Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Sugerir a renúncia é deselegância de FH

29 de outubro de 2015 20

Por ter sido alvo da deselegância de petistas como Tarso Genro, que sugeriram sua renúncia no início do segundo mandato, porque o governo ia mal, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso deveria ser mais respeitoso com a presidente Dilma Rousseff. Sugerir que ela renuncie “como um ato de grandeza” é, no mínimo, uma inconveniência retórica. FHC já havia escrito isso no Facebook, mas a sua sugestão ganhou outra dimensão ao ser dita no programa Roda Viva, da TV Cultura.
Será que FHC considera mesmo um ato de grandeza a presidente renunciar para entregar o poder ao vice, Michel Temer? Ou espera que Temer também renuncie para permitir a realização de novas eleições? A se julgar pelo que escreveu em seu livro de memórias, a opinião de FHC sobre Temer não era das melhores quando estava no Planalto. Mudou Temer ou mudou o ex-presidente?
É chover no molhado dizer que a renúncia é um ato unilateral de vontade. Dilma pode até renunciar, cansada de dar murro em ponta de faca, mas não há qualquer garantia de que isso resolva a crise em que o país está mergulhado.
O mesmo FHC que sugere a renúncia de Dilma diz que ela é uma mulher honrada e insinua que não pode dizer o mesmo de Lula. Então, a mulher honrada deveria jogar a toalha e deixar a vaga para homens que o próprio ex-presidente criticava por defenderem interesses menores durante seu governo? Há algo de incoerente no discurso do príncipe dos sociólogos.
No mesmo livro, resultado de um diário de seus oito anos na Presidência, FHC confessa que pensou em intervir na Petrobras depois de ser alertado pelo empresário Benjamin Steinbruch, em 1996, de que a estatal era “um escândalo”. Isso equivale a pecar por omissão, deixando a porta aberta para a roubalheira que a Lava-Jato escancarou, mas ele disse no Roda Viva que se referia a irregularidades administrativas.
Só os fanáticos pelo PT acham que o governo está bem. Não está, mas nem por isso a renúncia seria um ato de grandeza. Se Dilma entregasse os pontos, a política econômica do sucessor não seria muito diferente da do ministro Joaquim Levy. Ou alguém acha que outro no lugar dela dirá que não precisa da CPMF ou de outra fórmula para aumentar receita?

Comentários (20)

  • Milton Munaro diz: 29 de outubro de 2015

    Não defendo o Dr. FHC, que carrega o malefício da reeleição. Todavia, usar o dinheiro dos impostos, extorsivos por serem pesados demais pra realidade brasileira, exaurientes por tirarem tudo o que o assalariado tem e, mentirosos por servirem a propósitos politiqueiros; trata-se duma infâmia que transcende a deselegância de quem praticou tal insanidade via enganação adredemente premeditada, tudo pra continuar na opulência de usar os cartões corporativos, assim, poder e riqueza.

  • Eduardo diz: 29 de outubro de 2015

    Rosane,
    Entendo teu comentário, mas esquece de levar em consideração algo muito importante no processo que levou o FHC ao solicitar isso a Dilma, que é o fato de toda a corrupção escancarada no governo do PT, pelos anos do Lula e nos anos do Governo dela. Isso não seria suficiente para ela renunciar? TODOS os outros governos quando ha roubo e corrupção o chefe mandatário é o responsavel, pq com a Dilma isso não pode ser igual?

    Ele fala em renunciar, para não passar pelo desgaste do processo de impeachment que irá ocorrer de qualquer forma, fatos surgem novos TODOS OS DIAS.
    Renunciar é apenas adiantar algo que irá ocorrer inevitavelmente, e não irá ocorrer pq o FHC ou o PSDB quer, e sim por todos os erros que o PT cometeu ou deixou cometer durante os ultimos anos.

  • João Cândido diz: 29 de outubro de 2015

    Jornalista Rosane, parabéns!
    Caiu a sua ficha e viste que afinal, de elegância FHC não tem nada,
    não é ele o “príncipe” que tratavas com mais doze elogiosos adjetivos
    há a alguns meses. Falta dizer que a “crise” que vivemos é em boa
    parte socavada por eles, os tucanos, que eles não estão nem aí para
    Brasil e sim, para seus projetos pessoais de poder, parabéns.

  • Luiz diz: 29 de outubro de 2015

    Deselegante é ver e não fazer nada com o maior escândalo de corrupção da história republicana Brasileira, confirmada nos 12 anos de desastrosa administração de Presidentes cujo plano de desenvolvimento econômico, social e industrial é de perpetuação a qualquer custo no poder. Deverias como cidadã , Brasileira e Jornalista estar indignada com tudo que está ocorrendo, a riqueza que muito de nós ajudamos a construir, ser devastada pelos ralos pela corrupção; o resto é conversa fiada que não ajudará em nada o nosso país sair da lama que está metido.

  • DANIEL BERNARDES diz: 29 de outubro de 2015

    O tal FHC que fez a sugestao e aqle mesmo que COMPROU DEPUTADOS pra aprovar a emenda da reeleicao? E aqle mesmo que QUEBROU O BRASIL tres vezes? E aqle mesmo que FOI PEGO EM UM GRAMPO aonde o interlocutor sugeria utilizar os FUNDOS DE PENSAO pra ajudar um amigo empresario? E aqle que tem uma filha que era funcionaria FANTASMA do Gab do Heraclito? E aqle que tem um filho que GASTOU 80 MILHOES pra montar uma quiosque na Feira de Hannover? E aqle mesmo que REALIZOU A PRIVATARIA? Entao ele, o tal FHC, tem toda a legitimidade pra pedir renuncia. Mas a renuncia do Sindico do predio aonde ele mora. E so!

  • FRODRIGUES diz: 29 de outubro de 2015

    É? E ISSO:
    “Lula disse que renúncia de FHC seria grandeza
    Em agosto de 1999, quando o então presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) via sua popularidade cair em meio a uma grave crise econômica, o principal líder da oposição defendeu sua renúncia usando termos parecidos com os que o tucano adotou agora para criticar Dilma Rousseff. “Renúncia é um gesto de grandeza e FHC não tem essa grandeza”, disse o petista Luiz Inácio Lula da Silva, que fora derrotado pelo tucano na eleição de 1998″

  • VITOR ILO HERZOG diz: 29 de outubro de 2015

    ALÉM DE DESELEGANTE SIGNIFICA DESESPERO DA TURMA DO PSDB Q NÃO SE CONFORMA ATÉ HOJE COM A DERROTA. AINDA SE DIZEM DEMOCRATAS. SE AS FORÇAS ARMADAS AINDA FOSSEM ATIVAS POLITICAMENTE ESTE PESSOAL JÁ ESTARIA UNIDO P/ IM NOVO GOLPE. OR NOT ???

  • Éder diz: 29 de outubro de 2015

    Esse aí, foi um dos maiores entregadores do patrimônio nacional aos estrangeiros. Escândalos e mais escândalos de corrupção, todos abafados, como é o caso de São Paulo, com um judiciário conivente. FHC, és um imoral, um destruidor de empresas publicas, cale-se.

  • Alberto diz: 29 de outubro de 2015

    Este assunto não passa de uma ‘abobrinha’ para desviar a atenção de um Brasil que está afundando onde a cada dia que passa surgem novas denúncias de corrupção, saldos negativos nas contas, desrespeito ao dinheiro dos contribuintes, desemprego e criminalidade aumentando, políticos impunes e tanto no RS quanto em Brasília a única solução passou a ser aumentos de ICMS, CPMF enquanto as gastanças e desvios seguem rolando. FHC faz teses e teorias mas sugestões para o país sair do atoleiro não vi nenhuma e, assim como Lula, são discursos vazios.

  • Sergio diz: 29 de outubro de 2015

    FHC não tem a menor moral para pedir renuncia de Dilma.
    Muito antes ele próprio deveria ter renunciado quando ficou comprovado que seu 2º mandato era ilegal,pois foi comprado com propina paga a deputados para aprovar a Emenda de sua releição.
    FHC governou 8 anos se escondendo na sombra amiga da mídia e da Justiça que sempre o acobertaram, como foi na Emenda de Reeleição,no caso Furnas,na Privataria Tucana,no mensalão do PSDB e assim teria no minimo mais 100 casos de corrupção do seu governo,varridos para debaixo do tapete com a conivencia da justiça e da midia suas eternas parceiras.

    FHC para cobrir os rombos do seu governo,corria para o Estados Unidos e pedia 30 bilhões emprestados ao FMI,e depois jogava a conta nas costas do povo em forma de achatamento salarial e desemprego que no seu trágico governo era maior que hoje,mas tudo era encoberto com um constrangedor silencio,O SILÊNCIO DOS CULPADOS.
    Nos 8 anos de FHC/PSDB/DEM/PPS,O ABAFA E A IMPUNIDADE ANDARAM DE MÃOS DADAS E AS ALGEMAS NUNCA EXISTIRAM PARA OS CORRUPTOS DOS EU PATÉTICO GOVERNO

  • Pagador de Impostos diz: 29 de outubro de 2015

    É verdade. FHC não foi elegante. Também assisti ao Roda Viva e vi que nem as meias combinavam com os sapatos. Por isso eu defendo e faço campanha pela Manuela D’ávila, pela socialização da elegância! Que venha o Plano Louis Vuitton!!!

  • Alberto diz: 29 de outubro de 2015

    Comentários raivosos dos Lulistas que acham que uns roubam mais que outros dá para ter uma idéia do futuro político do Brasil. Bando de alienados!

  • Francisco diz: 30 de outubro de 2015

    É, prezada Rosane…………….., o “Efeito Orloff” é devastador e vingativo………………, jamais qualquer oposição foi elegante; o Fernando Henrique Cardoso está “na dele”, aproveitando o momento, ………..são os “tratados” da Política………onde não existem amizades ou solidariedade , mas apenas interesses!

    A Dilma , já deve ter tomado a sua decisão…………., talvez apenas a sua família saiba do seu segredo, o que ela faz muito bem, já que ao seu redor não existe confiança nenhuma em seus “correligionários” mais próximos………..Vamos aguardar os próximos movimentos deste “jogo de xadrez”.
    Alguém do seu “staff”, deveria alertá-la para controlar a sua voz ao microfone, nas sua intervenções.
    A sua voz altera o volume da televisão,……….. cada vez que ela fala, tenho que baixar o volume e depois moderar novamente.

    O Michel Temer, está convenientemente afastado, talvez se resguardando para assumir e cumprir, “novas tarefas”!

    Enquanto isso, vemos um desgastado e constrangido Ministro Levy, defendendo a criação da CPMF e outros Impostos, sem respaldo algum, nem do PT, nem dos Partidos da Oposição.
    O que será que o Levy ainda está fazendo no Ministério da Fazenda,……… precisa tanto assim do apego ao cargo?

    Não há muito o que falar neste ano totalmente perdido de 2015………dizem que em 2016 vamos sentir saudades do ano anterior…………quem sabe no que se transformará esta anarquia Política, Administrativa , Econômica e Financeira , que virou o Estado Brasileiro.

    Bom, o final do Ano está aí, Natal……….tempo de confraternização familiar………., procurando cuidar da Saúde, não beber em excesso, não comer Carne Vermelha e Embutidos, que provocam câncer sim, conforme a Organizaçao Mundial da Saúde, que não evoca alertas em vão.

    Nâo fumar, é questão básica para a sobrevivência.

    Espera-se um combate sem tréguas da Industria de Carnes e Embutidos, interessados somente no lucro, visando desacreditar a OMS, o que não será nenhuma novidade.
    É escolher quem possui maior credibilidade…………………….!

    Além de cuidar da saúde, com a retirada total de consumo , pelas famílias, de embutidos e carne vermelha……………haverá uma economia brutal nos orçamentos individuais.

    Vem aí ´Natal e férias………..e c o n o m i z e m, não gastem …..controlem Cartão de Crédito e não usem o Cheque Especial………..a sua satisfação virá em 2016, quando a enxurrada de contas chegarem na sua Caixa de Correio e a economia Brasileira continuar despencando.

    Aliás, procurem abastecer o tanque de combustível de seu automóvel, com Etanol, que é mais barato e, também, mais puro!

    Para enfatizar, não gastem,…….. economizem e invistam, no mínimo , 10% do seu salário líquido,mensalmente.
    Não dêem ouvidos a quem os chamar de “pão duro”, os próximos anos serão muito difíceis e, o diferencial, será dos que se prepararam.

  • otimista gaudério diz: 30 de outubro de 2015

    Ontem assisti ao programa do PCdoB. O Aldo “devagar quase parando” Rebelo, O Orlando “tapioca com cartão corporativo” Silva, a Jandira Feghali, a Vanessa Grazziotin, bah, o sumo dos “trabalhadores” do Brasil. Após, no programa do Mário Sérgio Conti, novamente a Jandira. Ela declarou que tem 22 anos de vida parlamentar e que é médica. VINTE E DOIS anos sem trabalhar. E só no agito. Imagina se perder as próximas eleições e precisar trabalhar em um “postinho” de saúde, com o salário inerente. Sem ganhar o que nós pagamos para o governo dos Castro. São esses os “trabalhadores” que comandam o Brasil…

  • João M. diz: 31 de outubro de 2015

    O “príncipe dos sociólogos” tucanos criou o Plano Real e controlou a inflação. Mérito seu! Mas também comprou votos para sua reeleição. Em seus 8 anos de governo, não construiu 1 sala de aula, não pavimentou nem construiu 1 km de rodovias, nenhuma usina hidrelétrica, não gerou empregos, não construiu nenhum hospital. Tem cacife para toda essa pose ?

  • Araujo diz: 31 de outubro de 2015

    O que tem que ser feito é uma reforma politica e estrutural, mas a presidente não tem o respaldo nem do seu próprio partido, e um Congresso que está preocupado somente com interesses pessoais e partidário, aí fica difícil, uma constituinte talvez seja a saída, Onde vamos parar não sei, já tem Gal. sendo destituído, segundo pequena nota da imprensa por emitir opinião sobre o atual cenário nacional.

  • Rogério Maestri diz: 31 de outubro de 2015

    Cara Rosane.
    .
    Parabéns pela elegância do texto, mostra que além de uma jornalista que, na medida do possível, procura se manter o mais equidistante possível de posições partidárias (políticas tens, e mantém coerente com a tua linha editorial) tens sensibilidade de ver ao ponto que chegam determinadas personagens políticas que nesta altura da vida deveriam ser conciliadoras e elegantes como sói a um ex-Presidente da República.
    Até o General Figueiredo, que era truculento e gostava mais de cheiro de cavalo do que do povo, ao sair do governo disse claramente.
    “Esqueçam de mim.”
    Porém, determinadas personalidades vaidosas, que a cada pronunciamento torna o seu nome mais distante do que se chama POLÍTICA em caixa alta, se alia a outras personagens obscuras da política brasileira, que numa clara posição misógina, se divertem a criticar a atual Presidente quando ela erra ou quando ela acerta.
    Um grande abraço.

  • Augusto diz: 1 de novembro de 2015

    Querida jornalista

    Sob a ótica do meu umbigo, no centro da minha barriga imensa e bem nutrida, dentro do meu carro importado blindado com película, chegando agora de madrugada na minha cobertura aqui na Bela Vista e preocupado apenas com minha próxima viagem, também acho uma falta de educação e deselegância FHC pedir a renúncia de Dilma.

    Agora, pra menina que me abordou na sinaleira da Nilo com praça da Encol, me parece questão de sobrevivência, embora ela não saiba disto. Nós Rosane, que vivemos em belos bairros, em frente a belas praças sabemos que a crise econômica é causada essencialmente pela desconfiança da população na administração pública, baseado em FATOS que não são desmentidos pelo PT.

    Agora, se queres que eu fique ainda mais “recheado” das verdinhas, vai lá e defende esta senhora que se autodenomina presidenta. A cada disparada do dólar calculo quantos milhões ganhei a mais. Resultado de trabalho suadinho e legal por mais de 50 anos de labuta, não mal havidos como os do ex-presidente e seus asseclas. Vai lá e defende tuas teses jurídicas e detalhes processuais, ganha tempo para esta inepta governante e seus partidos corruptos terminarem o mandato. O meu umbigo te agradece.

    Podes me chamar de qualquer coisa. Alguns dos seus leitores também. Boçal, petulante, exibicionista, arrogante, elite branca ou outros adjetivos menos “elegantes”. Não me atingem, até porque sei o que sou e o que não sou, de onde vim e o que trabalhei para chegar aqui. Todo milionário é ou fica assim e não sou exceção. Mas nunca poderão me chamar de ladrão, desonesto e corrupto, porque sei como amealhei minha fortuna sem nunca ter precisado usar das artimanhas petistas.

    Agora, se você tem alguma comiseração, compaixão pela dor e sofrimentos desta menina e milhares de outros que perambulam pais afora, talvez pudesse ajudar a realizar o que 90% da população deseja: fora PT, convocação de novas eleições antes que esta pedinte morra de fome, atropelada ou se prostitua.

    Para teu conhecimento, pago centenas de milhares de reais por mês em impostos e contribuo com milhares de reais a entidades assistenciais de crianças carentes.

    E me sinto completamente à vontade em dizer que o governo Dilma está me deixando tão rico como jamais imaginei graças a sua incompetência. Mas te confesso que isto não me dá mais nenhum prazer. Gostaria apenas que tivéssemos uma vida de normalidade e que meus netos pudessem ir caminhando para a escola, sem seguranças e carros especiais.

    Abraços

  • Angelo Frizzo diz: 2 de novembro de 2015

    O tal Augusto esse, que se diz milionário honesto(é possível?) bem que poderia mostrar mais conhecimento e menos macaquice de globidiota. Se ele viaja tanto, poderia aproveitar para se informar mais nos Países que visita. Mas ele representa nossa “zélite”financeira que não produz nada, não ajuda nada , não pensa nada. Só vive de “rendas” produzida na maioria das vezes por agiotagem, como os bancos, que só aqui é permitida.
    Ainda bem que no PT e em todos Partidos Socialistas/Comunistas do MUNDO, a grande maioria dos militantes é de Intelectuais, Especialistas e Cientistas reconhecidos, Pensadores, a outros Homens de Alto Nível.
    Como diz o ditado: Todo intelectual e socialista, as exceções confirmam a regra.
    Por isso é fácil perceber que nossa “grande” imprensa NÃO tem nenhum reconhecido especialista em qualquer área. Só contratados para repetir “velhas lições”.
    Então, o Povo Brasileiro tem sorte em não ter no Governo gente como esse
    anti patriota que odeia Pobres e Brasileiros em geral.

  • Paulo Paciência diz: 3 de novembro de 2015

    Rosane
    Como todo jornalista, pegastes a frase sozinha, fora de contexto.
    A renúncia – gesto de grandeza apregoado pelo FHC – seria um ato último para que se buscasse no nosso VALOROSO CONGRESSO NACIONAL uma repactuação geral em prol das REFORMAS INDISPENSÁVEIS PARA O BRASIL.
    Ou seja, PARA DESATAR O NÓ CRIADO PELO FIM DAS ENXURRADAS DE PROPINAS NO CONGRESSO NACIONAL (por causa da Lava-Jato), Dilma faria um gesto para “matar os monstros” que ela própria e o PT criaram no Legislativo Nacional, buscando um novo modelo de Democracia Representativa no país.
    Não trata-se de derrubar o Poder Executivo e sim o modelo TOMA LÁ DA CÁ, que simplesmente fracassou – pois a Lava-Jato acabou o oba oba de propinas em Brasília.

Envie seu Comentário