Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Campeão mundial vence na abertura do Circuito Catarinense de Motocross em São José

23 de março de 2014 0
Carlos Campano venceu na estreia do Circuito Catarinense de Motocross - FO

Carlos Campano venceu na estreia do Circuito Catarinense de Motocross – Foto: Fundação Municipal de Esportes e Lazer de São José/Divulgação

 
Aconteceu neste fim de semana, em Potecas, São José, a abertura do Circuito Catarinense de Motocross 2014. A competição promovida pela Fundação Municipal de Esportes e Lazer teve como grande destaque o espanhol Carlos Campano, campeão mundial em 2010. O piloto, que atualmente reside no município josefense venceu na principal categoria – MX1 – e abriu a temporada confirmando o status de favorito.
Campano venceu as duas baterias do dia para confirmar o triunfo na etapa inaugural, realizada no Motódromo Marronzinho. “Estou bem feliz por ter vencido a etapa aqui em São José. A pista é ótima e eu já estou bem familiarizado. O Circuito Catarinense é muito forte e eu gosto bastante de poder competir por aqui”, revela o espanhol, nascido em Sevilla, mas que adotou o Brasil como sua nova casa devido a força das competições da modalidade.O também josefense Anderson Cidade conquistou o vice-campeonato na principal categoria do Motocross Catarinense, enquanto Pipo Castro – outro competidor de São José – fechou o pódio na terceira posição.Além da MX1, mais nove categorias movimentaram o fim de semana em São José. Na Nacional, melhor para David Araujo – de Nova Veneza. Já nas 65cc, o atleta de Forquilinha Olivio Gabriel levou a melhor, vencendo a primeira etapa. Nas 55cc, Raul Miranda, de Imbituba, subiu ao lugar mais alto do pódio.

Na categoria Junior muito emoção e uma disputa definida na última curva, com vitória para Diego Heining, de Camboriú. Já na MX2, o paranaense Leandro Silva comemorou a conquista na primeira etapa do ano. Na MX3, Milton Becker, de Joinville, brilhou e levou pra casa o troféu de campeão, enquanto na Intermediária MX2 Lucas Dunka, de Piçarras, foi o melhor.

Fechando a competição, Nilson Tecilla foi o grande campeão na Intermediária MX1 e Milton Becker, novamente, levou a melhor na MX4.

Fonte: Danilo Caboclo

Envie seu Comentário