Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Saúde e cercamento de parques

06 de julho de 2012 1

No terceiro bloco do debate entre os sete candidatos à prefeitura de Porto Alegre, os temas debatidos foram diversificados devido ao sorteio de perguntas para respostas e comentários. Entraram na pauta questões como tratamento de esgoto e de resíduos sólidos, saúde e infraestrutura de lazer.

Como forma de combater a violência e a depredação do patrimônio público, o candidato Jocelin Azambuja (PSL) defendeu o cercamento de parques como o Marinha do Brasil e o Farroupilha, conhecido como Redenção.

— Não vejo constrangimento em cercar os parques, com horários para abertura e fechamento. Isso é feito em diversas cidades do mundo — disse Azambuja.

No comentário, José Fortunati (PDT) defendeu o cercamento virtual dos parques, com a instalação de câmeras de monitoramento, como está sendo feito na Redenção e no Marinha.

Falando sobre saúde, Wambert Di Lorenzo (PSDB) afirmou que é preciso humanizar o atendimento. Ele defende a contratação de mais profissionais e qualificação das estruturas de atendimento de saúde.

— No primeiro ano de governo, queremos organizar a casa, com os ajustes de contas necessários. Assim poderemos retomar a capacidade de investimentos para resolver o problema da saúde — afirmou Wambert.

Em debate com Manuela D’Ávila (PC do B), o tucano defendeu a participação da Câmara de Vereadores na formulação de leis que incentivem os moradores de Porto Alegre a ligarem as suas casas à rede pública de tratamento de esgoto, que terá capacidade de tratamento de 80% dos resíduos até o final do ano.

Continue acompanhando pelo Twitter:


Comentários (1)

  • O Arroto diz: 6 de julho de 2012

    Alô Oportunatti, cadê os Portais da Cidade (papo furado para ganhar eleição).

Envie seu Comentário