Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Vacina e carteira internacional

30 de maio de 2011 0

Mania de virginiana: ter todos os documentos, incluindo os usados em viagens, absolutamente em dia. Por isso já estava nervosa com minha carteira internacional da febre amarela vencida em abril. Aproveitei, então uma folga, para renovar a vacina, feita há 10 anos antes de uma viagem à Colômbia, e a respectiva carteira . Agora é diferente de uma década atrás. Como eu fiz: 1 – Procurei o posto de saúde mais próximo da minha casa, com atendimento rápido, eficiente e simpático, acredite (veja aqui locais para se vacinar em Porto Alegre:  clique aqui e confira ). 2 – Na hora, a unidade sanitária fornece um comprovante de vacinação válido em todo território nacional. 3 – Depois, para obter a carteira internacional, é preciso ir a um posto da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para obter a carteira internacional (é preciso levar a carteira fornecida pelo posto e documento com foto, além de comparecer pessoalmente). No caso de Porto Alegre, os locais são o Cais do Porto ou o Aeroporto Salgado Filho (no horário das 12h às 19h). O atendimento, que eu fiz no aeroporto, também foi muito rápido. Outras informações sobre a vacina: Deve ser feita por  viajantes que se deslocam para áreas infectadas pelo mosquito Aedes aegypti. É preciso fazer a vacina no prazo mínimo de 10 dias antes da viagem, no caso de primeira vacinação. Pessoas já vacinadas precisam apenas de um reforço e a imunidade é considerada imediata. Para menores de 18 anos, na hora de fazer a carteira internacional, é necessário a apresentação da Certidão de Nascimento.

Confira o post completo no blog Recortes de Viagem:
Vacina e carteira internacional

Envie seu Comentário