Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Motociclista morre ao colidir em poste no bairro Velha

23 de junho de 2012 4

O motociclista Cesar Santana de São José, 20 anos, morreu no início da tarde deste sábado, por volta das 12h45, ao colidir em um poste no bairro Velha, em Blumenau. O acidente ocorreu no final da Rua José Reuter, próximo à residência da vítima. Ele estava sozinho na moto Honda CG 125, placas de Blumenau.

De acordo com informações da Guarda de Trânsito, o jovem não possuía carteira de habilitação e teria perdido o controle da moto. Cesar faleceu no local do acidente.

Comentários (4)

  • Bianca diz: 23 de junho de 2012

    Triste o q acontece no transito de Blumenau.
    Alem desse acidente q ocorreu na José Reuter, hj de manha no Johann Ofh,
    outro acidente envolvendo um ciclista pelas 11 horas.
    passei pelo local no momento do acidente, as cenas foram fortes.
    ate gostaria de saber o q aconteceu com esse moço.

  • Chirlei Diana Kohls diz: 23 de junho de 2012

    Olá, Bianca
    A matéria sobre o ciclista está no blog Trânsito no Vale, do Santa.
    Obrigada pelo contato!

  • Niverson diz: 23 de junho de 2012

    Agora no inicio da noite houve um gragve acidente envolvendo 4 carros na Rua Hermann Huscher no Garcia, segundo relatos dois motoristas envolvidos apresentavam sinais de embriagues além de estarem em alta velocidade. Ta ficando muito, mas muito perigoso o transito aqui na cidade, e as ruas cada vez mais emburacadas também.

  • Hans Jean diz: 24 de junho de 2012

    O índice de acidentes de motocicletas é altissímo. Parece que não se conscientizaram que motocicleta não é automóvel. Tem limites, e muitos. Andar emparelhados com veículos, alta velocidade, como fazem a grande maioria, leva a isso. Se motocicleta tivesse a dita vantagem que tanto apregoam, seu seguro seria baixo e não haveria tantos acidentes, com mortos ou com lesões graves e muitas irreverssíveis. Motocicleta não nasceu para competir com veículos de quatro rodas. São bicicletas motorizadas só. Enquanto não se conscientizarem disso, essas notícias vão continuar sendo rotineiras. Uma pena.

Envie seu Comentário