Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Templo Budista em Três Coroas, mais um passeio bem pertinho!

09 de abril de 2013 3

Não sou religiosa e por falta de fé , nenhuma religião me conquista e , principalmente , me convence de suas verdades! Mas o budismo tem um quê de espiritual sem ser dogmático, que me atrai mais do que as outras filosofias , apesar da quase completa ignorância sobre preceitos mais profundos. Foi com o espírito aberto e a curiosidade aguçada que visitei o Templo Budista de Três Coroas , perto de São Francisco de Paula no Rio Grande do Sul.

 

A viagem é um prazer , saímos de Porto Alegre pela BR 116 e em menos de 1:30h estávamos lá, em meio a uma natureza exuberante o colorido e a paz do templo nos tomou de assalto! A estrada é linda e, passando Taquara, torna-se vazia e conforme vai-se subindo a serra oferece uma vista que instiga a contemplação.

A entrada do Templo Khadro Ling é simples e no portão , pelo porteiro eletrônico, a gente deve identificar-se para entrar com o carro. Ninguém veio conferir nossa identidade e seguimos direto para a sala de video onde um filme conta a história do lugar. O templo é  réplica do templo celestial de Zangdog Palri (“Gloriosa Montanha Cor de Cobre”) na cidade de Kogpo, no Tibete e traz símbolos de valores universais como a não-violência e a clareza interior.


Os praticantes sentam-se em fileiras nas mesas mais baixas.

Fonte :http://kl.chagdud.org/tour-on-line/

Internamente é ainda mais encantador e pode-se visitar fora do horário de aulas e meditação. Infelizmente não pode ser fotografado.

Zangdog Palri é a Terra Pura , um reino que expressa o ambiente esplêndido surgido da mente iluminada.

Nenhuma outra Terra Pura de Padmasambava no Ocidente foi construída tão completamente no estilo tradicional como a retratada abaixo.

Chagdud Tulku Rinpoche era um mestre de meditação do Budismo Tibetano. Rinpoche trouxe aos Estados Unidos e à América Latina ensinamentos espirituais extremamente raros e profundos, totalmente desconhecidos no Ocidente até poucas décadas atrás. Erguer a Terra Pura foi seu último desejo e seu último grande projeto antes de morrer em 2002. Ele já havia começado a pesquisar os traços específicos da arquitetura e havia completado a estátua do Buda Amitaba, que agora ocupa o terceiro andar da Terra Pura. Após o falecimento de Chagdud Rinpoche, o projeto passou a ser coordenado por Chagdud Khadro, sua viúva e atual diretora espiritual do Chagdud Gonpa na América Latina..

Detalhe das bandeiras.

Fonte :http://kl.chagdud.org/tour-on-line/

Este é um grande exemplo das bandeirinhas que às vezes vemos pela cidade e não sabemos bem para o que servem, levam a escritas as ideias budistas e  a crença de que o vento vá espalhá-las levá-las ao longe! Uma imagem romântica e simpática, que espelha a esta filosofia que me parece ser um exemplo de generosidade!

Como não era final de semana  não tivemos acesso a todos os prédios, restritos aos moradores durante a semana. Esta é a Casa das Rodas de Oração que giram incessantemente emitindo um som meio hipnótico,  contém  rolos com mantras inscritos que ao serem girados (mecanicamente) emanam bençãos para os que estiverem em suas proximidades,  . O que também chama atenção é o colorido em todas as imagens e a dedicação de jóvens que vem de muitas paragens para pintá-las. O Buda Akshobia  representa consciência e sabedoria. Sua existência é para nos inspirar a seguir seus passos de superar a raiva e a maldade

 

As estupas fazem na repetição a oração ser internalizada, simbolizam o cosmos para os budistas que caminham a sua volta em um ritual  de monumentos sagrados que representam  8 fases da vida do Buda. Diz-se que deve-se percorrer em sentido horário toda sua extensão, a cada estupa percorrida sua mente se ilumina e recebe-se bençãos. Aproveito para pedir desculpas por algum engano em qualquer explicação  , não conhecia quase nada e relato aqui o pouco que descobri por lá! Aproveitem para visitar e aprender um pouco mais!

Acabamos nosso dia  comendo pinhão com cuca e queijo colonial, numa cidade serrana que guarda seu passado colonial bastante preservado, São Francisco de Paula.

 

Informações práticas:

Templo Khadro Ling
Estrada Linha Águas Brancas, 1211 Cx. Postal 121 CEP 95660-000 – Três Coroas – RS – Brasil
Tel: (51)3546-8201
Qua a Sex das 9h às 11:30h e 13:30 às 17h, Sáb e Dom das 9h às 16:30h
Terra Pura de Padmasambava Sáb e Dom das 9h às 16:30h
Entrada: gratuita

Comentários (3)

  • Bruna Land diz: 21 de novembro de 2014

    Olá, gostaria de ressaltar as belezas da rodovia RS020, sempre tão esquecidas pelas pessoas e pelo nosso querido governo, rodovia muito importante com inumeros caminhões todos os dias, que liga litoral, serra e região metropolitana. Nós do Restaurante do Sítio, estamos tão proximos e ao mesmo tempo tão longe do templo, são apenas 10km, mais a maioria conhece somente a ida pela rodovia RS115.

  • rodrigo sbeghen diz: 27 de abril de 2015

    boa tarde.

    Gostaria de visitar o Templo neste próximo final de semana, no sábado mais precisamente, preciso efetuar alguma reserva e/ou solicitação.

    grato,

    Rodrigo Sbeghen

Envie seu Comentário