Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "Região Sudeste"

Um breve passeio por terras mineiras

11 de julho de 2015 0

Estava lendo uma reportagem do G-1 sobre cidades históricas de Minas Gerais e de repente bateu uma saudade das terras mineiras. Estive por lá em janeiro deste ano. Foram 15 dias de uma viagem espetacular, passando por um grande número de cidades. Cada vez que leio alguma coisa de Minas vejo que sempre há algo novo para conhecer lá, mesmo em cidades onde já passei. Pois uma das regiões mais bonitas de Minas é a região das Catas Altas, que não fica muito longe de BH. Lá conheci as cidades de Catas Altas e Santa Bárbara. O que mais chama a atenção é a quantidade de montanhas.

minas1

minas3

Mesmo caminhando no centro das pequenas e históricas cidades, mas montanhas estão sempre presentes. Ao fundo, a Serra do Caraça, vista de Catas Altas.

minas2

Outra coisa que chama a atenção em terras mineiras. A quantidade de ferrovias. Infelizmente todas são usadas para transporte de carga.

minas4

Nesta viagem feita em janeiro de 2015 circulei por muitas estradas mineiras. Algumas nem asfalto tinha. E às vezes encontrei cenas inusitadas.

IMG_6316

No Sul de Minas descobri esta estátua gigante dentro de uma propriedade particular, que me lembrou da Pocahontas.

IMG_6395

As pequenas cidades mineiras são diferentes, mas com alguma coisa em comum. O estado tem uma grande quantidade de cadeias montanhosas, o que o torna ainda mais bonito. Ao contrário do RS, onde a região serrana se localiza praticamente numa área só, Minas tem serra por todo o lado. Isso deixa a paisagem das cidades ainda mais bonita.

IMG_6317

Grande parte das cidades históricas foi construída em áreas de serra. E quase todas tem uma grande quantidade de ladeiras. Caminhar por elas é muito legal, mas cansativo.

IMG_6319

IMG_6344

Essas caminhadas são recheadas de prédios históricos. A todo momento se encontra um casarão antigo.

IMG_6364

Em algumas das cidades mineiras, o casario é tanto que parece uma verdadeira viagem no tempo.

IMG_6365

IMG_6367

IMG_6413

Voltando ao interior, há belas paisagens em praticamente todas as regiões mineiras.

IMG_6393

Uma dessas regiões que mais gostei foi a subida da Serra da Moeda, quando seguia para Ouro Preto.IMG_6396

Depois desse breve passeio por Minas, para matar a saudade desse belo estado brasileiro, para encerrar uma foto de Ouro Preto.

IMG_6477

Na categoria Férias 2015, aqui mesmo no Blog, há posts sobre todas as cidades por onde passei em janeiro. Foram 33 dias de viagem pelo RS, SC, PR, SP e MG. E para curtir minhas fotos, me siga no Instagram: marcosh85.

 

 

Parque da Luz - São Paulo

08 de agosto de 2014 0

O prédio da Estação da Luz em São Paulo é histórico e já foi mostrado aqui no Blog.

IMG_4049

Bem em frente fica o Parque da Luz, um lugar com muito verde no meio do concreto da capital paulista.

IMG_4050

IMG_4051

IMG_4052

Na estação da Luz chegam trens do subúrbio e há conexão com uma estação do metrô. É uma das estações mais movimentadas da cidade.

IMG_4053

IMG_4054

Mais fotos de viagens podem ser acompanhadas no Instagram: Marcosh85.

BH- no alto da Mangabeira

28 de fevereiro de 2012 0

A cidade de Belo Horizonte tem um final. Na região da Serra do Curral, a cidade não tem mais por onde avançar. Termina lá. É uma parte elevada, um bairro de alto padrão. O legal é ver a serra que limita BH.

No alto da Mangabeira fica a praça do Papa, onde João Paulo Segundo celebrou missa.

A vista da cidade do alto da Mangabeira é incrível.

Então, Belo Horizonte é mais uma capital brasileira mostrada aqui no blog.

A Suíça Brasileira?

21 de fevereiro de 2012 0

No Rio de Janeiro algumas cidades tem a pretensão de se auto intitularem “a Finlândia brasileira” ou nesse caso, a “suíça brasileira”. Pois a suíça em questão é Nova Friburgo, uma cidade que foi quase arrasada pela forte chuva de janeiro de 2011. Nova Friburgo é uma cidade feia. A parte mais bonita fica nos arredores, na estrada por exemplo.

Mesmo do centro da cidade, as montanhas dominam a paisagem.

O centro é uma mistura de lojas e muita confusão. Aliás, o trânsito é um caos.

Tem um valão e no fundo é possível ver uma favela. Seria uma favela suíça??

No centro, alguns prédios se destacam.

O principal ponto turístico de Nova Friburgo é o teleférico, que foi destruído na chuvarada de janeiro de 2011 e provavelmente nunca será reconstruído, já que o muro desabou. Mesmo assim valeu o passeio para conhecer a cidade.

Maringá, RJ / Maringá, MG

13 de fevereiro de 2012 8

No passeio a Visconde de Mauá, um distrito de Resende, RJ, acabamos ficando numa hotel em Maringá, uma vila no RJ a 6 km de Mauá, que tem como vizinha a Maringá MG. O hotel tinha uns chalés bem bacanas e ficava numa área bem interessante.

A região toda é quase em meio à muita mata, com riachos e cachoeiras.

Maringá, RJ tem praticamente uma rua principal, e poucas adjacentes.

Atravessando esta ponte, chega-se a Minas Gerais.

A Maringá mineira também é bem pequena, mas parece melhor organizada. Foi lá que tomei um ótimo chocolate frio no Café Maringá.

Antes de chegar às Maringás tem outra ponte, onde de um lado é RJ e do outro, MG.

Em outra estrada, a que leva de Penedo a Mauá, logo depois da Via Dutra, tem um ponto bem elevado.

E com belas paisagens.

A região de Visconde de Mauá é indicada para quem curte turismo ecológico e de aventura.

Na região serrana do Rio

12 de fevereiro de 2012 0

Depois da confusão e movimento de Copacabana, a tranquilidade da serra fluminense. Na subida para Teresópolis pela BR-116, ao fundo o Dedo de Deus.

Na parte de subida da BR-116 há trechos bem bonitos, com paredões de pedra.

Quase na chegada a Teresópolis um ponto de parada para fotos.

À primeira vista, Teresópolis parece ser maior do que Petrópolis, que já conheço. Hoje faço uma pausa para descansar, depois das muitas caminhadas no Rio. Amanhã vou conhecer melhor a cidade.

Saboreando um bauru em Bauru

23 de janeiro de 2011 0

Impossível deixar de marcar minha passagem por Bauru sem almoçar um bauru tradicional e verdadeiro. Pelo menos é o que diz o menu do Skinão, um lugar muito bom para fazer refeições aqui em Bauru. Pedi um bauru original.

O bauru estava bem gostoso. Depois, para enfrentar o calor desta cidade, só mesmo tomando muito líquido e aproveitando a piscina do hotel. Aliás, a piscina estava à nossa disposição, exclusiva. Não há quase hóspedes no hotel. Antes, pela manhã, foi o momento de conhecer um pouco mais do centro da cidade. Tem um calçadão bem movimentado, onde fica a maior parte do comércio.

No fim do calçadão uma praça que fica em frente à igreja matriz. Lá existem uma fonte com um chafariz.

A praça tem inclusive um coreto.

Tirando o forte calor, Bauru até que é uma cidade bem legal.

O Balneário Municipal de Águas de Lindóia

22 de janeiro de 2011 1

Muita gente vem para esta pequena cidade paulista para fazer tratamento com água mineral. Há vários tipos de água, recomendada para os mais variados problemas: rins, estômago, fígado, etc. O local mais indicado para o tratamento é o balneário municipal.

Lá tem piscinas também.

A água mineral jorra livre de várias fontes espalhadas pelo balneário. É só levar um copo ou garrafão e tomar.

No caminho do centro para o balneário a gente atravessa um bosque.

Águas de Lindóia tem prédios bem antigos, como o deste hotel.

Mais uma vista do alto do morro do Cristo. O prédio redondo é um hotel.

Entre Serra Negra e Águas de Lindóia, gostei mais da segunda. Serra Negra é agitada demais.

As Águas de Lindóia

22 de janeiro de 2011 0

Parece incrível, mas é a quarta cidade seguida que visito e que tem um cristo redentor no alto de um morro. Águas de Lindóia fica em São Paulo, quase na divisa com Minas, bem perto de Serra Negra. Aqui tem águas termais e é um lugar bem procurado nas férias. Não agora. A chuva afastou os turistas, tanto daqui como de Serra Negra. Isso significa menos movimento nos hotéis e preços mais baixos. Mesmo assim, fazer turismo em SP nas férias sai caro. A cidade de Águas de Lindóia é mais bonita do que Serra Negra. Tem uma praça bem legal no centro.

Do alto do Cristo é possível ver como Águas de Lindóia é pequena. Fica numa espécie de vale entre montanhas.

Daqui sigo mais para o oeste paulista, antes de descer para o Paraná.

A capital mundial do tricot

21 de janeiro de 2011 0

Monte Sião fica em Minas Gerais, quase na divisa com São Paulo. Está a 8 km de Águas de Lindóia. É considerada a capital nacional do tricot porque na cidade existem muitas mas muitas malharias. Até os orelhões são cones de lãs…

Monte Sião é frequentada principalmente por mineiros e paulistas. Gaúchos por aqui são raros. A cidade na verdade é um shopping gigantesco, com lojas por todos os lados.

A rua principal tem uma espécie de calçadão.

Alguns prédios antigos foram transformados em galerias, com mais lojas.

Pois é, Monte Sião possui cerca de 800 lojas. E olha que é muito para uma cidade pequena. Se Farroupilha é a capital nacional da malha, Monte Sião é a capital nacional do tricot.