clicRBS
Nova busca - outros
28 out15:23

Setor de urgência do Hospital de Três de Maio está superlotado

O setor de urgência e emergência do Hospital São Vicente Paulo de Três de Maio enfrenta excesso de demanda de pacientes quenecessitam de atendimento. Muitos desses poderiam recorrer aos postos de saúde do município.

Devido à grande procura por atendimento médico, mais de 22 mil consultas, no período de janeiro a setembro, foram realizadas no setor de Urgência do hospital.

Segundo o diretor técnico do HSVP, Clóvis Eduardo Tomasi, a maioria desses atendimentos não é de urgência, mas sim consultas eletivas. Segundo dados do HSVP, estimasse que 60 % dos atendimentos realizados (13.200 consultas) poderiam ser feitos nos postos de saúde.

- Além do transtorno que isso dá para o hospital, nós estamos realmente preocupados com o paciente que tem um problema de urgência, porém muitas vezes tem que ficar esperando na fila – destaca Tomasi.

As orientações do Conselho Regional de Medicina e do Ministério da Saúde são que o hospital faça um sistema de fichas com cores diferentes de acordo com a necessidade de atendimento.

- É possível que façamos isso, porém precisamos fazer um treinamento dos profissionais e verificarmos em loco onde já está implantada essa metodologia. Mas é uma saída que estamos procurando para essa dificuldade, além de termos um sistema aonde o paciente passe primeiro pelo posto de saúde e depois seja encaminhado ao hospital em caso de urgência – ressalta o diretor técnico.

Tomasi destaca também que após a consulta de urgência, o acompanhamento e os próximos atendimentos devem ser realizados nos postos de saúde do município.

Tipos de atendimento

Consulta eletiva – Pode ser realizada nos postos de saúde ou em clínicas particulares. É o serviço médico que deve prestar o primeiro atendimento à maioria das ocorrências médicas, tendo caráter resolutivo para os casos de menor gravidade e encaminhando os casos mais graves para o serviço de urgência e emergência ou para internamento hospitalar, para cirurgia eletiva ou para atendimento pelo médico especialista indicado para cada paciente.

Atendimento de urgência – Define-se por urgência a ocorrência imprevista de agravo à saúde com ou sem risco potencial de vida, cujo portador necessita de assistência médica num curto prazo de tempo.

Atendimento de emergência – Define-se por emergência a constatação médica de condições de agravo à saúde que impliquem em risco iminente de vida ou sofrimento intenso, exigindo, portanto, tratamento médico imediato.

Informações: Assessoria de Comunicação do HSVP

Bookmark and Share

Por

Comentários