Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "Fernando de Noronha"

Fernando de Noronha - Primeiros passos

01 de agosto de 2015 0

Estou voltando de Fernando de Noronha, foi minha primeira vez na super, hiper famosa ilha.

Tenhos vários amigos que já estiveram por lá, e pelos relatos deles, muita coisa mudou em Fernando de Noronha, e eu acredito que para melhor. Hoje em dia já é possível sair de Porto Alegre e chegar em FN no mesmo dia, então isto já é uma boa noticia para aqueles que não podem ficar muito tempo. Meu conselho é: leia muito, informe-se, pois hoje com tanta informação na internet não vale mais chegar lá verdinho, se você já sabe o que quer fazer/ver aproveita muito mais tudo o que a ilha pode oferecer.

Chegamos no vôo da Gol, e aqui já lhe dou uma dica, tente marcar seu assento do lado esquerdo do avião, pois o comandante dá um vôo panôramico pela ilha e a vista é espetacular. Eu tinha lido que fazia muita diferença pagar a taxa de permanência pela internet poupava muito tempo e que as filas eram bem menores, como acho que toda a galera já sabe disso o que aconteceu é que a fila para quem não tinha pago era muito menor, de qualquer maneira você agora está no paraíso, portanto relaxe que tudo vai dar certo. Hoje Fernando de Noronha tem várias opções de hospedagem top, as diárias e tudo o mais custam uns 20% mais do que no resto do Brasil. Você vai jantar em um restaurante bom, mas simples, e vai pagar o preço de São Paulo. Tendo isso em mente você já pode ter uma noção de quanto vai gastar.

Da janela do avião eu já reconhecia as belezas naturais que fizeram a fama de Fernando, o Morro do Pico, a Praia do Sancho, esperei tanto pra conhecer este lugar mágico e juro para vocês que senti uma enorme emoção no aproach do avião.

Depois de algumas pesquisas optei por ficar na Pousada Teju – Açu, que é muito legal, tem todo o conforto necessário, são bangalôs com 2 pisos o andar de cima é um pouco mais caro, mas em compensação os de baixo tem mais privacidade. A vantagem da Teju é ser perto da Praia da Conceição, onde se pode ir à pé em 15 min, e foi para lá que fomos logo na chegada com direito a banho de mar e por do sol arrematado com uma caipirinha bem gelada no bar do Duda Rei.

Minha escolha foi a Pousada Teju-Açu, e foi perfeito. O lugar é lindo, os quartos tem todo o conforto, tudo é feito com muito charme, e eles indicam e reservam todos os passeios, trilhas que tem na ilha. Confira as tarifas no site: http://www.pousadateju.com.br/

Por do sol na Praia da Conceição, com o morro do Pico à esquerda.

Tem também a opção de assistir ao por do sol a aqui neste barzinho na praia do meio, eles tem uma boa música e o lugar também tá valendo

Como ainda não tínhamos alugado nosso buggy, voltamos à pé para a pousada depois de tomar umas caipirinhas no bar do Duda, a noite já tinha caido e o céu… ahhh o céu estava uma loucura, imaginem uma ilha isolada no oceano com muito pouca luz, imaginaram a quantidade de estrelas? Foi uma caminhada no mais absoluto escuro só observando as estrelas e pensando nas sociedades primitivas e seu conhecimento das constelações e movimentos celestes… foi daqueles momentos, dos muitos que se tem em Fernando de Noronha.

Assim terminou nosso primeiro dia, voltarei contando sobre os passeios, pousadas, praias etc

Para saber sobre roteiros em grupo ou assessoria particular do Viajando com Arte visite nosso site www.viajandocomarte.com.br

Fernando de Noronha - passeios

17 de setembro de 2012 0

 

Logo na chegada você vai deparar com trocentas opções de passeios, piscinas, mergulhos, trilhas , ver golfinhos, tubarões e aquele por do sol fantástico, ai meu Deus!! SOCORRO!!!!!!!!!!!!!!!

Calma, calma, não se desespere, é normal, a gente fica meio perdido, não querendo perder nada, afinal viemos até aqui e sabe -se lá se um dia poderemos voltar.

Ondas quebrando na Praia do Sancho

 

Um dos passeios mais oferecidos é o “Ilha Tour”, que eles passam para pegar as pessoas nas pousadas às 8h da manhã e recorrem numa camionete adaptada com bancos atrás, com cobertura.Neste passeio a idéia é que você tenha uma visão geral da Ilha, aprenda os caminhos e escolha os locais que gostou mais para poder voltar. O passeio termina ao por do sol no Forte do Boldró. O custo gira em torno de R$ 80,00, R$90,00 reais por pessoa. Eu tinha 3 dias inteiros na ilha e a diária do aluguel de um bugy é de R$ 150,00. Então decidi fazer este reconhecimento por conta própria, fazermos nós o nosso horário, afinal a ilha não é muito grande, é quase impossível perder-se nela. Preferi passar o primeiro dia por conta própria e foi super bem aproveitado.

Antes de tudo abastecendo o Bugy, no único posto da ilha.

Alugamos máscaras e nadadeiras na pousada (R$15,00) e saimos para explorar a ilha. Começamos pela parte leste da ilha. Descemos em direção ao porto, passamos pela Vila dos Remédios até a ponta chamada de Air France por aí se passa no único posto de gasolina da ilha (abastecer o Bugy, 20l são mais do que suficientes para rodar na ilha 3 dias). Depois de comprar água, partimos para conhecer as praias de dentro, a Praia do Boldró, Praia do Americano, Praia do Bode e resolvemos ficar na Cacimba do Padre, que é a praia onde ficam aqueles 2 morros emblemáticos da ilha – os dois irmãos. De lá fomos por uma trilhinha estreita até a Baia dos Porcos, lugar ótimo para mergulhar de snorkel, cardumes de sardinhas, peixes coloridos e a temperatura da água é simplesmente perfeita!!

A ponta bem leste da ilha, o buraco da Raquel

Capelinha com vista para a Ilha Rasa

O porto de Santo Antônio, de onde saem os passeios de barco da Ilha.

A praia do cachorro, praia “urbana” chamada assim porque fica bem próxima a Vila dos Remédios

Praia do Boldró

Cacimba do Padre, vista do alto da trilha que leva até a Baía dos Porcos

Os famosos Dois Irmãos fotografados da trilha

A Baía dos Porcos, lugar ótimo para mergulhar com snorkel.

Já estávamos perto das 3h da tarde e fomos conferir a dica de almoçar na pousada Maravilha, mais conhecida como a pousada do Luciano Huck. Quero dizer que esta é uma dica imperdível, a pousada tem uma vista espetacular da Praia do Sueste, você pode achar que tudo lá é caríssimo, nada disso, preços de Noronha, mas nada diferente de outros lugares bem simples que andamos por lá, por exemplo, uma caipirinha no botequinho do Forte do Boldró cuta R$13,00 e a caipirinha da Pousada Maravilha custa R$15,00, fora todo o conforto, o astral, e a vista que você vai desfrutar, as fotos falam por si, olha só:

Vista do Restaurante da Pousada Maravilha para a Praia do Sueste

Pousada Maravilha

O astral é tudo!

Depois de comer uma massa com frutos do mar de enlevar o espirito fomos conhecer a Praia do Leão, que fica bem ali pertinho do lado da Praia do Sueste, que são as chamadas “Praias de fora”.

Praia do Leão

O sol começava a baixar na Praia do Leão e corremos para o nosso compromisso inadiável

Em torno das 5h a galera começa a se reunir no Forte do Boldró, esperando ao som de Bolero de Ravel o grande espetáculo diário.

Sério, um dos mais lindos que já vi… estes foi um daqueles momentos onde a gente perdoa o mundo e acredita que a vida é circular e tudo aquilo de bom que fazemos acaba retornando pra gente.

Aguardem, no próximo post vou contar do passeio de barco com almoço e muitos, muitos golfinhos!! Até lá gente!

 

Fernando de Noronha - primeiros passos

24 de outubro de 2011 8

Estou voltando de Fernando de Noronha, foi minha primeira vez na super, hiper famosa ilha.  Tenhos vários amigos que já estiveram por lá, e pelos relatos deles, muita coisa mudou em Fernando de Noronha, e eu acredito que para melhor. Hoje em dia já é possível sair de Porto Alegre e chegar em FN no mesmo dia, então isto já é uma boa noticia para aqueles que não podem ficar muito tempo.

Meu conselho é: leia muito, informe-se, pois hoje com tanta informação na internet não vale mais chegar lá verdinho, se você já sabe o que quer fazer/ver aproveita muito mais tudo o que a ilha pode oferecer. Chegamos no vôo da Gol, e aqui já lhe dou uma dica, tente marcar seu assento do lado esquerdo do avião, pois o comandante dá um vôo panôramico pela ilha e a vista é espetacular. Eu tinha lido que fazia muita diferença pagar a taxa de permanência pela internet poupava muito tempo e que as filas eram bem menores, como acho que toda a galera já sabe disso o que aconteceu é que a fila para quem não tinha pago era muito menor, de qualquer maneira você agora está no paraíso, portanto relaxe que tudo vai dar certo. Hoje Fernando de Noronha tem várias opções de hospedagem top, as diárias e tudo o mais custam uns 20% mais do que no resto do Brasil. Você vai jantar em um restaurante bom, mas simples, e vai pagar o preço de São Paulo. Tendo isso em mente você já pode ter uma noção de quanto vai gastar.     Da janela do avião eu já reconhecia as belezas naturais que fizeram a fama de Fernando, o Morro do Pico, a Praia do Sancho, esperei tanto pra conhecer este lugar mágico e juro para vocês que senti uma enorme emoção no aproach do avião.  Depois de algumas pesquisas optei por ficar na Pousada Teju – Açu, que é muito legal, tem todo o conforto necessário, são bangalôs com 2 pisos o andar de cima é um pouco mais caro, mas em compensação os de baixo tem mais privacidade. A vantagem da Teju é ser perto da Praia da Conceição, onde se pode ir à pé em 15 min, e foi para lá que fomos logo na chegada com direito a banho de mar e por do sol arrematado com uma  caipirinha bem gelada no bar do Duda Rei.      Minha escolha foi a Pousada Teju-Açu, e foi perfeito. O lugar é lindo, os quartos tem todo o conforto, tudo é feito com muito charme, e eles indicam e reservam todos os passeios, trilhas que tem na ilha. Confira as tarifas no site: http://www.pousadateju.com.br/ Por do sol na Praia da Conceição, com o morro do Pico à esquerda.       Tem também a opção de assistir ao por do sol a aqui neste barzinho na praia do meio, eles tem uma boa música e o lugar também tá valendo!          Como ainda não tínhamos alugado nosso buggy, voltamos à pé para a pousada depois de tomar umas caipirinhas no bar do Duda, a noite já tinha caido e o céu… ahhh o céu estava uma loucura, imaginem uma ilha isolada no oceano com muito pouca luz, imaginaram a quantidade de estrelas? Foi uma caminhada no mais absoluto escuro só observando as estrelas e pensando nas sociedades primitivas e seu conhecimento das constelações e movimentos celestes… foi daqueles momentos, dos muitos que se tem em Fernando de Noronha.   Assim terminou nosso primeiro dia, voltarei contando sobre os passeios, pousadas, praias etc