversas areas,estou ao lado do Grupo Querencia pois é um grupo musical que tanto nos orgulha,mas chegar a esse ponto com nossos artistas convenhamos,vamos procurar valorizar nossos artistas para que os mesmos la fora mostrem a força dessa terra que amamos,um quebra costela,fiquem com DEUS,pois vcs. são brilhantes essas situações não devem abalar vcs. porque sabem o quanto são importantes no meio cultural,musical da nossa terra

    Jose Roberto Alves Camargo(Lisboa)

  • Paula Alvariza diz: 27 de maio de 2010

    Absurdo, indignação e vergonha!!!!
    Essas são as 3 palavras que encontrei para expressar meus sentimentos!!!
    Espero que a organização da FENADOCE consiga rever seus conceitos e no mínimo se retratar perante os cidadões Pelotenses.
    Estou juntamente com todos os fãs do GRUPO QUERÊNCIA dando apoio e dizendo que me orgulho cada vez mais de vcs!!!
    Parabéns pela iniciativa e coragem!

  • marcio vega diz: 27 de maio de 2010

    li um e-mail recebido por um amigo onde falava em desvalorizaçao do artista pelotense,pois bem,nao acho que estejam desvalorizando,R$500,00 acho até demais pra quem insiste em esculhambar e prostituir a verdadeira musica do rio grande tentando transforma-la em samba desafinado onde só se escuta um batuque que chega doer o ouvido,com certeza esta decisao só valorizou o gauchismo dentro da fenadoce porque carnaval pelo que eu saiba é em fevereiro,eu comparecia em todas as bailantas da gaucho e prenda e parei de ir por culpa do pessimo espetaculo que voces proporcionam estragando a festa com seus batuques e um bando de homens rebolando de brinquinho na orelha.

  • Marcello Demari diz: 27 de maio de 2010

    Olá amigos,Eu Marcello Demari – Diretor do Grupo expresso da Vanera de Pelotas/RS, gostaria de parabenizar o Alexandre Primo diretor do Grupo Querência, e dar o nosso total apoio. Jamais havia visto isto, grupos que são da terra serem desvalorizados desta forma. Sendo que a alguns dias atrás um dos responsáveis pela feira, se colocava em público atravéz do jornal do almoço local dizendo que este ano ia valorizar as coisas da terra, será que era isto mesmo que ele desejava falar??? dúvido. O valor taxado é uma vergonha para grupos onde músicos se dedicam com anos de sua vida na estrada levando o nome da cidade para todo o Brasil. Esperamos que os responsáveis pela Fenadoce repensem seus conceitos.. e Sejam Justos…
    Marcello Demari

  • Michel Severo diz: 27 de maio de 2010

    Exemplar e imperativa esta atitude do Grupo Querência, nome o qual é impossível não relacionar à cidade de Pelotas. Morei em diversas regiões do Rio Grande, da campanha, região central à serra gaúcha e em TODOS os cantos do estado o nome do Grupo Querência está invariavelmente relacionado à cidade de Pelotas. Por se tratar de um evento que traz ao Brasil as peculiaridades e iguarias da cidade, realmente é uma grande perda não termos a participação deste grupo, que carrega na guaiaca o ego gaúcho. Infelizmente a administração do evento Fenadoce, pela atitude que tomou, desconhece o tradicionalismo ou faz pouco caso da cultura nata de sua terra. Os que amam este estado sempre irão valorizar a cultura daqui.

    Abraço,
    Michel Severo.

  • Djalma Ness diz: 27 de maio de 2010

    Apoio plenamente a atitude corajosa do grupo de tornar publico o tratamento desrepeitoso para com os artistas locais da organização da fenadoce, e são atitudes como essa que fazem com que os administradores mediucres sejam demitidos e as mudanças ocarram.
    Parabéns e força, pois com certeza não vai ser essas migalhas oferecidas pela Fenadoce que vai fazer a diferença.

  • Rovani Lotuffo diz: 28 de maio de 2010

    É vergonhoso, um evento do porte da Fenadoce, desmerecer o talento local, onde poderia propiciar aos visitantes, que vem de muitos locais e inclusive de outros países, além de se deliciar com os doces, com o comércio local poderia estar vendo e também escutando os artistas locais, isso seria o que realmente interessa e o que os visitantes querem. Realmente é lamentável…

  • Josete Hetzel diz: 28 de maio de 2010

    Fenadoce… lamentável! Sem o ingresso com doce, sem o Grupo Querência, provavelmente sem outros artistas locais e sem mídia nos veículos de comunicação da região. O evento perde, mas alguém deve estar faturando com isso.

  • Leo XIV Promoções diz: 28 de maio de 2010

    Recebi o E-mail, estou muito chateado com esta posição, da Organização da FENADOCE ,pois sei. e sou testemunha da postura deste grupo ” Querencia” q em 20 Anos que os conheço sempre levou o nome com muito orgulho de sua cidade. inclusive com projectos pioneiros para menores carentes.
    Um Forte Abraços

    Léo XIV Promoções
    ( Porto Alegre – RS )

  • Maldito Sacripantas diz: 1 de junho de 2010

    O pessoal da Buzaga Show Band também recusou a proposta. Ofereceram 6 pastéis de vento, 2 guaraná frioba e uma caixa de cerveja kaiser fora do gelo. Foi tentada uma negociação, pedindo cerveja original gelada e mais umas 5 garrafas de vodka, além de energético, mas os caras se encolheram e não saiu negócio.

  • Bendito Maldito diz: 1 de junho de 2010

    Apesar de apoiar totalmente o Grupo Querência, tenho que fazer reverência ao excelente humor do comentário do Sr. maldito Sacripantas. Ehehehehehehe. Muito bom!!!

  • Jurema Pereira diz: 2 de junho de 2010

    Bem esse certamentenão é o unico caso de descaso com o artista da casa pagam milhóes pra os de fora …nimguem valoriza a prata da casa só lembram de nós qunado é hora de campanha..precisam do voto e ai sim temos valor…. acho uma cambada de cretino..não importa se o grupo é bom ou não mas respeito que cada um merece!

  • LINCOLN PRODUÇÕES E EVENTOS diz: 8 de junho de 2010

    PARABÉNS AO MEU AMIGO ALEXANDRE, TEM TODA A RAZÃO EM TOMAR ESSA ATITUDE, NÃO ME SURPREENDO COM O FATO POIS EM RIO GRANDE TAMBÉM É COMUM ISSO ACONTECER NA FEARG E FESTA DO MAR UMA MEGA DESVALORIZAÇÃO POIS NOS É OFERECIDA UMA AJUDA DE CUSTOS DE 200 REAIS, É ISSO MESMO!! 200 REAIS, NO ENTANTO EM UMA FEARG PASSADA TROUXERAM AQUELA PIADA DA KELLY KEI (DECULPE SEI HOUVE ERRO NA ESCRITA DO NOME DA CANTORA POIS NEM ME QUERO SABER COMO SE ESCREVE) COM UNS DANÇARINOS E UM PLAY BACK ROLANDO VERGONHOSAMENTE TUDO GRAVADO, UMA TOTAL FALTA DE CAPACIDADE MUSICAL. SEGUINDO NO ASSUNTO, EU COMO MÚSICO, DONO DE BANDA ( FOLIÕES DO FORRÓ) E EMPRESÁRIO DE OUTRAS BANDAS TAIS COMO O GRUPO QUERÊNCIA FICO MUITO CHATEADO COM ESSES FATOS POIS TINHAMOS QUE TER O PRAZER DE MOSTRAR AOS TURISTAS QUE VISITAM A FENADOCE, FEARG, FESTA DO MAR ETC… OS TALENTOS LOCAIS E EM CONTRAPARTIDA REMUNERAR AS BANDAS COM OS MERECIDOS CACHÊS QUE POR SINAL NÃO DEVIAM SER OFERECIDOS PELA ORGANIZAÇÃO DA FEIRA E SIM PAGO CONFORME O VALOR DE CADA BANDA COMO É FEITO COM AS BANDAS DE OUTROS LUGARES QUE SÃO CONTRATADAS, É MUITO FÁCIL COLOCAR VALOR NO QUE É DOS OUTROS, SE ELES ESTIVESSEM NO LUGAR DE DONO DE BANDA ELES IRIAM SENTIR NA PELE O QUE SENTIMOS.

    PARABÉNS GRUPO QUERÊNCIA
    PARABÉNS EXPRESSO DA VANEIRA

    SUCESSO SEMPRE!!!

  • jorge guedes moraes diz: 27 de junho de 2010

    mas que coisa de loco tche.
    esse cache ate pode ser aceito, mas so da pra pagar dois (02) musicos, o gaiteiro e o violeiro e tem mais: no local tem que ter sonorizaçao disponivel, transporte a disposiçao dos musicos e de preferencia o cache deve ser pago antes de subir no palco. agora imagene levar toda a banda num evento deste porte. no minimo crs300,oo reais por musico pra shom de 1hora e meia. pessoal adotem meu sistema, este naum falha. eu to indo agora em setembro de 2010 pra 35 anos de estrada e devido a calote de tudo que e lado to fazendo assim: dependendo do evento, local, porte, palco, estrutura etc.., custa tanto. 50% adiantado em contrato cartorial e os outros 50% depositados em conta antes da banda cair na estrada ate o local.
    abraços e boa sorte pra nossa classe artistica em geral

Envie seu Comentário