Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de agosto 2010

Músicos na campanha eleitoral

30 de agosto de 2010 12

Causa-me um certo desconforto ver músicos tradicionalistas aparecendo no horário eleitoral da TV. Acabei de assistir a propaganda  com  Rui Biriva, Elton Saldanha, Luiz Carlos Borges e Teixeirinha Filho pedindo votos a um candidato ao senado.

Gostaria de saber a opinião de vocês.

Vocês acham que, ao agirem assim, esses artistas estão apenas sendo profissionais ou sua aparição na campanha é um desrespeito aos fãs, que pertencem a vários partidos e tendências ideológicas?

Família Ortaça no Galpão Crioulo

30 de agosto de 2010 1

Foto: Giovani GrizottiA família Ortaça será o grande destaque do Galpão Crioulo (RBSTV) no próximo domingo. Ontem, os músicos liderados por Pedro Ortaça participaram da gravação no parque da Expointer, em Esteio. Aliás, a feira é muito mais do que uma mostra agropecuária. Ela tem tudo a ver com tradição gaúcha.

Anualmente, a Expointer coincide com a preparação do Acampamento Farroupilha.

Por isso,  arrisco um comentário: ao contrário do pessoal do Parque da Harmonia, onde os piquetes tentam imitar a lida campeira,  em Esteio a gauchada do interior vive a tradição na prática, na lida campeira, na doma, na tosquia, na castração.

Semana Farroupilha é tema de CD

27 de agosto de 2010 1

Recebi da gravadora Acit:

A Semana Farroupilha é um evento festivo do Rio Grande do Sul, que acontece em setembro com inúmeras homenagens a Revolução Farroupilha, a maior do Brasil, que durou 10 anos. Com os dizeres da bandeira do Estado – Liberdade, Igualdade, Humanidade – a gravadora ACIT lança em setembro o CD Semana Farroupilha, trazendo o melhor da música tradicionalista.

Com dezessete faixas, sendo a primeira uma poesia “Centauros Farroupilhas”, em homenagem a história Farrapa, interpretada por Omair Trindade com grande esmero, o CD conta ainda com grandes intérpretes: Walther Morais, Os Monarcas, Shana Muller, Cristiano Quevedo, Os Mateadores, Bonitinho, César Oliveira e Rogério Melo, Quero-quero, Elton Saldanha, Os Serranos, Cássia Abreu, Pedro Ortaça, Érlon Péricles, Nilton Ferreira, Luciano Maia e Lucas Raimundo e Renato Gottardo.

Uma coletânea rica em musicalidade, homenagens e sentimentos de um gaúcho nato que sente orgulho da sua história e da sua terra.

A estátua e o articulista

26 de agosto de 2010 2

Artigo do presidente do IGTF, Manoelito Savaris:

A Feira do Livro de Porto Alegre é um dos eventos mais importantes do Estado, seja porque atrai milhares de pessoas, seja porque trata de cultura, de educação, de literatura. Na Feira do Livro o que vale é a inteligência. A capacidade física pouco conta. A beleza exterior também não é o principal. Iniciativa interessante é a escolha do Patrono da Feira do Livro. São valorizados autores que se destacam pelo que escreveram, servindo de homenagem aos candidatos a Patrono e de modelo para quem almeja ser um escritor. O método de escolha não é perfeito, por certo, mas é democrático.

Neste ano de 2010 são cinco os candidatos a patrono: Airton Ortiz, Jane Tutikian, Luis Augusto Fischer, João Carlos Paixão Cortes e Juremir Machado da Silva. Este último tem figurado entre os candidatos várias vezes nos últimos anos. Todos os candidatos são bons escritores e merecem a indicação a patrono. Só o fato de ser indicado já representa uma homenagem e um reconhecimento pela obra produzida. Mas o que chamou a atenção dos leitores do jornal Correio do Povo foi a coluna escrita por Juremir Machado no dia 18 de agosto. Ele, candidato, dedicou-se a analisar, criticar e elogiar os demais candidatos, fazendo pontaria, especialmente, na figura de Paixão Cortes que denomina de “a estátua”. Sem desmerecer a opinião do renomado articulista e nem menosprezar a sua inteligência, sinto-me estimulado a emitir alguns conceitos a respeito do que ele escreveu.

É sempre bom lembrar que o Juremir é historiador, se auto-intitula “escritor maldito”, já criticou veementemente os tradicionalistas naquele mesmo jornal e não perde oportunidade de, entre uma risadinha e outra, disparar seus dardos na direção do tradicionalismo gaúcho e das comemorações relativas à Revolução Farroupilha. Na recente coluna “A estátua e eu”, o inteligente escritor mescla elogios “talvez sinceros” e críticas venenosas ao renomado folclorista e tradicionalista Paixão Cortes. Faz questão de ser reconhecido como santanense, comparando-se a Carlos Urbin e à estátua, aliás, Paixão Cortes. O articulista sabe bem que uma estátua é algo inanimado. Só ganha vida no imaginário das pessoas, sem a ter de verdade.

Uma estátua nada produz, não escreve, não pensa, só representa. Pode e deve ser homenageada, nunca reconhecida como inteligente. Paixão é uma estátua. Ou será que o articulista quis dizer que a estátua do Laçador é o Paixão? Difícil responder em se tratando de um mestre no faz de conta. De certo temos cinco postulantes ao título. Cinco candidatos fortes e merecedores, não pelo que representam para os outros, mas pela contribuição que estão dando para a sociedade na área da literatura.

Bem, confesso que não tenho convicção se um livro como “O Gaúcho” de Paixão Cortes, pode ser incluído no conceito de literatura. Acho que o Juremir não o inclui, assim como afirma categoricamente: “Paixão nunca escreveu um grande livro”. E, os que escreveu, segundo o articulista, são um amontoado de fragmentos e invenções.

Também não sei o que é “um grande livro”! Mesmo estando sob suspeição, em razão da minha evidente preferência pelo Paixão diante do Juremir e pelo meu engajamento no Movimento cujo responsável maior é o Paixão, arrisco-me a dizer que para a cultura regional e para o conhecimento da identidade regional, o Paixão dá de relho em muitos escritores que publicaram “grandes livros”.

60 anos de pesquisa, dezenas de obras publicando estas pesquisas, uma vida dedicada à cultura e ao folclore sul-rio-grandense faz de Paixão um legítimo postulante ao título de Patrono da Feira do Livro da Capital de todos os gaúchos. Eleito! Não por “decreto”, como prega o postulante articulista. Paixão Cortes, seja qual for a escolha do Patrono da Feira do Livro de 2010, serás eternamente reconhecido como um ícone do tradicionalismo, um dos maiores folcloristas gaúchos, um dos melhores pesquisadores que trabalhou no IGTF, o criador da Chama Crioula e um cidadão comprometido com a tua Terra. O Laçador não permitirá que nos esqueçamos disso!

Manoelito Carlos Savaris

Presidente do IGTF

Em tempo...

25 de agosto de 2010 1

O meu candidato a patrono da Feira do Livro é, obviamente, Paixão Cortes!

Acampamento Farroupilha será aberto dia 7

25 de agosto de 2010 0

Foto: Ivo Gonçalves/PMPA No site da prefeitura de Porto Alegre:

As obras de montagem do Acampamento Farroupilha 2010 estão em ritmo acelerado na Estância do Harmonia, no Parque Maurício Sirotsky Sobrinho. Apesar de ter iniciado no último sábado, 21, mais de 80% dos 370 piquetes começaram a ser erguidos. Segundo o coordenador de nativismo da prefeitura, Vinícius Brum, alguns até já estão concluídos. “Estou positivamente impressionado com a celeridade dos trabalhos. Estive no parque e vi um ritmo muito bom de trabalho”, comentou.

A parte de infraestrutura já está em fase de acabamento. Isto inclui administração, praça de alimentação e comércio, tais como padaria, açougue, supermercado e restaurantes. Ainda assim, o prazo final para a conclusão das obras está fixado para o dia 5 de setembro. A abertura oficial da festa será no dia 7 e o evento encerra-se no dia 20 de setembro com o grande desfile farroupilha.

Um hino para a Chama Crioula

25 de agosto de 2010 0

Não me canso de ouvir a música “Vem que o Itaqui Tchê Espera”, o hino preparado por Itaqui para a cerimônia de acendimento da Chama Crioula. A letra é de João Sampaio e Valtair Behling, com música e interpretação de Érlon Pericles. Clique aqui para ouvir. No link de downloads do site, tu também podes baixar a música.

Em nota, MTG diz que vai recorrer da decisão do Conselho

25 de agosto de 2010 2

Nota divulgada pelo MTG, sobre a recusa do Conselho de Cultura em examinar o projeto do Acampamento Farroupilha:

Sobre o parecer do Conselho Estadual de Cultura em relação ao projeto do Acampamento Farroupilha de Porto Alegre, o Movimento Tradicionalista Gaúcho, proponente do projeto, exercerá o direito de recorrer da decisão e qualquer nova manifestação somente será realizada após a analise do referido Conselho.

Oscar Fernande Gress

Presidente do MTG

Alerta vermelho no Acampamento Farroupilha

24 de agosto de 2010 5

Em parecer que deve ser publicado no Diário Oficial do Estado nos próximos dias, o Conselho Estadual da Cultura decidiu não examinar o pedido de verbas para o Acampamento Farroupilha de Porto Alegre, com recursos da Lei de Incentivo à Cultura. O produtor cultural do evento terá cinco dias, a contar da publicação do texto, para recorrer.

Caso seja mantida a posição inicial do colegiado, o Acampamento corre o risco de não conseguir captar R$ R$ 436.644,01, previamente autorizados pela secretaria da Cultura. Isso equivale a parte do orçamento total da festa.  Afirma o relatório assinado pelo conselheiro relator Luiz Carlos Sadowski da Silva:

A decisão deste Conselho, não recomendando o projeto em pauta, não causará qualquer prejuízo à realização do Acampamento Farroupilha de Porto Alegre, já que é bastante claro que aqueles que constituem a essência do Evento, ou seja, os acampados, os que dão o nome ao Evento – Acampamento – não carecem de tão volumosos recursos como os pleiteados pelo Proponente, tendo em vista aqueles – os que ali assentam seus piquetes – não receberem mais do que uma mínima infraestrutura para fixarem seus redutos, enquanto os maiores beneficiados, com as vultosas somas de fontes públicas e privadas aportadas, até então, ao Evento, são outras entidades que do acampamento se valem dos seus efeitos, como por exemplo, órgãos ligados ao turismo que, conforme dados apresentados, em nada contribuem na forma de recursos financeiros ao Evento que tanto os beneficia.

Leia o relatório completo aqui (clicando em realize o download do parecer)

Feira do Livro: jornalista diz que concorre com "Estátua do Laçador"

24 de agosto de 2010 6

Defensor do tradicionalismo gaúcho, o vereador de Porto Alegre Bernarnino Vendúscolo (PMDB) prepara uma moção de apoio a Paixão Cortes, candidato à patrono da Feira do Livro de Porto Alegre. É uma resposta a outro concorrente à honraria, o jornalista e escritor Juremir Machado da Silva, que em recente artigo, afirmou estar concorrendo com a “Estátua do Laçador”. Sob o título “A Estátua e Eu”, Juremir declara que quer ser “patrono na Praça da Alfândega” e que o fundador do 35 CTG e inspirador do monumento “nunca escreveu um grande livro”.

O artigo é ilustrado por uma fotomontagem, em que o Laçador aparece ao lado de uma pilha de livros. Como se Paixão fosse  a estátua, e Juremir, os livros. O articulista descreve ainda comentários feitos por jornalistas, para os quais seria um “eterno patronável”, pois já fora indicado várias vezes ao título, mas nunca escolhido.

O que acharam?

Novo CD do grupo Querência

23 de agosto de 2010 0

A considerar a música de trabalho “Bailanta do Tio Flor”, o novo CD do grupo Querência promete. “À Moda Antiga” é o nome do trabalho que trará grandes sucessos gauchescos regravados pelo conjunto  pelotense, na estrada há 18 anos.

Gildinho e Os Monarcas na lista do Troféu Guri

23 de agosto de 2010 0

Hoje, o jornalista Lasier Martins anunciou, no Gaúcha Repórter, a lista dos homenageados da 13ª Edição do Troféu Guri, oferecido pela Rádio Gaúcha a 10 personalidades que fazem o RS se destacar cada vez mais no Brasil e no Mundo. A próxima edição acontecerá no dia 31/08, às 20h, na casa da RBS no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio. Clique aqui e ouça.

Cada vez mais, a gauchada está aderindo ao Twitter. Eu, por exemplo, passei a seguir também o João dos Santos, que é cantor e guitarreiro dos Monarcas (twitter.com/joaomonarcas) e o grande Luiz Marenco (twitter.com/LuizMarenco). Sigam vocês também!

Na terça-feira, dia 31, a cantora Berenice Azambuja faz show na Sociedade Gaúcha de Lomba Grande, em Novo Hamburgo, a partir das 22h. Todo mundo lá!

Morre ex-presidente do MTG

23 de agosto de 2010 2

Em Zero Hora, hoje:

O bancário aposentado do Banco do Brasil foi o presidente do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG) que mais tempo permaneceu no cargo. Duarte era natural de Vacaria, onde foi o patrão do Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Porteira do Rio Grande, em 1962. Foi ele o responsável por promover o Rodeio de Vacaria a nível internacional, trazendo turistas de outros países e Estados. Dirigiu o MTG em duas oportunidades, de 1975 a 1977 e de 1983 a 1985.

- Onésimo Carneiro Duarte foi um gaúcho serrano autêntico. Foi um dos maiores líderes do nosso movimento, do qual foi presidente mais de uma vez. Teve papel de destaque sempre no Rodeio de Vacaria. O Rio Grande do Sul fica mais pobre com a partida desse querido amigo – disse o tradicionalista Nico Fagundes, amigo de Duarte.

Além de ter estudado e difundido o tropeirismo, militou sobre a importância das bibliotecas nos CTGs e da figura do gaúcho.

- Ele sempre se preocupou com a questão ideológica do movimento. Também se envolveu com a questão educacional. Ele defendia que o MTG não podia simplesmente fazer o movimento para si. Tinha que contribuir com o sistema educacional – afirmou o presidente do Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore e ex-presidente do MTG, Manoelito Savaris.

Duarte conduziu o MTG em busca de crescimento e com o futuro em vista. Por isso, investiu na aquisição da atual sede do movimento, que fica na Rua Guilherme Schell, 60, em Porto Alegre. Sua trajetória serviu de inspiração a outros presidentes, como o atual, Oscar Gress. O dirigente lembra que Duarte fez história na maneira como conduziu o tradicionalismo gaúcho.

- Quando ele era presidente, eu era ainda muito moço. Mas conheci a sua história. A gente se inspira nesses homens sérios. Foi um grande tradicionalista. É uma grande perda para o Rio Grande do Sul – destacou Gress.

Duarte, que era conselheiro vaqueano do MTG, cargo vitalício convocado em situações especiais, morava na Capital desde 1975. Ele deixa a mulher, Vani Ferrassi Duarte, com quem era casado havia 56 anos, seis filhos, 12 netos e dois bisnetos.

A homenagem de Os Monarcas para o Internacional

19 de agosto de 2010 3

No Jornal do Almoço:

Música dos Monarcas para o Internacional

18 de agosto de 2010 0

Correria

18 de agosto de 2010 2

Amigos, simplesmente não tive tempo de atualizar o blog nos últimos dias. A reportagem da farra dos vereadores está consumindo todo o meu tempo. São operações policiais, novas matérias e dezenas de novas denúncias que recebemos a cada dia. Mas, em breve,  pretendo retomar os posts aqui.

Enquanto isso, lembro que, neste ano, Osório terá uma intensa programação na Semana Farroupilha.  Será no Parque de Rodeios, de 13 a 20 de setembro. Entre os shows, Pedro Ortaça e César Oliveira & Rogério Melo.

Novo CD de Gildinho

10 de agosto de 2010 4

Está nas lojas o novo CD do vocalista, gaiteiro e líder dos Monarcas Gildinho. Acompanhado do grupo, ele apresenta no disco grandes músicas, com participações de Dionísio Costa e Mano Lima. Eu recomendo!

Chama Crioula será acesa dia 14

10 de agosto de 2010 3

Informe do MTG:

No próximo dia 14, a Comissão Estadual dos Festejos Farroupilhas promove o acendimento da Chama Crioula, em Itaqui, marcando o início dos festejos em todo o Rio Grande do Sul. Até o momento, cerca de 600 cavaleiros, de 80 municípios gaúchos, já confirmaram presença no evento. A cerimônia acontecerá no Cais do Porto, no sábado de manhã (14), às 10h, reunindo, além de tradicionalistas gaúchos, participantes do Uruguai e da Argentina. Entre as participações já confirmadas, está a presença do grupamento de granaderos de La Cruz, da localidade de Alvaer, província de Corrientes.

A concentração das delegações campeiras acontecerá, às 8h30, em frente ao Sindicato Rural. Durante a tarde, está previsto a realização de um seminário cultural sobre a história da Chama, no Theatro Prezewodowski e à noite, show com Cesar Oliveira e Rogério Mello. A programação, entretanto, já inicia na sexta-feira, dia 13, com oficina de brinquedos, missa crioula e shows com os cantores Elton Saldanha e grupo e Gaúcho Pachola. De Itaqui, as diversas delegações irão conduzir centelhas do fogo histórico por todo o Estado.

Em Porto Alegre, como acontece tradicionalmente, a Chama Crioula será acesa dia 7 de setembro, no Acampamento Farroupilha, abrindo oficialmente a programação do local. O tema da Semana Farroupilha 2010, “Farroupilhas: ideais, cidadania, revolução” busca trabalhar a revolução sob estes três aspectos: seus ideais, explorando os motivos que levaram os farroupilhas a se posicionarem contrariamente ao Império; a cidadania, apresentando a vida dos farroupilhas enquanto cidadãos, com famílias, propriedades, direitos e deveres civis, entre outros pontos; e a revolução, mostrando a movimentação das tropas no território gaúcho, destacando a vida nas três capitais farroupilhas.

O desfile temático está previsto para a noite de 19 de setembro e os desfiles cívico-militar e tradicional, para a manhã de 20 de setembro.

Vereadores fazem turismo com o nosso dinheiro

09 de agosto de 2010 7

Esse era motivo pelo qual mal consegui atualizar o blog nas últimas semanas:

Karaoke gaudério

06 de agosto de 2010 0

Clique aqui e ouça o que a minha colega da RBSTV Rosangela Angrizani andou descobrindo. Não é o caso, mas volta e meia eu reflito sobre as letras de muitas de nossas canções. Muitas são criativas, alegres, tocam fundo na alma. Mas outras, em menor quantidade, muitas vezes não fazem sentido, possuem erros de concordância…Mas, como disse, não é o caso dessa do João Luiz, que foi composta pra divertir mesmo. Um abraço!