Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Turismo Rural em Gramado: origens italianas na Linha 28 e Linha Bonita

15 de abril de 2014 10

Temos recebido muitos comentários de leitores que nos dizem que nos acompanham no blog pois não podem viajar para longe.  Este post contempla quem gosta de natureza mas não quer ou não pode alçar voos mais distantes !

Vou a Gramado pelo menos uma vez por mês e para quem diz que já viu tudo por lá um aviso: cada vez consigo fazer uma nova descoberta , basta sair em busca com espírito aventureiro e disposição. A natureza é pródiga e as possibilidades quase infinitas. A paisagem se modifica em cada estação do ano , com flores diversas e muito colorido natural.

2014-04-12 11.35.48

Para um passeio contemplativo e histórico a Linha Bonita é uma excelente opção , descendo pelo Mato Queimado em direção a Caxias do Sul, oferece paisagens idílicas e muito rurais. Uma verdadeira volta ao passado! Pinhão , abóbora ,uva, morangos , dependendo da época do ano é possível comprar os produtos diretamente na fonte. Uma fábrica de massa caseira faz parte do roteiro.

2014-04-12 11.44.31

Moinho Cavichion

Para começar a Casa Centenária , uma construção que segue conservada como quando foi construída! E detalhe , tudo sem muros ou grades de proteção!

2013-12-22 12.43.37

Descendo a estrada , que pode ser feita até a pé desde o centro da cidade (contanto que alguém possa buscar de carro porque a subida na volta é dureza!), são menos de 10km, muitas descobertas nos esperam! Adorei ver a profusão de dálias , uma flor meio fora de moda que minha bisavó tinha muito em seu jardim de flores misturadas!

2014-04-12 11.24.09

 2014-04-12 11.36.03

No coração da Linha Bonita o Moinho Cavichion pede uma parada mais demorada! Uma pintura em cada detalhe , eu amo! Cheio de patinhos nadando em seu lago e uma paisagem quase intocada.

 

2013-12-22 13.02.52
No coração de Linha Bonita a indefectível capelinha e indicações de seguir o passeio para a Cachoeira do Panelão ou Linha Ávila.

2013-12-22 13.10.36

2014-04-12 11.40.38

Seguindo para o fundo do vale em direção a Caxias do Sul ,só então acaba o asfalto e a passagem pela ponte de ferro nos leva a Vila Oliva e outras possibilidades a serem exploradas!

2013-12-07 17.04.57 2013-12-07 16.28.54

Uma opção mais familiar e de fácil acesso (por estrada de terra) é o Eco Parque Sperry na Linha 28 , descendo na estrada entre Canela e Gramado, no Vale do Quilombo. É uma propriedade de 20 hectares de Mata Atlântica aberta a visitação e onde pode-se vivenciar, em uma trilha de uma hora de caminhada , o espetáculo de 4 cachoeiras. Tudo isto , a menos de 8km do centro de Gramado.

 

Vale do Quilombo – Gramado Magazine.com.br

Bêrga Motta Restaurante

Pomar

 

Para completar o passeio , o restaurante Bêrga Motta oferece um buffet nada simplinho! Não é comida caseira e nem tem sagu e ambrosia de sobremesa, ufa! Não tenho nado contra este tipo de restaurante , mas já chega e o Bêrga Motta saiu da linha com delícias que vão além do trivial!

 

 

20140413_141159

 

“Baseada no conceito Comfort Food, um resgate da culinária dos antespassados, onde o aroma e o carinho no preparo dos pratos alimentavam a alma. Dentre as especialidades do fogão a lenha, destaque para o frango assado na cerveja com batatas coradas e alecrim, escondidinho de mandioca com costela desfiada, Macaroni ao molho carne de panela com cogumelos frescos e polenta recheada ao forno com ragú de calabresa. “

 

Adorei as saladas com molhos especiais e as sobremesas, tudo gostoso e muito bem apresentado. Quem vai ao restaurante não paga entrada no parque e o buffet tem um preço amigável, super justo para o que oferece.

A trilha é totalmente demarcada , autoexplicativa e leve para caminhantes de final de semana. A cachoeira do Trombão é a primeira que se avista, linda , alta e distante. Vai dando o clima.

 

No caminho de árvores demarcadas, inclusive encontramos o senhor Vitor Hugo Travi, o biólogo responsável pela preservação do parque. Uma pessoa apaixonada pelo que faz , transmite isto em poucas palavras: “conhecer para preservar”. Foi fundador do Projeto Lobo Guará em 1992, que agora também funciona no parque Sperry. Para mim foi uma descoberta o Gerivá, qual criança não chamou um amigo alto deste apelido , na época não existia bulling e ninguém nem sabia bem o que era isto! Descobri uma palmeira bem fininha e altaaaaa!

 

 

20140413_153316

A Cachoeria do Poço é perfeita para um banho, tem uma piscina natural com água cristalina e gelada como deve ser! Só não me atirei porque estava despreparada, na próxima não vou deixar de levar biquini e meus companheiros de indiada! 

 

20140413_151705 20140413_151843 20140413_152215

A Cachoeira da Usina tem 45 metros de altura , com mirante e tudo. Pode-se descer os mais de 200 degraus até sua base, um passeio que já serve para queimar as calorias do almoço.

 

Cachoeira da Usina

Enfim , não precisa ir longe nem gastar muito para curtir uma bela viagem ! Basta sair do conforto habitual e estar aberto a novas descobertas. O sábado fora do “sofá” comum foi delicioso e o fim de semana rendeu quase como se fosse férias.

Eco Parque Sperry http://www.ecoparquesperry.com.br/sperry/

 

 

Na volta a lua quase cheia deu o espetáculo! Primeiro entrando na partitura depois boianado no céu colorido de outono!

20140413_180138

20140413_180508

Se você gostou deste post e curte dicas de viagem, arte, restaurantes e afins, conheça nosso site Viajando com Arte :

 www.viajandocomarte.com.br

 

Comentários (10)

  • lizete maestri diz: 15 de abril de 2014

    Que ótima descoberta Mylene. E tão pertinho de casa. E adorei a dica do restaurante, porque aquele outro – que tem o nome de Linha 28 e agora está na estrada de Canela – não recomendo pra ninguem.

  • marion schumacher diz: 15 de abril de 2014

    achei tudo muito lindo e gostaria do endereço para um almoço de domingo

  • Filipe Lázaro diz: 15 de abril de 2014

    O BêrgaMotta é tudo de bom!

  • Lúcia Guaspari diz: 15 de abril de 2014

    Que passeio mais lindo .Eu amo esta terra

  • Maria Cristina kaschny diz: 16 de abril de 2014

    Adorei as dicas! Em fins de agosto vou levar o Bill, meu marido americano, pela primeira vez ao Brasil. Vou me basear nas muitas dicas maravilhosas que voces oferecem no site.
    Vou leva-lo a Gramado também, espero que não esteja tao frio!!!

  • Iza Lucia Colusso diz: 21 de maio de 2014

    Olá. Acompanho sempre as viagens de vocês e já aproveitei várias dicas. Gostaria de falar de dois lugares ótimos para passear, conhecer e se deliciar.
    Um é Ametista do Sul, cidade peculiar perto de Frederico Westpalen, tem uma igreja revestida de ametistas, muito linda. Uma vinícola super charmosa onde as caves são minas fora de uso. Tu vai andando e vê os vinhos depositados em meio aos geodos nas paredes das grutas, mesas de pedra natural de cores indescritíveis, e vinho bom. Outro lugar é a Quarta Colônia, perto de Santa Maria. Tem o Recanto Maestro, Vale Vêneto, vilarejo onde ocorre o Festival Internacional de Inverno, música instrumental, artistas de todo o mundo (este evento é realizado pela UFSM) em um lugar incrível em meio a morros, natureza exuberante. Tem uma igreja dedicada a Corpus Christi (a festa principal da vila é esta, quando acontece a romaria). Restaurante bom (Romilda) e tem um convento transformado em pousada que é lindo, aconchegante, limpo e gostoso. Tem restaurante também. O filem O carteiro de Regialdo Faria foi filmado aqui. (A esposa dele é desse lugar.)

  • Georgie diz: 4 de setembro de 2017

    Que blog incrível! Eu amo isso! Eu acho que você deveria dar uma olhada em link tempstonluxury para suas próximas férias!

Envie seu Comentário