Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Dentes novos custarão caro a Pedro Simon

10 de março de 2014 85

Não se pode crucificar o senador Pedro Simon por ter feito uma cirurgia dentária e implantes que custaram R$ 62,7 mil e foram pagos pelo Senado. O que está errado é o Senado ter um plano de saúde vitalício para senadores, ex-senadores e seus familiares, com reembolso de despesas fora do padrão de qualquer plano de saúde, sem contribuição do beneficiário.

O senador Agripino Maia (DEM-RN) melhorou o sorriso com placas de porcelana nos dentes e o Senado pagou mais de
R$ 50 mil. Por que o tratamento de Simon repercutiu mais? Porque Simon sempre fez o discurso da moralidade, dizem seus críticos, como se os outros pudessem fazer extravagâncias por não terem a imagem de guardiões da ética.

Simon apresentou nesta segunda-feira, em nota oficial e em entrevista ao jornalista Klécio Santos, os laudos médicos que justificam a intervenção. Disse que não poderia pagar pelo tratamento e enumerou os recursos que devolveu ao Senado por não utilizar toda a cota a que tem direito. Tarde demais: o estrago já está feito.

A repercussão negativa é um complicador a mais na definição do candidato do PMDB ao Senado. Simon ainda não disse claramente que não concorre, mas deve avaliar se está disposto a ser chamado de “boca de ouro” e de outros apelidos do gênero durante a campanha.

José Fogaça, considerado o preferido de Simon no caso de ele não ser candidato, também tem direito aos reembolsos do Senado – e os utilizou. Não serve de consolo ao PMDB saber que outra candidata, Emília Fernandes (PC do B) está na mesma situação. Nesse quadro, crescem as chances de Germano Rigotto ser candidato, mas ele será cobrado por receber a aposentadoria vitalícia de governador.

Comentários (85)

  • Rodrigo diz: 10 de março de 2014

    Desculpe Rosane, mas o que há de imoral no fato de o senador utilizar um direito seu? Imoral é abrir contas pedindo doações para pagar condenações com a justiça, no caso dos mensaleiros. Não sou filiado a partido politico algum, e, sinceramente existem coisas nuito mais graves E QUE ACONTECEM SEM O AMPARO DA LEI para vcs noticiarem.

  • Jorge Gomes diz: 10 de março de 2014

    Se o Simon não pode pagar R$ 62 mil, o Brasil vai a falencia.
    O que ele faz com o salario que ganha.

  • Luiz Felipe diz: 10 de março de 2014

    O rugido das ruas é o HoMeM, e o HoMeM é o rugido das ruas .Rendam-se continuístas da mesmice, vocês estão cercados, levantem as mãos para o céu, e agradeçam ao Senhor, pois o HoMeM, que já disse a que veio, é aquele que há décadas vocês pedem de joelhos ao Pai. A César o que é de César, a Deus o que é de Deus, ao HoMeM o que é do HoMeM, e ao Povo o que é do Povo: o sucesso pleno do bem comum. Ao ver do HoMeM do Mapa da Mina, Campos está confundindo ainda mais o cenário da sucessão, apostando na confusão face à qual todos os gatos e gatas são pardos, posto que a questão central da sucessão não é se o País agüenta ou não mais quatro anos de Dilma, mas, isto sim, se a população do país agüenta mais 4 anos de partidarismo-eleitoral (oposição, situação e gollpismo-ditatorial, Campos à bordo ), tal qual encontra-se formulado e formatado, divorciado dos reais interesses da população que não se sente mais representada pela situação e nem pela oposição, e muito menos pelo gollpismo-ditatorial. A impressão é que Campos está querendo apenas tomar o lugar de Dilma, no bico, como se fosse Dilma o problema e não os modellos apodrecidos de Estado e de Pollítica-partidária-eleitoral. Aviso ao navegante, Eduardo Campos: uma dose de simancol diariamente lhe fará bem. Se existe alguém neste País em condições de ocupar o lugar de Dilma não porque é melhor do que Ela mas apenas porque tem uma MMissão inevitável e inadiável cujo tempo chegou, esse alguém é o HoMeM do Mapa da Mina, o HoMeM do Borogodó (RPL-PNBC-ME), o projetista, autor e executor da obra, se Dilma julgar que chegou a hora da grande mudança de verdade, da grande Travessia, com estabilidade econômica, política e social, e se achar que, por ora, deve embarcar na Nova Nau e passar o timão para o HoMeM. O que não podemos aceitar é Campos, Aécio, FHC e CIA querendo tomar o Novo Transatlântico e o timão do HoMeM. Assim não dá Campos, Aécio, FHC e CIA, assim não é possível, posto que com vocês no comando, sem conhecerem a Nova Nau, o Novo Mapa e a Nova Rota, e sem saberem rezar a missa, por completo, o desastre será inevitável. Só o HoMeM está credenciado a comandar essa Travessia. E Ele garimpa nessa lagoa há muito tempo e não irá entregar o espaço que é seu para sapos de fora, ainda que oriundos das elites cheirosas. Portanto, se quiserem participar desta grande transformação têm que se entender com o HoMeM, à moda ajoelharam têm que rezar, humildemente, sob pena de colocarem tudo a perder, e obrigarem o HoMeM a fazer o Serviço das ruas ( com as quais Ele se entende por telepatia) para os palácios, depois da COPA. E depois não digam que não foram prévia e fartamente avisados.

  • Giancarlo diz: 10 de março de 2014

    Eu acho engraçado, Rosane, você não comentar, como é próprio da imparcialidade,
    sobre o futuro candidato, seu ex-colega, Lasier Martins e sua digníssima esposa, sobre os últimos acontecimentos noticiados. Seria interessante você dedicar uma página a isso também!

  • Jaime Gomes. diz: 10 de março de 2014

    Meus parabens! Voce conseguiu em poucas palavras, quase aniquilar 3 fortes adversários do seu colega Lasier Martins, mas não esqueça, se quiser ser imparcial, que seu candidato, em apenas um mês já queimou seu filme de moralista.

  • Sérgio Luiz Buchmann diz: 10 de março de 2014

    Tais insidiosos fatos oportunizam trazer à baila, ao menos, rediscutir ‘intra-muros’ o bom-senso e as consequências do ‘custo’ por uma patética e emotiva tentativa de recondução por mais 8 anos, com o virtual e constrangedor ‘no obstat’ do PMDB Regional.

    Germano Rigotto é, disparadíssimo, o melhor candidato desse Partido Político à vaga única para o Senado Federal.

    Nem quero falar da sua experiência administrativa que adquiriu como Governador do Estado, mas como um eloquente, incansável e conhecedor profundo da questão tributária nacional.

    O Parlamento é a Casa em que Rigotto merece estar; Simon, há muito tempo, merecia estar em casa.

  • Marcia Souza diz: 10 de março de 2014

    É realmente uma vergonha. O povo tem uma carga IMENSA DE IMPOSTOS que só servem para sustentar esta lacra imunda de políticos. Só matando mesmo. Não tem jeito. O Brasil, em algum momento, vai ter que ter a sua própria revolução francesa.
    Triste.

  • CLADEMIR DUARTE diz: 10 de março de 2014

    Vejam só! A semana passada fiz um comentário com meus amigos enumerando políticos que houvesse fatos desabonadores. Eu comentei que desconhecia qualquer suspeita de falta de ética do Senador Pedro Simon. Não que seja errado ou falta de ética utilizar o plano de saúde para tratar os dentes, mas um plano de saúde desses criado pelos próprios políticos e totalmente às custas do povo!

  • Andrea diz: 10 de março de 2014

    O guardião da ética. Faça como o povo brasileiro: se não tem como pagar, não faça! E podemos, sim, ‘crucificar’ Pedro Simon!

  • Alceu S Grandi diz: 10 de março de 2014

    Entendido: sobrou o preferido da mamãe RBS! Lasier “choque” Martins.

  • Valmir Michels diz: 10 de março de 2014

    Por Favor! fica claro que vão querer crussificar qualquer um para colocar o Lazier no Senado, isso está nitido. Mas eu confio no povo gaúcho! tenho certeza que ele não vai eleger alguém que ainda nem candidato é e já nomeou a mulher para um cargo de confiança na Assembéia Legislativa do RS.
    Hã, ele não era comentarista da moralidade? é do mesmo time da Ana Amélia……. Vamos se respeitar.

  • Araujo diz: 10 de março de 2014

    Que país é este? O país das maravilhas, para os Políticos, é claro, e o povo que …… pague a conta.

  • Valdir lozado diz: 10 de março de 2014

    Em ano eleitoral vale tudo mesmo, não sejamos tolos, o que ocorre neste momento são apenas manobras tendenciosas para “queimar” o Senador Pedro Simon, beneficiando outra “criatura” que todos sabem quem é. E olhem que não sou do partido do Senador Simon. Quanto a utilizar tal BENEFICIO, é direito adquirido -tanto para senador,governador ou presidente- e direito não discute, não é imoral, eu também o utilizaria, aquele achar ruim, pode concorrer a um cargo desses que citei e depois me diga se abriria mão dos ditos benefícios. Ora senhores(as), me poupem com essa moralidade oportunista.

  • Milton Darci Nagel diz: 10 de março de 2014

    Às vezes chego a pensar que talvez fosse melhor nem tomar conhecimento dos absurdos de desperdício público que ocorrem no Senado, uma vez que nada se pode fazer e o conhecimento somente serve para deixar a gente extremamente irritado e frustrado. Passam os anos, sucedem-se os senadores, alguns se perpetuam, e as mazelas permanecem, sem nenhum vislumbre de solução. E não me venham dizer que o voto é a arma para mudar a situação, porque não é verdade. As forças que aí estão para manter o “status quo” não vão permitir que mudanças ocorram. É desalentador…

  • Paulo diz: 10 de março de 2014

    Mto bom, realmente espetacular, sendo direta, sem desvios, atingindo plenamente o alvo, ao mesmo tempo dando mais asas para o outro voar, diretamente ao Senado Federal..Parabéns atingiu o alvo, e elevou mais alto o voo do outro..abraços..

  • Miguidelo diz: 11 de março de 2014

    O senador é um homem velho, que em breve estará tendo o seu encontro com uma justiça maior, não essa, aplicada por tribunais como o STF, constituído de algumas pessoas corretas, porém, também por alguns como esse senador, com valores morais tão distorcidos.
    Não tenho raiva dele. Tenho pena, e creio que um dia ele estará pedindo clemência, que talvez nem receba, já que ele próprio construiu o seu futuro.
    Há pessoas pobres e desdentadas que merecem muito mais o meu respeito, pela riqueza da honestidade, do que nosso pobre senador.

  • Gustavo diz: 11 de março de 2014

    Se o mandato de senador não durasse oito (absurdos) anos, poderíamos renovar com maior frequência.

  • Luis Silva diz: 11 de março de 2014

    Serei breve: depois dessa, e até porque seu prazo de validade já venceu de há muito, o senador Simon pode recolher sua tendinha no Planalto e vir cuidar de sua lojinha aqui no Portinho. E que não se candidate a nada mais, pois não goza mais de confiança da população.

  • Felipe diz: 11 de março de 2014

    Quanta hipocrisia! Qualquer pessoa que pudesse usar desse benefício o faria. Deveriam se preocupar é com quem financia as campanhas dos senadores, e como eles representam o interesse desses patrocinadores, ao invés do interesse público.

  • pedro souza diz: 11 de março de 2014

    Acho que essa campanha descarada contra Simon e a favor do candidato da RBS sairá pela culatra! Que sacanagem! Simon, como diz o gaúcho, não arrede o garrão.

  • jose diz: 11 de março de 2014

    BEM FEITO PARA ESSE POVO BURRO QUE NÃO SABE VOTAR QUE NEM DISSE O PELE AINDA BEM QUE EU NAO VOTO NESSES CALHORDA EU SEMPRE ANULO O MEU VOTO QUAL A DIFERENÇA DE VOTAR E NAO VOTAR NENHUMA VOU CONTINUAR PAGANDO EMPOSTO ATE MORRER E NAO VAI MUDAR NADA IDIOTAS EU ME DEVIRTO COM ESSES LADRAO QUERENDO DA UMA DE BOA MORAL QUANTOS ANOS QUE ESSE VEIO E OUTROS TANTOS VEM SENDO REELEITO NAO TEM OUTROS PARA VOTAR TEM QUE SER SEMPRE O MESMO POVO BURROKKKKKKKKKKKK

  • Jose Alves diz: 11 de março de 2014

    Estou cansado. Acho que a única saída é não reeleger ninguém. Renovar 100% todos os poderes até onde se possa. Novas pessoas que prometam acabar com privilégios, reduzir gastos, aumentar a moral, mudar regimentos internos, enfim, representar a sociedade.

  • RODRIGO NICOLINI diz: 11 de março de 2014

    O PEDRO SIMON QUER DAR MORAL DE CUECA E PRA MATAR !!! O PMDB ESTÁ INDO LOMBA ABAIXO!!!!

  • Deco diz: 11 de março de 2014

    Rodrigo, A Rosane não está condenando o senador. No primeiro parágrafo do seu texto, fica claro que sua posição é a de não “crucificar” Pedro Simon. O texto, no entanto, traz a possível repercussão do caso em meio à população e aos colegas do senador. Eu concordo que o erro não está com Pedro Simon. O erro está em haver tamanhos benefícios a poucos privilegiados em um país onde pessoas morrem por falta de tratamento adequado.

  • Nilso diz: 11 de março de 2014

    Essa colunista não merece respeito. Sempre “imparcial”! Sabemos qual o seu objetivo. Quanto aos gastos do Pedro Simon, bem, ilegal não é, talvez imoral, mas se todos da corja podem qual o motivo de Simon não exercer o direito que lhe deram. Bom se é um absurdo o plano de saúde do Senado, bom aí é outra história. Pois não tem político, isso falando de todos os partidos políticos, que não utilizam tais verbas. Mas para a colunista “imparcial” os gastos do Simon é um absurdo, qual o motivo a levou em não divulgar todos os gastos em odontologia/ortodontia de todos os Senadores? Seria pela sua “imparcialidade”. Quanto o discurso de políticos moralistas, certinhos, bom já estou farto. Onde está o nosso Paim que lutava contra fator previdenciário. Será que na próxima tentativa de reeleição ele virá com o mesmo discurso? Que tal falar sobre as aposentadoria de políticos e militares. E qual o motivo de um País sem guerras ter um efetivo tão grande dentro dos quarteis? Só comem e dormem! Bom não é bem assim, eles correm nas ruas também!! Isso ninguém vê? Quanto custa para o Brasil manter um bando de gente aquartelado. Qual o motivo disso? Dá nojo!!!

  • Mauricio Darcy Canabarro e Silva diz: 11 de março de 2014

    É uma besta esse Luis Felipe fazer um comentário dessa mediocridade, vai ver o que o partido dele (PT) comete de assalto contra a nação (comente os gastos com os cartões corporativos) seu idiota, todos usufruem desse benefício, todos os senadores independente de partidos, só por ser o Pedro Simon que está tendo essa repercussão, tenham respeito com quem tem mais de 50 anos de vida pública.

  • Renato Amaral diz: 11 de março de 2014

    se um senador com tantos anos de cargo politico não tem condições pagar um
    tratamento,imagina o pobre povo com salario minimo!!!
    somos a plebe sustentando todas as ”necessidades” da nossa humilde realeza de Brasília.
    Que vergonha!!!

  • Eduardo Dorneles diz: 11 de março de 2014

    Tem que crucificar sim. É uma vergonha gastar R$ 62.000,00 em um tratamento dentário. Este senhor suga o dinheiro público a anos e nada fez pelo RS. Um baita cara de pau. Agora me diz, como o Brasil vai ser um pais sério se os candidatos são sempre os mesmos? José Fogaça, Germano Rigoto, o abestalhado iniciante do Lasier Martins. São sempre as figuras repetidas que se metem na política. Tinha que haver uma renovação, caras novas, não crias novas das velhas raposas.

  • Machado Antunes Spiridião diz: 11 de março de 2014

    Amigos: isso é só a ponta do iceberg das benesses proporcionadas pelo Senado para seus merecedores membros. O quadro é caótico e afirmo que não há operador da política que não MAME nestes absurdos aprovados e chancelados por eles mesmos. O nobre senador tem muito mais a compartilhar com nós do que vocês imaginam, procurem e acharão.O filho do paladino da retidão, acumulou em certa feita 3 posições publicas: portosol,sedai e viaredes, obviamente “sem renumeração” ???? pelos postos ocupados. Hoje não sei qual teta está pendurado. Faça o que eu digo mas não o que eu faço.

  • Ben Hur diz: 11 de março de 2014

    Fico a cada dia mais impressionado com as regalias que essa raça de políticos tem, não podemos mais aceitar tanto abuso do dinheiro público.

  • Mari diz: 11 de março de 2014

    Caro senador, se o sr não tem dinheiro para bancar seu tratamento, o que dirá o tão explorado povo brasileiro? Povo este que sustenta o sr e seus colegas há muitos e muitos anos. Vcs adoram ocupar estes cargos para apenas se beneficiarem . Já o povo, ahhh coitado vai levando como dá. Muitos brasileiros estão desdentados por não terem como pagar para ter um novo sorriso. Ora, se não tem como pagar por implantes, coloque uma prótese móvel, pois o custo é bem menor. Os economistas dizem que não devemos dar o passo maior que a perna, então, não gaste mais do que ganhe, opte por tratamentos mais baratos. Este país é uma vergonha.

  • Geraldo Arnaldo diz: 11 de março de 2014

    Que Simon não tem mais condições de ser candidato, isso até os alecrins do campo sabem. Agora, criar uma polêmica sobre o fato dele ter utilizado uma verba normatizada e comumente usado por sua classe, com o simples objetivo de denegrir sua imagem, isso demonstra a mediocridade de quem o faz.

  • Tarcisio diz: 11 de março de 2014

    Um homem dessa idade e dessa bagagem deveria saber a diferença entre o moral e o imoral, mesmo estando autorizado pela letra fria da lei. Imoral também é a defesa de tamanha desfaçatez com o dinheiro público em um país de miseráveis que está sendo feita neste blog.

  • Manoel henrique da silva diz: 11 de março de 2014

    Cara Rosane,
    Já estas dando uma força pro teu colega Lasier Martins?
    Nao lembro de ter lido em tua coluna nenhuma menção ao fato dele ter conseguido um emprego pra namorada na Assembleia legislativa.
    Quer falar sobre isso?Acho o momento oportuno se queres discutir ética;
    Aguardamos um pronunciamento de sua parte a respeito.colegas de profissao quando entram na politica nao precisam de ética?

  • Renato Roiter diz: 11 de março de 2014

    Tinha o Senador Simon como uma pessoa integra, mas agora com esse sorriso!! foi se o Cidadão Pedro Simon, mais uma decepção!!

  • Jonathan diz: 11 de março de 2014

    Rosane

    Você já foi ao dentista fazer um implante? Vc faz ideia do custo de cada um? Some isso a idade dele, juventude com técnicas antigas e tudo mais… sorte nossa se não precisarmos disso no futuro. Só uma voltinha de avião do governo para levar a família para uma praia do nordeste deve custar mais que isso.
    Agora me diz por que ninguém fala do “Foro de São Paulo”?

  • Daniel Ribeiro diz: 11 de março de 2014

    De tudo isso, já Pe. Antonio Vieira denunciava há quase 500 anos. E tudo continua com Dantes no quartel de Abrantes, sejam em Lusa Pátria como na Pátria Lusa. Seja na República Federativa do Brasil, como na República Federativa do Pampa. É assim que é e dizia Vieira, no Sermão do Bom Ladrão:

    ‘O que eu posso acrescentar pela experiência que tenho é que não só do Cabo da Boa Esperança para lá, mas também da parte de aquém, se usa igualmente a mesma conjugação. Conjugam por todos os modos o verbo rapio, não falando em outros novos e esquisitos, que não conhecem Donato nem Despautério (a). Tanto que lá chegam começam a furtar pelo modo indicativo, porque a primeira informação que pedem aos práticos, é que lhes apontem e mostrem os caminhos por onde podem abarcar tudo. Furtam pelo modo imperativo, porque, como têm o misto e mero império, todo ele aplicam despoticamente às execuções da rapina. Furtam pelo modo mandativo, porque aceitam quanto lhes mandam; e para que mandem todos, os que não mandam não são aceitos. Furtam pelo modo optativo, porque desejam quanto lhes parece bem; e gabando as coisas desejadas aos donos delas por cortesia, sem vontade as fazem suas. Furtam pelo modo conjuntivo, porque ajuntam o seu pouco cabedal com o daqueles que manejam muito; e basta só que ajuntem a sua graça, para serem, quando menos, meeiros na ganância. Furtam pelo modo permissivo, porque permitem que outros furtem, e estes compram as permissões. Furtam pelo modo infinito, porque não tem fim o furtar com o fim do governo, e sempre lá deixam raízes, em que se vão continuando os furtos. Estes mesmos modos conjugam por todas as pessoas; porque a primeira pessoa do verbo é a sua, as segundas os seus criados e as terceiras quantas para isso têm indústria e consciência. Furtam juntamente por todos os tempos, porque o presente (que é o seu tempo) colhem quanto dá de si o triênio; e para incluírem no presente o pretérito e o futuro, de pretérito desenterram crimes, de que vendem perdões e dívidas esquecidas, de que as pagam inteiramente; e do futuro empenham as rendas, e antecipam os contratos, com que tudo o caído e não caído lhes vem a cair nas mãos. Finalmente nos mesmos tempos não lhes escapam os imperfeitos, perfeitos, plusquam perfeitos, e quaisquer outros, porque furtam, furtavam, furtaram, furtariam e haveriam de furtar mais, se mais houvesse. Em suma, o resumo de toda esta rapante conjugação vem a ser o supino do mesmo verbo: a furtar, para furtar. E quando eles têm conjugado assim toda a voz ativa, e as miseráveis províncias suportado toda a passiva, eles, como se tiveram feito grandes serviços, tornam carregados e ricos: e elas ficam roubadas e consumidas… Assim se tiram da Índia quinhentos mil cruzados, da Angola, duzentos, do Brasil, trezentos, e até do pobre Maranhão, mais do que vale todo ele. ”

    E furtam de modo vário, mesmo antes de galgar o cargo a que pretendem seja pelo voto ou não.

  • Helio Rosa diz: 11 de março de 2014

    O RS SE TORNA IMPORTADOR DE CERA DE CARNAUBA – Face a falta de Óleo de Peroba, o Estado Sulino a pedido da classe política regional e senadores de cara de pau irá importar diretamente do nordeste Cera de carnaúba. Produto necessário aos político em geral.

  • Roxane Miranda diz: 11 de março de 2014

    Hum…que feio Rosana.. isso é porta de entrada para o Lazier Empafia Martins..Carreirista, filho da RBS. Lazier e direitos sociais = piada.

  • Juçara diz: 11 de março de 2014

    Isso q Pedro Simon fez o que ele chamou de voto de pobreza (partilha de bens em vida mudou de nome)…. com direito a coletiva de imprensa e tudo, na época… hehehehe… uma vergonha….

  • Alfs Probo diz: 11 de março de 2014

    Então té, ele não pagou porque não tinha dinheiro. Posso não pagar o IRPF, ou acrescentar o Senador como meu dependente?

  • Fernando diz: 11 de março de 2014

    Quanta hipocrisia hein, senhor Pedro Simon, o senhor é senador há 23 anos, com salário de R$ 26.713,13 POR MÊS, tudo isso multiplicado por 23 anos, somam-se mais de 9 milhões de reais, fora que vossa senhoria ainda foi governador, ministro e deputado, será que não sobrou nenhum para o dentista? quanta de respeito com o povo que fica anos na fila do SUS.

  • pacpacbr diz: 11 de março de 2014

    abstraindo a idade do simom, que não deve durar muito mais, é um absurdo gastar 62 mil reais com dentes e com dinheiro público… eu, que não posso reclamar de minha condição financeira, não teria 62 mil para fazer tal tratamento, e até me sentiria mal considerando que milhões de brasilerios nunca tiveram sequer acesso a um dentista… convenhamos senador…é muito dinheiro para uma única pessoa, em um tratamento desnecessário, que poderia ser utilizado com inúmeras outras pessoas …

  • VITÉLIO VALCARENGHI diz: 11 de março de 2014

    Realmente estes políticos vivem noutro País. Para eles, ao contrário dos brasileiros comuns, não há insegurança(Segurança particular as nossas custas), a saúde é perfeita(São pacientes dos melhores hospitais, tratamentos dentários, etc.), educação para os filhinhos também às nossas custas. Sugiro aos protestantes uma maneira mais eficaz de protestar e obter resultados imediatos: primeiramente, quando um político estiver sendo assistido no Hospital Albert Einstein, por exemplo, que os manifestantes entrem neste e carreguem o paciente-político a um hospital público e o obriguem a enfrentar as mesmas agruras que o povo enfrenta. Da mesma forma, quando estiverem fazendo um tratamento dental, que o levem para um Dentista do Sus e que se submeta ao mesmo tratamento do povo. Quanto à segurança, que ande pelo Brasil, sem qualquer amparo. Aposto que o nosso querido Brasil sofrerá modificações radicais imediatamente!!!!!!

  • Kafka diz: 11 de março de 2014

    Vocês lembram da dentadura do Lula antes de MAMAR no Governo. Quem pagou o TRATAMENTO?…

  • jacob diz: 11 de março de 2014

    O que causa estranheza não é o fato do Senador (no qual votei várias vezes) Pedro Simom ter usado a verba, mas sim o fato dele não ter brigado para acabar com esta imoralidade. A classe política está desgastada por atitudes como esta, que mostram com clareza que os políticos ao se instalarem na casamata do congresso mudam seus ideias.
    E com relação ao Senador Paim, também tem mostrado uma docilidade muito grande aos desmandos so PT. Não tem lutado por aquilo que pregava, infelizmente.

  • MARCELO VENERAL DE SOUZA diz: 11 de março de 2014

    Por isso que um sujeito como esse SIMON já está á décadas sugando a nação: como SARNEI, RENAN CALHEIROS e outros tantos, são esses próprios IMORAIS que fazem as leis. Aqui no brasil os poderes se beneficiam entre si, é um ajudando e mantendo o outro.Olha, não sou a favor de depredar PATRIMÔNIO PÚBLICO, mas que dá vontade dá, ísso é repugnante…

  • Julio diz: 11 de março de 2014

    Pois olhe…O MORALISTA , escorregando na moral.
    Se fosse do PT hein???

  • cladimir Zanella diz: 11 de março de 2014

    Sra Rosane Oliveira. Estas sendo imparcial em “atacar” um HOMEM como PEDRO SIMON, HOMEM SIMPLES, ÍNTEGRO E DE UMA INTELIGÊNCIA FANTÁSTICA. E o seu colega Lazier? Nem bem saiu do GRUPO RBS e já indicou sua Namoradinha para um Carguinho na Assembléia legislativa, Carguinho…MAS a BOA IMPRENSA noticiou essa BARBARIDADE. Mas era só por 30 (TRINTA) DIAS. HORA, TENHO QUE AGUENTAR ISSO?

  • Alberto/NH diz: 11 de março de 2014

    Liguem pros Diretórios deles, mandem e-mails, cobrem nas ruas tudo isto que esta Classe de “pobres trabalhadores”, ou seja, os Políticos Tupiniquins andam fazendo contra nós que pagamos altos impostos prá sustentá-los”. É muita cara de pau!

  • jose alberto diz: 11 de março de 2014

    Que triste… muito triste…

  • Julio Aguiar diz: 11 de março de 2014

    Usar dinheiro publico com bobagens ou para seu próprio deleite não e defeito de politico no Brasil. Defeito é não deixar cair as esmolas ao povo ou cortar verbas de publicidade de estatais. Aí sim um politico se queima.

  • L. Felipe diz: 11 de março de 2014

    É um absurdo,senadores e deputados terem plano de saúde pagos pelos contribuintes.O correto e ético seria utilizarem o SUS, como toda a população que não tem condições de pagar planos privados.Principalmente os de mais de 59 anos, pois os preços dos planos a partir dessa idade são proibitivos e com a permissão/anuência das autoridades.
    Quanto a Pedro Simon, creio que já deu sua contribuição, devendo abrir espaço para nova geração.

  • MARCELO VENERAL DE SOUZA diz: 11 de março de 2014

    O que nos indiguina é que nós é que bancamos os luxos desses APROVEITADORES, que fazem as leis para se beneficiarem delas…e depois ainda tem aposentadoria vitalícia por serviços prestados a nação, isso é IMORAL

  • perci fischer diz: 11 de março de 2014

    Este sr. já mama nas tetas do governo a vida toda.
    Ele vai pedir meu voto em outubro, ele e tantos outros, este é a nosso hora.

  • ze diz: 11 de março de 2014

    R$ 150.000,00 é o salario do senador …. o do povo brasioleiro TRABALHADOR é 700,00
    PORQUE NAO HÁ UMA MOBILIZAÇAO PRA RASGARMOS OS TITULOS E NAO VOTARMOS MAIS POIS ATE OS BONS QUE O POVO COLOCA LA ESTRAGA NO MEIO DO CESTO TODO igual laranja podre.

  • Rodrigo B. diz: 11 de março de 2014

    Rodrigo (xará), como o Deco comentou, a jornalista em questão deixou isso bem claro. Mas Deco, creio que o erro é do Simon também, por fazer parte da famosa “moral de cueca”. E Rodrigo, exageros e regalias, no meu ponto de vista, são muito mais ofensivos do que aqueles que são feitos as escondidas, pois ofendem, menosprezam. Falcatruas não são novidades e não devem ser aceitáveis. Mas direitos abusivos, principalmente por quem cria esses direitos, é altamente condenável e podem desencadear uma revolta. Que o diga Luis XVI.

  • Eugenio Scartazini diz: 11 de março de 2014

    Vejo uma só saida para acabar com essas catréfas de politicos…é ter um povo mais culto e sabedor de seus direitos…pq enquantos tivermos esse poveco o sistema sempre será esse em voga..veja que o bolsa famili foi inventado pela Sra.Dra.Ruthi Cardoso e os PTralhas usara contra o Fernado Henrique dizendo que era eleitoreiro …e agora PTralhas é o que???, mas o certo é que poveco brasileiro ñ sabe cobrar seus direitos tanto anivel de Brasil quanto de Estados..na minha opinião cada estado tinha que ser autonomo e acabou..alguem sabe dizer como anda as obras que realmente é importante para dezemvolvimento do pais…!!? transposição do rio são francisco para ajudar aquele povo do nordes a se desevolverem..alguem faz passiata para chamar atenção sobre isso..o brasileiros vamos lutar para o bem do brasil..ñ me interessa 60 mil reais..me interessa é saber onde vai ser aplicado 60 bilhões de reais e deque forma..tram bala onde está!!?? metro de Porto Alegre..!! metro da bahia 10 anos o dnheiro publico federa enterrado e nada em outras enumeras obras por fazer e o poveca querendo saber sobre 60 mil reais…tenha dó..e mais poveca é essa jornalista que tras abaila um assunto sem interesse minha filha devolve o dinheiro da sua faculdade para o seu pai tenho certeza que esse senhor peno para pagar sua faculdade e volta para o mobral…grande fase do exercito brasileiro nessa epoca.

  • Celso diz: 11 de março de 2014

    A grande virada só vai acontecer quando os eleitores entenderem que já passou da hora de se tomar a única atitude que poderá mudar os rumos do nosso País. Renovação total do Senado e Congresso. Deveriam usar das redes sociais, para convocar os brasileiros a não repetirem os erros e passarem mais 4 anos criticando àqueles que eles mesmos elegeram. Já basta, chega de candidatos sem a mínima condição de somar. Chega de candidatos atores. Elegemos pessoas desqualificadas para os cargos só para podermos passar anos e anos nos arrependendo. Mas, basta vir as eleições e lá estão eles de novo. Nada muda, sempre os mesmos nomes. Dos nomes citados à candidatos ao Senado, NENHUM tem condições de assumir tal responsabilidade. Por favor, não faças esse desserviço ao País. Elejam pessoas preparadas para servir e não se servir. R$60 mil em dentes? imperdoável. Basta ver o número de desdentados e o número de pessoas que poderiam ser atendidas com esse valor. Me nego a aceitar que ajudei a pagar os dentes de Pedro Simon e outros. Por favor, façam um favor a este País que já está cansados de candidatos atores. Precisamos que pessoas que arregacem as mangas e trabalhem efetivamente e, sem esses salários estratosféricos e vantagens ilimitadas. Lazier? Tiririca? Romario? estão faltando se candidatar o Tarcisio Meira, a Ana Maria Braga, o Willian Bonner e dai teremos não um senado, mas um Reality show. Menos, por favor. Nosso País não cresce e só tem um motivo, um Senado e um Congresso caro, inútil e repleto de corruptos. De quem é a culpa? É minha, tua e de todos os que elegeram essas amebas. Moralização já. Podemos não ter outra chance. Essa eleição é uma ótima oportunidade para você mostrar que tem responsabilidade e não reeleger ninguém. É muito joio para pouco trigo.

  • MARCELO VENERAL DE SOUZA diz: 11 de março de 2014

    Esse é o sistema OPRESSOR em que vivemos, onde o trabalhador é privado de seus direitos, onde impera a lei do mais forte, onde os poderes se beneficiam e se corrompem…

  • gilmario marques silva diz: 11 de março de 2014

    Será que ainda os “GAUCHOS” continuarão com a velha mentira que “nossos políticos são exemplo para o Brasil”, como todo mundo sabe que todos são exatamente iguais, a diferença é que nos outros estados a imprensa critica e põe os podres pra fora, enquanto aqui sempre acoberta os males dos nosso políticos e quando recebem para entrevista enche de pucha-saquismo e elogios

  • Clovis Barbosa diz: 11 de março de 2014

    Na verdade nós seres humanos somos todos iguais, cada um defende o seu,somos todos ambiciosos, falsos e maldosos por natureza. Mas poderíamos ser menos , tentar cultivar o respeito pelo próximo, fazer um pouco menos de maldade, mas já estou na fase de não acreditar mais em ninguém e minha opinião para melhorar um pouco mais este País precisaria escrever uma nova constituição mas sem a classe política participando, deveria ser o povo mesmo, dona de casa, professor, médico, caminhoneiro , e outros profissionais. Não acredito mais neste País.

  • Cesar Camargo diz: 11 de março de 2014

    Um tempo atrás eu estava filosofando com um amigo sobre o Brasil e de uma maneira bem singela, fiz ele pensar numa resposta bem prática para minha pergunta: Se somos todos seres humanos! Se somos todos da mesma espécie! Se somo todos racionais, porque em outras regiões do Planeta Terra as políticas democráticas funcionam e aqui não? A resposta foi um silencio de cerca de 3 min (para quem acha que isso é pouco, tente ficar 3 min calado numa conversa a dois!). Depois disso ele tentou responder alguma coisa, mas analisando as respostas, observei que ele apenas repetia o que sempre dizemos: a culpa é do Governo! Eles são uns ladrões! No Brasil se paga muito imposto! O salário mínimo é uma piada! etc. Minha conclusão é: isso tudo sempre será a desculpa do brasileiro. Nós sempre iremos procurar por uma desculpa para responder sobre nossos atos. A culpa real sempre será de outro. Disse tudo isso pois foi exatamente o que li acima, os comentários sobre o texto da Rosane. Ora, ela está fazendo o seu trabalho enquanto que muitos estão defendendo o que é errado. Sei que vivemos numa democracia, mas todos nascemos de uma família que é capaz de nos dizer o que é certo e errado na vida, e pra mim errado é usar o que não é meu. Assim acredito que deveria ser o pensamento de todos os governantes e brasileiros: não usar o dinheiro, que é PÚBLICO, para benefício próprio. E para encerrar afirmo a minha democracia da seguinte forma (e sei que muitos me criticarão, mas danem-se, é o meu direito): vou votar em branco. Depois de 35 anos de vida, já ouvi muita promessa e sei que o Brasil não mudará, não importa quem suba na cadeira de governante. Não tenho mais tempo para pensar quem é político bom e quem não é. A maioria tem que se submeter ao partido, que por fim acaba por pensar só em si, não no coletivo, na sociedade. Para mim já basta! Qualquer um que assumir o governo NUNCA, repito NUNCA mudará nada! E sabem pq? Pq o POVO brasileiro NÃO QUER! Estejam em paz!

  • Olimpio diz: 11 de março de 2014

    Quando o Renan Calheiros é apanhado na “falcatrua”, a culpa é exclusiva daquele senador. Quando o apanhado é o Pedro Simon, bom, aí a culpa é do senado.

    A ética no jornalismo aqui por estes pagos é, no mínimo, estranha…

  • JATO AÍ diz: 11 de março de 2014

    Cara Rosane, se salvou um padre como se dizia antigamente, pois em tua pesquisa sobre quem utiliza o sistema odontológico do congresso não aparece um do PT.

  • Alceu S Grandi diz: 11 de março de 2014

    As ruas devem se ater a mais DOIS grandes problemas:
    - DIMINUIR os gastos com os legislativos em, pelo menos, 50%;
    - DIMINUIR os gastos com os CCs, em pelo menos, __80%__ (só para terem uma idéia do que significa isso: em Porto alegre eles tem 990 CCs, ASPONES, que LEVAM dos cofres Públicos, NOSSO dinheiro, mais de R$ 140 MILHÕES!!! E o fortunati disse que “não é um gasto significativo”… FORA fortuNADA!!!).

  • sérgio diz: 11 de março de 2014

    O Lasier já ía arrumando uma boquinha para namorada e nem eleito está.
    O senador pedro Simon, cara de pau, MAS, boca de ouro …..
    E vocês acham que existe alguém diferente ?

  • Gilnei diz: 11 de março de 2014

    Esperar o que de um país onde o sistema político, instituições e homens públicos são manchados por crimes e regalias ? Brasil, país da vergonha ou da falta dela.

  • Thiago Santos diz: 11 de março de 2014

    Por causa desses absurdos que cada vez sentimos a necessidade da tão esperada reforma política, que a meu ver, salvo melhor juízo, só acontecerá quando fizerem uma limpa nessa massa cancerígena que se instalou no nosso Congresso Nacional. O presidente não manda em quase nada…tem é que mudar aqueles 81 vagabundos do Senado que após o Carnaval não compareceram aos seus postos de trabalho. E os outros 513 escolhidos por nós mesmos pra nos representar e só ficam lá vampirizando nosso sangue e nosso dinheiro. Político tinha que trabalhar ganhando o mesmo salário que o povo ganha…salário mínimo. Porque a produção deles para a sociedade é apenas discurso vazio e sem impacto na vida daqueles otários (entre os quais me incluo) ficaram parados apenas assistindo ao show circense da nossa política podre.

  • Noslid Nasserb diz: 11 de março de 2014

    Pedro Simon, além do rendimento de Senador, que é o teto do funcionalismo, recebe pensão como ex governador do RS, que também é o teto do estado. Portanto mais de 50 mil por mês, entre os dois rendimentos. Todos que foram Governadores do RS recebem pensão igual ao salário de desembargador ( teto máximo ).

  • julio cesar teixeira soares diz: 11 de março de 2014

    A comparação entre os gastos de senadores com tratamentos odontológiocos e médicos,a custos de primeiro mundo ( que maravilha ), ao caso da namorada do Lasier,que foi nomeada pelo dep.sossela e não pelo lasier nada possuem em comum. O Lasier vai pagar pela ingenuidade de ter permitido,mas a paixão,nesta idade é cega e pagará alto preço no dia da eleição.

  • José diz: 11 de março de 2014

    Alguém me esclareça para que existe o senado mesmo?

  • Jonas diz: 11 de março de 2014

    O que está errado é o fato dele ser Senador e compactuar com esse benefício vitalício estendido aos familiares. Porque nunca fez nada para mudar isso? Aliás, pq nenhum senador ainda não o fez?

  • jaime diz: 11 de março de 2014

    Para os anti-pts raivosos defensores do “ético” Pedro Simon, uma pergunta: Qual o grande projeto que esse senador apresentou até hoje no senado???????????????????????????

  • Ireneo A. Massoco diz: 11 de março de 2014

    Pois é dona Rosane! O Pedro Simon não está errado, só o senado por ter um plano destes! Pois bem, você que se sente inteligente, trabalha na RBS/Globo poderia ser um pouca mais concreta, clara…e ter acrescentado: Pedro Simon, já que és muito ético e defensor da moral, devolve os 62,000 aos cofres públicos.

  • Alá diz: 11 de março de 2014

    Ah se fosse o Calheiros ….

  • Toca Raul diz: 11 de março de 2014

    Dentadura Postiça
    Raul Seixas

    Vai cair, vai cair, vai cair
    A estrela do céu
    Vai cair
    A noite no mar
    Vai cair
    O nível do gás
    Vai cair
    A cinza no chão
    Vai cair
    Juízo final
    Vai cair
    Os dentes de Jó
    Vai cair
    O preço do caos
    Vai cair
    Peteca no chão
    Vai sair
    O sol outra vez
    Vai sair
    Um filho pra luz
    Vai sair
    Da cara o terror
    Vai sair
    O expresso 22
    Vai sair
    A máscara azul
    Vai sair
    O verde do mar
    Vai sair
    Um novo gibi
    Vai sair
    Da cara o suor
    Vai subir
    Cachorro urubu
    Vai subir
    O elevador
    Vai subir
    O preço do horror
    Vai subir
    O nível mental
    Vai subir
    O disco voador
    Vai subir
    A torre babel
    Vai subir
    O Cristo pro céu
    Vai subir
    A chama do mal
    Vai cair
    Estrela do céu
    Vai cair
    A noite no mar
    Vai cair
    O nível do gás
    Vai cair
    A cinza no chão
    Vai cair
    Juízo final
    Vai cair
    Os dentes de Jó
    Vai cair
    O preço do caos
    Vai cair
    Peteca no chão
    Vai sair
    O sol outra vez
    Vai sair
    Um filho pra luz
    Vai sair
    Da cara o terror
    Vai sair
    O expresso 22
    Vai sair
    A máscara azul
    Vai sair
    O verde do mar
    Vai sair
    Um novo gibi
    Vai sair
    Da cara o suor
    Vai subir
    Cachorro urubu
    Vai subir
    O elevador
    Vai subir
    O preço do horror

  • Lepo Lepo diz: 11 de março de 2014

    Imaginem só se este senador (desdentado e falando fofo) fosse do PT… Seria cravado na alma pela RBS…

  • Ari Quadros diz: 12 de março de 2014

    O seu texto está excelente, jornalista Rosane de Oliveira. Quanto a cobranças que serão feitas a Germano Rigotto, caso ele venha a ser candidato ao Senado, pelo fato de ele estar recebendo pensão vitalícia de ex-governador, evidentemente que isso irá ocorrer. Eu mesmo as farei, bem como farei em relação a qualquer outro candidato que não tenha o mínimo constrangimento de viver “mamando” nos cofres públicos. Na verdade, se quisermos mesmo construir uma grande nação, tirarmos o nosso país do colossal atraso em que vive, a primeira coisa que se tem a fazer é acabar com esses privilégios e mordomias dos políticos. Enquanto isso não acabar, nada muda.

  • FLAVIO FAGUNDES DA SILVEIRA diz: 12 de março de 2014

    Nossa!!! como tem gente defendendo o Pedro Simon, vitalício do senado, o Brasil não tem mais moral e ética, tudo é possível e tem quem defenda.

  • nelico diz: 12 de março de 2014

    JONAS: você foi muito feliz na colocação.A verdade é que a maioria dos senadores,Simon incluído,não são patriotas…são políticos….Na pior acepção da palavra!!!!!

  • Luis Maia diz: 13 de março de 2014

    A matéria de Zero Hora informa outras pessoas. Emília, Fogaça, Zambiasi, Chiarelli….
    agora, vai lá se saber se o gasto foi mesmo realizado, ou é a velha triangulação de valores? E são estes políticos que votam para tirar direito dos trabalhadores como a Reforma da Previdência. O Senado não tem sentido mais. Deve ser extinto. Somente a Câmara de Deputados.

  • Ricardo Nascimento diz: 20 de março de 2014

    Pedro Simon foi Governador, Ministro, Senador a quase 40 anos e ganhando um salário mensal que grande parte da população não ganha em um ano de trabalho.

    Sinceramente, nesses anos todos o dileto Senador não conseguiu guardar essa quantia para pagar do seu bolso o referido tratamento?

    O benefício é “legal” mas é ético? É moral? Um Político que sempre pregou o discurso da moralidade e da ética acaba fazendo aquilo que condenou nos outros.

    Por falar nisso quantos projetos o Senador nestes anos todos apresentou? Quantas leis foram criadas a partir da sua iniciativa?

  • marcos diz: 29 de outubro de 2014

    esses sãos politicos bão só mamando

Envie seu Comentário