Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Mesa-tenista de Joinville competirá na Universíade

17 de agosto de 2017 0

00bcc4e9

A mesa-tenista joinvilense Alexia Nakashima já está em Taiwan, onde participará da 29ª Universíade de Verão, de 20 a 30 de agosto. Alexia está entre os 10 mil atletas de mais de 170 países que competirão em 21 modalidades. Após a Universíade, Alexia também vai participar dos Jogos Universitários Brasileiros, competindo pela Univille, em Goiânia, e estará ainda no Mundial Juvenil, na Itália.

OPINIÃO: Jogo contra o São Bento será um termômetro para o JEC

17 de agosto de 2017 0

00c7b2c2

A exibição do JEC contra o Tombense e os números recentes da equipe passam a impressão de que o time de Pingo caminha na hora certa para a fase final da Série C. Liderança do returno, ataque mais positivo da chave e melhor desempenho como mandante são algumas das estatísticas para animar o torcedor.

Mas o desempenho como visitante ainda deixa a desejar e a última partida, contra o Tupi, mostrou uma equipe irregular.

Por este motivo, o jogo de desta sexta, às 21 horas, contra o São Bento, é o teste para a evolução. Se fizer uma boa partida e trouxer no mínimo um empate, a evolução se comprovará e a equipe terá boas chances de avançar, pois enfrentará adversários que lutam contra o rebaixamento nas últimas rodadas — Macaé, Bragantino e Mogi Mirim. Se perder, o Tricolor estará muito pressionado nos três jogos seguintes.

JEC vai enfrentar a melhor defesa da chave B da Série C

17 de agosto de 2017 0

00c60ae3

Se o JEC é dono do melhor ataque da chave (veja detalhes aqui), o São Bento, adversário do Tricolor desta sexta, tem a melhor defesa. Em 14 partidas, os paulistas sofreram apenas nove gols – média de 0,64 por jogo. O número fica ainda mais significativo se observarmos que o São Bento passou oito das 14 rodadas sem ser vazado. O número cresceu especialmente nos últimos seis duelos, quando o time só sofreu gol diante do Tombense.

Parte deste retrospecto positivo do São Bento é representado pelos jogos que o time faz como mandante na Série C. Nas seis partidas até aqui, sofreu gols em apenas três – contra Tombense, Macaé e Ypiranga. Os gaúchos, por sinal, foram os únicos que conseguiram vencer o São Bento dentro do Estádio Walter Ribeiro. Nas outras cinco rodadas, quatro vitórias e um empate com o Botafogo-SP.

Joinvilense cai nas quartas de final do Mundial de Futebol Digital

17 de agosto de 2017 0

Lucas Gonçalves

O joinvilense Lucas Gonçalves está eliminado da Fifa Interactive World CupMundial de Futebol Digital. O jovem caiu diante do alemão Timo Siep nas quartas de final do torneio do Playstation 4. O mata-mata tinha duas partidas e nas duas Lucas perdeu – duas derrotas por 1 a 0. No primeiro jogo, foi melhor, mas tomou um gol de pênalti. No segundo, se lançou ao ataque e sofreu o golpe nos segundos finais do duelo.

Em entrevista ao SporTV, Lucas afirmou que fez as duas melhores partidas no Mundial, mas não contou com a sorte. De uma maneira geral, vibrou com o que fez.

— Tenho só 19 anos e no primeiro ano que participo já conquistei tudo isso. Estou muito satisfeito com minha trajetória.

JEC/Krona perde em Mafra pelo Estadual de Futsal

17 de agosto de 2017 1

e1bf41be-553c-4211-9aa4-7ca60588bb8c

O JEC/Krona perdeu na noite desta quarta-feira, em Mafra, pelo Campeonato Catarinense da Divisão Especial de Futsal. O Tricolor entrou em quadra diante dos donos da casa e foi derrotado por 3 a 2. Vitinho, Dudu e Líbano marcaram para o Mafra. Gabriel (duas vezes) balançou a rede pelos joinvilenses.

Joinville chegou a abrir o placar com Gabriel aos 15 minutos da primeira etapa, mas no minuto seguinte Vitinho igualou. O Mafra virou no segundo tempo com o gol do goleiro Dudu e de Líbano. No fim, o JEC esboçou uma reação com Gabriel, mas não havia tempo para buscar a igualdade.

Uma das grandes novidades do confronto foi a presença do pivô , que estreou pelo JEC/Krona e está à disposição para a próxima partida da equipe, na próxima sexta-feira, às 20h15, contra o Magnus/Sorocaba, no Centreventos Cau Hansen, pela Liga Nacional de Futsal. No Estadual, o JEC/Krona é o quarto colocado com 19 pontos em 11 jogos.

Veja os gols

Fluminense, Juventus e Operário tropeçam no Campeonato Catarinense da Série B

16 de agosto de 2017 0

19875219_930206323784340_3202808563472931665_n

O Fluminense, de Joinville, fez a quinta partida pelo Estadual da Série B na Arena e ainda não conseguiu quebrar o jejum de vitórias em casa. Na tarde desta quarta, o Tricolor empatou por 0 a 0 com o Marcílio Dias. O resultado deixa o time na terceira colocação do returno. Por enquanto, em casa, o Flu soma três empates e duas derrotas.

No clássico de Jaraguá do Sul, o Jaraguá derrotou o Juventus por 3 a 2, no estádio do Botafogo, e colocou o Moleque Travesso em situação delicada na classificação geral do Campeonato Catarinense da Série B. O outro representante da região Norte, o Operário, atuou em Itaiópolis, mas acabou derrotado pelo Concórdia por 2 a 1.

Joinvilense está nas quartas de final do Mundial de Futebol Digital

16 de agosto de 2017 0

20842055_880125178823474_7804542866087635027_n

O joinvilense Lucas Gonçalves avançou às quartas de final da Fifa Interactive World CupMundial de Futebol Digital. Ele foi o segundo da chave, com 13 pontos em sete partidas  – quatro vitórias, um empate e duas derrotas. Lucas é o único dos três brasileiros que se mantém vivo na disputa. Nas quartas de final, ele vai enfrentar hoje o alemão Timo Siep, terceiro da chave A.

Veja aqui toda a história de Lucas Gonçalves e como ele chegou ao Mundial de Futebol Digital

Crescimento do JEC passa por melhora no ataque

16 de agosto de 2017 0

00c6e234

Toque de Letra mostrou recentemente (clique aqui) que a evolução do Joinville passa pelo crescimento do ataque. E há outros números que ajudam a entender esta melhora. Antes de Pingo, o Tricolor havia marcado 32 gols em 34 partidas – média de 0,94 gol por jogo. Com Pingo, a média aumentou para um gol por jogo – 41 partidas e 41 gols em 2017.

Só no período no qual o treinador comandou o Joinville (sete jogos), o Tricolor acumula média de 1,28 gol por jogo – foram nove gols até aqui. Outro dado interessante é que o time deixou de passar em branco. Antes de Pingo, das 32 partidas disputadas pelo JEC, 16 terminaram sem gol da equipe. Agora, são 17 em 41 – só aumentou um jogo (o empate por 0 a 0 com o Volta Redonda).

Pingo relaciona 20 atletas para a partida contra o São Bento. Veja a lista

16 de agosto de 2017 0

00c679f0

Henrique Mattos é o único jogador relacionado por Pingo que não esteve na lista de domingo, contra o Tombense. Em compensação, daquele grupo que participou da preparação para o jogo, estão ausentes quatro peças. Não viajaram para Sorocaba (SP) o zagueiro Charles e Tinga (suspensos) e o volante Roberto e o meia Juninho, os dois por opção de Pingo.

Veja a lista completa para a partida de sexta, às 21 horas, contra o São Bento.
Goleiros: Lauro e Matheus.
Zagueiros: Danrlei, Henrique Mattos e Max.
Laterais: Alex Ruan, Buiú, Fernandinho e Zé Mateus.
Volantes: Kadu e Renan Teixeira.
Meias: Aldair, Eliomar, Lúcio Flavio e Bruno Rodrigues.
Atacantes: Ciro, Rafael Grampola, Marlyson, Ricardo Lobo e Thiago Alagoano.

FPF deve ajudar Mogi Mirim a continuar na Série C

16 de agosto de 2017 0

20374244_509948946016743_640512092980418619_n

O Mogi Mirim deverá contar com um empréstimo da Federação Paulista de Futebol (FPF) para continuar na disputa da Série C do Campeonato Brasileiro. A entidade está disposta a enviar cerca de R$ 300 mil para que o clube quite parte dos salários atrasados com os atletas e dispute as quatro rodadas finais da competição.

O interesse da FPF visa também a ajudar dois outros clubes paulistas, que seriam diretamente prejudicados com a desistência do Mogi Mirim. Se o Sapão abandonasse os campeonatos e seus pontos fossem anulados, o Bragantino estaria praticamente rebaixado e o Botafogo-SP deixaria a zona de classificação da chave B. Se tudo correr conforme o programado, 17 atletas receberão os valores da FPF, voltarão aos treinos nesta quinta e entrarão em campo no fim de semana contra o Tupi, em Juiz de Fora.

A delicada situação do Mogi Mirim começou no sábado, quando os jogadores se recusaram a jogar diante do Ypiranga-RS. A decisão era um protesto aos seis meses de salários atrasados do clube. Sem time, o Mogi Mirim acabou derrotado pelos gaúchos por W.O. e correu risco de não ter equipe na sequência da disputa.