Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Métodos contraceptivos

01 de outubro de 2012 0


Embora 15% dos casais tenham algum grau de dificuldade para engravidar, tendo de investigar e tratar fatores de infertilidade, existem muitos casos de gestação não planejada, especialmente entre adolescentes e mulheres até 24 anos. Nesta faixa etária, o desconhecimento acerca do uso de métodos contraceptivos, a falta de regularidade nas consultas médicas, bem como a dificuldade de acesso, faz com que muitas gestações ocorram sem nenhum planejamento.

Uma alternativa eficaz para este grupo é o uso de métodos contraceptivos de longa duração, como o DIU (que dura de 5 a 10 anos) e os implantes (dispositivos hormonais colocados sob a pele do braço e que duram de 3 a 5 anos). Ambos os métodos têm a vantagem de serem reversíveis, não requerer grandes intervenções por parte das usuárias e não interferir com a atividade sexual. Além disto, do ponto de vista econômico, apresentam menor custo em relação a outros métodos.

Muitas mulheres desconhecem estas informações e por isto não consideram estes métodos como alternativas viáveis de anticoncepção. Embora o uso deva ser individualizado e cada pessoa vai se adaptar com um tipo de método contraceptivo, oportunizar o acesso a todos, discutindo as vantagens e desvantagens de cada método, deve ser um dever dos profissionais e das instituições de saúde.

Envie seu Comentário