Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts do dia 31 outubro 2011

Hoje é Dia das Bruxas. Como não lembrar dela, a sogra?

31 de outubro de 2011 32

Foto: sxc.hu

Então hoje é o Dia das Bruxas. Pensei muito, juro que tentei lembrar de alguém que fosse tão lembrado neste dia quanto ela. Mesmo. Mas não me veio à memória nenhuma outra palavra a não ser “sogra”! Ela, tão odiada, tão cheia de nomes, tão completa e cheia de si. Tão bruxa.

Capaz de convencer tua mulher de que você está “diferente”. Só porque está quieto, sentado ao sofá, tentando assistir ao seu programa preferido na TV. Mas ela está te enchendo o saco. Quer que você troque para a novela, para o Silvio Santos e seus calouros, o Gugu, Faustão.

E você fica louco da vida porque paga uma exorbitância em televisão por assinatura. Mas tua mulher cai na onda dela e diz “ai, amor, dá uma chance para a mamãe assistir a TV também”. Você sabe que tem de aceitar ou a coisa vai ser ainda pior, afinal, sua mulher entrou na jogada. Clic. Mudou o canal.

Tem aqueles que cometeram a burrada, a infelicidade, a imbecilidade de convidar a velha para morar com o casal. Acabou o silêncio. Se o problema de manter tua mulher quieta por 10 minutos já é enorme — sim, já falamos aqui que têm vezes que queremos ficar quietos — com a sogra, então, é impossível 10 segundos de quietude.

E fala, a megera. Com aquele ar cheia de si, lembra? Quando ela está bordando, séria, você está conversando com sua mulher. Algum assunto polêmico ou importante, ela nem tira os olhos do bordado, mas opina — séria, ainda — com aquela voz de decreto, não de opinião. Na realidade, deveria ser uma opinião, mas tua mulher caiu feito pata e disse “exato”. Danou-se, amigo.

Sexo, então, amigo samba-cancioneiro, é aquele sexo quietinho, com gemidos baixos, respiração contida “para não acordar a mamãe…”. Você está louco para extravasar, ir da sala até o quarto jogando camisa, calça, cueca, meia, calcinha por tudo quanto é lado. Mas não pode. “Mamãe pode ouvir”. “Mamãe ainda não dormiu”. “Mamãe isso”. “Mamãe aquilo”. E o problema da velha ouvir é que ela vai ficar fazendo piadinha no outro dia, tua mulher vai ficar constrangida e vai ficar uma semana sem chegar perto de ti. Beijinho na frente de todo mundo com ela por perto? Bem capaz. Afinal, “não queremos nossa intimidade exposta”, não é mesmo? Com sorte, daqui uma semana você recebe um sexo oral. Básico, mas recebe.

Amigo, parei de escrever. Estou no começo de uma enorme dor no estômago. Lembrar de tudo isso foi complicado. Espero, realmente, que a vida da maioria de vocês não seja assim. Se for, Feliz Dia das Bruxas e coma aquele doce de abóbora por mim. Se não, o parágrafo acima já te dá uma boa dica de o quê fazer hoje à noite.