Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de maio 2011

Reagindo para ser campeão

16 de maio de 2011 5

Tudo que faltou ao Inter nos tempos mais recentes apareceu no Olímpico em quantidade suficiente para fazer do time colorado o campeão gaúcho de 2011. Capacidade de reação diante da adversidade, eis o que pedia o torcedor que viu sua equipe perder candidamente para o Mazembe, ser surpreendida pelo Penharol e perder a primeira das finais do Gauchão no Beira-Rio. Com o treinador anterior ou o atual, os jogadores colorados não conseguiam sair da dificuldade e revertê-la.

Para mexer certo, Falcão escalou errado. O time improvisado em todos os setores não fez frente ao Grêmio e esteve perto de ser goleado. O técnico colorado fez a leitura do erro em tempo e corrigiu simplificando. Kléber é lateral-esquerdo ? Foi jogar no seu lugar. D’Alessandro é meia de articulação ? Foi articular. Para reacertar a equipe, Falcão fez entrar Zé Roberto e viu o desacreditado jogador fazer sua melhor partida desde que chegou ao clube. Foi meiocampo fechando o lado sem a bola, mas foi principalmente atacante vertical quando da retomada.  O Grêmio que era dono do jogo deixou de ser.

Depois de virar em 2×1, o segundo tempo foi espetacular como era de se prever. Abriu de lado a lado, erros e acertos eletrizavam azuis e vermelhos. Foi num erro primário da defesa gremista que Zé Roberto cavou pênalti cometido por Víctor. Num erro não menos grosseiro de Renan o Grêmio fez o segundo e levou a decisão para as penalidades. A partir daí, qualquer resultado seria justo. O emocional decidiria o Gauchão. Renan viu ali a chance da redenção, pegou três cobranças e contribuiu decisivamente para o título.

Colorados comemoram com justiça, mas não podem esquecer que há uma defesa por rejuvenescer, um lateral-direito titular por contratar e um atacante a fixar ao lado de Damião. O Grêmio precisa de mais titulares e mais jogadores de grupo. Tem menos recursos, terá que ser criativo como Paulo Odone já foi outras tantas vezes como dirigente.

O Brasileirão vem aí.