Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "barros cassal"

Fim de semana tem 29 mortes violentas no RS

22 de julho de 2012 0

O fim de semana tem, até agora, 20 mortes no trânsito no Rio Grande do Sul. Já é o número mais alto do mês – nos finais de semana anteriores foram sete e 16 óbitos. O acidente grave mais recente foi em Farroupilha, na Serra Gaúcha. Um Pálio invadiu a pista contrária no quilômetro 116 da RSC-453, em Linha Vicentina, e bateu de frente com um caminhão. A caroneira, Silvia Teolini Haefliger, 28 anos, morreu na hora. O condutor do carro foi encaminhado ao Hospital São Carlos, em Farroupilha.

Acidente matou cinco

O episódio mais sangrento do final de semana ocorreu no vale do Rio Pardo. Cinco pessoas morreram em colisão frontal entre dois veículos no quilômetro 252 da RS-153, em Barros Cassal. A estrada liga a região de Soledade ao Vale do Rio Pardo. O acidente envolveu um Gol, com placa de Barros Cassal, e um Vectra, com placa de Canoas. No Vectra, morreram Fernando Toigo e Geise Franciele dos Santos. No Gol: o motorista Ivo Soldi Canabarro, de 65 anos, a esposa, Denoli Pinheiro Canabarro, de 58, e o neto David Canabarro da Mota, de três anos. A família a que pertenciam estas vítimas era uma das mais conhecidas de Barros Cassal.

Um dos veículos envolvidos no acidente Foto: Dione Reis, Jornal Serrano / Especial

- Confira em infográfico pontos mais perigosos das estradas gaúchas

- Excesso de velocidade é responsável por 39% das multas no RS

Homicídios estão abaixo da média

Foram nove assassinatos no Rio Grande do Sul até agora. No final de semana anterior, 11 homicídios foram registrados no RS. Quatro foram na região metropolitana, e cinco no resto do estado. O último crime foi em Alvorada, no bairro Intersul. Uma mulher, ainda não identificada, foi morta com dois tiros na cabeça na rua Otávio Rocha. De acordo com testemunhas, os tiros vieram de um carro que passou pelo local. O crime ocorreu por volta das sete da noite, e os autores não foram identificados.

===

Siga o repórter Igor Carrasco no Twitter