Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Permitam-me

28 de janeiro de 2013 2

A capa do Santa do último fim de semana, com  montagem fotográfica mostrando duas realidades separadas por 43 anos, é coisa para se guardar.

Criatividade de fazer gosto.

Comentários (2)

  • Giselle Seibel diz: 28 de janeiro de 2013

    Boa noite Valter
    Gostaria de saber como se calcula a capacidade de pessoas por m2 em um ambiente que pegou fogo em SM – RS? Acredito que deve haver sim uma fiscalização de equipamentos de segurança, rotas e estratégias de evacuamento. Mas não vejo se comentar a respeito do que sera feito em relação ao cumprimento da quantidade máxima permitida dentro de um ambiente. Falo isso porque é comum ver em casas noturnas de Blumenau e região, principalmente em shows de bandas maiores, socadas de gente. Lugares que muitas vezes é inviável se locomover. É visível para quem frequenta esses lugares que a capacidade máxima ou esta sendo ultrapassada pela venda acima do que cabe no ambiente ou o cálculo esta sendo equivocado. Me senti assim no show do grupo Nenhum de Nós na Expresso, ha mais ou menos 2,5 anos atrás e porque não se lembrar da superlotação que nossa Oktober sofre em dias de pico. Há fiscalização quanto a isso?
    Obrigada!
    Giselle

  • Jairo Lenfers diz: 29 de janeiro de 2013

    Bom dia Valther,

    No jornal de ontem, você colocou uma foto da transversal da rua José Deeke, com uma placa de sentido proibido.
    Aquela placa refere-se a que o motorista não pode cruzar a rua José Deeke, e entrar na rua a frente. Aquela rua da frente que vai até o Asilo São Simeão não é contramão.

    Abraço,

    Jairo

Envie seu Comentário