Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "propaganda"

O fenômeno "Neymarketing"

27 de agosto de 2012 0


Segundo levantamento da Controle da Concorrência, que monitora inserções publicitárias, do dia 3 ao dia 16 de agosto, o jogador Neymar surgiu 423 vezes em comerciais na televisão. Considerando o último contrato fechado com a Volkswagen, o camisa 11 do Santos empresta sua imagem a dez marcas diferentes: Nike, Panasonic, Red Bull, Tenys Pé, Ambev, Lupo, Santander, Claro, Unilever e a própria Volks.


Mas por quê todo mundo quer Neymar?

De sorriso fácil e um talento que rompe fronteiras, o jogador é considerado como um ótimo retorno de investimento. O fato de as marcas usarem pessoas famosas em campanhas publicitárias é bastante comum e costuma trazer resultados positivos para a divulgação de produtos. Segundo Ana Paula da Silva Lisboa – especialista em comunicação social -, “ao reconhecer um rosto na propaganda, as pessoas dedicam mais tempo para prestar atenção ao anúncio. A celebridade pode contribuir para garantir grande status ao produto anunciado”.



“As pessoas estão dispostas a pagar mais por um mesmo produto quando seu anúncio veicula uma pessoa famosa. Não porque o produto seja melhor que outros da mesma categoria, simplesmente pelo fato de a marca estar associada ao rosto de uma pessoa conhecida. Por todas essas razões é bastante vantajoso para as empresas utilizarem esse tipo de comercial. Comparando com um modelo anônimo, mesmo que seja mais adequado ao perfil do produto e do público alvo, usar uma pessoa famosa acaba sendo melhor.”


Neymar está aí: ele vende. Como Ayrton Senna, Ronaldinho e o próprio Pelé, que é uns dos mais requisitados antes e após a sua aposentadoria dos gramados. O Rei do futebol não faz propaganda por menos de R$ 2 milhões e chega a faturar cerca de R$ 30 milhões por ano com sua grife.



Grandes empresas estudam cada atleta e definem qual patrocinar. Há também muitas possibilidades de risco que as personalidades podem trazer, como é o caso do talentoso golfista Tiger Woods. Em meio a escândalos em 2009, a empresa global de consultoria Accenture e a marca de isotônicos Gatorade romperam com o atleta, enquanto a Gillette, empresa de produtos para barbear, e a Tag Heuer, empresa suíça fabricante de relógios, pararam de usar sua imagem em peças publicitárias.


Abaixo, uma recente avaliação realizada pela revista SportsPro, especializada em marketing esportivo, sobre o potencial mundial de cada atleta no quesito “marketing”, onde são considerados atributos como idade, mercado de origem, perfomance, exposição, carisma e apelo junto ao público.

1 – Neymar Jr. (futebol)
2 – Rory Mcllroy (golfe)
3 – Lionel Messi (futebol)
4 – Usain Bolt (atletismo)
5 – Cristiano Ronaldo (futebol)
6 – Blake Griffin (basquete)
7 – Novak Djokovic (tênis)
8 – Sebastian Vettel (fórmula 1)
9 – Tim Tebow (futebol americano)
10 – Yani Tseng (golfe)


Fonte: Acontecendo Aqui, Folha de S.Paulo, AdNews, IstoÉ Dinheiro

Coca-Cola vende seu refrigerante em saquinhos

06 de junho de 2012 0




Como muitos países, em El Salvador o custo da garrafa PET ou vidro encarece o preço dos refrigerantes, tal como cervejas e outros tipos de bebidas. Em razão disso, a Coca-Cola resolveu lançar o “The Coca-Cola Bag”, um saquinho que quando fica cheio com o refrigerante ganha a forma da garrafa. Pois sem a centenária silhueta, não há uma identificação da bebida e o nome da marca também não circula.


Sendo assim, o custo final do produto ao consumidor foi reduzido e, além de preservar os nossos próprios recursos naturais, também economiza com o gasto desnecessário. Esta ação faz parte da estratégia da marca em levar felicidade interagindo com o lado emocional das pessoas e pregando ainda mais sua influência no mundo. Confira o videocase:


Em novo vídeo, Itaú explica polêmica da folha de maconha na almofada

10 de fevereiro de 2012 0




O vídeo do bebê Micah sorrindo já tinha a impressionante marca de mais de 34 milhões de vizualizações. Prova de que ainda não saturou, o banco Itaú – aproveitando-se do viral – com sua campanha sustentável, alcançou 13 milhões de views no YouTube.


Agora, após polêmica sobre o que uma folha de maconha estava fazendo estampada na almofada, o banco publicou um vídeo em que conversa com os pais do bebê Micah. A mãe então mostra a almofada e diz que não esperava tanta repercussão, quando o pai admite: “Nós nunca usamos drogas, então nem reconhecemos.” “É só um objeto decorativo, confortável e fofinho”, completa ela. Veja:


Fonte: Adnews

Parabéns profissionais de propaganda

17 de outubro de 2011 0

 

 

 

Hoje, 17 de outubro, é o Dia do Profissional de Propaganda. Uma homenagem do blog Sem Censura a todos que trabalham ou trabalharam com propaganda. Compartilho aqui um ótimo texto do cronista Rogério Rothje, do Cronicato, veja:



Criatividade é mais ou menos como fitness. Se você quer ficar sarado, precisa exercitar. Claro que tem os criativos por natureza, que tiram sacadas dos acontecimentos mais banais do dia a dia, mas tem os criativos técnicos também, os caçadores de ideias. Seja como for, em ambos os casos a prática é fundamental.


Em propaganda, essencialmente, um dos paradigmas que a gente precisa quebrar de vez é que não existe ideia ruim. Existe ideia mal direcionada, mal desenvolvida, mal aproveitada. Direcionar a ideia é focar a necessidade do cliente, a verba que ele tem e os objetivos da comunicação, e voltar os miolos pra pensar nessa direção; desenvolver a ideia é entender a “sacada” como um start e não como o ponto final – é maturar bem, esgotar as interpretações possíveis para ela, é olhar a ideia por todos os ângulos e procurar um que, se possível, ainda não tenha sido enxergado antes; aproveitar a ideia é dar a ela asas, meios para que possa ser empregada no rádio, na TV, na internet, em anúncios, etc, com inteligência e, principalmente, sem se perder do conceito adotado.


Subverter a ideia. Pensar o que ninguém pensou. Surpreender com o inesperado. Transformar o comum em exclusivo, o clichê em novidade. Se você é criativo de agência, se consegue isso com frequência, com critério e objetividade, pode crer, já deve ter um cérebro tanquinho trabalhando a seu favor e do seu cliente.

Striptease virtual para divulgar água mineral

13 de outubro de 2011 0



Finalmente, um post dedicado às mulheres…


A marca francesa de água mineral Contrex criou esta fantástica ação no qual foram colocadas várias bicicletas de academia numa praça que, ao serem utilizadas, davam início a um striptease virtual masculino. Uma inspiração a mais para a mulherada suar a camisa e beber Contrez; água mineral que possui cálcio e magnésio na medida certa e ajuda você a eliminar as toxinas diárias do corpo. Confira a ação:


Dica: Cristiane Cordioli – editora da diagramação do jornal Hora SC

Angry Birds em tamanho real

23 de junho de 2011 0




A T-Mobile foi até Barcelona e produziu um vídeo mostrando pessoas jogando Angry Birds no smartphone e, logo em seguida, vendo o resultado do seu “tiro” – tudo isso em proporções reais. Quem jogava era a plateia que estava no local. Assista ao vídeo:


Carro "vendado" em movimento

14 de junho de 2011 0




O trânsito da Nova Déli, na Índia, é conhecido por ser caótico e ter um alto índice de acidentes causados por motoristas embriagados. Como acontece em outras partes do mundo, governo e iniciativa privada unem-se em campanhas com o intuito de mudar os trágicos números. Só que a Hard Rock Café fez diferente. Decidiu entrar sozinha na briga contra os motoristas alcoolizados.


Querendo sensibilizar a população e ao mesmo tempo divulgar sua marca, a casa botou um carro todo vendado – coberto por uma capa – nas ruas para lembrar às pessoas como é que um bebaço dirige. Nunca o texto “Dirigir bêbado é perigoso” esteve em um contexto tão apropriado. Assista ao vídeo da ação:


Site de vazamentos WikiLeaks inspira propaganda de absorvente

20 de dezembro de 2010 0


A palavra “Leak” traduzida para o português significa vazar. Aí não teve jeito: o trocadilho veio naturalmente. A campanha é de uma fábrica de absorventes do Paquistão chamada Butterfly. Aproveitando toda a notoriedade conquistada pelo site WikiLeaks, que vaza documentos secretos da diplomacia dos Estados Unidos, a empresa resolveu ir na onda do caso para criar um slogan próprio: “Wiki vaza… Butterfly, não.”


nn
nn
O WikiLeaks, fundado pelo australiano Julian Assange, começou a causar problemas para os Estados Unidos em abril, ao divulgar vídeos de civis iraquianos sendo mortos durante um ataque aéreo americano. Desde então, os textos publicados por sua fundação expõem a maior potência do mundo de diversas formas – desde o trabalho da CIA a relatórios confidenciais de diplomacia. Julian chegou até a ser preso, por uma acusação de estupro e agressão sexual na Suécia, mas foi liberado.

Syed Amjad Hussain, um dos chefes da RG Blue, a empresa que fez o anúncio, apostou que misturar os dois assuntos daria em polêmica – e acertou. – Nós recebemos uma grande resposta do público, e todos estão comentando sobre nós.


O diretor de arte da empresa, Munir Bhatti, também explicou a estratégia. “Eu poderia ter colocado outro anúncio com uma garota falando do absorvente, mas fizemos diferente, completamente diferente”. Veja como ficou o outdoor:

Fonte: ComentariumVecindad Gráfica (México)

Esculturas de tinta feitas a partir do som

14 de novembro de 2010 2



A Dentsu London lançou recentemente um belo projeto promovendo a nova linha de impressoras Canon PIXMA. Através da captura de tintas “dançando” através das ondas de som. As fotos e filmagens aconteceram utilizando a câmera Canon 5D Mark II, e lentes Canon EF 100mm Macro IS USM. Confira esse espetáculo de imagens, também diretores de produção e fotografia comentando o vídeo:



O resultado só foi possível colocando um balão ao lado das caixas de som, derrubando assim pequenas gotas de diferentes tintas em seu centro. Ao tocar uma única nota na caixa de som, o efeito está pronto para ser capturado. Magnífico!



As propagandas de ontem e de hoje

12 de novembro de 2010 0


O design, os estilos e as modas em relação a propaganda sempre estão em constante evolução. Este post mostra os anuncios de ontem e hoje de determinados produtos que estão no mercado até os dias atuais. Podemos perceber a evolução no uso de fontes diferenciadas, imagens, fotografias, algumas logomarcas tb foram modificadas com o passar do tempo e principalmente o proprio estilo de anunciar e posicionamento dos produtos. Tudo bem que hoje nós temos computadores, ferramentas de edição gráfica q facilitam mto o trabalho, mas  com tantas facilidades a criatividade de cada anuncio tem q ser redobrada. Seguem algumas:



Leite moça, da Nestlé









Lembram que a marca Sorriso era Kolinos? Amarela e Verde. Mas sempre as publicidades deste creme dental tem algo a ver com água, mar, etc.









Doces e chocolates em geral









Propaganda do Melhoral. Não encontrei anúncios recentes deste produto, o mais parecido seria a Aspirina









Gillette, hoje em dia existem mtos tipos deste produto: Mach III, com 1 lâmina, 2 llâminas, para mulheres, etc.















Quanta diferença!!









Outro de creme dental