Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Vídeo: Cultura

28 de abril de 2011 17

Quem não conhece pelo menos um sambista com dificuldades para viabilizar projeto?

O assunto é relevante e abrangente. Envolve músicos, artistas, escritores, documentaristas…

Vamos para mais uma Tamboringadas.

 

Bookmark and Share

Comentários (17)

  • alexandre feijao diz: 28 de abril de 2011

    excelente entrevista (tamboringadas) com essa dupla celinho e o jeisson, pessoas a qual eu adimiro muito por suas historias no samba.
    eu como interprete e compositor de samba-enredo assino embaixo sobre tudo que foi dito e concordo que é preciso haver mais incentivo a nossa categoria por parte do governos entre outros seguimentos radio, tv,j ornal, sites etc, a exemplo do programa botequim JA do qual participei no periodo do carnaval e que obteve grande repercussão pois mostrava as escolas de samba e suas comunidades. pra mim foi um momento muito importante pessoalmente e para o samba, poderiam haver mais programas desse genero.
    deixo aqui um abço a todos os novos e antigos artistas da musica catarinense em especial o samba, que um dia possamos ouvir nossas musicas nas radios e na tv daqui e do brasil antes de partir desse terra, esse é meu profundo desejo.

    Feijão! Que figura gente boa! Ligou para agradecer, dizer que curtiu o tema e sugeriu um post com os novos compositores de Florianaópolis. Disse que já tinha falado com o Barãozinho…Quem topa??? Junte o povo (soube hoje que podemos aumentar a roda) e vamos lá…

  • paulinho trindade diz: 28 de abril de 2011

    Angela, parabéns pela matéria! Não é minha área, mas por principios sou um grande incentivador da arte e a música é uma das principais artes do nosso Brasil. Estou “cerrando fileiras” ao lado destes amigos e competentíssimos compositores e artistas do samba de Floripa. Celinho do Copa Lord, meu talentoso e caro amigo, e Jeisson não tão próximo, mas o reconheço como um excelente profissional, estão aqui botando a cara para bater e nós que gostamos da coisa temos que apoiar. Junto com eles dá pra citar um cem número de compositores ligados ao nosso carnaval como Paulinho Carioca, Edu Aguiar, Sabaráh, Jorge Luis, Alan, Mará, Feijão, Cesinha, Zinho, Willian, Conrado, Sequinho, Januário, enfim…como disse da pra enumerar mais uma grande quantidade de “privilegiadas cabeças” que estão na mesma barca. Espero que esta matéria sirva pra abrir os olhos daqueles que podem transformar o sonho destes abnegados sambistas em realidade. Aproveito para abraçar à todos os “nossos compositores”.
    “Tamo junto rapaziada”!!!

  • Mathias diz: 29 de abril de 2011

    Boa noite Angela Bastos, sou teu leitor do Diário Catarinense. E por questões óbvias do teu blog. Te leio assim como Cacau. Achei simplesmente sensacional o video e por saber que mta gente deste meio está precisando de orientação.

  • alexandre feijao diz: 29 de abril de 2011

    conforme a proposta desse novo post, seria uma boa eu acho juntar sequinho do cavaco, baraozinho, conrado laurindo, mancha do cavaco, willian tadeu, fred inspiração, ricardo do consulado,
    alan, juninho e mais uma turma que alem de compositores de diferentes escolas são amigos antes de tudo,
    e papo de samba é o que não vai faltar, alem de muita música.
    abços, valeu angela bjs

    Oi Feijão, sugestão anotada. Vamos então fazer uma roda com jovens compositores.

  • CELINHO DA COPA LORD diz: 29 de abril de 2011

    MAIS UMA VEZ AGRADECENDO A NOSSA QUERIDA AMIGA ANGELA BASTOS POR DAR VOZ AOS ARTISTAS E PRODUTORES LOCAIS. SE A GENTE SEMPRE RECLAMA DE NÃO TERMOS ESPAÇO NA MIDIA, NÃO PODEMOS ESQUECER DE VALORIZAR A ANGELA, QUE HOJE É COM CERTEZA A NOSSA ‘GARGANTA’ PARA GRITARMOS AO MUNDO OS NOSSOS DESCONTENTAMENTOS COM A INERCIA QUE SE ENCONTRA NOSSA CULTURA

    VALEU, ANGELA
    ABRAÇO DO AMIGO CELINHO

  • paulinho carioca diz: 29 de abril de 2011

    Vi o vídeo tomando uma geladinha com a minha esposa, adorei, eu que estou com o meu projeto em andamento prestei muita atenção nas coisas que foram ditas. é brabo o cara ter que enfrentar uma mesa julgadora de projetos para ter o seu projeto aprovado e depoi ter ainda que captar. quero deixar aqui um lembrete, pois não estou aqui para concorrer com meus amigos compositores, estou aqui para me juntar a esses verdadeiros talentos, se tiver alguém com dificuldade para formatar seu projeto pode me ligar, pois tenho o contato de uma empresa de São Paulo que esta se transferindo para Florianópolis e tem as fórmulas mágicas para aprovações de projetos, um vasto conhecimento nesse campo, estarei aí à disposição. quanto ao Alexandre Feijão, é um cara espetacular, garoto educado e cheio de talento daqueles compositores criativos que na hora já manda um samba, tipo o Celinho chegou já fez 19hs e um. Abraço Feijão, meus amigos Celinho e Jesson Dias, show de bola.

  • João Vitor diz: 29 de abril de 2011

    Que pena que tantos trabalhos que poderiam chegar aos nossos ouvidos certamente com letras e melodias belíssimas e interpretações magistrais não chegam por dificuldades e falta de incentivo. Imaginem um CD com uma fera da interpretação como Jeisson Dias cantando, que show!

  • Edson do Tamborim diz: 29 de abril de 2011

    Mais um Show do “Tamboringadas”!

    Parabéns Angela!

    Com certeza você é a nossa voz abrindo não só o espaço do blog, mas trazendo reportagens ricas e esclarecedoras!

    Grande Abraço aos amigos Jeisson e Celinho!

  • Tatiana diz: 29 de abril de 2011

    Muito legal Angela. Parabéns!
    Abrir um canal de comunicação democrático como é a web é mais uma maneira de levar a cultura catarinense ao mundo.
    Parabéns a toda equipe!

  • paulinho carioca diz: 29 de abril de 2011

    Angela tamos no momento dos projetos, é hora de correr atrás dos direitos autorais, to esperando aquela tamboringada sobre o tema (direitos autorais)

  • paulinho carioca diz: 29 de abril de 2011

    ANGELA, PARECE QUE EM MINAS GERAIS TEM A POLÍTICA DE SE TOCAR MÚSICAS LOCAIS, EU ACHO SE ALGUÉM DER A IDÉIA DE UM PROJETO DE LEI PARA UM DEPUTADO TENTAR A APROVAÇÃO, PARA QUE AS RÁDIOS TOQUEM UM PERCENTUAL EM TEMPO DE MÚSICAS DAQUI, SERIA UMA GRANDE SACADA, ACHO QUE TEM UM ESTADO QUE ISSO FOI APLICADO, NÃO SEI QUA! AGORA FALA SÉRIO: SONHEI QUE VOCÊ ESTAVA APRESENTANDO UM PROGRAMA DE RÁDIO, COM O NOME TAMBORIM, EU, JEISSON, CELINHO, FEIJÃO COM OS NOSSOS CDS NA MÃO PEDINDO PRA VOCÊ TOCA AI A MINHA FAIXA, E O MEU CD TINHA UMA MÚSICA QUE ERA A DE TRABALHO “ABRAÇO DE GERAÇÕES”, QUE DEVANEIO LINDO!

  • alexandre feijao diz: 30 de abril de 2011

    tudo é real

    um dia paulinho sonhou que tudo era real
    tocava a nossa musica na radio com direito autoral
    jeisson dias tocando é menestrel
    eu ouvia e me encantava com a anjo gabriel
    quem vinha por la de amarelo vermelho e branco
    era o celio da copa lord vestindo teu manto
    todo o morro da caixa ligado e coloninha na mesma estação
    e o pessoal da protegidos sintonizado no som que era muito bom
    eu feijão cheguei na humildade cantado de boa
    união da ilha da magia na minha canção ecoaa
    verde branco e ouro é o que me feliz
    um abraço la pro caeira que tem muita raiz
    e amigos que fiz a um tempo passado
    salve vermelho e branco é a consulado.
    e pra organizar todo esse samba e bate papo
    com pessoal de muito talento não havia ”astros”
    e a nossa voz na web angela bastos.

    não faz mal sonhar
    e acreditar que um dia
    tudo pode se realizar
    e o desvaneio de quem tem historia
    se concretizar

    abraços espero que gostem dessa musica
    que fiz agorinha para o blog..

    Oi Feijão! Que tal um cavaco, um pandeiro, um violão???
    Muito legal! Muito legal mesmo! Obrigada.

  • paulinho carioca diz: 1 de maio de 2011

    Grande feijão. Esse meu devaneio atual já foi realidade, com a rádio Diário da Manhã no programa clube do samba comandado pelo o já falecido Aldírio Simões, nesse programa as nossas músicas eram tocadas, eu ainda muito jovem,me encontrava com os meninos na época Cesinha,Zinho,Celinho da copa lorde. Cláudio Caudas, Bira pernilongo, Maria Helena ,Vicente marinheio, Helias marujo, cantavam os sambas que iriam concorrer nas escolas,cantávamos ,rodas de versos,ninguém queria ser estrela, meninos e veteranos se respeitavam,o samba éra feliz,mais alguns anos pra frente,surgia a rádio cultura com o programa do Fontela,que tocava nossos artistas. O tempo passou e o samba parece que adormeceu em Florianópolis´,hoje é pura competição,um querendo passar a perna no outro,muita gente querendo ser estrela, não existe união e sim panelas,você e um garoto que eu admiro e respeito pelo seu talento,a prova esta ai na sua criatividade,quero contar com você nessa luta pelos direitos autorais,e conto com você pra reunir os jovens,nessa causa,quem sabe que tudo mude, e que o passado volte trazendo as coisas boas
    de volta,quem sabe que um dia isso possa ser posível e eu acorde desse meu devaneio e veja as rádios tocando nossos artistas, os direitos autorais sendo pago novamente,quem sabe que nesse dia eu possa ver o “abraço de gerações”, acontecer no programa ao som do tamborim, comandado por essa grande profissional Angela bastos, que eu chamo de madrinha do samba.

    Gente, entendo a importância do rádio. Neste momento escrevo com um ligado. Mas temos que considerar também que a tecnologia nos coloca outras mídias à disposição. É um desafio saber fazer uso do melhor jeito possível. Tamboringadas pode ser visto e ouvido em qualquer parte do mundo. Qual rádio teria este alcance não fosse a internet? Nem a Globo Internacional…Nem a BBC…Por isso que sempre sugiro que as pessoas usem o espaço da melhor forma, como uma importante ferramenta para semear o samba, a harmonia, a paz.

  • Willian Tadeu diz: 2 de maio de 2011

    Muito importante este vídeo, com um debate detalhado, visões críticas e construtivas. É gloriosa a frase do grande Jeisson Dias: “a cultura analisada só no papel é muito fria”. Há muito pouco a acrescentar depois disso. É necessário que essas avaliações sejam feitas com sensibilidade, pois muitas vezes um projeto que não está bem escrito pode ser mais interessante que outro escrito por algum “especialista”. Isso são coisas que certamente é possível sentir na leitura e quando se lida com algo tão abrangente como a arte e a cultura, com uma diversidade tão grande de pessoas, não se pode deixar de lado.

  • paulinho carioca diz: 2 de maio de 2011

    Querida Angela, esses videos são espetaculares, pena que não é todo dia, essa é a diferença: Quanto aos projetos, na minha opinião tem que ser bem elaborados sim, pois tem gente que vai julgar, que não conhece a história do Paulinho carioca, do Celinho do copa, Jeisson dias e outros que fizeram história tambem talvez não conheça aqueles que estão começando a fazer suas histórias. Tenho na minha opinião leiga nesse tema de projetos culturais que todos aqueles que estão começando tem os mesmos direitos,e para tudo na vida o curriculo é a ferramenta atual,e quando ele é bem elaborado pra mim conta como um forte fator a favor do que se pretende, na arte também hoje é assima ideia que aqueles que vão julgar não tem que conhecer história de ninguém, pois a proposta não é o conhecimento de pessoas e sim o que ela se pretende fazer com seu projeto, só um papel bem escrito e que pode relatar o que o artista pretende naquele momento de julgamento, poderia falar de muitos aqui, acho também que tem muitos julgadores de projeto que não entende de samba, mas tem a formação adequada para julgar um projeto bem formatado, por esse motivo é que eu procurei aqueles que tem conhecimento de projeto,pois eu acho que cada um tem que fazer o seu,cada um no seu quadrado,artista é artista,tem que fazer música,cantar,pintar,escrever livros seja na área que for,deixar as formatações de projetos para quem entende de projeto, concordo com o jeisson que o papel é frio, mas é no papel que se escreve coisas quentes e frias.

  • alonso vieira silva diz: 2 de maio de 2011

    acredito que esse ano irão surgir muitos talentos que estavam antes de canto
    se aparecer espaço vai ter muita gente boa na área.
    .espero que olhem mais para a cultura de florianopolis
    mais respeito com que faz e sabe bem fazer…

  • Luiz antonio diz: 2 de maio de 2011

    O respeito tem que ser empregado em todo os campos da vida, assim como no campo musical, novos respeitando os veteranos e veteranos respeitando os jovens, esperro que surjam vários talentos que reamente façam o que se diz fazer, e que os espaços apareçem para os talentos verdadeiros

Envie seu Comentário