Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Catarinenses disputam a sexta etapa do Brasileiro de Motocross

18 de setembro de 2014 0

Após quatro anos sem realizar um evento do Campeonato Brasileiro, o estado do Rio de Janeiro volta a receber nessa temporada a elite nacional do Motocross para a sexta etapa do ano. A cidade de Paty dos Alferes, localizada a aproximadamente 100km da capital carioca, sedia o evento neste final de semana e os catarinenses chegam entusiasmados para a disputa.
 
A sexta etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross contará com as disputas nas seguintes categorias: MX1 (motos até 450cc, pilotos de 17 a 55 anos), MX2 (motos até 250cc, pilotos de 14 a 23 anos), MX3 (motos até 450cc, pilotos homens com idade a partir de 35 anos e mulheres a partir de 17 anos), Junior (motos até 150cc, pilotos homens de 11 a 15 anos e mulheres até 17 anos) e os catarinenses estão na briga por título na maioria delas.
 
Na principal categoria do Motocross, a MX1, três atletas do estado figuram entre os top-10 do ranking. Líder do nacional até sofrer uma lesão, Carlos Campano retornou as competições na última etapa e voltou a subir ao lugar mais alto do pódio. Quinto colocado na temporada, o espanhol radicado em São José busca subir algumas posições no Rio de Janeiro.
 
Além de Campano, o equatoriano Humberto Martin, também filiado à Federação Catarinense de Motociclismo, aparece em 7º e Rafael Faria em 8º. O líder do Campeonato é Jetro Salazar, do Equador.
 
Na MX2, Anderson Cidade é o melhor piloto de Santa Catarina, ocupando a quinta posição. José Brayan é o sétimo. É importante lembrar que nessa etapa a organização do evento promoverá três baterias da categoria, uma vez que na etapa de Pedra Bonita uma das disputas ficou em aberto.
 
Catarinenses no top-5 da MX3:
A categoria MX3 é uma das mais disputas do Campeonato Brasileiro de Motocross e os catarinenses são atores principais na briga pelo título. Vice-líder do ranking, o premiado piloto Milton “Chumbinho” Becker aparece com 113 pontos, apenas cinco atrás do líder Davis Guimarães. O cenário pela corrida ao título é muito disputado, com mais dois catarinenses no top-5.
 
Richard Berois ocupa a quarta posição e Erivelto Nicoladelli vem logo atrás em quinto lugar, mostrando a força de Santa Catarina na categoria.
 
Local das disputas:
A sexta etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross acontecerá na pista de 1.500 metros no Horto do Avelar. A entrada será gratuita e a expectativa segundo os organizadores é de que cerca de 20.000 pessoas passem pelo local.
 
Fonte – Assessoria de Imprensa Federação Catarinense de Ciclismo


Carlos Campano voltou a vencer após sofrer lesão – Foto: Kelson Rene/CBM


Milton “Chumbinho” Becker de olho na ponta do ranking brasileiro na MX3 – Foto: Racecross 
 

Envie seu Comentário