Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Para ir no feriado (ou no final de semana)

01 de fevereiro de 2012 0

Nesta quinta é feriado em PORTO ALEGRE. É dia de Nossa Senhora dos Navegantes. Se você não for participar da festa, se não quiser colocar em dia o cinema e a leitura, se não quiser ficar de patas para o ar, eu tenho uma sugestão. Não que seja a sua última opção. Nem é a primeira vez que falo nisso, nem será a última delas… Minha dica é dar uma saidinha não muito longe da cidade. É ir até TRÊS COROAS  e visitar o Centro Budista , que fica a pouco mais de 90 quilômetros da Capital. Tenho ido até ali de dois em dois anos, me dei conta no domingo, quando estive lá. E sempre nesta época, quando é tempo de comemorar o Ano-Novo budista. O único senão de ir nestes tempos é que às vezes a visitação é limitada no templo durante as cerimônias. E, quando está aberto, não se pode circular por todo o interior. Mas ainda assim vale a pena. Sempre me impressiona ver aquelas construções coloridas em meio ao verde, contrastando com o céu azul, no alto do morro. E o silêncio que as pessoas se impõem estando ali, naquele lugar reservado à oração, à meditação. Algumas dicas pra quem vai: Pra mim, o caminho mais simples é ir pela BR-116, dobrar à direita na RS-239 e depois pegar a RS-115, dobrando à direita no primeiro trevo de Três Coroas (até o alto são mais 7 quilômetros, intercalando calçamento e estrada de chão). Nesta época, faz muito calor. Então, roupas e sapatos leves, boné ou chapéu e protetor solar. Desta vez, não percebi mosquitos, mas já tive de combatê-los em outra visita. Um repelente ajuda. Dá para fazer uma visita razoável em uma hora, dependendo do seu interesse, é claro. Se você estiver num grupo com mais de 10 pessoas, é preciso reservar com antecedência. Caso contrário, não tem mistério: é chegar, se identificar no interfone, dando a placa do carro. Há estacionamento muito próximo do templo. Não é permitido fumar em nenhuma das áreas, mesmo ao ar livre. Fotografar na área externa não tem limites, mas no interior do templo, não pode. Os horários: de quartas a sextas, das 9h30min às 11h30min e das 14h às 17h; aos sábados e domingos, das 9h às 16h30min. Não abre às segundas e terças. IMPORTANTE: não há nenhuma estrutura de hospedagem e restaurante, a não ser para quem está ali para retiro. Portanto, se você acha que vai sentir fome ou sede, leve seu lanche. De minha parte, sugiro dar uma estendida até GRAMADO/CANELA para almoçar e passar o resto do dia. Você estará muito próximo. Outra dica é o restaurante tibetano Tashi Ling, na RS-020 . Conjunto de estupas Templo Bandeiras de oração (faça silêncio e preste atenção no som que fazem!) Terra Pura de Guru Rinpoche (onde estão as cinzas do criador do centro budista) Detalhe

Confira o post completo no blog Recortes de Viagem:
Para ir no feriado (ou no final de semana)

Envie seu Comentário