Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts na categoria "publicidade"

Universidade cria outdoor que produz água potável a partir da umidade do ar

22 de fevereiro de 2013 0

“Um painel que gera água potável? Sim, isso é possível graças à engenharia em ação.”

Esta é a proposta da nova campanha publicitária da UTEC – Universidade de Engenharia e Tecnologia de Lima, que para promover seu processo de admissão, desenvolveu o primeiro outdoor do mundo capaz de produzir água potável a partir da umidade do ar.

A campanha é assinada pela agência Mayo Publicidade e segundo Humberto Polar, VP de Criação Regional da Mayo “O conceito central da campanha criativa é “engenheiros em ação” e se foca em mostrar que por trás de tudo o que nos rodeia, existem engenheiros que através de suas “engenhocas”, foram capazes de encontrar soluções a problemas e contribuíram com a sociedade.”

Localizado em uma região em que a chuva é escassa durante todo o ano, mas a umidade atmosférica chega a quase 98%, o painel proverá aos moradores e turistas 96 litros de água potável por dia. O projeto consiste em cinco máquinas, que através de um sistema eletrônico especial convertem a umidade em água que desemboca em um cano localizado na parte inferior do painel.

O fenômeno "Neymarketing"

27 de agosto de 2012 0


Segundo levantamento da Controle da Concorrência, que monitora inserções publicitárias, do dia 3 ao dia 16 de agosto, o jogador Neymar surgiu 423 vezes em comerciais na televisão. Considerando o último contrato fechado com a Volkswagen, o camisa 11 do Santos empresta sua imagem a dez marcas diferentes: Nike, Panasonic, Red Bull, Tenys Pé, Ambev, Lupo, Santander, Claro, Unilever e a própria Volks.


Mas por quê todo mundo quer Neymar?

De sorriso fácil e um talento que rompe fronteiras, o jogador é considerado como um ótimo retorno de investimento. O fato de as marcas usarem pessoas famosas em campanhas publicitárias é bastante comum e costuma trazer resultados positivos para a divulgação de produtos. Segundo Ana Paula da Silva Lisboa – especialista em comunicação social -, “ao reconhecer um rosto na propaganda, as pessoas dedicam mais tempo para prestar atenção ao anúncio. A celebridade pode contribuir para garantir grande status ao produto anunciado”.



“As pessoas estão dispostas a pagar mais por um mesmo produto quando seu anúncio veicula uma pessoa famosa. Não porque o produto seja melhor que outros da mesma categoria, simplesmente pelo fato de a marca estar associada ao rosto de uma pessoa conhecida. Por todas essas razões é bastante vantajoso para as empresas utilizarem esse tipo de comercial. Comparando com um modelo anônimo, mesmo que seja mais adequado ao perfil do produto e do público alvo, usar uma pessoa famosa acaba sendo melhor.”


Neymar está aí: ele vende. Como Ayrton Senna, Ronaldinho e o próprio Pelé, que é uns dos mais requisitados antes e após a sua aposentadoria dos gramados. O Rei do futebol não faz propaganda por menos de R$ 2 milhões e chega a faturar cerca de R$ 30 milhões por ano com sua grife.



Grandes empresas estudam cada atleta e definem qual patrocinar. Há também muitas possibilidades de risco que as personalidades podem trazer, como é o caso do talentoso golfista Tiger Woods. Em meio a escândalos em 2009, a empresa global de consultoria Accenture e a marca de isotônicos Gatorade romperam com o atleta, enquanto a Gillette, empresa de produtos para barbear, e a Tag Heuer, empresa suíça fabricante de relógios, pararam de usar sua imagem em peças publicitárias.


Abaixo, uma recente avaliação realizada pela revista SportsPro, especializada em marketing esportivo, sobre o potencial mundial de cada atleta no quesito “marketing”, onde são considerados atributos como idade, mercado de origem, perfomance, exposição, carisma e apelo junto ao público.

1 – Neymar Jr. (futebol)
2 – Rory Mcllroy (golfe)
3 – Lionel Messi (futebol)
4 – Usain Bolt (atletismo)
5 – Cristiano Ronaldo (futebol)
6 – Blake Griffin (basquete)
7 – Novak Djokovic (tênis)
8 – Sebastian Vettel (fórmula 1)
9 – Tim Tebow (futebol americano)
10 – Yani Tseng (golfe)


Fonte: Acontecendo Aqui, Folha de S.Paulo, AdNews, IstoÉ Dinheiro

Vivendo apertado?

25 de junho de 2012 0




Para divulgar o site Immowelt, a alemã Kolle Rebbe criou uma bela ação onde mostra pessoas vivendo em pequenos espaços, apertadas (literalmente).


A agência colocou em três bairros populares um pedaço de mesa, meio sofá e meia TV nas paredes para dar a sensação de que aquele lugar é pequeno demais para morar. As instalações vinham com a simples pergunta “Precisa de espaço?”, e também um código QR Code que levava aos anúncios de casas e apartamentos exibidos no site. Assista para entender melhor a ação:


Usando cerca elétrica como mídia

30 de maio de 2012 0


A publicidade não é nova, porém, um jeito bem diferente de divulgar uma loja de instrumentos musicais da África do Sul. O interessante, além de aplicar a imagem de um contrabaixo – de 4 cordas -, também seria dar um informativo aos desavisados sobre o perigo de tocar.


Outdoor interativo permite que você afaste o agressor da vítima

07 de maio de 2012 0


Não é novidade pra ninguém que existam expressivos casos de violência doméstica em todo o mundo. Todos os dias, milhares de mulheres são agredidas e humilhadas pelos seus namorados, maridos, e (ou) companheiros. Para incentivar as pessoas a denunciarem esses casos, a agência JWT London criou para a NCDV (National Centre for Domestic Violence) uma campanha bem interessante.


Dentro da Victoria Station (estação de Londres), foram colocados painéis digitais que mostravam um homem discutindo com uma mulher. Para que a discussão não ficasse pior e a mulher fosse agredida, as pessoas tinham que acessar pelo celular uma URL que estava escrita no primeiro Outdoor, e depois disso bastava “deslizar” o agressor para longe da vítima. Veja a seguir:


Fonte: Criadesign

Curvas do calçadão da praia de Copacabana são alisadas

26 de abril de 2012 0


Em uma ação conjuta da agência Artplan e a Niely, um dos cartões postais mais bonitos do Rio de Janeiro, o calçadão, foi adesivado para mostrar a eficácia do Creme Alisante Niely Gold.


“A Niely Alisa o Calçadão”, como foi intitulada a ação, utilizou ainda duas promotoras uniformizadas que distribuíram sampling de Niely. Veja:


Fonte: Vox News

Ação em Paris promove tecnologia que ajuda barbeiros a estacionarem direito

20 de abril de 2012 0


Todos sabem que achar uma vaga para estacionar em grandes metrópoles – dependendo do horário – é praticamente impossível. E, quando acham um espaço mínimo, motoristas fazem de tudo para que o carro caiba nela. É o que acontece por aqui e também na Europa.


Diferentemente de brasileiros, parisienses parecem não ter tanto amor com seus carros, por isso, ao encontrar uma vaga batem em outros carros já estacionados sem peso na consciência. Nem um bilhete não deixam para traz.




Para mostrar o impacto que a Active Park Assist – uma nova tecnologia da Ford que ajuda os motoristas a estacionarem sem esforço -, pode ter nas vidas dessas pessoas a empresa criou uma ação em uma rua de Paris. Ao lado de uma vaga foi instalado um painel que simulava um jogo de videogame, chamado “Pinball Park”. O motorista que batia nos outros carros ao tentar estacionar ganhava pontos e era taxado de mau motorista.


O pior motorista ganhou uma nova tentativa: um test drive com um automóvel Ford que estaciona sozinho. Confira a ação:


Fonte: Acontecendo Aqui, Car Scoop


Depois de 125 anos, Coca-Cola muda o nome impresso nos rótulos das garrafas. Veja como

16 de abril de 2012 12




Não é mentira não. Tudo se trata de de um evento na Austrália que fez com que uma das marcas mais valiosas do planeta estampasse em suas embalagens os 150 nomes mais populares do país.


Começando porque a empresa precisava urgentemente reagir a um dado: 50% dos adolescentes e jovens adultos não tinham consumido a bebida naquele mês. Era preciso mudar isso e a organização queria colocar as pessoas falando sobre o refrigerante novamente.




Não se podia perder de vista que as campanhas da Coca-Cola sempre reforçaram sua presença nas relações sociais. Contudo, a forma das pessoas se conectarem na era digital é completamente diferente. A empresa queria estimular as conversas através das redes sociais e das plataformas online, mas queria incentivar o contato real.


E, para isso se valeu de uma estratégia ousada. Convidar os australianos a compartilhar uma Coca com uma outra pessoa. Que pessoa? Alguma que tenha o nome que está impresso na garrafa. Assista aos vídeos e confira os desdobramentos da campanha, intitulada “Share a Coke”.




Gostou? Se a ação fosse feita por aqui, teríamos nas gôndolas rótulos com nomes como Maria, João,Pedro, Gabriel, Miguel, Mariana, Ana, Luis, Gustavo e por aí vai…


Fonte: Programa Da Vinci


Aperte e assista a uma dramática surpresa

11 de abril de 2012 0



O canal de filmes TNT, da Bélgica, criou uma ação de assustar pessoas de um pacato quarteirão da cidade. Com o título “A Dramatic Surprise on a Quiet Square”, o viral tem por objetivo promover o canal de TV, agora em alta qualidade.


Foi posto no local um botão com a indicação “aperte para adicionar drama”. Com isso, eles instigam e atiçam a curiosidade de muita gente (é igual colocar uma caixa preta com um furo no meio, bem no centro da cidade, com um bilhete escrito: ‘não olhe’ – é claro que alguém vai olhar, né!).


Na ação, poucos tiveram a coragem de ir lá apertar. E quando isso acontece… é melhor apertar o play daí mesmo. Confira:


Fonte: Design on the Rocks, Show Your Clips

"The Pitch", o reality show para designers e publicitários

30 de março de 2012 0




Adoradores ou não de reality shows, a emissora americana AMC estreia dia 30 de abril o programa “The Pitch”, um ‘Big  Brother’ que irá fazer os criativos lutar por seus trabalhos.


O roteiro consiste em mostrar, em cada episódio, duas agências de publicidade brigando para conquistar a conta de um único cliente. O telespectador vai ter a oportunidade de ver todo o processo de planejamento, redação, design e tudo mais que acontece para que uma grande campanha seja construída.


A mim interessa. Mas a questão é, será que esse programa vai interessar às pessoas que não têm suas profissões ligadas à criação publicitária? Já quem trabalha em agência e sabe como é cansativa a rotina, será que esses vão querer sentar à noite para assistir a algo que vivenciaram durante todo o dia? Quem sabe, se os projetos valerem a pena. O blog fica aberto para discussões. Confira o trailer:


Fonte: POP4