clicRBS
Nova busca - outros

Fotos

31 out11:46

Projeto Jovens em Ação mobiliza jovens em Santa Cruz

O projeto Jovens em Ação ocorre uma vez por semana, de 14 setembro  a 14 dezembro em Santa Cruz, nas dependências do Auditório, junto ao prédio da Delegacia de Polícia Regional, 16ª Região Policial. O projeto desenvolve um trabalho integrando a Polícia Civil com a comunidade, oportunizando o conhecimento e participação nas inúmeras ações comunitárias da instituição. O grupo inclui 20 adolescentes com idade entre 12 e 16 anos.

Estão envolvidos: Delegacia de Polícia Regional, delegado Julci Severo, inspetor Gerson Trevisan (gerenciador do grupo), setor SIPAC, com formação superior em Biologia; Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento, delegado de Polícia Marcelo Chiara Teixeira; inspetora de Polícia Nisete Machado, com formação superior em Educação Artística (licenciatura plena); demais Delegacias de Polícia com seus delegados e agentes, além de empresas colaboradoras.

Diante do aumento da violência e uso de drogas, que se inicia cada vez mais cedo, o projeto objeta esclarecer os jovens sobre o referido assunto. Nele, a Polícia Civil passa a desenvolver o papel de agente pró-ativo, visando conscientizar os adolescentes nas suas condutas de forma que passem a ser multiplicadores de seu desenvolvimento social e moral.

Dentre as atividades, estão exercícios de oficinas de teatro e esclarecimentos com profissionais de diversas áreas, como Saúde, Educação e Segurança Pública, Ministério Público, Judiciário, Área Empresarial. Estes abordam temas como: O uso de drogas; doenças sexualmente transmissíveis; Direitos e Deveres da criança, do adolescente, do idoso; O Papel do Conselho Tutelar; Violência Doméstica; A Importância da Prática Desportiva para o Desenvolvimento Físico e Intelectual (com participação de esportistas santacruzenses e representantes de diversas áreas do esporte).

…………………………..

Assessoria de comunicação da Polícia Civil do Rio Grande do Sul

Bookmark and Share
Comente aqui
31 out09:42

Mata-mata começa em alto estilona Copa Nova UTI HSC

O mata-mata da Copa Nova UTI HSC /Taça Arno Mandler começou neste final de semana no mais alto estilo. As equipes que estavam em vantagem na categoria titulares deram um passo a mais rumo às semifinais. Nos aspirantes, no sábado, houve muito equilíbrio. No domingo pela manhã, ocorreu a primeira partida das finais dos veteranos, com vitória do Linha Santa Cruz sobre o Juventude, por 1×0.

No sábado, pelos aspirantes, Guarani e Juventude ficaram no empate em 1×1 em São Martinho. Agora, o Juventude joga por dois empates para se classificar. O Linha Santa Cruz goleou por 4×0 ao São José/RS e joga pelo empate no tempo normal para ficar com a vaga. O Rio Pardinho foi derrotado em casa pelo Boa Vista por 3×2 e terá que vencer duas vezes para ser um dos quatro semifinalistas. Já em Quarta Linha Nova Baixa, o União foi surpreendido pelo União no clássico dos vizinhos. O Avante joga pela vitória no tempo normal e o empate na prorrogação para seguir na competição.

A rodada de ida dos titulares teve três jogos. O Linha Santa Cruz aumentou sua vantagem na luta pelas semifinais. Venceu ao Avante por 1×0 e agora precisa de um simples empate para seguir no campeonato. Em Linha Nova o time da casa ficou no empate em 1×1 com o Juventude. A equipe de Cerro Alegre decide em casa com a vantagem de dois empates. Já o Rio Pardinho foi surpreendido pelo Guarani, que venceu por 2×0 e agora está a um empate das semifinais.

Final

No feriado de finados, quarta-feira, dia 3, a Liga de Integração do Futebol Amador de Santa Cruz do Sul (Lifasc) define o campeão dos veteranos no Estádio do Imigrante. Na preliminar, às 15h, jogam Linha Nova e Rio Pardinho, pelo terceiro lugar e às 17h, jogam Linha Santa Cruz x Juventude.

No próximo sábado, dia 5, ocorre a definição dos semifinalistas dos aspirantes, com os seguintes jogos: Juventude x Guarani, em Rincão de Nossa Senhora, campo do Nacional; São José/RS x Linha Santa Cruz, em Rincão do Sobrado; Boa Vista x Rio Pardinho, em Boa Vista e União x Avante, em Quarta Linha Nova Baixa. No domingo ocorre o jogo de ida da rodada de abertura do mata-mata. O jogo entre João Alves x Boa Vista marca a inauguração da nova praça de esportes de Linha João Alves, o Estádio Comunitário Nascer do Sol.

Os parceiros da Lifasc em 2011 são a Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc); Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra); Prefeitura de Santa Cruz do Sul, através da Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer (SMETEL); Lambert & Cia.- Distribuidor Ambev; MD Pneus e GS Materiais de Construção.

Programação da 2ª fase

Copa Nova UTI HSC / Taça Arno Mandler – Lifasc

29/10 – Rodada de ida dos Aspirantes

Guarani 1×1 Juventude – em São Martinho

Linha Santa Cruz 4×0 São José/RS – Estádio do Imigrante

Rio Pardinho 2×3 Boa Vista – em Rio Pardinho

Avante 1×2 União – Quarta Linha Nova Baixa

30/10 – Rodada de Ida das finais dos Veteranos

Juventude 0×1 Linha Santa Cruz – Campo do Nacional, em Rincão de Nossa Senhora

30/10 – Rodada de ida dos Titulares – 17h

Linha Santa Cruz 1×0 Avante – Estádio do Imigrante

Linha Nova 1×1 Juventude – em Linha Nova

Rio Pardinho 0×2 Guarani – Rio Pardinho

02/11 – finais dos veteranos

15h – Linha Nova x Rio Pardinho – terceiro lugar – em caso de empate no tempo normal, a decisão será nos pênaltis

17h – Linha Santa Cruz x Juventude – final

05/11 – Rodada de volta dos Aspirantes

Juventude x Guarani – em Rincão de Nossa Senhora, campo do Nacional

São José/RS x Linha Santa Cruz – em Rincão do Sobrado

Boa Vista x Rio Pardinho – em Boa Vista

União x Avante – em Quarta Linha Nova Baixa

06/11 – Rodada de ida dos Titulares

João Alves x Boa Vista – inauguração do Estádio Comunitário Nascer do Sol, em La. João Alves

13/03 – Rodada de volta dos Titulares

Avante x Linha Santa Cruz – em Quarta Linha Nova Baixa

Juventude x Linha Nova – Rincão de Nossa Senhora, campo do Nacional

Guarani x Rio Pardinho – em São Martinho

Boa Vista x João Alves – em Boa Vista

Obs: Em negrito os times que jogam por três empates para chegarem às semifinais.

Bookmark and Share
Comente aqui
30 out19:05

Carro capota e idosa morre em Linha Pinheiral

O casal de idosos João Aloísio Wilges, de 90 anos, e Eda Wilges, de 89 anos, voltavam da festa de aniversário dela quando foram acertados por uma camionete que vinha no sentido Venâncio Aires/ Santa Cruz do Sul na RSC-287. O casal tentava atravessar a rodovia para entrar na Travessa Rabuske, na localidade Pinheiral.

O motorista da camionete, com placas de São Borja, não conseguiu frear em tempo. Com a batida o carro do casal capotou várias vezes antes de ser arremessado em um córrego ao lado do pista.

Eda não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no caminho do Hospital. João Aloísio está em estado grave.

Bookmark and Share
Comente aqui
30 out11:25

Guerra sobre duas rodas: outubro sangrento

Leia em reportagem especial de Zero Hora as histórias daqueles que perderam a vida em acidentes de moto neste mês; Só no Vale do Rio Pardo foram três vidas.

Usada para trabalho por uns, como hobby por outros, meio de transporte barato e ágil para enfrentar congestionamentos e fugir dos ônibus lotados, a motocicleta virou arma na guerra do trânsito. Cada vez mais presente nas ruas e estradas, a moto – cuja frota dobrou em sete anos – está envolvida em pelo menos uma morte por dia no Estado.

Proporcionalmente ao volume de veículos em circulação, acidentes sobre duas rodas matam 85,2% mais do que tragédias envolvendo automóveis. Em outubro, até este sábado pela manhã, ao menos 39 pessoas perderam a vida em motos no território gaúcho, número superior à média mensal de 2011, até setembro, que foi de 34mortes.

As vítimas de outubro, somadas ao dado anual, elevam para 347 os óbitos sobre duas rodas em 2011. A frieza das estatísticas não reflete a dimensão do infortúnio coletivo. Com o intuito de alertar motoristas e tentar frear esse extermínio sobre o asfalto, ZH preparou esta reportagem, indo muito além dos números para mostrar os rostos por trás de cada registro. São 31 homens, três mulheres, quatro adolescentes e uma criança extirpados prematuramente do convívio de seus familiares.

A Serra desponta como a região recordista em acidentes fatais, a maior parte deles em Caxias do Sul. E Pelotas lidera o ranking de cidades. A cidade, aliás, entre os mais populosos municípios gaúchos, é a que tem o maior percentual de motos licenciadas em relação à frota (26,5%).

segue…

Leia mais na Zero Hora deste domingo

Veja as histórias do Vale do Rio Pardo

A dança no salão

Laureano de Vargas Santos gostava de bailes.Aposentado, do alto dos seus 48 anos se divertia dançando e estava sempre sorrindo segundo contam os amigos.Voltava de uma festa no Salão Reggert, em Sinimbu,quando perdeu o controle da moto que pilotava,na rodovia Sinimbu-Santa Cruz do Sul (RSC-471), no Vale do Rio Pardo. Com o impacto,mesmo usando capacete, perdeu a vida ali mesmo. Na madrugada de sábado para domingo, Laureano deixou a única filha, Ana Rita, cinco anos.

Um cavalo no caminho

Laércio estava feliz naquele domingo ao visitar a família em Rio Pardinho, interior de Santa Cruz do Sul. Fumicultor, morava sozinho em uma casa na localidade de Rio Pequeno, interior de Boqueirão do Leão. No começo da noite, esperava fazer em pouco menos de uma hora o percurso de 65 quilômetros até sua casa. Por volta das 20h30min, não conseguiu desviar de um homem que seguia a cavalo pela estrada. Com pouca visibilidade, bateu no animal e caiu da moto. Não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Flores para o túmulo

Sorridente e prestativa. Uma mulher que não dizia não aos amigos e sempre disposta a ajudar. Desta forma Jurema será lembrada pelos amigos e familiares. Jurema morreu no domingo, quando levava flores para o tumulo da mãe, no interior de Santa Cruz do Sul, em Rio Pardinho.Um caminhão não conseguiu frear e acertou a traseira da moto que ela pilotava,na rodovia Sinimbu-Santa Cruz do Sul (RSC-471). Socorrida,morreu no hospital três horas mais tarde.Deixa um filho.

Veja todas as histórias na edição deste domingo de Zero Hora

Os bastidores da matéria


EXPEDIENTE: Reportagem: Adriano Duarte, Álisson Coelho, Carlos Wagner, Francisco Amorim, Kamila Almeida, Juliana Bublitz, Joice Bacelo, Leandro Becker, Ligiane Brondani, Luane Magalhães,Marina Lopes, Rafael Diverio,Thiago Stürmer eVanessa Franzosi – Produção e coordenação: CarlaDutra e José Luís Costa – Arte: Gilmar Fraga e EduardoUchôa – Diagramação: Rui Fabiano Edição:Marcelo Ermel – Imagens: Arquivo Pessoal

Bookmark and Share
Comente aqui
29 out13:51

Oktobermoto movimenta Parque da Oktoberfest

Júlio Cunha Neto, RBS TV dos Vales

Começou esta manhã a nona edição do Oktobermoto, em Santa Cruz do Sul. O evento reúne milhares de motociclistas para um fim de semana repleto de atrações.

Depois das bandinhas típicas, o som da vez no parque da Oktoberfest é o das motocicletas. Desde manhã cedo, o local virou ponto de encontro para quem curte a vida na estrada. Na 9ª Edição do Oktobermoto, mais de 2 mil motociclistas são esperados em Santa Cruz do Sul. Os participantes vêm de várias regiões do estado e, também, de países do Mercosul.

- O motociclismo gera amizades. muita gente vem de longe para conversar e trocar ideias sobre o assunto – comenta o organizador do evento, Daniel Eick.

Um desfile de motos no centro de santa cruz abriu o evento, no final da manhã deste sábado. Durante o fim de semana, quem for ao Parque da Oktober pode conferir atrações como show de zerinhos, competição de chope em metro, a Banheira do Fritz e a prova do cabo de guerra. Os motociclistas considerados destaque também receberão premiações.

- Distribuiremos troféus ao motociclista mais antigo, ao grupo que trouxe mais integrantes e àqueles que percorreram a maior distância para chegar até aqui – explica Eick.

O metalúrgico Rogério Holz viajou mais de duzentos quilômetros de Ibirubá a santa cruz e, pela primeira vez, participa do encontro. Junto, trouxe um grupo de amigos do motoclube do município.

- Tem gente que já está há sete anos na estrada e é adepto desse espírito aventureiro – afirma.

O encerramento do 9º Oktobermoto é às 18h deste domingo.

Bookmark and Share
1 comentário
29 out10:53

ONG Amigos da Água realiza ação contra a dengue no bairro Santa Vitória

A ONG Amigos da Água realiza neste domingo, a quinta mobilização contra a dengue pela cidade. O objetivo é orientar os moradores sobre a identificação de possíveis focos do mosquito transmissor da doença.

De acordo com o Coordenador, Régis de Oliveira Júnior, foi criado um grupo de mobilização antidengue, que será responsável pelas atividades de prevenção e conscientização. Segundo ele, a iniciativa vai contribuir para que o impacto sobre uma possível epidemia seja minimizado.

- Por meio de ações simples, cada cidadão pode fazer a sua parte na prevenção e combate ao mosquito – disse.

Durante a ação, serão distribuídas cartilhas explicativas para orientar a população sobre medidas que podem ser adotadas para eliminar focos e criadouros do Aedes aegypti. O grupo de mobilização antidengue fará novas ações nas próximas semanas. As atividades acontecerão aos sábados, em locais com grande fluxo de pessoas.

Os Amigos da Água vão vasculhar tanques, barris, tinas, tonéis, garrafas, latas, plástico, pneus e vasos de plantas, tudo para evitar a proliferação do mosquito da dengue.

A ação conta com o apoio da Corsan “É importante que jovens estejam engajados e tomarem a frente dessas ações, a Corsan precisa participar de mobilizações como estas que defendem a vida e evitam a proliferação da dengue – elogia a Gerente da Corsan em Santa Cruz, Carla Meurer”.

Os jovens vão visitar as residências levando informações aos moradores, o domingo será de luta contra o mosquito.

Data: 30 de outubro

Hora: 9h

Local: Bairro Santa Vitória

Bookmark and Share
1 comentário
28 out15:57

Prefeitura assina ordem de início das obras do Loteamento Santa Maria

A Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Sul realizou no início da noite desta quinta-feira, dia 27, a solenidade de assinatura da Ordem de Início das obras de construção do Loteamento Santa Maria. O evento, realizado no Ginásio da EEEM Nossa Senhora da Esperança, contou com a presença da Prefeita Kelly Moraes, do Vice-prefeito Luiz Augusto Costa a Campis, do Secretário Extraordinário do PAC, Gerri Machado e do Secretário de Habitação e Conservação, Eduardo Baumhardt, além de representantes das comunidades beneficiadas pelo PAC Santa Cruz e demais autoridades.

Um dos principais investimentos na área de habitação, o loteamento Santa Maria contará com a construção de mais de 300 casas, que serão ocupadas por famílias que vivem atualmente em áreas de risco. A ordem de início da obra, no valor de R$ 1,78 milhões, inclui a execução de terraplanagem, rede de abastecimento de água potável, rede pluvial, sistema de esgoto sanitário e pavimentação asfáltica. O prazo de execução da obra é de seis meses, e a empresa contratada é a Treviplam Engenharia Ltda.

No dia 4 de novembro, sexta-feira, serão recebidas as propostas para licitação da construção das 163 casas da primeira fase do loteamento, com valor total estimado em R$ 4.477.836,11. A segunda fase, que contará com a construção de mais 143 casas, alem das obras de infraestrutura, está em fase de aprovação do projeto junto à Corsan, e tem um valor total estimado em cerca de R$ 6 milhões. Ao todo, serão investidos no Loteamento Santa Maria mais de R$ 12,2 milhões.

Durante a cerimônia o Secretário Gerri Machado fez uso da palavra, lembrando que as obras do Loteamento Santa Maria serão completas. – Não estamos construindo somente as casas. Estamos construindo um loteamento com infraestrutura completa, incluindo asfalto, redes de água, luz e esgoto – afirmou. Gerri falou ainda sobre a história de dona Maria Marvina dos Santos, moradora do bairro Santa Vitória, que há mais de 20 anos sonha em receber uma casa em boas condições para morar. – Eu estou muito feliz com o início das obras -disse ela após a cerimônia. – Peço a Deus eu abençoe a Prefeitura e o PAC que estão trabalhando para realizar o nosso sonho – completou.

Fazendo uso da palavra, o Secretário de Habitação e Conservação, Eduardo Baumhardt, lembrou que a administração municipal está empenhada em acabar com déficit habitacional do município, que segundo apontamento do IBGE é de 1,2 mil residências. O Vice-prefeito Luiz Augusto Costa a Campis destacou o trabalho de elaboração de projetos realizados pela administração, que viabilizou a realização de obras como a do loteamento Santa Maria. – Nós falávamos que Santa Cruz precisava de projetos. É isso que o governo está fazendo e é isso que nos permite realizar as obras tão importantes para a população – assinalou.

Por fim, a Prefeita Kelly Moraes ressaltou que a maior preocupação do governo é com a conclusão das obras, tendo como prioridade os bairros da zona sul do município. – Eu estou preocupada em tirar do papel as obras que prometemos para vocês. Este é o meu desafio maior – concluiu.

Unidades Habitacionais do Loteamento Santa Maria

Número de casas: 297

Metragem: 34,71m² cada

Cômodos: 2 dormitórios, sala, cozinha, banheiro, espaço de serviço e calçada em torno da residência.

Valor: R$29.712,69

Número de casas adaptadas: 9

Metragem: 52,19m² cada

Cômodos: 2 dormitórios, sendo um adaptado, sala, cozinha adaptada, banheiro adaptado, área de serviço adapta e calçada em torno da residência.

Valor: R$41.808,14

Relação de obras e ações do PAC Santa Cruz em andamento

Obra: Centro de Referência em Assistência Social – CRAS Bom Jesus

Valor: R$ 483.076,86

Obra: Área de Lazer do bairro Santa Vitória

Valor: R$ 856.957,58

Obra: Área de Lazer do loteamento Beckenkamp

Valor: R$ 75.952,37

Obra: Ampliação e reforma da EMEI Vovô Arlindo

Valor: R$ 604.711,62.

Obra: Área de Lazer do bairro Bom Jesus

Valor: R$ 589.963,20

Obra: Ampliação e reforma da EMEF Guilherme Hildebrand

Valor: R$ 391.283,14

Levantamento Planialtimétrico Cadastral para Regularização Fundiária

Valor: R$ 67,5mil

Ações Sociais:

Cadastro Socioeconômico

Ação: Cadastramento socioeconômico de 3550 famílias.

Formação de Comissões Representativas

Ação: Formação de grupos de representantes em todas as comunidades beneficiadas pelo PAC.

Contrato de mobilização comunitária

Ação: Assinatura do contrato Mobilização e Organização Comunitária do Programa PAC Social”, com a Universidade de Santa Cruz do Sul – Unisc. Valor: R$ 370.945,80

Palestras temáticas

Ação: Realização de palestras nas comunidades beneficiadas, com temas definidos a partir das Comissões Representativas

Assembléias comunitárias

Ação: Realização de Assembléias comunitárias de acordo com as demandas apresentadas pelas comissões representativas.

Bookmark and Share
Comente aqui
28 out15:42

Público pagante da 27ª Oktoberfest ultrapassa 152 mil pessoas

A Oktoberfest de Santa Cruz do Sul está consolidada como a maior festa alemã do Rio Grande do Sul. Os números oficiais de público da 27ª edição da festa, divulgados nesta sexta-feira, 28, pela Associação de Entidades Empresariais (Assemp), comprovam isso. O público pagante superou 152,3 mil pessoas, o que representa um acréscimo de 8% com relação ao evento de 2010, quando o número de pagantes chegou a 140,4 mil pessoas. “Estamos muito satisfeitos com o público, que ficou dentro da nossa expectativa e será determinante para o resultado financeiro dos eventos”, destaca o presidente da Assemp, Fábio Borba.

Já o público visitante da festa, de acordo com estimativas da Assemp, foi superior a 400 mil pessoas. Neste cálculo, estão contabilizados os acessos do primeiro dia da festa, com entrada franca; o público dos dois desfiles de carros alegóricos, que reuniram milhares de pessoas no centro da cidade; o Dia da Maturidade Ativa, com 20 mil idosos de 52 municípios do Rio Grande do Sul; o Dia da Criança, com entrada franca para menores de 10 anos; além de todas as pessoas credenciadas e que ingressaram no Parque usando traje típico. “Foi uma das maiores festas já realizadas em Santa Cruz, com atrações diferenciadas e inovações que certamente entram para a história”, enfatiza o presidente da 27ª Oktoberfest, Luís Carlos Moritzen.

CONSUMO – Embora não seja o foco da festa, que investe na preservação da cultura alemã – com ênfase para os bailes animados pelas bandinhas típicas alemãs (inclusive com uma Banda da Alemanha), apresentações de danças folclóricas, farta gastronomia, jogos germânicos, desfiles de carros alegóricos e Escolas de Língua e Culinária Alemã – a Oktoberfest também tem números expressivos quando o assunto é o consumo de bebidas. De acordo com a Assemp, foram consumidos 120 mil litros de chope e 37 mil litros de refrigerante e água. “Este consumo representa um acréscimo de 20% com relação ao ano passado”, frisa Borba.

CONTAS – A prestação de contas oficial da 27ª Oktoberfest e Feirasul deve acontecer até o dia 15 de dezembro, conforme convênio de parceria assinado com a Prefeitura de Santa Cruz para a realização dos eventos. “Estamos confiantes num resultado positivo, que possa nos dar condições de já iniciar a organização da próxima festa”, adianta o presidente da Assemp. A 28ª Oktoberfest e Feirasul, que acontecem de 10 a 21 de outubro de 2012, serão comandadas pelo presidente Ênio Ernesto Wermuth e pelo vice Roberto Gross, que já trabalham na definição do tema para a próxima festa e na montagem da equipe de trabalho.

Bookmark and Share
1 comentário
28 out14:45

FC Santa Cruz acerta com Creedence e Castor

O Departamento de Futebol do FC Santa Cruz fechou nesta sexta-feira mais dois nomes para o elenco que vai vestir a camisa do Galo no seu 99º ano. Trata-se do centroavante Creedence e do meia Castor. Ambos são jogadores rodados, com grande experiência e irão integrar o grupo de “cascudos” do elenco. Ambos vão se apresentar junto com o restante no dia 24 de novembro, por conta da abertura da temporada para o Gauchão/2012.

Castor e Creedence

Segundo o vice-presidente de futebol Eduardo Heuser os dois jogadores são da confiança do técnico Edinho. – São atletas experientes, que vem para somar muito no nosso grupo – aponta. Estes dois jogadores se juntam aos já contratados Vinícius (volante), Juari (atacante), Gílson, (centroavante), Rodrigo (goleiro), Teda (zagueiros), Cristiano (ala) e Tiago Ranow (ala).

O meia Castor tem 32 anos e tem grande expectativa em disputar seu primeiro Gauchão. – Fui campeão da Copa RS em 2008 e no ano seguinte comecei a temporada no 15 de Novembro, de Campo Bom, mas não cheguei a jogar o campeonato. Mas acredito que o Santa Cruz esteja montando um bom time, já pelo que conheço o trabalho do Edinho, pois é a quarta vez que trabalho com ele – aponta.

Quem são

Centroavante – Creedence Clearwater Couto nasceu em Ribeirão Preto (SP), tem 32 anos. Iniciou a carreira no Iraty, onde foi campeão paranaense em 2002. Defendeu Guarani, Figueirense (2005), Tombense-MG, Lierse-Bélgica (2005 e 2006), Marília, Volta Redonda-RJ, Santa Cruz-PE, Madureira-RJ, Comercial-SP, América-SP, Sertãozinho-SP, Chipre, entre outros.

Meia – Edmilson Ferreira, o Castor, tem 32 anos e é meia-armador. Tem como uma de suas características a bola parada e a articulação do meio-campo. Foi campeão da Copa RS com o Caxias em 2008. Jogou no Sampaio Corrêa, Gama, 15 de Novembro e esteve por último no Operário de Mato Grosso do Sul.

Bookmark and Share
Comente aqui
28 out14:20

Cinzas do vulcão chileno Hudson podem chegar ao RS no domingo

Zero Hora

A nuvem de cinzas expelida pelo vulcão Hudson poderá atingir o sul do Rio Grande do Sul a partir das 4h da madrugada deste domingo (horário brasileiro de verão), conforme indica o modelo de dispersão de cinzas vulcânicas da agência americana de dados oceânicos e atmosféricos NOAA (National Oceanic and Atmospheric Administration).

Autoridades e especialistas do Chile avaliam que as cinzas poderão atingir níveis altos da atmosfera, região em que os ventos irão circular de sudoeste para nordeste nos próximos dias com uma velocidade prevista em média de 200 km/h, conectando assim a região do vulcão, no sul do Chile, ao Rio Grande do Sul.

A ação do vento pode criar um “corredor” por onde as cinzas serão transportadas até o território gaúcho, passando pela Argentina e pelo Uruguai.

Segundo a meteorologista da Central RBS, Estael Sias, ainda é cedo para avaliar se as cinzas serão facilmente visíveis como no último episódio do vulcão Puyehue, e se poderão afetar atividades em aeroportos ou provocar outros transtornos. Na semana passada, o vulcão Puyehue emitiu cinzas e fumaça, mais um vez, atrapalhando os voos na Argentina, no Uruguai, no Brasil e no Chile.

— Tudo vai depender das condições meteorológicas e da concentração e altitude das cinzas expelidas pelo vulcão — diz ela.

O governo do Chile mantém o alerta vermelho devido ao risco de erupção, embora especialistas afirmem que a atividade vulcânica diminuiu, segundo informações do jornal La Nación. Por determinação das autoridades, a zona de perigo ocupa 45 quilômetros ao redor do vulcão e foi evacuada. Ainda de acordo com o jornal chileno, quatro pessoas se recusavam a deixar a área até a manhã desta sexta-feira.

Bookmark and Share
Comente aqui