Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de fevereiro 2016

Paisagens de Forquetinha

29 de fevereiro de 2016 1

Estive uma vez em Forquetinha no ano passado e o tempo estava fechado, com céu nublado e muita neblina. Mesmo assim foi possível perceber que a região é muito bonita. Neste último fim de semana de fevereiro voltei lá. O céu estava mais uma vez nublado, mas o Sol dava as caras de vez em quando. Foi uma passagem rápida pela cidade que fica ao lado de Lajeado.

DSCN1757

Forquetinha tem uma população de origem alemã e isso é visível no estilo de alguns prédios. Lá também tem uma igreja evangélica bem bonita.

DSCN1759

DSCN1761

As fotos abaixo foram feitas na área em frente à igreja.

DSCN1760

DSCN1762

Passei o fim de semana em Lajeado, que tem no Parque Professor Theobaldo Dick como uma das atrações. A foto ficaria mais bonita se tivesse Sol…

DSCN1756

Lajeado fica às margens do Rio Taquari, que é um dos principais rios do Rio Grande do Sul. Para curtir minhas fotos, me siga no Instagram: marcosh85.

O Jardim da Serra Gaúcha está de aniversário

27 de fevereiro de 2016 1

Nova Petrópolis é uma daquelas cidades que quem visita uma vez, quer voltar. Mesmo sendo vizinha da sensação Gramado, que atrai turistas de todo o País, Nova Petrópolis encontrou seu espaço nos roteiros da Serra Gaúcha. Seja pela sua simplicidade e tranquilidade, seja pela educação de seus moradores, a cidade também encanta. Neste domingo, 28 de fevereiro, Nova Petrópolis está de aniversário. São 61 anos de emancipação do Jardim da Serra Gaúcha:

IMG_3569_640x480

IMG_3567_640x480

Nova Petrópolis tem vários encantos. Mesmo num passeio rápido é possível observar a beleza da cidade com seus canteiros de flores. A Praça das Flores, bem no centro, uma das das atrações.

IMG_3557_640x480

IMG_3563_640x480

IMG_3566_640x480

Bem perto dali, também no centro, está o parque Aldeia do Imigrante. Para entrar, é preciso pagar ingresso, mas vale a pena conhecer. No coração do Parque ,  a reconstrução de antigos prédios históricos com técnica “enxaimel”, removidos de diversas localidades do interior, constituem a “Aldeia Histórica”, demonstrando a estrutura e funcionamento de uma aldeia de Imigrantes, entre os anos de 1870 e 1910.

IMG_3594_640x480

IMG_3597_640x480

IMG_3595_640x480

O parque tem também um lago:

IMG_3592_640x480

IMG_3589_640x480

IMG_3630_640x480

IMG_3643_640x480

Lá tem ainda um museu, com objetos antigos usados pelos imigrantes.

IMG_3609_640x480

IMG_3618_640x480

Em Nova Petrópolis, o visitante pode também fazer um passeio de Jardineira, que é conduzida por um senhor muito simpático chamado Raul Deppe. No passeio, é possível saber um pouco sobre esta cidade. São percorridas ruas mais próximas do centro, e, pelo caminho, o condutor contando curiosidades de uma forma muito divertida. Várias vezes, porém, ele tem que parar para acenar ou buzinar para algum conhecido. Afinal, a cidade é pequena e todo mundo se conhece.

IMG_3588_640x480

IMG_3585_640x480

IMG_3582_640x480

IMG_3581_640x480

Nova Petrópolis tem mais. Tem o Labirinto da Praça das Flores, tem o Ninho das Águias e muitas outras atrações. Na Praça das Flores, existe o monumento “Portal Verde da Imigração” que homenageia os colonizadores e batalhadores da Emancipação de Nova Petrópolis e o monumento do Cooperativismo, que comemora o Centenário da Cooperativa de Crédito de Rural na América Latina. O Ninho das Águias possui uma rampa de voo livre e está localizado a Noroeste do Município de Nova Petrópolis, permitindo uma vista panorâmica de 270º graus na região e no Vale do Caí. É de lá que se pode contemplar um belo por do sul. São muitos detalhes que o visitante percebe ao visitar Nova Petrópolis.

IMG_3602_640x480

IMG_3601_640x480

IMG_3606_640x480

IMG_3629_640x480

Ah, 0 passeio de Jardineira pode ser feito de terças a domingos, às !0h, 11h, 13h,14h, 15h 3 16h. O veículo fica estacionado em em rente ao Parque Aldeia do Imigrante. O valor é de RS 16,00 por pessoa. Idosos e crianças pagam tarifa reduzida. O condutor da Jardineira é o senhor Raul Deppe. Ele foi motorista de caminhão e cansou da violência e da insegurança nas estradas. Ele é natural de Nova Petrópolis e está na função há oito meses. Se você ainda não conhece Nova Petrópolis, está esperando o quê para visitar a cidade?

O texto teve a colaboração de Kátia Hoffmann. As fotos são de Carolina A.Hoffmann. Eu também tenho conta no Instagram: marcosh85.

Frente Fria ainda não chegou, mas chove em algumas regiões.

26 de fevereiro de 2016 3

A frente fria que vai provocar chuva mais forte no RS está lá no Sul. O sábado é que deve ser mais chuvoso, mas por causa do calor, áreas de instabilidade se formaram nesta sexta-feira à tarde. No Vale do Taquari, o termômetro do carro marcava 37 graus. Choveu em alguns pontos. Peguei chuva só nos últimos 15 min de viagem, em Colinas. Quando subi para a Lagoa da Harmonia, em Teutônia, a chuva estava ao longe.

DSCN1744_640x480

Mesmo com céu meio nublado, e sem o Sol, a paisagem é bonita.

DSCN1742_640x480

DSCN1743_640x480

O destino final era Lajeado, mas peguei um atalho por Colinas, com um trecho de estrada de chão. Na descida, a chuva ao longe.

DSCN1754_640x480

DSCN1755_640x480

Esta região tem belas paisagens e pretendo voltar num dia de sol, talvez depois do verão, quando o calor não for tão forte. Em Lajeado, a chuva parou. O fim de semana será de passeios pelo Vale do Taquari. Eu também posto fotos no Instagram: marcosh85.

A Festa das Cucas de Rolante

24 de fevereiro de 2016 1

A cidade gaúcha de Rolante é conhecida por ser a terra natal do Teixeirinha. Mas também se auto intitula capital nacional da cuca. E é lá que acontece de 27/2 a 6/3 a Kuchenfest, ou seja, a festa das cucas.

foto: divulgação

foto: divulgação

Já faz algum tempo que Rolante vem tentando encontrar seu espaço nos roteiros turísticos aqui no Estado. Na minha opinião, o que falta na cidade – e na região – é uma boa rede hoteleira e uma infra-estrutura melhor. Rolante tem para oferecer aos visitantes muitas atrações naturais, especialmente cachoeiras e cascatas, e não é todo mundo que curte este tipo de atração. Acho que grande parte dos turistas são mais urbanos. De qualquer forma, muita gente gosta de lugares ao ar livre. Então Rolante acaba sendo uma opção, embora ainda seja pouco conhecida fora do RS.

DSC_0323

É em Rolante que fica, por exemplo, a Cascata das Andorinhas.

DSC_0330

DSC_0340

Rolante fica na região de Taquara, entre a Serra e o Litoral Norte. É fácil chegar lá. De Porto Alegre, basta pegar a Freeway e depois a RS-474 a partir de Santo Antonio da Patrulha. No fim da estrada, entre à direita e estará em Rolante. Para saber mais sobre o evento da cidade, consulte o site da Festa das Cucas. E para curtir fotos, me siga no Instagram:marcosh85.

 

 

A cidade das rolhas de Caxias do Sul

22 de fevereiro de 2016 1

Durante muito tempo, o presépio de rolhas foi uma das atrações de Ana Rech, um distrito de Caxias do Sul. Em 2013 a família responsável pelo presépio fechou a atração. Na Festa da Uva deste ano, quem visitar os pavilhões do evento terá a oportunidade de conhecer este trabalho, feito com 45 mil rolhas. A Cidade das Rolhas está em exposição no Parque da Festa da Uva de Caxias.

rolhas2

rolhas 3

O responsável por esse trabalho é Antonio Molin. Segundo ele, a reabertura da exposição, agora em novo endereço, representa a realização de um sonho.

rolhas4

ro,lhas1

A Cidade das Rolhas está em um novo espaço no Parque da Uva. Fica ao lado da Réplica de Caxias do Sul. Confira lá. Para curtir minhas fotos, me siga no Instagram: marcosh85.

 

O Caminho da Santinha de Gramado

20 de fevereiro de 2016 3

Gramado tem uma infinidade de lugares. muitos deles completamente desconhecidos dos turistas. É o caso do Parque Municipal Caminho da Santinha, uma área que passa quase que completamente despercebida pelos visitantes. O parque não é grande, nem tem muitos atrativos para o turismo, mas tem uma história interessante. Em 1937 aconteceu na região um acidente com um caminhão que transportava devotas de Santa Teresinha. Como ninguém se feriu, moradores da região construíram uma gruta em forma de agradecimento. Surgiu então a devoção à santa e a estrada que existia lá ficou conhecida como a estrada da Santinha.

DSCN1694

A área do parque tem 21.000 metros quadrados e uma trilha de 1.100 metros, que é muito usada por moradores para caminhadas.

DSCN1687

DSCN1690

DSCN1692

Na verdade é um lugar bem bonito e bem tranquilo.

DSCN1695

DSCN1697

DSCN1696

O Caminho da Santinha fica numa área pouco frequentada por turistas. É preciso seguir pela Avenida Borges de Medeiros em direção ao Expo Gramado mas na rótula, entrar à direita. Em seguida, numa curva para a esquerda, há uma placa indicando o parque, que fica bem ao lado. Seguindo em frente, a estrada sai na RS-235 em direção à Canela.

DSCN1700

DSCN1702

DSCN1701

DSCN1698

Na próxima visita a Gramado, caminhe ou pedale pela cidade e descubra novos lugares para conhecer. E me siga no Instagram e curta minhas fotos: marcosh85.

 

Alguma coisa para fazer em Caxias durante a Festa da Uva

18 de fevereiro de 2016 2

A grande Festa de Caxias do Sul é realizada sempre nos anos pares. Em 2016, o período da festa é de 18/2 a 6/3. Caxias do Sul não é tradicionalmente uma cidade que atrai turistas. Quem for à cidade para a Festa da Uva, no entanto, pode aproveitar a oportunidade para conhecer alguns lugares. Caxias tem uma grande rede hoteleira e uma ótima gastronomia. E tem também alguns pontos turísticos bem interessantes. Um deles é a Igreja São Pelegrino, localizada no bairro do mesmo nome. Lá, o turista vai encontrar várias obras de arte, inclusive uma réplica da Pietá, de Michelangelo.

IMG_1447

A Catedral de Caxias do Sul também atrai turistas. Fica bem no centro da cidade, em frente à praça Dante Alighieri onde, inclusive, está localizado um quiosque de atendimento ao turista.

cat

Outra praça bem legal de Caxias é a Praça do Trem, no bairro São Pelegrino.

trem

Na mesma região, ao lado da antiga estação ferroviária, fica a área de vida noturna de Caxias, com muitos bares:

bares

Outra atração da cidade: o Jardim Botânico, que foi recuperado no ano passado após sofrer um incêndio.

IMG_1542

É no interior do município de Caxias, no entanto, que ficam as principais atrações. Na Estrada do Imigrante, o turista encontra um museu com objetos dos imigrantes italianos que chegaram à região.

musweu

Lá tem ainda a gruta Nossa Senhora de Lourdes. Ao descer a escada para o interior da gruta, o visitante é brindado com a vista de uma cascata ao longe.

gruta1

Em Ana Rech, a dica é conhecer o Barlavento, um lugar onde são cultivados os morangos hidropônicos. É um restaurante/bar com várias iguarias recheadas com a fruta, entre outros itens. O Barlavento fica na Rota do Sol, na saída para o Litoral. Além do restaurante, há um lugar para relaxar…

morangos

No distrito de Galópolis, na BR-116, há um verdadeiro Museu a céu aberto. Um dos destaques é a Vila Operária.

gsalopollis

Criúva chama a atenção pelo turismo ecológico. Em Vila Seca, há a antiga ponte de ferro, bem no limite com Gramado. A ponte do Raposo é histórica:

raposo

Voltando à estrada do Imigrante. Bem no fim, já onde termina o asfalto, fica a Casa Bonnet. É uma antiga casa de imigrantes, feita de pedra.

bonet

E para quem vai a Caxias apenas para a Festa da Uva, nos pavilhões ficam as réplicas de casas antigas da cidade. É uma ideia de como era Caxias quando os imigrantes chegaram. A visitação é gratuita.

uva

Caxias do Sul está a pouco mais de 100 Km de Porto Alegre. É a maior cidade da Serra. Saindo da Capital, para chegar lá o caminho mais fácil é pela BR-116, mas o turista também pode usar a RS-240 a partir de São Leopoldo e depois a RS-122, passando por Farroupilha. Neste caso o caminho é quase todo em estrada duplicada. Eu também costumo postar fotos no Instagram: marcosh85.

Sem Dilma, Caxias se prepara para abrir a Festa da Uva

17 de fevereiro de 2016 1

O ministro do Trabalho Miguel Rossetto irá representar a presidente Dilma na abertura da Festa da Uva de Caxias do Sul, amanhã. Dilma foi convidada mas não vem. A ministra da Agricultura, Kátia Abreu, também estará ausente, devido a questões de saúde. Mesmo assim, a cidade gaúcha está otimista e espera um grande número de visitantes.

uva

Quem for a Caxias para a Festa da Uva pode aproveitar e conhecer vários lugares legais na cidade. Nesta quinta-feira publico um post sobre o que fazer em Caxias. Uma das atrações fica no parque da festa: é a cidade antiga. Casas de Caxias do Sul no tempo dos imigrantes.

uva2

A Festa da Uva de Caxias será realizada de 18 de fevereiro a 6 de março.

Donos de carros da Volks, se liguem no Recall

17 de fevereiro de 2016 1

 

foto: divulgação

foto: divulgação

A Volkswagen anunciou a segunda fase de um recall convocado inicialmente em 17 de setembro de 2015, por causa de um problema no sistema de airbag. No total são atingidos 54 mil veículos dos modelos Jetta, Tiguan e Passat, fabricados entre 2011 e 2014. Donos desses modelos devem entrar em contato com uma revenda da Volks. Confira os carros atingidos:

JETTA - ANO/MODELO  2011 até 2014 – BM001650 até EM026522
JETTA VARIANT - ANO/MODELO 2012 até 2013 – CM624628 até DM644980
TIGUAN - ANO/MODELO 2010 até 2014 – AW091977 até EW589204
PASSAT - ANO/MODELO 2010 até 2014 – AE063903 até AE182319; AP026362 até EP008228
PASSAT VARIANT - ANO/MODELO 2010 até 2014 – AE049185 até EE023394
PASSAT CC - ANO/MODELO 2010 até 2012 – AE506514 até CE545760
CC - ANO/MODELO 2013 – DE519774 até DE552819
EOS - ANO/MODELO 2010 até 2011 – AV013181 até BV002845

 

Viajando de Bicicleta...

16 de fevereiro de 2016 2

Pois é, uns viajam de carro, outros de bicicleta. O importante é viajar. O Felipe Berger Carmona é paulista da cidade de Araraquara. Em 2012 ele resolveu fazer algo diferente: pedalar pelo Brasil. A viagem começou em 2013, a partir de Goiás. O Felipe já pedalou por várias regiões brasileiras. Já andou pelo Centro Oeste, pelo Sudeste e pelo Nordeste. Um dos lugares mais bonitos que visitou é a Chapada Diamantina.

foto: felipe berger

foto: felipe berger

Hoje o Felipe está em Gramado, mas já tem planos de pedalar pela América do Sul, até a Argentina. Ele revelou que já tentou criar raízes. Passou em um concurso público, deu aulas e ficou morando um tempo em Ilha Bela(SP), mas o espírito aventureiro predominou e ele juntou suas coisas e seguiu pedalando. Dividia a poesia com o público, mas um dia, em Curitiba, resolveu compartilhar mais. Tomou coragem e virou músico de rua. E assim ele vai, acampando aqui e ali. Em Gramado ele pode ser visto geralmente no centro da cidade, ao lado da igreja São Pedro. DSCN1685

DSCN1686

O Felipe está na Serra Gaúcha desde novembro de 2015 mas logo logo e arruma as malas e segue viagem. Para conferir alguma coisa do trabalho dele, você pode acessar o site, o Pedalante Poeta. Ele diz que anda meio sem tempo de atualizar as informações, mas o site contém fotos de muitos lugares bacanas que visitou, além de poesias. Encontrei o Felipe na minha viagem a Gramado, no fim de semana. Para curtir minhas fotos, me siga no Instagram: marcosh85. Texto contou com a colaboração da Katia Hoffmann.