Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Fique atento aos sinais do hipotireoidismo

16 de agosto de 2009 0


O hipotireoidismo é uma das doenças hormonais mais comuns nos consultórios dos endocrinologistas. O hipotireoidismo acontece pela redução da ação ou da produção de hormônios na tireóide.

O aparecimento do hipotiroidismo aumenta com a idade e apesar de ser quase 10x mais comum nas mulheres, também ocorre nos homens.

 

Causas

As causas desta doença são muitas, e vão desde o uso de algumas drogas, a doenças auto-imunes, isto é, doenças onde o próprio sistema imunológico do indivíduo, o sistema de defesa, ataca a própria tireóide resultando em inflamações da tireóide, as chamadas tireoidites.

 

Sintomas

Estes hormônios regulam funções praticamente em todos os órgãos e tecidos do nosso corpo.

Nos adultos, o hipotireoidismo pode prejudicar a performance física e mental do indivíduo. Além disso, esta doença é um fator de risco para doenças cardíacas e aumenta a chance de infartos nas pessoas com baixa nestes hormônios.

Quando estes hormônios estão baixos, todo o organismo desta pessoa fica mais lento.

Na maioria das vezes, os sintomas não aparecem de imediato, outras vezes, os sintomas são leves e passam desapercebidos. Geralmente, o diagnóstico é feito através da dosagem no sangue dos hormônios TSH e T4.

 

Apesar dos sinais e sintomas não serem específicos desta doença, podendo ocorrer em outras doenças, estes sinais podem ser um alerta que a tireóide vai mal:

  • fadiga, cansaço excessivo, fraqueza muscular
  1. aumento da sensibilidade ao frio,  “ser muito friorento”
  2. pele seca e cabelos quebradiços
  3. rouquidão ou fala arrastada
  4. ganho de peso
  5. desânimo ou humor depressivo
  6. inchaço e dor nas articulações
  7. constipação (intestino preso)
  8. irregularidade menstrual (nas Mulheres)
  9. aumento do colesterol
  10. infertilidade
  11. batimento lento do coração

 

Lembre-se, você até pode sentir um ou dois destes sintomas, mas a simples presença deles não é diagnóstico, pois outras doenças podem ter os mesmos sinais. O diagnóstico pode ser feito com a simples dosagem dos hormônios no sangue, num exame de rotina.

 

O tratamento é feito com a reposição hormonal

 

Teste do pezinho

Nas crianças, o hipotireoidismo pode ter um efeito devastador no crescimento do bebê, sendo diagnosticado no teste do pezinho, que detecta precocemente algumas doenças (fenilcetonúria, hipotireoidismo congênito, anemia falciforme e fibrose cística) e é obrigatório por lei no Brasil.

Postado por Flavio Lobo Heldwein, Florianópolis Santa Catarina

Envie seu Comentário