Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Participe do primeiro Pergunte aos Cuecas temático: crianças ou filhos

12 de outubro de 2011 16

Foto: sxc.hu

Feriado de Dia das Crianças, um daqueles dias “bons” para ouvir que “está na hora de ter filhos”, não? Pensa em quantas mulheres devem ter dito isso para seus maridos, namoridos, noivos… Algo como “imagina quando tivermos os nossos”, quando passaram por um casal com seu filhinho no carrinho de bebê. Ou “o nosso não vai ser assim”, ao ver aquele pestinha correndo e incomodando no supermercado. Ou apenas aquele sorriso maroto quando um casal de gêmeos estava brincando na areia do parque.

Que tal, então, lançarmos nosso primeiro Pergunte aos Cuecas temático? Filhos! Ou, para ficar mais aberto, crianças. Medos, angústias, preocupações. Está valendo qualquer tipo de pergunta. Vamos tentar debater sobre isso e, quem sabe, evoluirmos um pouco. Que tal? É só deixar tua pergunta nos comentários. Respostas, até o final da semana.

Comentários (16)

  • Ade diz: 12 de outubro de 2011

    Pq os homens tem tanto medo de filhos?

  • Tetê diz: 12 de outubro de 2011

    Estás preparado pra acordar no meio da noite, tua cria berrando de fome, aquecer mamadeira, trocar a fralda (mamou, defeca, circulo vicioso) e duas horas depois, quando tu acha que vai dormir, o pimpolho perdeu o sono, querendo brincadeira e tu de plantão? E qdo finalmente o lindinho dorme, tu vê que faltam 15 minutos pra levantar???? Se não estiver preparado pra isso, esqueça,porque a função é certa. Ah, tu vai dizer, eles crescem…E eu te digo: só piora.Maaas, sabe aquela hora que eles perdem o sono e querem brincadeira? É a hora mágica, onde tu vê que nada, nada é mais importante ou melhor que eles, os filhos.

  • Ana diz: 12 de outubro de 2011

    É…os filhos dão outra dimensão à nossa existência. Depois que eles chegam é que a gente começa a entender que não podemos mais buscar o colinho dos nossos pais…agora a nossa função é dar o colinho de pai, estar sempre de guarda. Filho é viagem sem volta, não é um relacionamento que podemos desfazer a qualquer momento, talvez por isto algumas pessoas tenham medo. Mas creiam…não existe nada que dê tanto prazer do que ver um filho crescendo feliz…isso nos faz sentir gigantes, como se fossemos capazes de enfrentar tudo por eles..e somos!

  • Fabio diz: 13 de outubro de 2011

    Tentei retardar ao maximo mas chegou um momento que aceitei a proposição “está na hora de ter filhos”. Meu filho hoje tem 11 meses.
    Não temos ajuda da familia (moramos muito longe dos meus pais e dos pais dela) e ninguém pra ajudar fora a creche durante o dia. Vivemos os primeiros 3 meses como zumbis e uns 6 meses meio perturbados. O incrivel é que como se acorda seguido durante a noite, se perde o sono, sobra tempo pro sexo. As vezes até mais que antes, pois saimos menos, vamos menos ao restaurante, ficamos mais em casa, etc.
    Não digo que é facil, é muita dedicação mas se os dois se ajudam e o sono da criança é organizado desde cedo, é quase so prazer.

  • Carlos diz: 13 de outubro de 2011

    Lembra daquela frase. “Filhos, filhos, melhor não telos, mas se não telos, como Sabelos?”
    Terê, já passei por tudo isto que tu falastes. Choro, fraldas, perda de sono, etc, etc, etc.
    Os pais devem ser “o melhor amigo” dos filhos. Tenho um aborrecente de 14 anos. Sou amigo dele e “pai” dos amigos dele. Acompanho em tudo que posso. Recentemente ele foi campeão nos jogos estudantis. Adivinha para quem ele veio correndo sorrindo comemorar? Conhece aquela frase. “Compartilar a alegria com seu filho “NÃO TEM PREÇO”.
    “Filhos, filhos, melhor telos, Com o tempo sabelos”

  • Luli diz: 13 de outubro de 2011

    Meu namorado não pode ver uma criança na rua que fica achando lindo. Ele não pode ver uma loja de brinquedos que fica encantado com tudo, e sempre fala: “quando tivermos os nossos…” Mas o problema é que eu já disse pra ele que eu não quero ter filhos. Claro, ele não gostou, disse que eu vou mudar de ideia com o tempo, mas, eu não quero mesmo ter todas essas responsabilidades, acordar cedo, não dormir, tudo para cuidar de crianças. Então, como eu faço? Não quero perder meu namorado, mas também, não quero filhos.

  • Mimi diz: 13 de outubro de 2011

    Bom Dia.. Minha pergunta não é sobre crianças, e sim uma outra dúvida.
    Sou solteira e estou ficando com um carinha que tem namorada. Nos vemos quase toda semana com bastante frequencia, por mim tá tranquilo até pq só quero curtir mesmo, mas fico pensando o que faz um homem trair a namorada com outra, que ele acha “a outra” muito gostosa e lindaa, como ele mesmo fala !! Pq leva os homens a fazer isso? será que ele sente algo por mim ou é só curtição também..?

  • Bibi diz: 13 de outubro de 2011

    Tive dois filhos que curti muitíssimo na fase criança e agora depois de passarem pela adolescência e entrando na fase adulta já tive vontade de cortar os pulsos muitas vezes. Pensei até que teria sido melhor não ter tido nenhum. Sério, não é nada fácil…
    Conclusão: seja como for, é melhor termos família… Vai chegar a hora que ficaremos felizes de ter com quem rir e chorar e ajudar e receber ajuda. A vida é assim, uma troca; e, neste mundo, amigos são raros quando o bicho pega. Pelo menos a família é o que nos resta de concreto e definitivo, seja para o bem ou para o mal, mas é nossa.

  • HOMEM diz: 13 de outubro de 2011

    Ade:
    Não temos medo de filhos,temos medo da “pensão gorda “depois para a mãe viver em salão de beleza e bailões.

  • Dai diz: 13 de outubro de 2011

    Tenho 22 anos, e ainda n fiz a “minha faculdade”, e ainda n tenho filhos, a minha maior duvida é o quen vem primeiro?
    Tenho uma enorme vontade de ter um filho agora, mas se tiver, não sei se conseguirei dar continuidade aos meus outros planos.
    Minha pergunta é:
    Será que é possivel mesmo ter um filho pequeno, trabalhar e estudar?
    Sem deixar de descuidar da educacao do filho?!

  • Danii. diz: 13 de outubro de 2011

    Ola Dai.
    voce fez exatamente a pergunta que venho me fazendo a alguns meses.
    tenho 21 e axo um maximo ter familia, sou casada a pouco tempo e meu marido é um pouco mais velho que eu!
    tbm tenho essa duvida e a principio ano que vem inicio a faculdade.
    mas a minha vontade é de no fim do ano planejar o meu baby.
    sou muito mais familia. e nao quero colocar isso em segundo plano!
    é obvio que temos que ter condições para cria-los mas a minha vontade acredito que vai acabar sendo a opção do baby no fim do ano que eu vou escolher! qm sabe conto aqui daki uns tempos se valeu a pena! trocar todo o trabalhao que passaremos por uma vida na “faculdade”.

    beijos

  • DANI.S diz: 13 de outubro de 2011

    comentário da pergunta da Dai…
    Olá, quanto a sua pergunta se é possível trabalhar, estudar. É possível sim. Tive a minha filha com 19 anos, traballho até hoje e comecei a minha segunda faculdade. Claro que para tudo isso é preciso de muito apoio e de força de vontatde. Filhos fazem você amadurecer muito rápido. Pois o futuro não é mais só seu.

  • Alice diz: 13 de outubro de 2011

    Mimi, mesmo por curtição, pensa na namorada do cara, ou melhor, se coloque no lugar dela…tenho certeza que não gostarias de ser enganada…e o mundo dá voltas colega, “um dia podes ser a outra, noutro podes ser a traída”…cuidado!

    Quanto aos motivos que levam eles a trair…são vários e nem sempre há problemas no relacionamento, como muitos imaginam. Conheci um cara que dizia viver um ótimo
    relacionamento, a mulher dele era linda inclusive, mas não conseguia dizer “não” em uma investida (a mulherada caia a pau), o efeito novidade o influenciava muito. Uma pena…quem quer muito, pode ficar sem nada…hj está sozinho, a mulher mandou passear após descobrir as aventurinhas dele…tentou diversas vezes voltar pra ela, o ignorou…e ela uma pessoa bacana viu…culta, independente, carinhosa e atenciosa…dá pra entender…!!

  • B. diz: 13 de outubro de 2011

    O que faz um cara, que namora a mais de 6 meses, fala o tempo todo em ficar junto, morar junto, que vou ser a esposa dele e tal… a se interessar por outra?
    Os homens nunca estão satisfeitos com o que tem, né? Ou é só para alimentarem seu ego de conquistadores?

  • ROBERTA diz: 14 de outubro de 2011

    QUANDO O BEBE NASCE SE DIZ AI QUE FOFO DA VONTADE DE MORDER NOS PRIMEIROS MESES VC SE PEGA NA MADRUGADA PERGUNTANDO PQ NÃO MORDI E COMI ESSA COISINHA LINDA QUE AGORA GRITA SEM MOTIVO APARENTE? KAKAKA BRINCADEIRINHA A PARTE TIVE MINHA FILHA COM 17 ANOS, DEI CONTA DO RECADO,MAS NÃO ACONSELHO A NINGUÉM ATROPELAR. DEPOIS TER FILHO É BASTANTE COMPROMISSO TEM QUE ESTAR PREPARADO. A PERGUNTA : O QUAIS SÃO AS CONDIÇÕES BASICAS PARA SE SER PAI OU MÃE ? AS PSICOLOGICAS PQ AS FISICAS NÓS JA SABEMOS. BJOS

  • Mari diz: 14 de outubro de 2011

    Resposta para MImi:

    Sinceramente estou ficando cansada desse tipo de conversinha, ele tem namorada, mas eu sou gostosa e ele não resiste. Lindinha o cara está te usando pq você permite exatamente isso, e ainda se acha um máximo (LAMENTÁVEL). Todos os homens adoram o seu tipinho (sexualmente disponível). Se ele realmente ama a namorada e pq ele a trai então é uma questão dele. Você deveria se preocupar mais com vc mesma, hoje você é “outra” mas você nunca parou para pensar que amanhã vc pode ser a namorada? EMPATIA vc já ouviu falar? Algumas pessoas distorcem os valores éticos e perdem o amor próprio. Uma frase que ouvi uma vez de uma “moça” que curti esse tipo de comportamento, foi: “A alegria das solteiras é a tristeza das casadas” mas essa fulana se esquece que tudo que se faz tem volta, a vida cobra um preço bem alto, é só uma questão de tempo, pode esperar.

Envie seu Comentário