Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Charlie Hebdo volta a provocar polêmica. Agora, por causa da imigração

15 de setembro de 2015 3

O jornal francês Charlie Hebdo voltou a provocar polêmica ao publicar, nesta semana, charges, agora relacionadas à crise com imigrantes às portas da Europa. Uma delas faz referência ao menino sírio Aylan Kurdi, cuja foto morto na praia chocou boa parte da opinião pública mundial. Na charge, “Bem-vindo aos migrantes – Tão perto, mas…” Ao fundo, um cartaz semelhante a de lanchonetes fastfood anuncia: “Dois menus infantis pelo preço de um”.

Foto: islamaideology

Foto: islamaideology

Em outro cartoon, a inscrição “Prova de que a Europa é cristã”. Um homem, semelhante a Jesus, afirma: “Os cristãos caminham sobre as águas”. Outro personagem, um menino, afirma: “As crianças muçulmanas afundam”.

COx8ONQW8AAdevQ

Os desenhos foram feitos por Laurent Riss Sourisseau, que, desde os atentados à revista, em 7 de janeiro, anda com escolta policial.

Comentários (3)

  • Luis Eduardo da silva diz: 15 de setembro de 2015

    Esses caras perderam MAIS UMA oportunidade de ficar calados.

  • roberto carlos diz: 15 de setembro de 2015

    Esses chargistas franceses desconhecem o significado da palavra “respeito’.

  • André Silveira diz: 17 de setembro de 2015

    O Charlie Hebdo é burra! As nações muçulmanas que não recebem imigrantes é que estão permitindo que famílias inteiras morram no mar. Essa imigração interessa às nações ricas muçulmanas, e interessa ao Islam inteiro. Faz assim: aceitem todos, mas exijam que se convertam (mentira resultando em extradição, inclusive dos descendentes). Vamos ver até onde vai a piedade de muitos com os pobres imigrantes ou se, nesse caso, vão acabar achando melhor que os pobres morram para melhor culpar o Ocidente cristão. (A máscara de muita gente vai acabar caindo.)

Envie seu Comentário