Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Como o IPO do Facebook afetará os seus usuários

17 de maio de 2012 0

Foto: Emmanuel Dunand, AFP

Ok, talvez você não aguente mais notícias sobre o IPO do Facebook, mas é um assunto que não dá para fugir: a entrada da rede social mais popular do planeta na Bolsa de Valores é importante até para você, usuário que está nem aí para o mundo das ações.

Os holofotes são justificados. É o maior IPO da história das pontocom, com uma empresa criada há oito anos em um dormitório de Harvard alcançando um valor de mercado de 104,2 bilhões de dólares.

Embora os mais de 900 milhões de usuários da rede social não sejam afetados diretamente pelo IPO, dá para visualizar algumas implicações mais adiante.

Com 421,2 milhões de ações oferecidas a um preço fixado em 38 dólares cada, o Facebook conseguiu captar 16 bilhões de dólares. Ou seja, o Facebook terá mais dinheiro em caixa, o que pode ajudar na compra de startups que possam vir a ameaçá-lo ou que tenham recursos que possam ser incorporados (a compra do Instagram, por exemplo, custou 1 bilhão de dólares). Mais dinheiro também significa mais inovação, mais espaço para a experimentação de novas funcionalidades. Em outras palavras, o Facebook espraiará ainda mais os seus domínios.

E não para aí: todo o ecossistema de tecnologia e inovação deve ser beneficiado. Funcionários do Facebook enriquecidos graças ao IPO tendem a se aventurar na criação de suas próprias pontocom.

Um Facebook cotado na Bolsa de Valores também significa um Facebook mais domado, uma rede social pressionada pelo mercado. Mark Zuckerberg terá de pensar duas vezes antes de lançar recursos polêmicos porque agora não passará apenas pelo escrutínio dos usuários, mas também pelo de Wall Street. Então veremos mais pressão no modelo de negócios do Facebook. Os investidores vão querer, afinal, lucros crescentes.

E para onde caminha esse Facebook pós-IPO? Mobilidade é uma área chave para a expansão da empresa, mas onde eu imagino que o impacto será mais gritante é no chamado f-commerce (o comércio eletrônico pela rede social). Em outras palavras, prepare-se para um Facebook cada vez mais como uma plataforma de compras. Também acho que o sistema de publicidade no Facebook tende a ficar cada vez mais invasivo. A última? A rede social está testando um recurso em que você pode pagar para que seus posts sejam destacados para os seus amigos.

@@@

Ah, este vídeo aí (em inglês) apresenta vários números dando uma boa ideia de por que esse IPO é importante.

Leia também:

A “facebookização” do Instagram

Monte um infográfico sobre o seu uso das redes sociais

Uma parceria para deixar o Facebook mais seguro contra vírus e spam

>>> Acompanhe o blog pelo Pinterest, Facebook e Google+

Bookmark and Share

Envie seu Comentário