Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Ovários policísticos

12 de outubro de 2015 0

A síndrome dos ovários policísticos ( SOP) é uma desordem endócrina que leva a várias complicações metabólicas e reprodutivas. Segundo estatísticas, a SOP afeta 5-10% das mulheres em idade reprodutiva, podendo chegar a 30% nas mulheres jovens com sobrepeso e obesidade.

Esta síndrome é a principal responsável pela infertilidade de causa anovulatória. Além disso, quando grávida, a mulher com ovários policísticos têm um risco aumentado para complicações obstétricas, como diabete gestacional, pré-eclâmpsia e trabalho de parto prematuro.

Existem, atualmente, várias definições para SOP, mas a mais usada é a de 2003, onde a paciente para ser definida como tendo síndrome dos ovários policísticos deverá apresentar pelo menos dois dos seguintes critérios:
1. Ciclos menstruais longos ou ausentes
2. Sinais clínicos e/ou laboratoriais de hiperandrogenismo ( como acne e aumento de pelos no corpo)
3. Ecografia mostrando ovários policísticos

Mais recentemente, em 2006, uma nova classificação para SOP também vem sendo usada por alguns especialistas. Segundo ela, para a mulher ser classificada como tendo SOP, ela deverá obrigatoriamente ter sinais hiperandrogênicos ( como acne e aumento de pelos ) e ciclos anovulatórios, podendo ter ou não ecografia com ovários policísticos.

O importante é ter presente que, independente do critério utilizado para definir SOP, as mulheres com esta síndrome quando engravidam têm maior risco de complicações obstétricas.
Esta informação deve ser dada para a paciente a fim de que ela perceba a importância de um pré-natal bem monitorado.

Postado por Isabel de Almeida

Envie seu Comentário