Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Criando o Espetáculo!

07 de setembro de 2012 2

“A cadeira de rodas é vista como um símbolo de aprisionamento, de medo, mas pra mim significa liberdade! É com ela que me movimento.”

Esta frase foi dita por Sue Austin, uma artista inglesa, tetraplégica, de 46 anos. Ela faz apresentações dançando enquanto mergulha com sua cadeira de rodas, adaptada precisamente para esta função.

A ideia de liberdade por ela defendida, propõe uma quebra de paradigmas, no que se refere à concepção de um suposto aprisionamento imposto por uma determinada deficiência. Esta percepção revelada por Sue, nos leva a repensar o universo de possibilidades que uma pessoa com deficiência tem em sua vida.

Foto de Sue Austin mergulhando com sua cadeira de rodas subaquática

Durante as paralimpíadas que estão sendo realizadas em Londres no momento, ela está fazendo apresentações embaixo dágua, dançando em sua cadeira. Câmeras subaquáticas captam as imagens que são transmitidas para um telão. Após o término das paralimpíadas, Sue irá se apresentar em outras regiões do Reino Unido, com apoio do governo inglês.

Foto de Sue Austin mergulhando com sua cadeira de rodas subaquática

Espero que este tipo de iniciativa, que envolve arte e superação, possa incentivar pessoas com deficiência no mundo todo a buscarem a libertação dos seus “supostos aprisionamentos”.

Foto de Sue Austin mergulhando com sua cadeira de rodas subaquática

Clique aqui para assistir ao vídeo com entrevista e imagens das apresentações de Sue Austin. É realmente um belo e impressionante espetáculo!

(Fotos: wearefreewheeling.org.uk)

Comentários (2)

  • Rose diz: 10 de setembro de 2012

    Muito boa a matéria! Parabéns ao blog!!!

  • Às vezes não exploramos o nosso potencial ao máximo.Ai vem alguém que aparentemente teria uma limitação e nos dá uma lição de vida = “A cadeira de rodas é vista como um símbolo de aprisionamento, de medo, mas pra mim significa liberdade! É c diz: 19 de março de 2014

Envie seu Comentário