Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Paralisação nacional de caminhoneiros não deve afetar circulação de estradas no RS

24 de julho de 2012 17

A partir da meia-noite de hoje começa um protesto convocado pelo Movimento União Brasil Caminhoneiro que deve afetar os profissionais autônomos em todo o país. Diversas manifestações estão agendadas para esta quarta-feira. Os líderes da paralisação devem se concentrar nas estradas que ligam Rio Grande a Pelotas, Santa Maria a São Sepé, Cruz Alta a Julio de Castilhos e Passo Fundo a Marau. O motivo do protesto são os prejuízos que os caminhoneiros vem sofrendo com o baixo preço do frete, custos elevados com óleo diesel, pedágio, além dos constantes roubos de carga e a precária estrutura para as paradas. Também causou revolta na categoria a lei que limita o tempo de direção e reduziu a remuneração do profissional. Não há como definir o tamanho desta paralisação, uma vez que nem todos os sindicatos apoiam o movimento. Há indícios de que no primeiro dia a adesão pode ser maior. No entanto, o Coordenador do movimento na grande Porto Alegre, Osmar Lima, afirma que o protesto será ordeiro, sem trancar estradas.

As mercadorias que mais podem ser afetadas são as cargas perigosas e alimentos perecíveis. Por isso, com a continuidade do movimento, pode faltar combustível ou hortigranjeiros nos supermercados. Essa possibilidade é confirmada pela Associação Gaúcha de Supermercados. A Ceasa ainda não tem estimativa sobre o impacto da mobilização. O Setcergs, que representa as empresas de carga não aderiu ao protesto mas considera as reivindicações justas. A entidade orientou os associados que diante de alguma situação de confronto, pare, já que as seguradoras não cobrem sinistros em caso de greves.

Reportagem de Josmar Leite

Comentários (17)

  • amarildo diz: 24 de julho de 2012

    esta greve interessa mais aos autonomos e donos de empresa…..quem transporta mercadoria propria como e o meu caso nada tem a ver com essa greve….espero nao ser parado nas estradas e ter que aguardar a greve para para prosseguir viagem….

  • joão leite diz: 24 de julho de 2012

    se os caminhoneiros pararen o brasil para

  • Gilmar Gleison Magela diz: 24 de julho de 2012

    Gostei d + samos escravisados pelos patrões

  • Leonir diz: 25 de julho de 2012

    Sou a favor a paralização, vamos todos aderir, temos a maior força do País.
    O Governo tem que ceder.

  • emili diz: 25 de julho de 2012

    é um absurdo que a categoria não se organiza….há caminhoneiros que nem sabem porque estão fazendo greve……. vamos nos organizar gente…isso com tudo!
    somente a união do povo pode vencer o governo!!!

  • adelmo vicente hass diz: 25 de julho de 2012

    Vamos la amigos caminhoneiro vamo para៛៛៛

  • junior diz: 25 de julho de 2012

    Como pode ter gente iginorante a chegar ao ponto de dizer uma asnera desta. Se você esta no ramo de transporte logico que voce tem algo com esta historia. Tambem trabalho em transportadora e preciso mandar as cargas. Mais sei que a união não faz somente o açucar, caminhõneiros não desista dos seus objetivo. um abraço a todos que tem noção.

  • Evandro Rank Mazur diz: 25 de julho de 2012

    Srs governantes vamos parar de investir em futebol e copa do mundo e vamos valorizar um pouco mais nossos brasileiros, todos estamos cientes ha muito tempo que sem os caminhoes o brasil para mesmo ..a cada 10 toneladas de cargas q giram 9 são feitas por caminhoneiros , o q quer dizer que: gira dinheiro diretamente e indiretamente, diretamente com o consumidor e indiretamente com impostos, pedagios, postos de gasolina entre outros restaurantes e tdo mais,o governo naum tem desculpa em dizer q naum pode melhorar o frete e consertar nossas estradas, esta na hora de parar com investimentos superfluos dona dilma….valorizem que ajuda a levar o alimento para dentro de suas casas e de seus eleitores…..digo isso eu que nem tenho caminhão, mas valorizo os trabalhadores nesse ramo!

  • Samueç diz: 25 de julho de 2012

    Na minha opnião, os ditos sindicatos que as vezes interferem em nosso trabalho , nada fazem mais do que agitar tais manifestações, Por que eles não tomam as atitudes propostas a favor do trabalhador, conseguindo melhores condiçoes de trabalho, renda e etc…, só fazem repassar os aumentos que o Governo libera e ponto final. Bando de come quieto e pior, que paga para eles somos nos trabalhadores.
    Pensem nisto.

  • Isaias Goulart diz: 25 de julho de 2012

    tenho de ir a pelotas nesse dia….q legal para o transito…….

  • Camila diz: 25 de julho de 2012

    A respeito do comentário do Sr. Amarildo.
    Sou filha de caminhoneiro (autônomo), e trabalho em uma empresa e sou a responsável pela contratação de caminhões. Como sempre digo vivos os 2 lados da moeda. Em casa torço para que suba o frete, e na empresa busco o menor preço. Porém, o seu comentário, Sr. Amarildo, foi um tanto egoísta, basicamente você quis dizer, “Se eu garanto o meu, o resto é que se exploda”. E por causa de mentes como a sua que a categoria é tão desvalorizada. Ninguém fará nada por vocês a não ser vocês mesmos.
    O frete continua baixo por que há caminhoneiros que se submetem a viajar por um mísero valor, e isso posso comprovar, pq pago um frete aqui na empresa que meu pai não viajaria nunca pelo valor. Mas é o que me oferecem, e não há dificuldades em encontrar motoristas que viagem por este valor. Se houvesse esta dificuldade, com certeza o frete aumentaria.
    Se todos se unissem, vocês conseguiriam algo, pois a situação de hoje é que as transportadoras lucram muito e quem de fato faz o trabalho pesado mal paga a manutenção do caminhão, isso sem contar com o cansaço de uma longa viagem, o desconforto de passar dias fora de casa, comendo muitas vezes uma comida de má qualidade, e a distancia de suas famílias ganha pouquíssimo. Hoje pela manhã quando vinha trabalhar, já me decepcionei com essa paralização, pois vi muitos caminhões na Rodovia. Talvez por não houve divulgação pelo noticiários, mas com certeza a maioria são os cabeças duras, como os que trabalham em transportadoras e tem “o seu” garantido, e não está nem aí para a grande maioria. Pessoal, estajam unidos sim, vocês tem muito a ganhar! Que Deus os abençoe!!!

  • Eduard Martins diz: 25 de julho de 2012

    Na verdade esta paralizacao e uma forma de colocar-mos ao governo a indignacao do motorista pela falta de respeito e consideracao para com o proficional , o governo libera financiamento do pro camioneiro todos trocam a frota pra poder melhorar as condicoes de vida ,seguranca,trabalho, e o governo depois tira metade do tempo desponivel para trabalho,porque acha que tem razao e ponto. Eles nao sabem o que estao fazendo. Sei que ainda tem muita coisa para acontecer em relacao a lei , na verdade nao tem como pagar-mos um caminhao trabalhando 10hs por dia ,nao tem como manter um funcionario com este horario para trabalhar , sejamos realista o oleo diesel ja almentou 2 vezes nao houve repasse , o diesel ja come 50% do frete os impostos,motorista, pneus ,manutecao,documentacao mais 42% nao tem como pagar tudo. vamos esperar pra ver ate onde vamos conseguir suportar.

  • joao da silva diz: 25 de julho de 2012

    se nos nao nos unirmos cada dia vai piorar,porque se nao vai ficar do mesmo jeito!!!!!!

  • Bibiane Batista da Silva diz: 25 de julho de 2012

    Essa paralisação é mais do que o necessário, estava quase sendo tarde de mais, portanto é um absurdo como as tais “autoridades” estão tratando os motoristas caminhoneiros, essa classe trabalhadora, que viaja dia e noite longe de sua família pra deslocar os alimentos que cada um consome. “IMPOSTO, PEDÁGIO, DIESEL, MANUTENÇÃO. PARE OU VAI PASSAR FOME!”

  • Leonardo diz: 25 de julho de 2012

    Ta certo, tem que se unir e parar o transporte, temos que nos valorizar e os outros também tem que nos valorizar, temos que fazer valer nossos direitos

  • paulo zacarias da silva T diz: 25 de julho de 2012

    VAMOS SE ORGANIZAR MELHOR SE NAO VAMOS PERDER DE NOVO

  • Flávio Gardenal diz: 25 de julho de 2012

    Sou à favor da greve, temos que ter mais união, sem caminhão o Brasil para, o governo não aguenta 3 dias !
    Há mais de 20 anos que aconteceu uma greve dos caminhoneiros !

Envie seu Comentário