Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Padre fica ferido em tombamento na Rua São Paulo, em Blumenau

13 de junho de 2013 30

A colisão traseira entre um Citroen e um Logan, ambos de Blumenau, deixou um padre ferido no começo da manhã desta quinta-feira em Blumenau. O acidente ocorreu na Rua São Paulo, em frente ao Posto Hass, às 6h20min.

Segundo a Guarda de Trânsito, o padre Rogério Rodrigues era condutor do Logan e teria batido na traseira do Citroen, dirigido por Daniela Ferreira Leite, 28 anos.  Com o impacto, o Logan bateu em um poste e tombou. Rodrigues foi levado ao Hospital Santa Isabel com ferimentos médios. Daniela nada sofreu, segundo a Guarda.

O padre Rogério Rodrigues é pároco na comunidade de Santo Estevão, no Bairro Salto do Norte. Nesta manhã, ele estaria indo à academia no Centro, quando se acidentou. Ele permanece internado, em observação.

Comentários (30)

  • valdeci diz: 13 de junho de 2013

    de onde vinha este padre a esta hora, q vem domino no volante, é padre deus esta de olho, deus não dorme, bater na rua são paulo e capotar, é minta imprudência.

  • Leandro Luiz diz: 13 de junho de 2013

    Que manchete mais confusa. Tombamento acho que acidente de trânsito ficaria melhor. O horario também esta errado Anderson Silva no meu relógio são 09:31 e não as 10:00 como informa na noticia.

  • Elias diz: 13 de junho de 2013

    Só uma perguntinha, fizeram o bafómetro nesse sujeito? muito estranho.

  • Elias diz: 13 de junho de 2013

    Só uma perguntinha, fizeram o bafómetro nesse sujeito? muito estranho.Fique sossegado padre a comunidade pagará o conserto.

  • Ana Paula diz: 13 de junho de 2013

    Conheço o padre Rogério e acredito que tenho se distraído no momento,um homem muito bom,pode perguntar pra qualquer um da região da igreja Santo Estevão,que vai dizer coisas a favor dele,a respeito do comentário se nexo sobre quem vai pagar,se você não tem nada a ver com ele,porque está preocupado? Acredito que você deva ser mais um daqueles que não tem fé em nada,a não ser em criticar,se cada um cuidasse da sua vida,seria bem melhor não acha?! Esse padre faz tudo para ajudar aquela região!

  • Josef diz: 13 de junho de 2013

    Na boa, qualquer acidente que ocorre todo mundo que comenta vem com 10 pedras na mão. Ninguém quer sofrer um acidente, mas temos que pensar que muitas vezes eles ocorrem, infelizmente. Parece que todo mundo adora ver a desgraça dos outros e crucificar os envolvidos.

  • Regina diz: 13 de junho de 2013

    indo a academia??? se aqui no nosso bairro tem duas ( e o grande detalhe) uma do lado MAIS DO LADO da casa onde o padre mora! e porque ele iria sair essa hora para ir numa academia no centro se tem uma do lado da casa dele ou melhor DUAS!
    E discordo que ele faça tudo pela comunidade, alias, fui mal recebida/atendida por ele na igreja! não só eu, como demais pessoas que conheço, então não se pode generalizar que ele “faz” tudo pela comunidade.

  • Greice diz: 13 de junho de 2013

    Acredito que comentários do tipo: “de onde vinha este padre a esta hora?” ou ” fizeram o bafómetro nesse sujeito?” ou “Fique sossegado padre a comunidade pagará o conserto.” São de pessoas que nunca aparecem na igreja, e não tem a mínima noção de como funciona.
    1° A vida do Padre Rogério não é tão fácil e menos ocupada do que de qualquer pessoa, ele possui suas obrigação como todos e por isso motivo precisa acordar cedo pra fazer academia (ele também precisa cuidar da sua saúde), cuidar dos compromissos da igreja e de todas as 7 Paróquias que compõem a Matriz.
    2° Só pessoas embriagadas sofrem acidentes? Acredito que não…
    3°Cada Paróquia possui um carro próprio, o carro que o Sr. Padre Rogério estava dirigindo é o carro dele, que foi comprado com o salário dele, que terá o conserto pago pelo seguro que ele paga, ou vocês acham que Padre não pode ter salário e carro próprio?
    Fico decepcionada com os comentários de pessoas que falam coisas que não tem o mínimo conhecimento, peço que coloquem a não na consciência antes de criticarem qualquer um.
    O Padre Rogério é uma ótima pessoa e nesse momento só precisa do nosso apoio e das nossas orações.

  • Elias diz: 13 de junho de 2013

    Muito bem Regina, não podemos seguir opiniões de pessoas que sofreram lavagem cerebral.Chega de pagar mordomia para essa gente.

  • Marlon diz: 13 de junho de 2013

    “Aquele que de entre vós está sem pecado seja o primeiro que atire a pedra contra ela. E, tornando a inclinar-se, escrevia na terra. Quando ouviram isto, redargüidos da consciência, saíram um a um, a começar pelos mais velhos até aos últimos; ficou só Jesus e a mulher que estava no meio. E, endireitando-se Jesus, e não vendo ninguém mais do que a mulher, disse-lhe: Mulher, onde estão àqueles teus acusadores? Ninguém te condenou? E ela disse: Ninguém, Senhor. E disse-lhe Jesus: Nem eu também te condeno; vai-te, e não peques mais.” (João 8:7-11)

  • Carolina diz: 13 de junho de 2013

    Acho que a comunidade faz mais por ele, do que ele pela comunidade, afinal de contas quem anda de logan é ele e muitos da comunidade andam é de onibus. Não venham me dizer que não tenho fé e não acredito em nada, só não fico sustentando a igreja pra dar do bom e do melhor para os padres enaquanto muitos dos fiéis deles passam necessidade, afinal de contas acho que Deus não precisa do dinheiro do dízimo pra cuidar de seus filhos.

  • Aldir Moratelli diz: 13 de junho de 2013

    O santa poderia dar uma revisada nas materias antes de anunciar, quando vi ” padre fica ferido em tombamento” nao imaginei que fosse um acidente de transito.

  • sergio diz: 13 de junho de 2013

    comentários inúteis!!!

  • Lindacirr tavares diz: 13 de junho de 2013

    Interessante, se fosse um político ou outra pessoa qualquer poucos se imteressariam, mas como se trata de um padre, postam comentários maldosos. Só porque é padre? Se alguns cometem deslizes o pecado é deles e acidentes pode acontecer com quaquer um.

  • Marcelo Ribeiro diz: 13 de junho de 2013

    Engraçado que se fosse um playboy com seu carrinho importado ninguém iria falar nada, mais por ser um sacerdote falam essas asneiras. Agora Padre tem ser um ser perfeito?? somos todos iguais como acertamos tbm erramos!

  • fernando diz: 13 de junho de 2013

    Mais Báh……..

  • Tonon diz: 13 de junho de 2013

    Olha, isso aqui esta virando bagunça, acho que apesar do livre poder de opiniao o jornal deveria nao postar alguns comentarios madosos. O que o padre fez ou deixou de fazer é problema dele, ele é um ser humano iguais a todos nós, com uma diferença, se dedica a sua vida para o bem querer e estar da sociedade.
    Estão fazendo disso aqui uma coisa comica.

  • IK diz: 13 de junho de 2013

    Não crucificando o Padre, mas me diguem: Se ele veio do SALTO DO NORTE, como é que ele sofre acidente na RUA SAO PAULO?
    A Rua São Paulo, é no sentido indo para o SALDO DO NORTE. Ta estranho mesmo.

  • Geraldo diz: 13 de junho de 2013

    Se fosse qualquer outra pessoa, estariam falando orores, mas só porque é um padre não pode?
    O padre tbm é um cidadão comum. A função dele nada tem a ver com o ocorrido. Acho que ele tem que ouvir e passar pelas mesmas consequências que os demais.

  • PROMETHEUS diz: 13 de junho de 2013

    “Cada comentário absurdo que a gente até se pergunta…esse pessoal que aqui estão malhando o padre, se fosse um parente seu…como seria? estariam eles falando besteiras também?”

  • OSVALDO SCHREIBER diz: 13 de junho de 2013

    DA PARA VER QUE ALGUNS BLUMENAUENSE NAO TEM NADA PARA COMENTAR ,,, VAZENDO UMA NOVELA DE UM ASSUNTO ,, QUE SÓ PORQUE ELE É PADRE,, OU PASTOR ,,QUALQUER PODERIA PASSAR POR ISTO ,,,, VAMOS TRABALHAR GENTE,,, DEIXA DE FALAR BESTEIRA . TAMBEM O REPORTE QUE FEZ ESTA PARTE QUE ME PERDOA NE,,,,.FAÇA O MEU FAVOR.

  • Ricardo diz: 13 de junho de 2013

    Muitas pessoas são tão ignorantes, reclamam, fazem comentários absurdos sem saber no acontecido, essas pessoas são a mesmas que reclamam de tudo, mas nunca fazem nada para ajudar ao próximo, nunca se quer estenderam a mão para ajudar quem necessita, nunca participaram de nada. por isso o Brasil esta essa vergonha, pois existem essas pessoas que não batalham por uma comunidade, mas somente por elas e para elas.

  • Lucas Roberto Schmitt diz: 13 de junho de 2013

    Povo de Deus com todo o respeito o padre é um ser humano que se dedica a vida de uma paroquia de 7 comunidades,cuida de um grande rebanho e grandes responsabilidades.Sirvo nesta igreja a 6 anos com ele vejo seu trabalho tenho toda a certeza que ele da o seu suor pela comunidade,em questão de ele estar indo a academia são prescrições medicas e por ele ir para o centro pois não tem natação aqui no salto do norte.E convido você que gosta de falar mal antes de conhecer venha nos visitar a paroquia.um abraço e a paz de jesus e o amor de maria que Deus ilumine a mente de vocês.

  • Dione diz: 13 de junho de 2013

    Gente, vamos falar do padre ou de qualquer outro assunto, mas voltem para a sala de aula e estudem português. Os erros são absurdos.

  • Wendhy Carolina diz: 13 de junho de 2013

    As pessoas realmente não tem vergonha na cara. Eu conheço o padre Rogerio, excelente pessoa. Acho ridiculo acharem que porque ele é padre não pode ter o direito de ir e vir a hora que quiser, lembrando que ser padre é uma profissão como qualquer outra. Vocês não sabem oque aconteceu com ele, não podem, e nem tem o direito de julgar, independentemente de quem ele for.

  • Andréa diz: 13 de junho de 2013

    Me desculpem, mas tem razão quem comentou sobre o pároco Padre Rogério.Aqui no Salto do Norte temos 2 academias e bem conceituadas por sinal, por que ir para o centro?
    Outra coisa somos nós, dizimistas que vamos pagar o prejuízo e não é só do carro do padre e sim do outro carro no qual ele bateu. Também trabalho na comunidade e desisti de ajudar na igreja e em outra comunidade pelo monopólio que se criou. Precisam do nosso dinheiro, mas se você falhar ou cometer um pecado é digno de não poder mais fazer comentários ou cantar nessas igrejas. O salário do padre é muito pouco, infelizmente. E recebe sim ajuda de custo para se manter….

  • José Luiz Piñeiro diz: 14 de junho de 2013

    Além de alguns comentários serem de uma tamanha inutilidade, estão carregados de erros ortográficos, de falta de conhecimento do assunto e sobre tudo de preconceito.
    Diariamente, ocorrem em média 35 acidentes de trânsito em Blumenau(ou pensam que é só o que os jornais divulgam). Os condutores, são os mais variados: pedreiros, advogados, professores, empresários, padres, pastores, jornalistas, promotores, donas de casas, pessoa boa e má. Na questão horário, não é diferente, durante as 24 horas, veículos se colidem, abalroam, capatam e tombam. O que mais me preocupa não são os acidentes, mas o foco da preocupação das pessoas(leia-se aqui alguns comentáristas). Poucos (sei que não é a maioria, pois a maioria não escreve e nem opina) estão preocupados com o bem estar do próximo, e olha que penso que direitos humanos, são para os humanos direitos. Padre Rogerio, represente aqui, os mais de 70.000 (setenta mil) mortos e 1.000.000(um milhão) de vítimas anuais no trânsito no brasileiro, e que cuja preocupação é na maioria das vezes, somente dos parentes e amigos.

  • Gdj Amigos Pela Fé diz: 14 de junho de 2013

    É com imenso prazer que venho através deste relatar a muitas BESTEIRAS ditas a respeito de nosso amado e querido pároco Pe. ROGÉRIO RODRIGUES. Pois nosso grupo de jovens vem caminhando a mais de um ano,e podemos dizer que é graças a este homem que estamos de pé na nossa caminha

    Como é que a gente pode viver nesta sociedade tão ambiciosa e egoísta onde todos prezam a liberdade o direito de ir e vir, mas não se tem o direito de fazer o que bem entende da vida. Entristece-me profundamente saber que as pessoas têm sede da injustiça, e se vangloriam com o falso testemunho. Mas o que mais me entristece e o pessoal da nossa paróquia falar mal do nosso pároco dizendo que ele não faz nada para ajudar a paróquia, me digam então por que ele sai para visitar as pessoas em suas casas em leito de morte, por que será que ele sai da sua casa para escutar problemas das pessoas e auxilia-los em suas decisões que muitas vezes vocês vão até lá para pedir uma Cesta básica ou algum tipo de ajuda, me recordo bem do ano de novembro de 2008 quando o nosso Pároco Pe. ROGÉRIO RODRIGES lotou as salas de catequese e o salão de famílias desabrigadas pela a enchente, quantos pães ele fez com suas próprias mãos. Agora coloquem mão na consciência e reflitam se é coreto fica julgando uma pessoa com tantas qualidades por um ato que ela não tem culpa um acidente? Pensem, e vejam se vale a pena, criticar e cruzar os braços! Em vez de tanta crucificação, por que não podem dizer assim ? “ será que este padre está bem” ou “ será que posso ajudado ?” tenho certeza que se sentiria bem melhor estar fazendo o bem, do que tentar destruir uma visão que este homem traz com sigo de “ cidadão autentico”. Mas isto que digo é um concelho, ouça se você quiser. Só um recado que vai te entristecer, suas poucas e sujas palavras não mudaram nada, pois isso não deveria nem estar acontecendo . Passar bem Fique com Deus e aprenda a cuidar da sua vida. Obrigado.

  • Patricia diz: 14 de junho de 2013

    Queridos, lembrem-se sempre: todos nós corremos risco seja ele ate dentro de nossas casas, por isso vamos olhar nosso próprio RABO antes de criticar e julgar o RABO dos outros pode ser que amanha seja um de vcs que esteja nessa situação, ou até mesmo sua mãe, seu pai, seus filhos ou demais parentes fica a dica só para lembrar ele é meu tio… bjosss seus ignorantes

  • Jose Santos diz: 17 de junho de 2013

    Patricia, escrever que devemos ficar olhando o RABO do padre é muito feio, ainda mais sendo parente dele.kkkkkkkkkkkk

Envie seu Comentário