cultura

15 jul16:28

Dança flamenca chega aos palcos de Santa Rosa no dia 22

Os santa-rosenses tem a oportunidade de prestigiar o charme e o colorido da dança flamenca, no próximo dia 22 de julho, quando a Cia de Flamenco Del Puerto chega à cidade.

O espetáculo Tablao reúne a tríade “baile, cante e guitarra”. Nele, cinco bailarinas mostram um baile através de seu corpo, que além da dança executam ao vivo coros e percussão acompanhadas do poderoso cante flamenco de Sonia Bento e da guitarra virtuosa de Giovani ‘El Gringo’ Capeletti. O projeto de luz, criado especialmente para o musical, traz para o ambiente amplo do palco italiano, a atmosfera intimista dos antigos ‘tablaos’.

O espetáculo será apresentado no Teatro Sesc local (R. Concórdia, 114), a partir das 20h.Os ingressos podem ser adquiridos no Sesc Santa Rosa por R$ 5 para comerciários com Cartão Sesc; R$ 10,00, empresários do comércio; e R$ 15,00 para a comunidade. Outras informações pelo telefone (55) 3512-6044.

Bookmark and Share
Comente aqui
15 jul13:15

“Velozes e Furiosos 5” continua em cartaz neste final de semana

Velozes e Furiosos 5: Operação Rio, que dá sequencia à ação de tirar o fôlego, segue em cartaz neste final de semana, no Cine Cultural de Santa Rosa. Para o espectador que não esquenta a cabeça com o possível e adora o impossível, o filme passa a marcha, estica e aumenta o giro.

Ele será exibido às 20h30min de sexta-feira, sábado e domingo. Também no domingo, haverá exibição às 18h.

Sinopse

Dominic Toretto (Vin Diesel) foi resgatado da prisão por sua irmã Mia (Jordana Brewster) e Brian O’Conner (Paul Walker), que realizam um ousado resgate sobre rodas. Logo em seguida, ele desaparece. Brian e Mia vão até o Rio de Janeiro, onde encontram Vince (Matt Schulze). Ele propõe ao casal o roubo de carros que estão sendo levados em um trem, algo que, segundo ele, será uma operação simples que renderá um bom lucro. Durante a operação, Dominic reaparece e diz à irmã que os planos mudaram. Ela então leva um dos carros a um esconderijo em plena favela carioca, deixando Dominic e Brian enfrentando policiais e bandidos. Ao desmontar o carro, o trio descobre que ele contém um chip com todas as operações ilegais de Hernan Reis (Joaquim de Almeida), incluindo onde guarda o dinheiro arrecadado. É o suficiente para que eles elaborem um plano para roubar a fortuna de Reis, contando com a ajuda de vários amigos.

Ficha técnica

Direção: Justin Lin

Atores: Paul Walker, Vin Diesel, Jordana Brewster, Tyrese Gibson.

Duração: 130 min

Gênero: Ação

Duração: 130 minutos

Distribuidora: Paramount

Bookmark and Share
Comente aqui
13 jul11:21

Mostra de Curtas demonstra potencialidades da Sétima Arte em Santa Rosa

Curta "Aurora" levou seis dos sete prêmios do Ensino Médio

A sétima arte não precisa ser apenas consumida, assistida em Santa Rosa. Cinema pode ser feito em Santa Rosa. Foi isso que demonstraram, em alto estilo, alunos do Instituto Sinodal Da Paz. Na noite desta terça-feira a 5ª Mostra de Curtas Da Paz impressionou o público que lotou o Centro Cívico Cultural de Santa Rosa, pela sensibilidade e talento de jovens estudantes.

Os curta-metragens produzidos por alunos foram avaliados por um júri específico, nas categorias ensino fundamental e ensino médio.

Além da sensibilidade fotográfica, talento na encenação e adequação da trilha sonora, os estudantes demonstraram conhecimento amplo de assuntos da atualidade e conduziram uma reflexão sobre temas como buillyng, doação de órgãos, combate ao preconceito, aceitação das diferenças e diversas facetas da realidade.

Destaque para o filme “Aurora” do 3º ano que levou seis dos sete troféus “Da Pazito” da categoria ensino médio.

Diante da qualidade dos trabalhos apresentados, o Secretário de Cultura Ângelo Zeni, convidou todos os trabalhos a integrarem a 1ª Mostra de Cinema de Santa Rosa, que ocorrerá no final de setembro.

Vencedores Ensino Fundamental

Melhor Filme: Jogo do Amor – 8ª série

Melhor Trilha Sonora: O Jogo Virou – 7ª série

Melhor Direção: Jogo do Amor – 8ª série

Melhor Ator: Leonardo Zink – 8ª série

Melhor Atriz : Elisa Hartamann Kist da 8ª série e Tanandra Munique Hermanns da 6ª série

Melhor Roteiro: Jogo do Amor – 8ª série

Melhor Cartaz: Documentário “História dos Curtas” – 5ª série

Vencedores Ensino Médio

Melhor Filme: Aurora – 3º ano

Melhor Trilha Sonora: Aurora – 3º ano

Melhor Direção: Aurora – 3º ano

Melhor Ator: Giovane Barbieri – 3º ano

Melhor Atriz : Valesca Linauer – Aurora – 3º ano

Melhor Roteiro: Aurora – 3º ano

Melhor Cartaz: Dupla Face – 1º ano

Bookmark and Share
Comente aqui
06 jul17:15

O Inverno da Saudade é tema do Resistência

Paulo Joner, leitor-repórter

O inverno de nosso atrevimento será a tarifa de vossa felicidade, afirmou Shakespeare – Rei Lear. No Resistência a saudade não dói e o inverno não é frio. É sábado, dia 9, lá no Sesc de Santa Rosa.

A esperança é um urubu pintado de verde. O inverno é um papagaio pintado de saudade. O Resistência é um sábado pintado de surpresas. Na saudade o passado não reconhece o seu lugar. No inverno ele está sempre presente. Neste sábado eles viram Resistência.

O evento começará às 20h30min, no teatro do SESC , com entrada gratuita. No cardápio, debate, teatro, música, literatura, charges do Mó, dança e multimídia.

Bookmark and Share
Comente aqui
06 jul14:00

Exposição de literatura de cordel combina poema e viola

Até o dia 29 de julho, os santa-rosenses têm a oportunidade de conhecer a exposição “O Cordel e o Cantador – Mostra didática sobre literatura de cordel”. As obras que compõe a mostra podem ser apreciadas no Sesc local (Rua Concórdia, 114), de segunda a sexta-feira, das 8h às 22h, com entrada franca.

A exposição pretende resgatar a literatura de cordel, reproduzindo no formato comum, onde os cordelistas/poetas populares apresentam seus trabalhos pendurados em cordões, com as capas voltadas para o público, além de destacar o papel do catador ou repentista.

Literatura alternativa, poema popular e viola

A literatura de cordel é um tipo de poema popular, originalmente oral, e depois impressa em folhetos rústicos ou outra qualidade de papel. Chamam a atenção pela forma que são expostos para venda: pendurados em cordas ou cordéis, fato que deu origem ao nome dado em Portugal, onde existia a tradição de pendurar folhetos em barbantes. São escritos em forma rimada e alguns poemas são ilustrados com xilogravuras, o mesmo estilo de gravura usado nas capas. As estrofes mais comuns são as de dez, oito ou seis versos. Os autores ou cordelistas recitam esses versos de forma melodiosa e cadenciada, acompanhados de viola, como também fazem leituras ou declamações muito empolgadas e animadas para conquistar os possíveis compradores.

A exposição integra a agenda do Arte Sesc – Cultura por toda parte e antecede as comemorações do Mês do Folclore, que é em agosto.

Bookmark and Share
Comente aqui
05 jul16:34

Charme da dança flamenca chega aos palcos de Santa Rosa

Em Santa Rosa, Andrea del Puerto, Ana Medeiros, Daniele Zill, Juliana Prestes e Miguel Alonso se apresentam acompanhados de Juliana Kersting e Tatiana Flores, no dia 22, no Teatro Sesc local (R. Concórdia, 114), a partir das 20h.Os bailarinos apresentam o espetáculo “Tablao” através do Arte Sesc – Cultura por toda parte.

A tríade “baile, cante e guitarra” forma a identidade flamenca, que impressiona pelo charme e colorido da mistura.

Cinco bailarinas mostram um baile por meio de seu corpo e, além da dança, executam ao vivo coros e percussão acompanhadas do poderoso cante flamenco de Sonia Bento e da guitarra virtuosa de Giovani ‘El Gringo’ Capeletti. O projeto de luz, criado especialmente para o musical, traz para o ambiente amplo do palco italiano, a atmosfera intimista dos antigos ‘tablaos’.

Os ingressos podem ser adquiridos a partir do dia 10 de julho, no Sesc Santa Rosa, por R$ 5,00 para comerciários com Cartão Sesc; R$ 10,00 empresários do comércio; e R$ 15,00 comunidade em geral.

Informações complementares podem ser obtidas pelo telefone (55) 3512-6044.

Bookmark and Share
Comente aqui
01 jul11:02

Ponto de Leitura será inaugurado no bairro Oliveira

Na próxima terça-feira, dia 5, o acesso à leitura recebe um importante reforço em Santa Rosa. No Centro de Convivência dos Idosos do bairro Oliveira, os amantes da literatura irão se reunir para a inauguração do Ponto de Leitura Girando Letras.

Com um acervo de 600 livros, o ponto deve garantir acesso gratuito às diversas possibilidades que a leitura oferece. A conquista se deve ao esforço da entidade OSCIP Cidade Interativa.

A solenidade de inauguração começará às 16h, com momento literário e musical.

Bookmark and Share
Comente aqui
29 jun17:28

“Concerto de ispinho e fulô” traz diversão a Santa Rosa

O espetáculo do grupo paulista Cia. De Tijolo, “Concerto de ispinho e fulô”, será apresentado gratuitamente em Santa Rosa. O Ginásio do Sesc recebe o espetáculo no próximo dia 2, às 20h.

A história se passa quando uma rádio conexão São Paulo/Assaré anuncia que uma companhia de teatro paulista chega para entrevistar o poeta Patativa. O que seria uma entrevista costumeira se transforma num diálogo entre o popular e o erudito, o urbano e o rural e culmina com a denúncia de um dos primeiros ataques aéreos contra civis em território brasileiro, que não está nos livros de história.

Os grupos que compõem o projeto Circuito Sesc Palco Giratório fazem itinerância percorrendo capitais e cidades do interior, passando por teatros, centros culturais e praças públicas até o mês de dezembro. Nessa edição participarão 16 grupos de vários estados, além de companhias que participam como convidados. Ao todo, serão percorridas 114 cidades, num total de 728 apresentações, em todas as regiões do território brasileiro.

Outras informações podem ser obtidas no Sesc local pelo telefone (55) 3512-6044.

Bookmark and Share
Comente aqui
25 jun14:36

Grupo GEMP irá se apresentar no Canadá

Leandro Rupp, leitor-repórter e Maria Inez Flores Pedroso, Conselheira do clicRBS Santa Rosa


É de Crissiumal, um município com pouco mais de 14 mil habitantes, que parte para o mundo uma companhia de dança reconhecida pela beleza, grandiosidade e riqueza de detalhes de seus espetáculos. A cada 100 habitantes do município, um dança no grupo. Assistir ao espetáculo do Grupo GEMP possibilita viajar por diferentes culturas e surpreender-se com a fluidez da imaginação.

Toda essa exuberância faz com que o grupo, mais uma vez, seja o representante do Brasil em um evento internacional. A companhia de dança de Crissiumal, composto por integrantes voluntários, representará o Brasil no maior evento de folclore das Américas e um dos maiores do mundo: o 30º Mundial de Culturas do Canadá.

Serão 12 dias de evento, de 5 a 17 de julho, em Quebec, com espetáculos de música e dança, feira de artesanato típico, seminários, oficinas, palestras, desfiles pelas ruas da cidade, durante os três turnos do dia e um parque com cinco palcos de programação simultânea. Um verdadeiro espetáculo aos olhos.

Entre os 21 artistas que irão se apresentar no Canadá, dois são santa-rosenses: Nídia Lorise Engel, formada em música pela UFSM e Darlan Ortaça, que já se apresentou em diversos países da Europa e América do Sul.

O Brasil será representado pelo GEMP, com cinco quadros diferentes: dois de folclore gaúcho; um com o folclore do nordeste e a cultura dos cangaceiros (que fez muito sucesso em 2010 na Holanda e Portugal); um com o folclore da Amazônia e do Pará, com danças de origem africana e lendas indígenas; um para o carnaval de Olinda (frevo) e do Rio de Janeiro (samba).

Que grupo é esse?


O GEMP foi criado em março de 1994, em Crissiumal, por iniciativa de um grupo de crianças que faziam aula com o estudante Leandro Diel Rupp, na época com 15 anos. Em pouco tempo, o grupo foi ganhando reconhecimento regional e estadual. A partir de 1999, passou a participar dos festivais de âmbito estadual e nacional.

Em 2004, na sua estreia em uma competição fora do Brasil, o Grupo conquistou nove prêmios, dentre eles, o prêmio especial “Mejor Vestimenta” no Certamen Internacional de Danza de Buenos Aires, Argentina.

Conscientes de que a oportunidade pode fazer a diferença na vida das pessoas, o grupo resolveu socializar seu processo educativo para difundir a dança no município e, em 2001, abriu uma escola de dança comunitária para trabalhar com crianças, jovens e adultos. Atualmente a Escola de Dança do GEMP têm matriculados mais de 100 alunos, divididos em Turmas Dente de Leite, Infantil, Juvenil e Terceira Idade.

Outras Participações Internacionais

2006 – Buenos Aires, Argentina, concurso de dança – 8 prêmios, medalha de ouro e melhor figurino

2008 – Chile e Bolívia, representou o Brasil em festivais internacionais de folclore

2009 – Polônia (se apresentou em mais de 15 cidades, Legnica, Krynca, Wrotslaw, entre outras) e Eslováquia, represenando o Brasil em festivais internacionais de folclore

2010 – Portugal (se apresnetou em mais de 15 cidades: Aveiro, Braga, Porto, Santa Maria da Feira, Guimarães, etc) e Holanda, representou o Brasil em festivais internacionais de folclore.

2011: 30º Mundial de Culturas do Canadá, representará o Brasil.

Bookmark and Share
Comente aqui
24 jun12:12

Vencedor do Musicanto participará de programa especial da Rede Globo

O programa “Som Brasil” da Rede Globo homenageia um dos maiores ritmistas brasileiros: Jackson do Pandeiro. Lenine será um dos cantores que subirá ao palco para relembrar os sucessos do artista.

Lenine foi um dos vencedores do Musicanto de Santa Rosa. A música com a qual o cantor venceu o festival de 1992 é tema do personagem “Capitão Herculano”, da novela global “Cordel Encantado”. Candeeiro Encantado fala das peculiaridades culturais do sertão.

O programa vai ao ar depois do programa do Jô.

Letra da música vencedora

Candeeiro Encantado

Lá no sertão

Cabra macho não ajoelha

Nem faz parelha

Com quem é de traição

Puxa o facão, risca o chão

Que sai centelha

Porque tem vez

Que só mesmo a lei do cão…

É Lamp, é Lamp, é Lamp

É Lampião

Meu candeeiro encantado

Meu candeeiro encantado…

Enquanto a faca não sai

Toda vermelha

A cabroeira

Não dá sossego não

Revira bucho

Estripa corno, corta orelha

Quem nem já fez

Virgulino, o Capitão…

É Lamp, é Lamp, é Lamp

É Lampião

Meu candeeiro encantado

Meu candeeiro encantado…

Já foi-se o tempo

Do fuzil papo amarelo

Prá se bater

Com poder lá do sertão

Mas lampião disse

Que contra o flagelo

Tem que lutar

Comparabelo na mão…

É Lamp, é Lamp, é Lamp

É Lampião

Meu candeeiro encantado

Meu candeeiro encantado

Meu candeeiro encantado…

Falta o cristão

Aprender com São Francisco

Falta tratar

O nordeste como o sul

Falta outra vez

Lampião, trovão, corisco

Falta feijão

Invés de mandacaru

Falei!…

Falta a nação

Acender seu candeeiro

Faltam chegar

Mais Gonzagas lá de Exú

Falta o Brasil

De Jackson do Pandeiro

Maculêlê, Carimbó

Maracatu…

É Lamp, é Lamp, é Lamp

É Lampião

Meu candeeiro encantado

Meu candeeiro encantado

Meu candeeiro encantado…

Bookmark and Share
Comente aqui