Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Posts de maio 2010

PROGRAMAÇÃO MUSICAL DO SWELL ATLÂNTIDA

24 de maio de 2010 0

Programação Swell 23/Maio

Sheryl Crow = D`Yer Maker

Eagle eye Cherry = Death Defied by Will
Alma D`jem = Minha voz
Jet = Are you Gonna Be My Girl
John Butler Trio = Good Excuse
Jack Johnson, Matt Costa & Zach Gill = Let It Be Sung
Beca Arruda = Trips
Sublime = Pawn Shop
The Police = Roxanne
Bob Marley = Talking blues
Mason Jennings = Nothing
Warumpi Band = No fear

Postado por Ki Fornari

Final do King Of The Groms 2009

23 de maio de 2010 0

Aí vai o vídeo da grande final do King Of The Groms 2009, na França, em uma final memorável entre Gabriel Medina e Caio Ibeli, dois surfistas da nova geração brasileira.

Gabriel Medina conquistou duas notas 10 na bateria, com aéreos espetaculares.

Clique Aqui e confira!

Postado por Ki Fornari

A hora e a vez da Praia Mole

19 de maio de 2010 1

A Praia Mole, em Floripa, recebe a partir desta quarta-feira (19/5) o Maresia Surf International, etapa 6 estrelas do WQS. A competição rola até domingo, distribuindo U$ 145 mil dolares de premiação e 3.500 pontos no ranking da divisão de acesso.

 

Clique Aqui e confira o evento AO VIVO!

Postado por Ki Fornari

PROGRAMAÇÃO MUSICAL DO SWELL ATLÂNTIDA

17 de maio de 2010 2

Programação Swell 16/Maio

Joe Jackson = One More Time

The Beautiful Girls = Blackbird

Rebelution = Bright Side of Life

Canamaré = Lá vem a onda

Ramones = Poison Heart

Dispatch = The General

Ka`au Crater Boys = Tropical Hawaiian Day

Clinton Fearon = Sleepin` Lion

Crazy Town = Butterfly

Donavon Frankenheiter feat Jack Johnson = Free

The Black Seeds = Cool Me Down

SOJA = Rest of My Life


Participe! Mande sugestão de som, que se aprovado pela “banca” de surfistas do Swell, pode tocar no programa da próxima semana :-)

Postado por Ki Fornari

WQS 6 estrelas agita Saquarema

13 de maio de 2010 0

Confira mais um grande evento do mundial WQS no Brasil. O Coca-Cola Saquarema Pro, tem classificação 6 estrelas e acontece no “Maracanã do Surf” até o dia 16 de maio.

 

Clique Aqui e confira o evento AO VIVO!

Postado por Ki Fornari

PROGRAMAÇÃO MUSICAL DO SWELL ATLÂNTIDA

10 de maio de 2010 1

PROGRAMA SWELL – 09/MAIO

Midnight Oil = Put down that weapon

Dispatch = Open Up

Pete Murray = Chance To Say Goodbye

Julian Marley = Jah Works

Donavon Frankenreiter = Day Dreamer

Dirty Heads feat. Rome = Lay Me Down

Josh Fischel = Stormtrooper

Bob Marley = Three Little Birds

Everlast = Today (Watch Me Shine)

Plain White T`s = Hey There Delilah

Eagle-Eye Cherry = Save Tonight

Black Uhuru = I and I

 

Participe! Mande sugestão de som, que se aprovado pela “banca” de surfistas do Swell, pode tocar no programa da próxima semana :-)

 

Postado por Ki Fornari

Jadson André vence todos e faz história na Vila

04 de maio de 2010 0

Jadson comemora nos braços da torcida/ASP - Kirstin

Senhoras e senhores, foi incrível o que presenciei na Praia da Vila, nestes dias de disputas do Billabong Pro SC. As apresentações dos melhores surfistas do mundo, a fissura do público, os gritos de incentivo aos surfistas brasileiros, a excelente estrutura montada na praia, as festas na região, e a qualidade das ondas. Tudo isso fez da etapa brasileira do ASP World Tour, o maior evento de surf da américa latina.

 

A ascensão meteórica do potiguar Jadson André, prova que o Brasil passa a ter dois atletas com nível de surf suficiente, para fazer frente aos maiores ícones do esporte. Jadson surfou como se estivesse em casa. E realmente, estava! Não teve medo de arriscar, e muito menos de errar. Acertou aéreos insanos, levantou a torcida e despachou excelentes surfistas. Chegou à final, desbancando o maior de todos, Kelly Slater. Com seus 38 anos e 9 títulos mundiais na bagagem, o norte-americano deu brecha, não fez nenhuma “super onda”, e precisou se render ao modo como Jadson aproveitou as ondas da Vila.

 

Com a vitória, o potiguar de apenas 20 anos de idade, tornou-se o único brasileiro a vencer uma etapa do mundial de surf no ano de estreia na elite. Além disso, quebrou um jejum de 12 anos sem vitória brasileira na etapa brazuca do circuito, que viu o paranaense Peterson Rosa vencer pela última vez, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, em 98.

 

Se Jadson continuar surfando solto e à vontade, como fez na Vila, deve conquistar outros resultados expressivos no decorrer do ano. Já Adriano de Souza, a quem atribuo também o desejo e convicção de bons resultados nas próximas etapas, deve aparecer no pódio do WTR (World Title Race) até o final do ano. Mineirinho tem neste ano, a mesma campanha do vice-campeão mundial do ano passado, o australiano Joel Parkinson, com duas quartas-de-final na Austrália, e a derrota nas oitavas em Santa Catarina. Ao mesmo tempo que Kelly Slater parece mais focado neste ano, Parko parece mais relaxado, e nitidamente um pouco displicente. A Mineirinho, falta a pitada de sorte, que sempre acompanha os campeões.

 

Jordy Smith e Dane Reynolds, surfistas definidos como “futuros brilhantes” no tour, e os quais mencionei valor em um dos post`s pré-temporada, tem atitudes um pouco distintas até o momento. Smith passa a impressão de estar mais “pronto”, parece mesmo ter encostado no principal pelotão da elite, mostrando segurança até quando arrisca as manobras mais difíceis e inovadoras. A vice-liderança não é dele por acaso. O norte-americano, por sua vez, ainda demonstra certo nervosismo, ou até uma leve insegurança nos momentos mais difíceis. Considero Reynolds, um pouco mais longe da afirmação do que Smith, embora a distância entre os dois seja bem pequena. Ambos tem “bala” suficiente para surpreender em qualquer etapa do circuito.

 

Os catarinenses Neco Padaratz e Marco Polo, tem preocupações diferentes de todos esses surfistas: precisam fugir da zona inferior da tabela. Neco está no limite. É o 31º no ranking, empatado com outros 5 surfistas. Vale lembrar que, após a etapa de Teahupoo – a quinta da temporada – a elite é reduzida para 32 surfistas, deixando 13 atletas fora do restante do circuito 2010. Padaratz ainda tem boas chances, mas ainda precisa conquistar um bom resultado em Jeffrey`s ou Teahupoo, para garantir a permanência na elite.

 

Marco Polo, ainda não mostrou consistência suficiente para fazer frente a maior parte dos companheiros de tour, não venceu uma bateria sequer, e ocupa as últimas posições na tabela. Na mesma situação, estão surfistas que, assim como ele, foram destaques no circuito WQS do ano passado, como os australianos Adam Melling, Jay Thompson e Blake Thornton, e o norte-americano Nate Yeomans. Polo precisa colocar mais “power” no seu surf em Jeffrey`s, e mostrar a ousadia que tanto conhecemos, na etapa dos `Crânios Quebrados” (Teahupoo).

 

O WTR retorna após a copa do mundo de futebol (e o hexa do Brasil :), nas direitas mais clássicas da África do Sul.

Fique ligado!

Postado por Ki Fornari

PROGRAMAÇÃO MUSICAL DO SWELL ATLÂNTIDA

03 de maio de 2010 0

PROGRAMA SWELL – 02/MAIO

1 – Dispatch = Here We Go

2 – The Cure = Boys Don`t Cry
3 – Sister Hazel = All For You
4 – Planta e Raiz = Com certeza
5 – The Outfield = Say It Isn`t So
6 – Tom Frager – Give Me That Love
7 – Pivit = Hangnail
8 – The Sounds = Painted By Numbers
9 – Timmy Curran = Blue Eyes
10 – Jack Johnson = Sitting, Waiting, Wishing
11 – King Tide = Dog War
12 – Beach Boys = California Dreaming
13 – Sashamon = Jah Roots

Participe! Mande sugestão de som, que se aprovado pela “banca” de surfistas do Swell, pode tocar no programa da próxima semana :-)

Postado por Ki Fornari