Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Festival de Cannes"

TV PAGA o pagador de promessas

23 de maio de 2012 0

Há exatos 50 anos, o brasileiro O Pagador de Promessas derrotava outros 70 concorrrentes e conquistava a Palma de Ouro no Festival de Cannes que, coincidentemente, assistiu hoje à estreia de On the Road, de Walter Salles (leia mais aqui). Pois o Canal Brasil exibe hoje, às 22h, a adaptação da peça homônima de Dias Gomes dirigida por Anselmo Duarte (1920-2009). Vale a pena ver de novo o clássico protagonizado por Leonardo Villar (o Zé do Burro) e sua mulher Rosa (Glória Menezes).
Leia mais sobre O Pagador de Promessas aqui e sobre On the Road no Festival de Cannes aqui.

PÔSTER E TRAILER cosmópolis

16 de maio de 2012 0

Cosmópolis, a nova produção do canadense David Cronenberg, concorre à Palma de Ouro no Festival de Cannes, que começou hoje. Estrelado por Robert Pattinson, o drama é baseado no livro homônimo de Don DeLillo e acompanha por 24 horas a vida do milionário Erick Packer, envolvido em uma trama movida a dinheiro e amor.
Juliette Binoche, Paul Giamatti, Samantha Morton e Mathieu Amalric completam o elenco.
Dia 13 de julho, nos cinemas.

ESPECIAL 65º festival de cinema de cannes

16 de maio de 2012 0

Cannes já está sendo devidamente invadida por celebridades. O lúdico e melancólico Moonrise Kingdom, filme dirigido por Wes Anderson e estrelado por Bruce Willis e Edward Norton (que já mostrei aqui), inaugurou hoje, oficialmente, a 65ª edição do Festival de Cinema de Cannes. Vinte e dois longas disputam a Palma de Ouro no famoso festival francês, que segue até dia 26.

E os brasileiros podem estufar o peito, de orgulho: um dos filmes mais esperados é On The Road (Na Estrada), dirigido por Walter Salles e baseado no clássico beat de Jack Kerouac. Outro destaque é Cosmópolis, de David Cronenberg,  adaptado da obra de Don DeLillo (que comento na sequência).
No Lazer desta quarta (leia aqui), tem mais informações sobre o festival.

Cannes em festa

10 de maio de 2011 0

O Festival de Cannes chega nesta quarta-feira à 64ª edição, tendo como presidente do júri oficial o ator Robert de Niro e como mestre-de-cerimônias a belíssima aí de cima: a atriz Melanie Laurent, que interpretou a Shosanna em Bastardos Inglórios.
Entre os 19 longas-metragens selecionados para a competição oficial na Croisette estão Terrence Malick (que volta à cena com A Árvore da Vida, estrelado por Brad Pitt e Sean Penn), Pedro Almodóvar (em jogo com La Piel que Habito, com Antonio Banderas) e  Lars von Trier (que apresenta o ousado filme-catástrofe Melancolia, com Kirsten Dunst, Kiefer Sutherland e Charlotte Gainsbourg).
Fora da competição, as atenções estarão voltadas para a nova comédia de Woody Allen, Meia-noite em Paris, que abre o festival, e o quarto episódio da franquia Piratas do Caribe, Navegando em Águas Misteriosas.
Entre os homenageados do ano estão o diretor italiano Bernardo Bertolucci (por toda a carreira) e o ator francês Jean-Paul Belmondo (que ganha festinha e a exibição de um documentário sobre sua vida e obra). Destaque também para as exibições de cópias restauradas de A Laranja Mecânica, cult de Stanley Kubrick que completa 40 anos, e de A Bronx Tale, estrelado e dirigido pelo presidente do júri De Niro.

Reencarnação e assassinato em Cannes

24 de maio de 2010 0

Eis aqui dois aperitivos sobre os dois filmes que marcaram domingo a premiação do 63º Festival de Cannes: o estranhíssimo Uncle Boonmee Who Can Recall his Past Lives, do tailandês Apichatpong Weerasethakal, que ganhou a Palma de Ouro, e Des Hommes et Des Dieux, do francês Xavier Beauvois, que levou o Grande Prêmio do júri (comandado por Tim Burton). O primeiro é a visão de um homem doente sobre a reencarnação. O segundo é sobre o assassinato de sete monges trapistas franceses na Argélia, em 1996.

@

O Lazer desta terça traz mais informações sobre o Festival de Cannes, que premiou ainda Javier Bardem, Juliette Binoche e Mathieu Amalric.

Allen em versão black tie

16 de maio de 2010 0

Josh Broslin, Woody Allen e Naomi Watts em Cannes. Foto: Lionel Cironneau/AP

Woody Allen foi o nome de sábado no Festival de Cannes. O diretor foi à Croisette mostrar sua mais nova comédia, You Will Meet a Tall Dark Stranger (algo como “você vai encontrar um estranho alto e escuro”). Ainda sem título em português, o longa foi apresentado fora de competição. Na maior elegância, Allen compareceu ao tapete vermelho do Palácio dos Festivais tendo a seu lado uma belíssima e sorridente Naomi Watts e Josh Brolin em seu segundo Momento Cannes – ele é um dos vilões de Wall Street – O Dinheiro Nunca Dorme, de Oliver Stone, exibido sexta-feira no festival. You Will Meet… tem ainda no elenco as atrizes Gemma Jones e Judy Punch (presentes na première), Antonio Banderas, Anthony Hopkins e Freida Pinto.

Rodado em Londres, a nova comédia aborda os temas típicos de Allen: sexo, amor, traição, morte, solidão, velhice, frustração… A história gira em torno de uma família problemática formada por um escritor em crise (Broslin) que fica obcecado pela vizinha (Freida), a esposa dele (Naomi) que se envolve com o dono da galeria de arte em que trabalha (Banderas), e os pais dela (Gemma e Hopkins), que se separam após 40 anos de casamento – ele, claro, troca a patroa por uma garota bem mais jovem (Judy). Abaixo, estão dois trailers exibidos no festival.
@
Em tempo: para nós, a “nova comédia de Woody Allen” continua sendo Tudo Pode Dar Certo (Whatever Works), com Larry David e Evan Rachel Wood, que ainda não estreou nos cinemas da região. You Will Meet a Tall Dark Stranger deve ser lançado lá fora em setembro e por aqui, não há previsão.

Cate com C ou Kate com K?

12 de maio de 2010 0

Duas estrelas marcaram com muito glamour e alguns metros de tule o primeiro dia do 63º Festival  de Cannes. Cate Blanchett, a Lady Marian de Robin Hood, filme de Ridley Scott que abriu os trabalhos no Palácio dos Festivais, escolheu um longo preto com estampas de águia e flores de Alexander McQueen, o sensacional estilista inglês que morreu em fevereiro. Já Kate Beckinsale, que integra o júri do festival, elegeu um Marchesa lilás. As duas roubaram os flashes – e com toda a razão, não é mesmo?

Enquanto isso, na Riviera francesa...

12 de maio de 2010 0

O Festival de Cannes abre hoje a sua 63ª edição esticando o tapete vermelho da Croisette para a première mundial de Robin Hood. O épico de Ridley Scott tem Russell Crowe no papel do herói e Cate Blanchett (sempre maravilhosa) como Lady Marian e entra em cartaz no Brasil nesta sexta-feira. Pelo trailer, logo abaixo, dá para ver que o diretor de O Gladiador (também com Crowe como protagonista) quer apagar da memória qualquer outra imagem do arqueiro inglês.

Entre os destaques do maior evento de cinema do mundo, que tem o júri presidido pelo insano Tim Burton, está Biutiful, a nova produção do mexicano Alejandro González-Iñárritu e estrelada por Javier Barden que disputa a Palma de Ouro. Fora de competição, o festival exibirá os filmes de Woody Allen (You Will Meet a Tall Dark Stranger), Stephen Frears (Tamara Drewe) e Oliver Stone (Wall Street: O Dinheiro Nunca Morre). O Brasil participa de algumas mostras paralelas, com destaque para a exibição restaurada de O Beijo da Mulher Aranha, 25 anos depois de William Hurt receber o prêmio de melhor ator no festival.

@

O Lazer desta quarta traz mais informações sobre Cannes (confira aqui).