Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Resumão tech da semana

23 de setembro de 2012 0

Foto: Yoshikazu Tsuno, AFP

Antes de encarar mais uma segunda-feira, vamos a alguns destaques dos últimos dias no mundinho tech:

* O iPhone 5 chegou às lojas em nove países (ainda não há data oficial de lançamento no Brasil). Aqui na cidade onde moro tem uma Apple Store, e eu fui lá conferir o bichinho de perto. Não comprei, mas achei gritante a melhoria de design (tela maior, mais leve e fino, sem falar que ficou lindão em alumínio anodizado).

* Os produtos da Apple costumam ser absurdamente frágeis, mas este vídeo aí – que compara o estrago no iPhone 5 e no Galaxy S3 ao serem jogados no chão – mostra que o smartphone da Apple ficou mais resistente:

* A Apple liberou para download o iOS6, a nova versão do seu sistema operacional para iPhones, iPads e iPods Touch. O que mais chamou a atenção, claro, foi a substituição do Google Maps pela ferramenta de mapas própria da Apple (imagem abaixo). Minha primeira impressão foi um “nossa, que mapas elegantes”, mas no que importa mesmo, a precisão dos dados, o serviço é uma piada. O fiasco é tanto que foi criada uma página no Tumblr que reúne os absurdos da ferramenta. Confiram em theamazingios6maps.tumblr.com.

Crédito: reprodução

Meus pitacos: o maior problema nem é entregar um serviço ruim, inacabado. O que mais irrita é que a Apple deu um passo para trás, já que a ferramenta que tinha antes (o Google Maps) era boa. Não foi de um dia para outro que o Google fez do Maps um serviço tão bom como é hoje, e a Apple colocou os seus interesses acima da satisfação dos seus usuários. Oferecer o seu próprio serviço de mapas é estratégico para Apple, algo importante demais para entregar ao principal concorrente. Ainda não há app do Google Maps para iOS, então a dica é acessá-lo via browser, em maps.google.com.

* O que também incomoda no iOS6 é que o YouTube não vem mais como um app nativo. Para iPhone, é só baixar na App Store, mas ainda não há um app oficial do YouTube para iPad. Dá para baixar aplicativos de terceiros, ou então acessá-lo via browser (m.youtube.com).

* A Motorola anunciou o Razr i, smartphone com tela de 4,3 polegadas, Android 4.0 e chip Intel (vídeo abaixo). Ah, e vale registrar que já está à venda no Brasil (pela Claro) o Razr HD, o primeiro smartphone no mercado nacional compatível com o 4G tupiniquim.

* A Microsoft liberou uma atualização de emergência para uma falha de segurança crítica encontrada no seu browser Internet Explorer.

* A votação do Marco Civil da internet brasileira foi adiada mais uma vez, ficando possivelmente para outubro. Google, Facebook e Mercado Livre divulgaram nesta semana uma carta em apoio ao marco civil da internet. O texto está disponível aqui.

* O Twitter atualizou as suas apps para iOS e Android. Outra novidade é que a rede social agora permite incluir uma foto de capa, algo a la Facebook e Google+.

* Nesta semana se comemorou os 30 anos dos emoticons. Comento o assunto aqui.

* O Google comprou a empresa alemã Nik Software, que desenvolve o aplicativo de edição de fotos Snapseed (que foi eleito pela Apple em 2011 como o app do ano para iPad). Há quem considere o Snapseed (imagem abaixo) como um concorrente do Instagram, mas não acho que seja uma concorrência direta. Bem, o Snapseed tem bem mais recursos que o Instagram para edição de fotos e inclusão de filtros, mas não é uma rede social para seguir pessoas como o Instagram. De qualquer forma, uma integração do Snapseed com o Google Plus vai deixar a guerra das redes sociais ainda mais interessante (e essa aquisição pelo Google faz muito sentido, ainda mais depois que o Facebook comprou o Instagram).

Crédito: Snapseed, divulgação

Bookmark and Share

Envie seu Comentário