Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "Partidos políticos"

Tudo errado

23 de outubro de 2014 2

Houve um tempo em que acreditei que partidos representavam diferentes ideologias e convicções políticas, cada qual com seus estatutos e programas bem definidos. Houve um tempo em que pensei serem fóruns de discussão sobre os rumos do país, do estado, do município. Houve um tempo, faz muito tempo, que me filiei a um deles, cheio de entusiasmo sobre minha evolução política. E aí caiu a ficha, não era exatamente o que pensava, desfilei-me. Valeu como experiência, claro, já que toda prática é melhor que a teoria.
De lá para cá ficou ainda pior, com coligações inviáveis do ponto de vista programático. O Brasil precisa de reforma política, porém precisa ainda mais de reforma de mentalidade para evitar que uma eventual reforma política mude tudo para tudo ficar igual. Já aconteceu antes, muitas vezes.

Custo Brasil

05 de julho de 2014 1

A campanha de Aécio estabeleceu o valor de R$ 290 milhões como teto de gastos, a de Dilma um pouquinho mais e, tudo somado, as campanhas de todos chegarão perto do bilhão. É muita grana, é grana demais. Vai exigir um esforço enorme para conseguir investidores, digo, doadores.
Ou não.

 

É de chorar

25 de junho de 2014 0

Para o dia do jogo do Brasil contra a seleção de Camarões, na última segunda-feira, o prefeito de São Paulo quis decretar feriado e assim evitar o caos no trânsito e do transporte coletivo acontecido no dia do jogo anterior, semana passada. A oposição, na Câmara de Vereadores, manobrou para evitar a votação, e conseguiu. Mas na segunda-feira útil os vereadores não apareceram na Câmara.

Política, no Brasil, é uma piada. Lá e em qualquer lugar. Depois não querem…

Sem esperança

08 de outubro de 2013 11

Há uma revoada de senadores, deputados e vereadores  indo de um galho para outro, mudando de partido como nós trocamos de sapatos. Tudo pelo bem do Brasil, certamente, este Brasil tão distraído, desinteressado e, ao fim e ao cabo, conivente com a avacalhação geral.

Ao mesmo tempo os aspirantes a cargos majoritários negociam minutos de televisão, e esta é a face mais visível do absurdo de um sistema político que teima em não mudar. Vende-se a mãe por qualquer tempinho a mais de exposição na telinha. Quase nunca entregam, claro.

Com 32 partidos políticos, e crescendo, não dá mesmo para tempos iguais na TV, durante a campanha. Então, a moralização do processo teria que começar por aí: nanicos fora! A maioria deles.

Mas quem consegue fechar minas de ouro?

Se nada mudar, será como sempre: as eleições terminarão em segundo turno e os eleitores terminarão em segundo plano.

Sistema

06 de outubro de 2013 3

Tem partido político nanico rindo de Marina, que não conseguiu o quase meio milhão de assinaturas para formar o seu. A propósito, como tantos nanicos conseguiram?
Nunca fui abordado para tal, nem conheço quem tenha sido.

Ibsen, o norueguês

29 de setembro de 2013 7

O norueguês, aquele, parece brasileiro, não desiste, sempre por telefone:
- É fato que em teu país criar um novo partido político é tarefa complicada?
– É, sim, Ibsen. Exigem milhões de assinatura e mais um bocado de providências.
– Então por que criam tantos?

Desta vez eu tinha resposta:

- Porque vale a pena, Ibsen, vale a pena…

Disparidade

05 de maio de 2013 2

O Brasil tem 30 partidos políticos registrados no TSE. Já ideologias podem ser contadas nos dedos de uma só mão.

A conta não fecha.

Lengalenga

06 de abril de 2013 0

Haja saco para as propagandas dos partidos políticos  na TV !

Altos estudos?

29 de março de 2013 7

O deputado Inocêncio de Oliveira (PR-PE) preside o recém-criado Conselho de Altos Estudos da Câmara dos Deputados. Mais dez cargos comissionados.

Altos estudos?

Então tá…

Toma lá, dá cá

27 de março de 2013 3

Numa coisa os partidos políticos evoluíram: transparência. Não tem mais esta de enfeitar o pavão, de disfarçar a intenção. Cargos em troca de apoio, não importa o projeto de governo, e estamos conversados.

É pegar ou largar.