Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de setembro 2012

Café na Adega

30 de setembro de 2012 0

Ontem postei uma foto da janela do hotel Via Genova em Serafina Correa mostrando a cidade à noite. Agora, a foto de dia:

A sala do café da manhã do hotel fica na adega, um lugar bem agradável.

Depois de um bom café…

… é hora de sair para aproveitar o domingo, já que o dia amanheceu ensolarado…

Noite em Serafina

29 de setembro de 2012 2

Para quem não conhece: Serafina Correa é uma cidade que está a 20 km de Guaporé, seguindo na RS-129 em direção ao norte do Estado. É limpa, bem organizada e com vários atrativos turísticos. Pois o jantar, aqui, foi na pizzaria Grão de Bico, que serve uma pizza nota 10.

Antes de chegar em Serafina, passamos por Vespasiano Correa e Muçum. Visitamos o Viaduto 13, na parte alta, com seus túneis ferroviários.

No post anterior tem mais algumas fotos. Ainda no interior de Vespasiano, a caminho de Muçum, uma ponte pênsil em meio a uma plantação de repolho e milho.

Eu preciso confirmar o nome deste rio, mas acho que é o Rio Guaporé. No domingo tem mais passeios pela área rural de Serafina e municípios da região. O que me surpreendeu foi o frio que faz aqui em Serafina. A foto abaixo é da sacada do hotel Via Genova. A rua abaixo é uma das principais da cidade.

Seguindo em frente, a poucas quadras fica a igreja e o centro da cidade.


No Viaduto 13

29 de setembro de 2012 0

Sábado de céu nublado, às vezes um chuvisco, mas mesmo assim foi possível fazer um passeio. No Viaduto 13, em Vespasiano Correa. Do alto do viaduto, a vista é espetacular.

Olhando de baixo, é alto, mas a subida até lá de carro é moleza.

Leve uma lanterna, porque para chegar até a abertura lateral do túnel é preciso caminhar um pouco mais de 500 ou 600 metros.

Mas não se preocupe, todo túnel tem uma saída.

Outras fotos do passeio vou postar mais adiante.

Café no Veraneio Blauth

28 de setembro de 2012 0

Farroupilha é uma das cidades da serra gaúcha mais conhecida como a capital das malhas e pelo santuário de Caravaggio. Mas um passeio pela cidade revela outros pontos bem interessantes. Um deles é o Veraneio Blauth, no Desvio Blauth. É uma rodovia estadual que começa em Garibaldi, perto do parque da Fenachamp e vai até Farroupilha. No começo do século passado moradores da região passavam o verão lá, em hotéis, porque havia muita dificuldade para viajar ao litoral. Hoje o Desvio Blauth tenta resgatar o turismo, embora ainda seja pouco conhecido por pessoas de fora. No desvio Blauth existe o Estação Café. Um lugar indicado pelo blog para um café, um lanche, uma cerveja artesanal ou uma atração cultural.

No interior, as paredes expõem fotos de como era o veraneio antigamente na região.

Aliás, o interior do café é bem decorado.

O Capuccino de lá é muito bom.

Experimente também o croissant.

Seja qual for seu desejo, o importante é conhecer o estação café Blauth, que fica numa região em meio a muito verde, bastante agradável.

Além do Blog, cujo link está no post anterior, o café também possui seu perfil no Facebook. Esta foi, então, mais uma dica do Blog no Rádio. Até sexta-feira que vem.

Fotos finais da RS-153

27 de setembro de 2012 0

As fotos abaixo são as que sobraram da viagem pela RSC-153, a estrada que sai do Vale do Rio Pardo e vai até a BR-386, quase na região do Planalto. A nova estrada garantiu asfalto para Herveiras e Barros Cassal.

A RS-153 foi inaugurada em 2010.

Em Barros Cassal

26 de setembro de 2012 0

Ficou mais fácil de ir a Barros Cassal, agora que a RSC-153 está com asfalto.

Não que tenha muita coisa para ver na cidade. Barros Cassal tem praticamente uma única avenida com calçamento.

E mais nada. Esta praça fica no centro.

Uma igreja.

E poucos prédios de mais de dois andares.

Essa foi minha rápida passagem por Barros Cassal.

Para um almoço fartíssimo

25 de setembro de 2012 0

Este restaurante que também serve um ótimo café, fica meio escondido às margens da BR-386 em Marques de Souza. Quase ao lado do pedágio.

Por cerca de 25 reais, o cliente come muito bem.

O restaurante só tem um problema. O garçom não pára de servir comida. Os pratos são repostos mesmo sem terminarem. É preciso pedir para parar de servir, senão o almoço não acaba mais.  Pela manhã e no fim da tarde o restaurante serve um café colonial, refeição igualmente saborosa e farta. Ponto de parada certo na BR-386 em Marques de Souza.

Subindo para Gramado sem pagar pedágio

24 de setembro de 2012 1

Há um caminho para Gramado que poucos conhecem mas vale a pena conferir. É indicado para quem não tem pressa e gosta de conhecer lugares diferentes. Basta sair da BR-116 à direita logo depois do trevo de Morro Reuter, em direção a Santa Maria do Herval. Passando a cidade, é só continuar sempre em frente. A maior parte da estrada tem asfalto, mas há um trecho de chão, em boas condições. As fotos abaixo são de lá.

Se não me engano, essa pequena igreja fica na localidade de Alto Padre.

Como se vê, a estrada está muito boa.

Eu gosto de bater fotos de lugares da área rural.

Esta estrada termina na RS-115, na localidade de Várzea Grande, em Gramado, que vou mostrar em outro post. Poucos quilômetros depois, está o pórtico da cidade. Tudo sem pedágio. Ah, não marquei a distância, mas é bem menor em relação aos caminhos conhecidos para Gramado e Canela.

Na Encosta da Serra

23 de setembro de 2012 0

Um passeio não programado na tarde de sábado. O dia estava ensolarado. Saí do plantão da Rádio Gaúcha às 13 horas e peguei a estrada. Subi a RS-020, na região conhecida como Encosta da Serra.

Passei por Taquara, uma cidade a meio caminho entre Porto Alegre e São Francisco de Paula.

Depois segui a RS-020 até o Café das Fadas, que fica uns 20 km antes de São Francisco de Paula. Lá, tomei um café da colônia, por 25 reais, com muita coisa gostosa. Foi o café da tarde/janta. O Café das Fadas é um lugar simples, mas bem bacana.

Para um passeio improvisado, foi ótimo. Nos próximos dias serão publicadas as fotos desta “viagem”.

Conheça um pouco mais da imigração sueca

21 de setembro de 2012 0

O assunto de hoje do Blog no Rádio, na Rádio Gaúcha, foi a imigração sueca no RS, que completa 102 anos. Pouco conhecida, a Casa de Cultura Sueca fica no interior de Farroupilha. É nesta simpática casa, na Linha Jansen.

Alguém sabe como se pronuncia o nome?

Pois a Natália Cagnani, que grava comigo os boletins do Blog no Rádio, teve de conferir na Internet como é a pronúncia correta. Os suecos são poucos conhecidos, já que aqui no RS só se fala em imigração alemã e italiana. Quem visita o museu sueco gaúcho pode conferir roupas típicas, fotos e objetos dos tempos da imigração.

Quando estive lá, conheci o tradicional pão sueco.

Para chegar ao museu basta pegar a estrada que sai de Bento Gonçalves para Pinto Bandeira e depois a estrada da Linha Jansen. Posso adiantar que um passeio pela região rende belas fotos.

No próximo Blog no Rádio, no dia 28, vamos conhecer um pouco mais de como era o antigo veraneio na Serra Gaúcha e um ótimo local para saborear um café.