Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Evite problemas: as senhas da internet são tuas. Ela não precisa saber de tudo

17 de agosto de 2011 82

Foto: sxc.hu

A internet pode ser uma praga quando sua mulher “entende” que X na realidade é Y e que focinho de porco deve ser uma tomada. Não tenho nada contra que a companheira saiba senhas bancárias, de e-mail, redes sociais. Mas você, samba-cancioneiro, tem de saber avaliar uma coisinha: até que ponto o ciúme dela é doentio. A regra seria não dar chance para o azar. Você acredita que ela vai ficar vasculhando mensagens enviadas, recebidas, tentando recuperar e-mails deletados, faça sigilo da senha de todos, eu disse todos, seus nomes de tela.

E aqui não estamos falando de homem cachorro, pegador. Estamos falando de ciúme doentio. Vocês mesmo vivem falando nos comentários que quando se quer, se faz. Logo, o foco não é a (possível) traição, mas a incomodação. Não há nada pior que uma mulher (e homem também, claro) que fique o tempo todo mexendo em tuas mensagens, celular, carteira, bolso. Mesmo que nunca se tenha dado motivo para suspeitar do parceiro, ela (ele) fica ali, futricando, instigando, questionando. Sem contar o fato do abuso do companheirismo e a total perda de privacidade da relação. Um exemplo pessoal: não mexo na bolsa de minha parceira nem mesmo que ela permita. Por quê? Simples: é dela.

Como explicar que teu amigo te mandou um e-mail com um Power Point de mulheres peladas? Um vídeo picante? Alguma história que ela não deveria saber? Um endereço escrito a esmo em um papel e posto no bolso? Mais uma vez: não estamos falando de traição. Estamos falando de privacidade. E aí está a questão: não temos de explicar o e-mail, o vídeo, a história, o endereço. Por quê? Porque é algo particular. Algo privado. Algo que nós queremos guardar única e exclusivamente conosco. É possível pensar em privacidade sem achar que temos casos e pensamentos obcenos todo o tempo? Não? Então vai se tratar, amiga. Porque estes relacionamentos em que não há privacidade e o ciúme é doentio estão fadados ao fracasso. O amor pode (e deve) durar anos. A encheção de saco, minutos, segundos.

Comentários (82)

  • NINA diz: 17 de agosto de 2011

    Eu com certeza mexeria se tivesse a senha. não sei bem se é ciúme, mas a oportunidade né.? deixe bem longe as dicas, mulher quando quer entra até no teu cérebro. e depois fica torrando tua paciência, eu sei eu sou assim. hehehehe
    bjs amo essa coluna… mesmo quando os posts são tri machistas, pelo menos a gente fica sabendo o que se passa nessas cabeças.

  • Natalia diz: 17 de agosto de 2011

    Me desculpe discordar deste texto mas essa mania de futricar nas coisas alheias não é unica e exclusiva de mulheres. Conheço diversos homens,amigos, que adoram dar aquela espiadinha na bolsa ou no celular da companheira. A unica vez a qual me atrevi a olhar um historico do msn de meu namorado acabei por me decepcionar profundamente,pois ele teve uma conversa bem picante com uma garota que ele amava antes de começar comigo. por isso que depois deste lamentavel espisodio decidi nunca mais se quer pegar o celular dele na mão. Porem tambem não permito que mexam em minhas coisas..Pois se assim como tive uma decepção quem sabe ele possa ter uma também..

  • rodervan diz: 17 de agosto de 2011

    Johnny Saint-Claire e demais amigos, o que vc diria de um cara que escreve mensagens obcenas e “trai” virtualmente mas nunca pessoalmente a mulher e ela entra em seus e-mails e sites e encontra isso. Ambos estão errados ao meu ver, mas o que vcs têm a dizer sobre isso?

  • Carol diz: 17 de agosto de 2011

    Coisas pessoais são coisas pessoais e ponto final. E-mail, msn, celular, bolsa, mochila, estão fora do alcance… O que a pessoa vai encontrar (mensagem de ex ou o escambal) é outra questão a ser discutida separadamente, porém a invasão, na minha opinião, é o ato mais covarde em um relacionamento. Tu não apenas atesta que não é capaz de confiar na pessoa como ainda agride entrando num território onde sequer foi convidado … E uma vez perdida a confiança, lamento…!!

  • Bianca diz: 17 de agosto de 2011

    Ao meu ver, impera a velha máxima do ‘quem nao deve nao teme!’. Qual o problema em revelar a senha a companheira(o), ta certo que se esta(e) for um ciumento doentio pode-se repensar em revelar, mas de qualquer forma toda e qualquer pessoa que se diga apaixonada, esta sempre buscando algo para ter segurança (ou não) em seu parceiro. No momento que um mera senha de pagina virtual vira algo tão importante que nao pode ser partilhada, com certeza algo deve estar errado! Afinal hoje é tao facil se envolver pelas redes e quem ama teme por natureza.

    P.S.: Ja cheguei a pedir a senha de um namorado só para ver o que ele faria, pois JAMAIS acessaria sua pagina sem a presença dele!

  • Sheila diz: 17 de agosto de 2011

    Concordo com o post.
    Eu nunca fui muito ciumenta. Sei a senha do e-mail do meu namorado e poderia “investigar” o celular dele quase todo final de semana… mas não faço. O que me interessa??? A vida é dele!

    Já ele é SUPER ciumento. Jamais daria a senha do meu e-mail pra ele. Sou obrigada a deletar mensagens que recebo de amigos pq até isso é motivo de desconfiança por parte dele. Por isso…. fiz um e-mail que ele nem desconfia que existe… assim posso ter minha vida virtual sem me preocupar com ele. É f*da um ciumento em cima da gente!!!

    Bjus

  • Vítor Hugo diz: 17 de agosto de 2011

    Meu e-mail só tem coisas de trabalho e putaria, logo, se a minha mulher pedir a senha tranquilo..terá a senha. Não tenho amante e nem amiguinhas que eu queira passar a vara mais tarde. Agora, aos imbecis que tem amante e possuem uma mulher ciumenta, usem a cabeça pelo menos. Criem uma outra conta exclusiva de e-mail para se corresponder com a amante ou amiguinhas e passe a sua senha do e-mail oficial para a esposa/namorada…ela vai entrar umas duas ou três vezes, vai ver que não tem nada e vai te largar de mão. Agora, para que tudo isso funcione é preciso, primeiro a amante ser de confiança e de preferência não saber seu e-mail oficial e segundo, limpar todos os históricos de navegação do e-mail da amante. Pronto..ai é só curtir a oficial e a amante numa boa. …mas não esquecer do principal detalhe..tanto a amante quanto a principal são mulheres….então na real só mudam de endereço..se cuidem….hahahaha…Vítor

  • luma diz: 17 de agosto de 2011

    ótimo assunto…eu particularmente não costumo fuçar no email (e sei a senha),no cel entao nem pensar…qdo vejo ele abrindo sua caixa d mensagem costumo sair d perto! Não m sinto a vontade d bisbilhotar nem curiosidade! do mesmo jeito sou respeitada!
    Se for p ele m trocar q faça essa escolha! não sou eu q vou impedir! prefiro q nao fique comigo sem q tenha amor d verdade!

  • Moa diz: 17 de agosto de 2011

    Voçê quer acabar com seu relacionamento e sua vida, dê a senha,,,,Não vale chorar depois. kkkkkkkkkkk,uiuiuiuiuiuiui.

  • Zé diz: 17 de agosto de 2011

    Bom, meu relacionamento acabou por isso, pois ela chegou a ponto de pedir pra alguem ligar na operadora do meu celular, pra pegar a conta detalhada, eu mal chegava em casa, ela pedia o meu celular, ela olhava todo dia, meus e-mails, olhava as redes sociais das pessoas que trabalhavam comigo, até que não teve mais jeito, pois eu pensava várias vezes antes de eu ligar pra alguem, pq eu sei que ela viria com muitas perguntas de pq liguei pra essa pessoa, independente que fosse homem ou mulher…

  • luma diz: 17 de agosto de 2011

    Zé…parabéns por ter se livrado dela! kkkkkk

  • Sheila diz: 17 de agosto de 2011

    Olá Vítor,
    concordo com você. A melhor solução pra quem não quer se incomodar é usar um e-mail desconhecido pelo(a) namorado(a). Usa um “oficial” com as coisas que podem ser vistas e um “extra-oficial” para aquilo que não quer que ele(a) veja.
    Mas, tem que tomar muito cuidado pra não deixar rastro. Tem que fazer o negócio muito bem feito pra não estourar cedo ou tarde. Por que aí sim o rolo seria grande!!!!!!

    Mas, de qualquer forma, acho um cúmulo ter que dar a senha para meu namorado, mesmo sendo de um e-mail “oficial”. Ele nunca pediu, mas se pedisse eu não daria. Ou confia ou não confia… não tem meio termo!

  • Noel diz: 17 de agosto de 2011

    Minha mulher olha sempre as mensagens do celular escondida e eu nunca olho o dela, acho uma tremenda falta de respeito e geralmente da merda pois qualquer telefone da dentista já acha q é uma piranha qualquer, é um saco, senha de E-mail nem Fude@&*, se ela olha-se ia ter briga feia. O q os olhos não vêem e lêem o coração não senti.

    Abraço a todos

  • Kathy diz: 17 de agosto de 2011

    Meu namorado tem a mesma mania: “Eu não mexo na tua bolsa, ela é tua.”
    E imagina, se quando eu peço ele já não acha nada…

    E agora que me dei conta: eu tenho as senhas de e-mail e redes sociais dele e não acesso…

    Acho que é ponto pra mim???

  • Nilton diz: 17 de agosto de 2011

    Vitor e Sheila sabem do que falam hehehehehe.
    Com certeza traem seus companheiros hehehe

    abraços

  • Fabi diz: 17 de agosto de 2011

    Já fui muito ciumenta desse tipo que vasculha as coisas do namorado, mas eu percebi que isso estava se tornando doentio e eu mesma pedi para ele mudar de senha. Sabia que se não mudasse mais cedo ou mais tarde minha relação chegaria ao fim.

  • Sheila diz: 17 de agosto de 2011

    Nilton…
    meu namorado é MUITO ciumento. Desconfia de tudo e de todos (amigos, colegas de aula, colegas de trabalho, etc).

    Nunca foi grosso, estúpido ou agressivo comigo por causa de ciúme, mas consegue criar caso e deixar um clima desagradável por qualquer coisa: ter mandado (ou recebido) uma mensagem por celular pra algum cara, (ainda que seja algo como: “já chegou na facul?” pq tínhamos marcado de fazer um trabalho em equipe), e-mail de colegas marcando reunião (ainda que seja de estudos), sair pra beber com amigos, academia,…. qualquer coisa que envolva algum homem, seja ele quem for.

    Aí, ter uma alternativa para fugir desse tipo de situação é uma forma de evitar desentendimentos inúteis e desnecessários.

  • Rolim diz: 17 de agosto de 2011

    Boa tarde

    Presume-se que numa relação madura a confiança seja a base, portando, essa de ficar fuçando em celular, e-mails é paranóia e insegurança. Vai chegar um momento na relação que conversar com amigos vai se tornar motivo de desconfiança e sempre existirá alguém para dizer que amizades com sexo oposto não existe é relação ai, melhor mesmo é ficar sozinho(a). A plena liberdade individual, respeitando a relação, serve para os dois.

    Abraços

  • Amanda diz: 17 de agosto de 2011

    Das duas uma: ou confia ou termina!
    Se pra pessoa ter confiança em mim é preciso que tenha as minhas senhas, desculpe meu bem, mas com certeza o relacionamento não seguirá por mt tempo.
    MEU e-mail, logo, MINHA senha. Da mesma maneira que não passo a minha senha pra pessoa, tbm não peço. Mesmo que havendo o namoro/casamento, ainda assim há a NECESSIDADE de se manter a privacidade de ambos, não é?

  • Franco diz: 17 de agosto de 2011

    Onde existe amor e principalmente fidelidade não existe email “extra-oficial” e sim somente “oficial”; isto é a prova da falta de confiança; um relacionamento aberto, puro e sadio requer no mínimo franqueza nos mínimos detalhes.

  • Marcos Antonio diz: 17 de agosto de 2011

    Eu dei a senha do meu email para minha namorada, mas logo após um mês eu a reformulei para uma senha inquebrável… Ela nunca voltou para perguntar qual era a nova senha. Isso é um bom pega ratão para saber se tem alguém vasculhando sua vida.

  • PAULO ALEXANDRE diz: 17 de agosto de 2011

    Nossa..hoje podemos ter vários emails, msn(s), orkut(s), facebook(s)…
    Ter senha de 1 email que se diz oficial não quer dizer absolutamente NADA.
    Minha esposa tem acesso a todos emails e senhas que possuo.
    Sem estresse.
    Se quiser farra..basta usar emails secundários…
    Vocês já se tocaram que ter mais emails, ou outras contas de contatos é igual antigamente(meu tempo, afinal tenho quase 50 anos…rsrsrsrs) quando se tinha várias caixas postais de correio?
    A única coisa que mudou foi a tecnologia.
    A sem vergonhice continua a mesma…rsrsrsrs

  • ana navy diz: 17 de agosto de 2011

    Eu olho tudo!Tudo mesmo!Sou super ciumenta,vasculho cada detalhe…
    Acontece que meu maridinho nao sabe de nada disso…e nem vai saber…
    Mas eu sei que ELE entra nos meus perfis!
    Se ele troca a senha,eu descubro…de qualquer jeito…e sabem por que?Nenhuma mulher gosta de fazer papel de palhaca,de tapada.
    Basta descobrir algo para evitarmos humilhacao pior…simples assim!
    E eu nao faco tempestade em copo d’agua…afinal”quem nao deve,nao teme”!

  • Gaudério diz: 17 de agosto de 2011

    Sou da opinião de que se o cara trai a parceira então pq casou?…outra confiança jamais pode ser abalada ou questionada, quem confia não faz o que diz no post, agora sabemos que quando pinta a dúvida hehehe é a mesma coisa que ficar balançando um pedaço de carne na frente de algum animal…ele vai a todo custo querer esse pedaço de carne…ai a casa cai…hahaha

  • Rosana Peres diz: 17 de agosto de 2011

    Um relacionamento não ti dá o direito de invadir a privacidade de outra pessoa mesmo que essa pessoa seja namorado, marido…ninguem é dono da individualidade de ninguém e se engana muito quem acredita que invadindo a vida do outro vai segura-lo ao seu lado. Eu não procuro, não quero saber de senha…nada…e jamais aceitaria que fizesse isso comigo. Já terminei um relacionamento no início por causa disso. O mal se corta pela raíz. Eu me garanto…é só deixar ele bem satisfeito, dar um cansaço mesmo que não sobra pra outra.

  • Clara Strougheith diz: 17 de agosto de 2011

    Sei não…Acho que vcs ou apenas vc que mantem este blog sobre o relacionamento homem/mulher é um solitário com a bundinha cheia de brotoejas de tanto ficar sentado digitando, digitando, digitando. Vc, em matéria de mulher, é um analfabeto funcional. Um aléxico! Um tadinho…Mulher que é mulher – isto é, culta; bem-nascida; viajada; trilingue, pelo menos; próspera; independente; bonita e gostosa; cheirosinha e toda dengosa – que o resto são apenas mulheres biológicas – nunca pedem nada ao seu homem da hora – mandam ou tiram. Manobram seu homem, como manobram seu Audi e pronto! Acho q vc só teve, mesmo, mulheres tipo Cidade Baixa, tipo Padre Chagas, tipo matutinhas de nariz comprido e madeixas escorridas. As que curtem ciúmes, tapefes e gritos. Sei, não! Eu nada tenho com a sua vida, nem nenhum interesse nela ou em vc, mas – como sou uma pessoa que quero o melhor para qualquer um – espero que vc, um dia, tenha uma mulher de verdade. Aí vc saberá o que é ser homem de fato! Por agora, vc é apenas um cuecas comendo bananas.

  • André diz: 17 de agosto de 2011

    Na boa, minha esposa poderia acessar meus mails, já passei a senha pra ela, já deixei e-mail aberto. Se quiser pode olhar o telefone também, eu não devo nada. Mas isso tem um motivo: ela merece. Se ela fosse paranóica, ficasse olhando toda hora, perguntando isso ou aquilo, não ia ter acesso. Acho que confiança é uma coisa que se conquista, não dá pra começar um relacionamento e já querer fuxicar. Hoje até dá pra ir mais longe. Se ela tem os encontros com o pessoal dela, legal, é bom pra espairecer, se divertir um pouco. Da mesma forma comigo, saio com meus amigos tb. A qustão é quando se tem confiança, posso deitar no travesseiro tranquilo.

  • Milene diz: 17 de agosto de 2011

    Concordo com o Vitor, basta ter 2 emails, um para ela ver e outro para se corresponder com a amante..mas o fato é que o homem não consegue ter 2 mulheres por muito tempo, eles se enrolam nas próprias mentiras, não tem competência para tal..já as mulheres…haha…dá pra passar anos curtindo o oficial e o amante que nenhum dos dois descobre! FICADICA!

  • Vítor Hugo diz: 17 de agosto de 2011

    Direito de resposta pois foi citado!
    Nilton, te cuida pois pode ser com a tua mulher que ando saindo. Já que tu disse que eu traio a minha esposa. Pede a senha pra ela e dá uma olhadinha. Vítor Hugo.

  • Tatiane F. diz: 17 de agosto de 2011

    Vou contar a minha experiência nada boa em “fuçar” nas coisas alheias…não tenho ciumes pelo menos não o doentio. Mas há uns meses atras (vale lembrar que eu nunca havia feito isso antes), o celular do meu namorado estava la dando sopa…aí pensei, peguei, larguei, peguei novamente…e resolvi ler as mensagens (…) o meu coração disparou no peito de raiva, minhas pernas ficaram bambas, e as tais mensagens era de uma “amiga” que ele julgava como “irmã”, marcando um encontro, um flerte total de ambos.
    Então eu digo, se é pra fazer faça bem feito e não deixe pistas.
    Eu concordo que ninguém tem que dar senha de nada, senha é algo muito pessoal…mas francamente, o celular estava lá, foi mais forte que eu, vi o que não queria ver, sofri, fiquei com raiva. Mas sei que não é legal fazer isso, tbm não ia gostar que mexessem nas minhas coisas.
    Mas tirando as ciumentas enlouquecidas, mulheres tem sim um sexto sentido muito aguçado, já tive varias oportunidades de mexer no celular dele e nunca havia feito antes.
    Só acho que se vc quer ficar e curtir com outras (os), não faça quem esta ao seu lado de bobo, pq ninguém merece.

  • Rolim diz: 17 de agosto de 2011

    Caramba Johnny, deixou desafetas por ai …..rsrsrsrsrs

  • Mariah diz: 17 de agosto de 2011

    Quem procura acha!!! sempre.

  • any diz: 17 de agosto de 2011

    Quem não deve não teme!!!

  • any diz: 17 de agosto de 2011

    E por favor não sejam trouxas de fornecer senha de banco pra namorados/as.
    É a coisa mais estupidamente ridícula e idiota que um ser humano pode fazer.
    Quer dar senha pro marido? Conta conjunta com a esposa? Tudo bem.
    Mas dar senhas praquele/a babaca que vc conheceu na festa 3 meses atrás é inconcebível.

  • Rafaela diz: 17 de agosto de 2011

    Primeiramente concordo com o Franco.
    Certo que cada um tem que ter a sua privacidade…mas e cade a cumplicidade?
    Nunca tive problemas em deixar senhas com meu namorado, sempre fiz questão pra mostrar que quem não deve não teme, ao contrário dele que nunca deixou eu saber.
    O sigilo era tanto, q um certo dia resolvi vasculhar, algo me dizia que estava escondendo alguma coisa.
    Encontrei tanto podre, que me deu nojo: marcando almoço com ex, bate-papo em site de namoros, o chop que eu sempre liberei numa boa com os amigos era nada mais q festinhas, e por fim a traição escancarada.
    Se coloquem no meu lugar, convivendo com alguem que sempre me tratou bem, meloso, dengoso, dizendo que me amava, se relacionando super bem com minha família, poderia nunca desconfiar de nada, mas a falta de cumplicidade o entregou….e ele se ferrou…e eu tb, pq a decepção tomou conta de mim.
    E agora?
    falta de privacidade é ruim….mas falta de respeito com o companheiro (a) é beeeeem pior!

  • Nem feminista, nem machista diz: 17 de agosto de 2011

    Tá e daí??? Pq não pode ser ao contrário??? Só de ler o título deste texto já me irou…

  • Rafa diz: 17 de agosto de 2011

    Um assunto que dá o que falar… mas quando há confiança entre o casal não há senha que vá atrapalhar, eu sou da opinião que tudo tem que ser compartilhado entre os dois senão não pode-se dizer que há companheirismo…

    Franco e André concordo plenamente com vcs!

    Abraçosss

  • Patricia diz: 17 de agosto de 2011

    Infelizmente,quem procura,acha!abraço.

  • lorena diz: 17 de agosto de 2011

    Querido, perdoa a intimidade mas até publicaste um comentário meu. Mas há um engano (?) , aí……. são vcs homens que mais querem saber a senha das, esposas, namoradas , ficantes……
    homem é mais possessivo, ciumento e violento…..
    mulher faz cena , escândalo , mas fica nisto.
    senha de mulher para “BARBADO”…. quase sempre dá tragédia!
    por motivos fúteis. nada de traição de verdade.
    mulher nunca trai……vinga-se !
    bjs, lo

  • Rubi diz: 17 de agosto de 2011

    Conheço homens que a mulher tem a senha de tudo e mesmo assim eles traem a torto e a direito. Portanto, não se iludam em ter esse tipo de acesso. É uma infantilidade e invasão de privacidade como bem disse o texto.

  • Luli diz: 17 de agosto de 2011

    a questão é: quem procura acha!

  • Gitanopoa diz: 17 de agosto de 2011

    Esse post diz tudo, primeira coisa que um casal deve ter é o bom senso de que cada pessoa tem a sua privacidade, ser namorados, noivos ou casados não é motivo para invadir a privacidade do outro, o grande pecado de todos os casais é acharem que são donos um do outro, casais podem até ter coisas juntos como um orkut ou facebook desde que seja em comum acordo, mas se não for o caso, cada tenha o seu e respeite o espaço do outro. tenho namorada a 04 anos e já tivemos diversas brigas porque ela insiste em mexer no meu celular, eu tenho meu orkut, facebook , email e ela nunca saberá a senha, inclusive no meu perfil to como solteiro, primeiro porque não interessa a ninguem meu estado civil, segundo porque só adiciono amigos e conhecidos e portanto só trato de coisas de meu interesse e ela consequentemente não tem que dar pitaco e nem saber o que converso com amigos. Não confundir companheirismo com invasão de privacidade, como já foi dito por alguns, quem procura acha, se a pessoa é ciumenta do tipo doente ou paranóica vá se tratar, porque a coisa mais certa é que essa pessoa vai acabar ficando sozinha. Outra coisa, esse negócio de quem não deve não teme é pura bobagem, é desculpa para fuçar nas coisas do outro, o segredo de um relacionamento saudável é cada um respeitar o espaço do outro, e se o casal de comum acordo achar que deve liberar as senhas beleza, mas garanto em algum momento não vai dar certo e será o inicio do fim.

  • Carlos Guará diz: 17 de agosto de 2011

    EHEHEHEH. Esse blog é uma versão virtual de uma reunião dos Neuróticos Anônimos…

  • Juli diz: 17 de agosto de 2011

    Concordo com a Luli! Que procura acha!
    Cada um tem um corpo, uma vida, uma mente…nada de compartilhar senhas/facebook/orkuts da vida! Era o que faltava ter alguém bisbilhotando meus mails…tô fora! ;)
    Acho que a Luli é minha irmã! hahahah

  • Carol diz: 17 de agosto de 2011

    Eu acho absurdo compartilhar senhas, é algo pessoal, quando vc conhece uma pessoa e opta por ficar com ela é por sua individualidade, não se pode querer “roubar” essa privacidade do companheiro, se não haver confiança não tem porque ter um relacionamento!! E depois se ele quiser trair fará da mesma forma com cuidados pra não deixar rastro, a menos que queira ser descoberto, o que é outra história.
    Mas acredito, e procuro sempre manter, que antes de iniciar um relacionamento tínhamos uma vida social, que deve ser preservada tanto eu a minha quanto ele a dele. Afinal nos unimos a uma pessoa para tornar nossas vidas mais agradáveis, e não para nos privarmos do resto do mundo rsrsr (ps. Não sou machista, apenas não gosto que mexam nas minhas coisas)

  • Luli diz: 17 de agosto de 2011

    Carlos Guará: disse tudo…hahahah

    Juli: sim…sou eu…tua irmã ;-)

  • sol diz: 17 de agosto de 2011

    Há vida após o casamento.
    Não tenho porque partilhar meus emails, torpedos com ninguém… E ninguém tem que fazer isto por mim.
    Quero ter vida própria, tenho amigas, compartilho seus segredos, que elas querem contar pra mim não pro meu marido!
    E tem mais, quem quer ficar comigo e partilhar uma vida deve acreditar em mim e vice versa.
    Partilha e cumplicidade é ótimo, mas existir independentemente do outro é melhor ainda… ter amigos, ter conversa…

    A traição é mais antiga do que celular e internet…
    Gente grudenta, ou parasita(que vive apenas em função do outro) não agrada ninguém e o relacionamento esta fadado ao fracasso!

  • f diz: 17 de agosto de 2011

    Descobri o blog a um tempo atrás, depois que meu ex terminou comigo… leio sempre, mas nunca tinha comentado… os posts me ajudaram bastante, afinal, na época, ainda amava muito ele, mas acredito que com ele não era assim pois menos de um mês que terminamos ele já estava com outra.

    Bom, o que me levou a comentar aqui é que quando estavamos juntos, eu sabia as senhas dele e ele as minhas. Mas tudo uma coisa bem natural, nunca fui de bisbilhotar em nada dele, apenas o que ele me pedia (o contrário não acontecia). Terminamos, chorei, fiquei triste e um tempo passou. Eu já sabia que ele estava com outra e me bateu uma curiosidade de saber se ele tinha trocado a senha assim como eu fiz… e para minha surpresa, ele não trocou. Fiquei muito chocada. Ele estava namorando mas tinha cadastro em sites de relacionamento exclusivos para sexo. Com encontros e tudo. Foi o que me bastou para deixar de sentir qualquer coisa por ele. Ou melhor, passei a sentir nojo. Se faz com ela, provavelmente fez comigo. Depois disso nunca mais entrei. Como diz o ditado, “quem procura, acha!”

    Obrigada pelo desabafo.

    Bjus amigos cancioneiros

    f

  • ALguém diz: 17 de agosto de 2011

    Fui esta ciumenta , que sabia tudo, e hoje separada, risos,
    Descobri que aquilo que procurava encontrar nunca encontrei nem depois de separada.
    Admito sou ciumenta, mais aprendi depois de sofrer muito, que nada daquilo adiantou , nunca encontrei nada.
    Apenas descobri que eu tinha perdido eu mesma, esquecido..ou seja perdi para mim mesma.
    Hoje cuido de mim, me amo em primeiro lugar, como toca por aii 1° eu 2° eu e 3° eu , respeitar o próximo… e não perder tempo por bobagem, como olhou para a mulher do lado, falou da torta na tv, elogiou uma mulher.. enfim ele não vai agarrar ninguém se ele me amar de verdade…
    Hoje tenho vontade de sacudir as gurias na rua brigando por bobagem ou até por mim mesma, e dizer olha para você te veja e olha o cara que tu ta do lado…pensa se ele realmente vale tudo isso, rsrsrs
    Tu vai ficar velha hehehe
    Acho que o primeiro passo é buscar ajuda, e ao marido que possui essa esposa ciumenta e só sabe reclamar para os outros, aprenda a conversar, se você não conversar exlplique o quanto você fica triste com isso..

  • Daniela -Lages diz: 17 de agosto de 2011

    Olá..sabe aqulea frase “quem procura acha”, pois é! Tive um relacionamento a muito tempo atrás que um dos motivos para o termino foi a história de vasculhar o celular. Não dá certo. Tive que passar por esta situação para aprender. Sou a favor: juntos mas cada um com sua privacidade. Pode até ver meu e-mail, meu facebook, celular, desde que eu esteja junto.

  • MEL diz: 17 de agosto de 2011

    Com certeza, senhas são pessoais. Meu marido não sabe minhas senhas, meu real salário e nem quanto de dinheiro tenho no banco, na verdade eu digo que tenho 50% do que realmente tenho guardado e do que ganho por mês – meu pai que me ensinou isso. Já eu sei tudo, porque ele me fala.

  • Pequena diz: 17 de agosto de 2011

    Eu tenho as senhas dele e nem por isso fico fuçando!
    sei q quem procura acha!!!
    mas nem é tanto por isso, acho q é mais por respeito mesmo… qndo estamos juntos é ele quem digita as senhas, embora saiba q eu sei…
    acho q muito além da privacidade deve haver a cumplicidade…

  • mariana diz: 17 de agosto de 2011

    Gostei do post.
    Bom, já tive a oportunidade de olhar o celular do meu ex, o mesmo deixou os aparelhos (sim, ele tinha dois!) comigo e não olhei.
    Mas que nem diz uma amiga minha, o celular dança cam-cam na tua frente querendo que tu olhe! (adorei essa!!) hehehehe

  • Amanda diz: 17 de agosto de 2011

    Meu marido fez exatamente isso comigo…descobriu minha senha e fuçou tudo. Resultado: deletei facebook e só acesso site de notícias agora, pq ter q ficar explicando coisas q não são, não dá!
    Eu, nunca mexi em nada dele. Gosto de privacidade e respeito.

  • Cris diz: 17 de agosto de 2011

    Para mim, é uma coisa muito bizarra, muito, muito esquisita MESMO, passar ou pedir senhas de e-mail, redes sociais, etc, do namorado, marido, ficante, companheiro, o que for…. Atualmente, eu estou solteira, mas mesmo que estivesse casada e sacramentada, isso sequer seria cogitado por mim (nem pedir, nem fornecer). São coisas estritamente privativas das pessoas. Mesmo senha bancária eu já acho absurdo. Na minha opinião, quem pede a senha tem uma das duas seguintes motivações: ou é um cimumento patológico ou é porque tem uma pulga atrás da orelha, e nesse caso, eu tenho de afirmar que se a pessoa desconfia (sem ser patologia) é porque tem coisa escondida em algum lugar. Se falta confiança, é porque tem alguma coisa errada na relação. Como diz o ditado, “onde há fumaça, há fogo” … Também jamais futriquei em bolsos, carteiras, celulares, etc. Já me aconteceu de eu estar com algums caras e perceber que receberam SMS no celular (no vibracal) e eu jamais olhei, mesmo tendo oportunidade (nas ocasiões em que o celular ficou ao meu alcance, sem a presenta do fulano). Eu, pessoalmente, tenho um ciumezinho básico, posso ter meus xiliques, mas JAMAIS demonstrei para os caras com que estive. Já tive ataques xiliquentos, mas longe dos ouvidos e olhos deles, hehe .. Guardo tudo para mim ou no máximo, para umas poucas amigas. Mas pedir/dar senhas, jamais… É incomodação e tormento não só para quem dá a senha mas também para quem recebe….

  • EduZ. diz: 18 de agosto de 2011

    Olha, há algum tempo atrás eu até concordaria com este post. Hoje, ela tem a senha que quiser e se algum e-mail, foto, comentário lhe causar algum incômodo, em primeiro lugar, eu tento mostrar que é só uma brincadeira; Se nem assim adiantar, bem, ela faz terapia.
    Ciúmes é problema de quem sente, é minha regra. Não posso ser responsabilizado pela insegurança de quem imagina coisas.
    Então não tenho porque esconder nada.

  • Dany diz: 18 de agosto de 2011

    Se deixar a vista eu mexo mesmo, mas eu não pesso nenhuma senha, fico na espreita so esperando a oportunidade de fuçar algo. e ele nem percebe que sou desconfiada, e assim segue-se a vida….

  • Rafael diz: 18 de agosto de 2011

    Muito legal e pertinente esse post… minha namorada tem a senha de meu orkut por exemplo, vê meus e-mails, msn, enfim… eu na realidade não tenho nada a temer pois não a traio, mas é uma coisa interessante pensar nesse lance de dar a senha e tal, pois pode começar assim e daqui a pouco, por mais que a pessoa seja honesta e fiel, o conjugue pode se achar no direito de mandar e desmandar em sua vida por ter livre acesso a todas suas informações “privadas” e quando voce se der conta e quiser trocar sua senha simplesmente por querer preservar o respeito e privacidade e um relacionamento duradouro, pode ser tarde demais pois ela vai achar que voce tem algo a esconder. Mas convenhamos, a pessoa que trai dar seu número de celular, orkut,msn oficiais tem que se lascar mesmo, é um atestado de burrice!!!

    Abração, Ângelo.

  • Mariah diz: 18 de agosto de 2011

    O celular dançando cam-cam foi d+ kkkkkkkkkkkkkkkkkk (fui até o mundo de bob e voltei)

  • Dion diz: 18 de agosto de 2011

    Ah, vi muitos comentários, ‘se bobear eu mexo mesmo’… Nada mais incoveniente que você cansado da rotina puxada do dia-a-dia ter de dar explicações sobre o inexplicável, ou mesmo sobre o que você não tem motivo nenhum (ou talvez paciência) pra explicar. Eu perdi minha paciência com essas atitudes logo no segundo namoro. Se to namorando a garota é porque gosto dela, poxa vida. Quem sofreu um pouco mas agora foi ‘domada’ ou ao menos finge estar é minha atual namorada, que espero, se o ciúme não atrapalhar, seja a última. Desde a primeira vez que tive minha privacidade invadida eu armei um circo e bem gauchão disse: “vamo se respeitá tchê” funcionou.

  • Simone diz: 18 de agosto de 2011

    Eu sou ciumenta, e concordo com a clássica frase: quem procura acha. Pois eu tenho as senhas dele mas ele não tm as minhas, pois não quis, já as dele, ele me ofereceu e aceitei. Um dia ele pediu pra acessar um e-mail dele, pois do trabalho estava sem internet e ele estava esperando uma confirmação de compra pela internet. Acessei e vi um email de uma colega de facul, cheia de intimidade, chamando ele de lindinho e querendo saber se podiam esticar depois da aula. Aquilo me enlouqueceu. Me desatei a chorar e tremer como vara verde.. Falei com ele por telefone e só falei que precisava falar com ele pessoalmente, quando fomos almoçar, perguntei quem era a v*dia que mandava emails pra ele (vi que tinham mais 3) e ele, todo ofendido disse que era só uma colega. O que aconteceu? Sem ele saber, acesso todo dia os emails e redes sociais, pois se ele não quis abrir o jogo, tento descobrir por ali. Sei que é errado, mas acho que ele podia ter confiado em mim pra flar o que estava acontecendo..
    Logo, não sou totalmente contra essa história de partilhar senhas..

  • Buh diz: 18 de agosto de 2011

    Olha, eu acho que sou a namorada mais tranquila que existe, porque já passei por tantas com meu namorado, que se não deixasse de ser ciumenta, nem que fosse o MÍNIMO possível, e eu posso dizer que realmente era muito pouco, nós não teriamos um relacionamento saudável.
    A PRIMEIRA e última vez que mexi no celular dele, achei uma mensagem que me doeu o coração, ele me deu um desdobre que até hoje eu não consigo crer muito, mas aceitei, pois o amo, mas desde esse dia o nosso relacionamento é bem abalado.
    Nunca pedi senhas de nada dele e isso é recíproco e nem quero mais saber de nada também, porque O QUE OS OLHOS NÃO VÊEM O CORAÇÃO NÃO SENTE rsrsrsrs
    E que ele os olhos dele não vejam nada meu também!!!!!!!!!!!

  • Raphaela diz: 18 de agosto de 2011

    Ótimo post, porém isso se enquadra mais a ele do que a mim. Confesso que já fui ciumenta, fuçava no celular e tudo… depois fui me dando conta que não era necessário. Não porque eu não achava nada, porque eu já achei, mas porque se tinha algo que ele me escondia, com outras mulheres, o namoro não ia dar certo mesmo. Então eu deixei de lado. Um tempo depois aconteceu o contrário, agora é ele que mexe no meu celular toda a vez q a gente se ve, mexe na minha bolsa sem a minha permissão. Hoje eu vejo como isso é chato e incômodo. Já que falando não adianta, espero que ele mesmo se dê por conta que isso não é legal e estraga o nosso relacionamento.

    beijos…

  • Jaqueline diz: 18 de agosto de 2011

    Bom Concertezaa quem Procura Acha…eu estava namorando…e um certo dia meu namo pediu pra veh meu celular…eu estava do lado dle e dexei ele veh…mais eu sabia que nas mensagens tinha msgs do Meu ex de muito tempo atras q eu nem tinha lembrado de apaga pois fazia pouco tempo que estavamos juntos…aii ele leuuu todas as msgs e antes de ele me xinga e Bla bla bla…eu faleii “Olha a data das msgs pra depois vim fala algo se acha que deve…No final ele entendeu que não tinha nada a veh e que eu apenas tinha eskecido d apaga…dai ele foii apagoo todas as msgs e agenty fico numa Boa…

    Portantoo eu deixo veh meu celular e e-mail redes sociais…oque quizer mais eu mostro nada de passar senhas e essas coisas…porque Senha e algo pessoal ninguém precisa saber..

    Euu penso assim…

  • Fernando diz: 18 de agosto de 2011

    NOSSA MEL !!!

    Baita casamento hein ?! ele conta td pra vc e vc sempre 50% da história.. se teu pai te ensinou isso provavel que vc saiba apenas 50% da historia da vida dele.

    Eu e minha namorada temos as senhas um do outro.. quem não deve não teme.. então não vejo problema do outro ter a senha, por mais ciumento que seja.. e se for ciumento melhor ainda.. pq a pessoa não encontrando nada, ela para de reclamar um pouco… essa historia de senha ja acabou com mt relacionamento

  • Mi diz: 18 de agosto de 2011

    Pois é gente..isso é tão delicado…pq quem procura acha sim…e nao to falando de PPTs ou videozinhos, pq esses eu tb recebo e olho….
    só que ha um tempo atras, sem desconfiar de nada, peguei meu marido na tampa! Conheceu uma fulana, foi lá, fez o serviço, tava marcando td por email pra fazer denovo…ai eu fui, numa emergencia, usar o note dele e pimba!
    O q eu fiz com isso?
    Discuti a relação, pensei bem…vi q a escapada dele nao podia ser evitada…perdoei mas nao esqueci…amo demais ele…me propus a confiar novamente pq sei que ele nao um é um cara safado…MAAASSSSSS passei a mudar a forma como vejo as coisas e estou aprendendo a pensar como homem…nao deixo mais de notar os outros homens, trato sexo como necessidade fisologica e SE eu ficar afim se transar com outra pessoa, vou me permitir…
    Desencanei e vivo melhor assim…
    Bem mais feliz, com certeza…
    Pq se ele transar com outra pessoa, problema dele.
    TRAIR pra mim agora é outra coisa….
    Nosso casamento ta tri bom assim..nao mudo por nada…
    Bjus

  • Suzana M. diz: 18 de agosto de 2011

    Bah é um assunto delicado, meu caso é complicado por exemplo, eu sou ciumenta. Já fui MUITO, hoje acho que sou bem mais controlada na verdade. Ele sabe as minhas senhas pq eu dei, mas ele NUNCA me deu e eu nunca pedi (só de brincadeira pra ver se colava). As vezes futrico no celular, eu não tenho motivos, mas é que realmente ele dança can-can. As vezes eu me encano, as vezes desencano, e ele não dá motivo e eu não dou pitis a não ser que eu veja algo e sinta ciumes eu digo que não gostei e que aquilo me incomoda. Aconteceu de eu ver sem querer uma aba de msn conversando com uma amiga, eu se que é amiga, eu sei que ele gostou dela antes de eu existir, eu sei que atualmente ela está solteira. Aquilo me incomodou, eu disse que não gostei. Ele não gosta do fato de eu ser ciumenta, e eu não gosto de ser assim, mas é algo que tá no nosso DNA. Depois de ler tanta coisa que essa mulherada descobriu fuçando me deu até um medinho xD Acho que não sou tão ciumenta assim. o que vcs acham?

  • Si diz: 18 de agosto de 2011

    Fiquei aliviada lendo alguns comentários femininos, sempre me achei muito diferente, pois não sou ciumenta e jamais fuçaria em celular ou e-mail pra vigiar o comportamento de meu namorado (inclusive já levei um fora por isso, fui acusada de ser fria e de não me importar com ele) acho esse tipo de coisa horrível, a maior falta de respeito e educação com o ser vigiado e acho também muito humilhante é um papel ridículo, além de ser totalmente desnecessário pois se o cara (ou a cara) quer trair não há vigilância que impessa, para mim se a pessoa criou outro e-mail com más intenções o relacionamento acabou ali e vai ser uma questão de tempo
    Bem… se eu desconfiar pelas atitudes e comportamento até posso fuçar aqui ou ali, mas com o objetivo bem claro de ter “a prova” e terminar de vez, pois não sou ciumenta mas não quero e não vou fazer papel de boba.
    Ninguém deve ficar com outra pessoa por motivo que não seja amor, paixão, querer bem…. sei lá
    Se a pessoa quer me trair não há razão emocional, afetiva, financeira, estatus social (casada) que vá fazer com que eu queira manter esse relaciomento.
    Abraço

  • Nê diz: 18 de agosto de 2011

    Tenho todas as senhas do meu namorido e ele as minhas, trabalhamos os 2 juntos, posso mexer nas coisas dele e ele nas minhas quando quisermos e nem por isso fazemos (sempre). A curiosidade é algo natural dos seres humanos. Já peguei ele vasculhando meus registros, confesso que vez ou outra dou uma olhada nos registros dele também, já vi e li cada coisa absurda, mas nunca briguei por conta disso, alias nem fica sabendo que eu estou por dentro dos assuntos que rolam… Claro que também nunca li algo (de ruim) relacionado ao meu nome e nem comprometedor ao relacionamento (leia-se traição hehheehe)…

  • Eliane diz: 18 de agosto de 2011

    Oi, na minha opinião senhas são intimas igual calcinhas, cuecas cada um tem a sua e ninguém tem q mexer (ou usar rsrs) a do outro. Nunca mexi no celular ou e-mails de meu marido e tbm nunca deixei ele mexer no meu, sempre falei pra ele cada um tem o seu não é? Então, se fosse pra saber podiamos ter um só celular, um só e-mail q ai sim nao teria problema. Pq se o celular dele toca, não atendo pq se fosse pra mim tocaria o meu e se fosse pra qualquer um de nós dois tocaria o da nossa casa. Essa é minha opinião.

  • Guilherme diz: 18 de agosto de 2011

    Eu também concordo q ter senha de e-mail, redes sociais e tudo o mais da namorada é um “saco”, não tanto pelos motivos listados no post, mas mais pelo fato de que mesmo q voce não vasculhe nada delas, elas sempre vão achar que voce esta perseguindo-as, ainda mais que ALGUMAS mulheres que quando colocam algo na cabeça nao há quem tire.

  • Lise diz: 18 de agosto de 2011

    Ás vezes eu brinco com meu marido, que ele não é homem e sim um cão farejador…
    Está sempre procurando…
    E pior que uma vez ele achou…
    Eu trocava e-mails com um amigo mais chegado, muita bobagem, uma putaria só, mas nunca chegamos ás vias de fato, mas deu u que falar, pois meu excelentíssimo havia “grampeado” meu e-mail, e estava só monitorando a situação… Lá pelas ele me apresentou um calhamaço de folhas, passei os olhos pra ver o que era, e ele tinha se dado ao trabalho de imprimir todas as conversas que tive com “meu amigo”.
    O Sr farejador está sempre vasculhando meu celular, bolsa, gavetas, material da faculdade, facebook, e-mail, tudo, o tempo todo… Segundo o próprio se eu não tenho nada a esconder, não tenho com que me preocupar…
    Meu Orkut, que claro ele tinha a senha, foi excluído “sem querer”… Recentemente ele me “presenteou” com um novo aparelho e linha de celular, claro que as ligações que faço são checadas por ele mensalmente, assim como o histórico as ligações que recebo…
    Não falo mais com meu amigo.
    Larguei de mão de me estressar…

  • claudia rodrigues diz: 18 de agosto de 2011

    Pois é gente…”QUEM PROCURA ACHA”…vou contar-lhes a experiência horrível que eu tive…tenho o ciumezinho básico de uma relação…nada forte ou doentio…e nunca fui de futricar nas coisas do ex, nunca fui de mexer no celular, nunca tive senhas de emails, etc…mas houve uma vez, uma única vez que mexi no celular dele…e lá estava o nome, lá estava o nº do celular, lá estavam as ligações, lá estavam as mensagens da e prá v****!! Não preciso dizer que o meu coração quase parou, que as minhas pernas tremeram…e ele me enrolando/enganando a pelo menos 1 ano. Fui muito tapada, muito burra prá não ver o que estava acontecendo entre ele e a v**** da colega de trabalho. Vai ver porque eu estava ocupada trabalhando em dois empregos, cuidando da “nossa” casa, dos “nossos” filhos, das “nossas” coisas…aliás, casa, filhos e demais coisas que ele simplesmente abandonou depois de anos de casamento e convivência juntos. E mais…não nos separamos…foi abandono de lar mesmo, tá lá no B.O.
    Caros samba-cancioneiros, desculpem o desabafo, já faz algum tempo, mas ainda estou “digerindo” esta situação. Sorry!!
    Pensem…privacidade é bom, mas respeito por si e pelo outro é mais importante.
    Uma boa tarde com chuva para todos.

  • carlos guarà diz: 18 de agosto de 2011

    Essa estória de ter senhas do outro, de tirar fotinho no orkut o casal para não se incomodar..É coisa de homem frouxo. É tanta intimidade de já estão cagando de porta aberta..Não se fazem mais homens como antigamente, porisso tem tanta mulher solteira sozinhas com monte de amigas nas baladas procurando “relacionamentos”. Um conselho, na primeira vez que quiser senhas ou proibir alguma coisa, não dê atenção!!!! Se para não se inomodar com a dona encrenca ceder uma vez, vai ceder sempre. Isso vale também para as mulheres, se a primeira vez que um namorado implicar com a roupa para ir numa festa dizendo que está “vulgar ou indecente”, NUNCA troque a roupa, vá assim mesmo ou vá sozinha. Ele vai ir atrás com certeza.
    É tudo um bando de frouxos…

  • Loira diz: 18 de agosto de 2011

    Meu computador fica ligado 24h por dia com o e-mail, fb e twitter aberto. Se meu noivo quer ver, ta ali. Não tenho nada a esconder. E não vou me dar ao trabalho de ficar criando outros e-mails. Se quisesse ter amante, estaria solteira. Ele me conhece e me aceita como sou, isso que vale!

  • Si diz: 18 de agosto de 2011

    Para Mi
    será que tu consegue me explicar em palavras como, de que maneira, qual o jeitinho que se dá para voltar a beijar, fazer amor, andar de mãos dadas, acariciar os cabelos, planejar férias, a compra do carro novo, respeitar uma pessoa que te traiu?

    Gente… por mais que eu ame esse homem…. eu não consigo…
    só de pensar me sinto humilhada, desprezada

    affff, não tem psicóloga que desfaça esse nó…

    Entendo quando Mi diz que mudou desde o ocorrido, passou a olhar outros homens e vê o sexo de modo diferente, acho que sou muito romantica e ingenua, pois eu não consigo

  • Carlos guará diz: 18 de agosto de 2011

    Lise: O marido cão farejador tem complexo de corno, tanto é que descobriu e ainda continuou com a mulher. Pode ser que não tenha feito chegado as vias de fato (mas não deixa de ser traição), mas ele acreditou?? Claro que não. Esse tipo vai continuar procurando, acha e não faz NADA, acredita sempre na mulher…(parece o galhada e a márcia, aquele humorista da TV)
    —————
    Mi: O que eu sempro digo para meus amigos que traem as muilheres e elas descobrem; Caiam fora, é uma questão de tempo até vc ser corno, ela vai ti trair e vc nao vai descobrir, e geralmente vão ti trair com os melhores amigos. se é que homem que tem mulher bonita tem amigos…

  • Lise para Carlos guará diz: 18 de agosto de 2011

    Carlos; se ele desenvolveu esse complexo… não foi comigo.
    Afinal nunca dei motivos pra ele desconfiar de mim.
    No entanto ele sempre foi ciumento e desconfiado.
    E meu “amigo” pivô de todo esse estresse, surgiu justamente por causa de uma briga infundada por ciúmes. Sabe como é as vezes você acaba “abrindo uma porta”…
    E posso ser bem franca em dizer…
    Eu e “meu amigo” só não chegamos “as vias de fato”, porque meu marido descobriu antes, porque eu tava louca pra dar pro cara.
    PS: desculpe, mas não sei quem é o galhada….

  • Carlos guará diz: 18 de agosto de 2011

    Esse complexo de corno já é inerente..vai ser assim com qualquer mulher.Provavelmente vai ser corno e se tiver outra mulher vai ser de novo. Tenho uns amigos assim e já vi isso acontecer. O Galhada era um quadro humoristico que passava a uns 5 anos antes na globo sabado a noite.olha o link—-
    http://www.youtube.com/watch?v=fcU9YZG3DUE&feature=related
    ——————————
    Quantos aos amigos oportunos sempre mulher bonita está rodeada deles…a ocasião não falta, foi o que eu falei antes, homem que tem mulher bonita não tem amigos..

  • Mi ara Si diz: 18 de agosto de 2011

    Flor, olha…foi mto dificil mesmo….isso td q q tu disse foi sendo digerido…e nao levou dias…foi mais de um ano…
    nesse meio tempo fomo mto francos um com o outro…eu quis saber todos (eu disse TODOS) os detalhes do encontro…do q sentiu…como nos conhecemos ha quase 15 anos tive certeza de era sincero qdo resolveu falar…
    sabe o q aprendi com isso?
    NINGUEM PERTENCE A NINGUEM.
    ele nao eh meu…ele é um ser unico e eu tb.
    estamos juntos porque queremos estar
    nao eh simples entender isso…do alto dos meu 34 anos sei q 99% das mulheres que conheço nao entenderam isso ainda.
    nao tem nada de promiscuidade, de sai dando pra td mundo…
    mas nascemos separados e vamos morrer assim…se vivemos juntos eh por escolha….
    depois de tudo paramos e decidimos que era isso q queriamos..
    pq casamento nao eh so amor..esse amor romantico de novela eh legal em comercial de margarina…amar mesmo eh destrinchar os ossinhos da vida…

    eu ainda tenho mto o aprender…mas me desapeguei do q nao preciso pra viver…e a ultima coisa que preciso é estar presa…presa a sentimentos inuteis principalmente.

    Bjus a todos…

  • Mi para SI 2 diz: 18 de agosto de 2011

    pra completar: trair pra mim hoje, nao e fazer sexo com outra pessoa…é vender meus sonhos…pensem nisso..

  • Si diz: 18 de agosto de 2011

    Para Mi,
    obrigada por responder, depois que enviei o comentário fiquei com medo que tu me interpretasse mal, de maneira nenhuma eu estava te criticando, e ainda bem, tu entendeu exatamente oq eu quis dizer
    E embora eu seja 10 anos mais velha que vc, tb tenho muito a aprender
    Abraço

Envie seu Comentário