Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Que droga!

28 de junho de 2012 12

Lojas que atendem com portas fechadas, prefeitura investindo uma grana para substituir grades metálicas de bocas de lobo por grades de plástico, porque as metálicas são furtadas metodicamente… e tudo isto em nome de prevenção contra o avanço dos ladrões e assaltantes fissurados, que por uma pedrinha de crack cometem desatinos.

Estamos nos adaptando à consequência, ninguém mexe na causa. Os dependentes da droga definitiva, o crack, circulam pelas ruas feito zumbis, e mais um pouco ocuparão todos os espaços, e todos os espaços estarão fechados para o cidadão.

Não, não estou exagerando.

Dependentes químicos necessitam tratamento. Compulsório, que seja, para protegê-los, e à sociedade. No entanto, os legisladores, que parecem viver em outro planeta, pretender liberalizar ainda mais. “Drogar-se pode, mas não na frente das criancinhas, viu?” Ora, isto nem mais é ingenuidade, é burrice. Burrice criminosa.

Dane-se a maldita mania de correção política. O que tem que ser dito deve ser dito.


Comentários (12)

  • Elias Lamin diz: 28 de junho de 2012

    Boa tarde Walther, tenho uma loja de informática, instalei uma porta com trava automatica já fazem uns 10 anos. Sinceramente já pensei em ir embora do Brasil,eu sei que a droga existe em todos os lugares, mas em outros paises existem lei que protege o cidadão de bem, isso aqui está virando uma terra sem lei.

  • André diz: 28 de junho de 2012

    Verdade. Para cidadão de bem, a lei. Para quem rouba ou furta, seja viciado ou não, os DIREITOS HUMANOS. ONG´s travestidas para desviar dinheiro para políticos.

  • André Silva diz: 28 de junho de 2012

    Apaga esse post, já….. vai que o Ibsen lê, e te liga com aquelas perguntas embaraçosas.

  • CURTO&GROSSO diz: 28 de junho de 2012

    Leis safadas e o reflexo de legisladores/governantes somente preocupados em se perpetuar no poder e ainda encher o bolso e o Brasil então que se exploda !
    Nosso Banco Central e governo prá lá de incapazes acabam tocando um samba de uma só, pois a única coisa que fazem é incentivar o consumo de carros novas ou agora por último da linha branca e os reflexos são os que estamos a verificar tais como o calote no cartão de crédito que já chega aos 30%, ou seja, quase 1/3 estão inadimplentes há pelo menos 90 dias e esta conta já beira aos R$ 13 BILHÕES.
    Um governo que não está preocupado nem mesmo com a saúde financeira de seus contribuintes vai estar preocupado com gente que queima crack por ai ?
    Afinal, esta turma do poder pode ou não pode escolher onde morar e quanto ganhar ?Entendam, trouxas mesmo somos nós que aceitamos estes párias nas nossas costas e ainda ficamos nos lamentando pelos cantos como se não tivéssemos filhos ou netos para garantir a eles um país melhor !!!

  • CURTO&GROSSO diz: 28 de junho de 2012

    Ficaria bem melhor ter concluido o comentário anterior escrevendo: -DROGA MESMO SOMOS NÓS !!!

  • Luis Guilherme diz: 29 de junho de 2012

    Crack é complicado Valter. Mas não vejo o crack em si como a causa mas sim a conseqüência. Geralmente a um jovem carente o crack está mais próximo que alguma aula ou oficina de arte. Prender ou obrigar a se tratar também é muito delicado, afinal, o viciado só para se quiser. Quando a legislação vejo que os políticos acertam ao descriminalizar o usuário, principalmente o da maconha, porém só isso, isolado não adianta nada, deve ter uma ação forte da saúde pra tentar reduzir os danos do crack. Reitero, o crack não é a causa é a conseqüência.

  • Otavio Wobeto diz: 29 de junho de 2012

    Isso mesmo, temos que proibir mesmo, inclusive a cachaça, o tabaco e a fluoxetina.

    só fico me perguntando qual era a desculpa que justificava a desigualdade social quando o crack nao havia chegado no brasil ainda…

  • Jéssica Santos diz: 29 de junho de 2012

    Os “fissurados por uma pedrinha” como você mesmo os denominou, Valther… Sao apenas um produto da sociedade doente que NÓS mesmos criamos.
    Nao é de polícia que essas pessoas precisam. É de dignidade e igualdade!
    É muito fácil falar de uma realidade da qual só vemos na TV, nao é mesmo?
    Escrevendo aí do seu notebook no seu sofá confortável, enquanto outros tem que revirar o lixo para fazer uma refeiçao.

  • André diz: 29 de junho de 2012

    Pergunto à Jéssica, foi a falta de dignidade que os tornou fissurados por uma pedrinha ou foi a fissura pela pedrinha que os tornou sem dignidade?

  • CURTO&GROSSO diz: 30 de junho de 2012

    Conheço cidades no Brasil onde estes vagabundos já dominaram pontos de ônibus em alguns locais, obrigando trabalhadores a andarem no sol ou na chuva para não serem obrigados a conviver com esta escória e expondo seus filhos ainda crianças e por aqui a coisa não avançam para um caminho muito diferente.
    Pessoas mais infortunadas podem nascer no meio de um lixões ou de favelas e terem que lutar para estudar e sobreviver e no futuro ainda continuarão sendo decentes, ou seja, gente de verdade.
    A Jéssica Santos num discurso bem ao tipo de ONG’s perversas e de governos safados, apoia e ainda joga seus recalques prá cima de todo mundo.
    Jéssica, se você tiver pouca idade, talvez ainda tenha tempo para aprender alguma coisa, se fores muito velha, não temos nada a aprender com você e nem você para ensinar para ninguém !!!

  • LONGO & FINO diz: 2 de julho de 2012

    Ta certo.

    Mantem proibido mesmo.

    Os baroes tao lucrando com a venda.
    Os pequeno-burgueses seguem defendendo a pena de morte (pros outros).
    Os filhoes dos ricos seguem fazendo merda e sendo soltos (EU VI)
    Os curtos e grossos seguem dizendo que nao tem nada a aprender com velhas.
    O futebol segue sendo o principal assunto do santa.
    A novela o principal assunto das noviças (enquanto o maridao acreditar nisso tah bom)

    Vamos acabar com esse tal de direitos humanos, pra que isso né?? bobagem.
    é isso ai.

    Chumbo nos vagabundos!!! e morte pra quem for contra. Tacalopau Brasil, o pais do futuro.

    Em nome do pai, do filho e do juiz que é meu amigo.

    Amem

  • André Silva diz: 3 de julho de 2012

    O mania chata essa, de xingar os ricos. Inveja mata !

Envie seu Comentário