Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "Sem categoria"

Restaurante Nota 10 em Criciúma

03 de outubro de 2016 1

Este restaurante me surpreendeu em Criciúma por vários motivos. É o restaurante da Família Rosso, que fica no alto do morro da TV, com vista para a cidade. O restaurante serve um Buffet com preços diferenciados. A comida é preparada pelo Chef Alex e tem um sabor especial. Só experimentando para ver. O ambiente é de restaurante fino, mas os preços não. No sábado à noite, o Buffet com dezenas de pratos e saladas sai por menos de R$ 30. Custa apenas R$29,90. Em dias de semana há promoções. Na terça, o valor cai para R$ 19,90. Não se encontra restaurante assim no RS a esses preços.

rest1

O prédio onde funciona o restaurante é considerado histórico em Criciúma, já teve várias finalidades. Hoje é um restaurante que serve comida italiana.

rest4

rest3

Se fosse em Porto Alegre, uma refeição por lá não custaria menos do que uns R$ 80 , acredito. Em Criciúma, custa mais barato. O dono do lugar quis fazer um restaurante para as famílias e grupos de pessoas. Ele ganha pela quantidade. E está sempre cheio. Uma mostra de que não precisa ter ganância, é possível oferecer um serviço de primeira com preços acessíveis, que o lucro vem mesmo assim.

rest6

A vista para a cidade é bonita, mesmo à noite.

rest7

As fotos não estão perfeitas porque foram feitas por celular. Eu quis postar mesmo assim para mostrar o restaurante, que é muito bom mesmo. Um ambiente Chic a preços módicos. Isso não se encontra aqui no RS. Infelizmente. Para saber mais, visite a página do Família Rosso no Face. E visite meu perfil no Instagram, ou no Twitter.

 

 

Debaixo dos Aparados da Serra...

30 de julho de 2016 3

Este fim de semana é diferente. Começou no RS e vai continuar em SC, antes de voltar ao RS de novo. O Parque dos Aparados da Serra tem áreas nos 2 Estados. A parte mais bonita acho que fica no topo, no RS, no Itaimbezinho. Mas visitar a parte de baixo também vale a pena. A viagem começou em outro morro, o da Borússia, em Osório, para um lanche no maravilho restaurante do Dodô, onde também será o almoço de domingo, na volta.

DSCN3082_640x480

DSCN3089_640x480

É um lugar diferente mesmo e quem ainda não conhece não sabe o que está perdendo. O mirante da Borússia está fechado para reformas. Vista do Litoral apenas de um ponto da estrada, ou mais em cima, no morro das antenas. Não cheguei a subir tanto…

DSCN3092_640x480

No sábado pela manhã acordei em Torres, num hotel que fica a 2 quadras da praia, o Farol. O dia amanheceu bonito e com temperatura amena.

DSCN3096_640x480

Torres é uma cidade. Tem várias praias. Esta perto do hotel acho que é a Prainha, no centro.

DSCN3098_640x480

Depois foi hora de seguir viagem, atravessando o Mampituba. A cidade de Praia Grande, em SC, fica ao pé do morro dos Aparados.

DSCN3104_640x480

É uma região procurada por quem deseja fazer um passeio diferente, pela parte inferior, nos cânions que são vistos lá de cima, do RS. A estrada que vai para o Itaimbezinho é muito ruim. Subi uns 6 ou 7 KM e mesmo assim cheguei bem perto do topo.

DSCN3109_640x480

DSCN3116_640x480

Para quem pretende fazer este caminho: acho que o melhor é descer, do RS para SC. Bem, lá embaixo, em Praia Grande, tem várias pousadas no meio do mato e no morro. Uma delas é a Pedra Afiada, que oferece uma vista bem legal do cânion Malacara, por onde é possível caminhar junho ao rio, desde que acompanhado de um guia.

DSCN3118_640x480

DSCN3119_640x480

DSCN3127_640x480

Toda a região é muito bonita e vale uns 2 ou 3 dias de passeio, para conhecer tudo e fazer algumas caminhadas. Caminhada, aliás, que fiz numa subida até uma região mais alta, passando o restaurante Casa Nossa, onde é possível saborear um almoço campeiro a R$ 38 por pessoa.

DSCN3143_640x480

Pelo caminho, de carro ou a pé, tem ótimos lugares para fotografar.

DSCN3132_640x480

DSCN3145_640x480

Pena que a estrada de Itaimbezinho a Praia Grande seja muito ruim. Se tivesse asfalto, ia valorizar muito o turismo na região. Mesmo assim, com calma, é possível trafegar, apesar de alguns trechos completamente cheios de pedras. No domingo, na volta, espero conhecer mais uma cidade gaúcha no Litoral Norte. Eu também tenho perfil no Instagram e no Twitter. Em tempo: valor da gasolina aqui na região de Criciúma é de R$ 3,28 na média mas tem posto vendendo a R$ 3,24.

Produzindo vinhos finos em Antônio Prado

23 de maio de 2016 1

A empresa é nova, são pouco mais de 10 anos, mas já é bastante conhecida no mercado do vinho. A Vinícola Zanella de Antonio Prado nasceu em 2004 com o propósito de fabricar vinhos finos. Depois de alguns prêmios, os produtos Zanella estão consolidados. A vinícola fica na saída para Nova Roma do Sul, a uns 10 Km do centro.

DSCN2369

Visitei a vinícola dentro da programação do Dia do Vinho, que vai até 5 de junho na Serra Gaúcha e na região da Campanha. É uma boa oportunidade para conhecer lugares novos e participar de atividades ligadas ao vinho. Você pode comprar os vinhos da Zanella na loja virtual ou visitar a vinícola, que fica numa área muito especial.

DSCN2383

DSCN2382

Tem muito verde em volta, ideal para quem curte o contato com a natureza.

DSCN2384

DSCN2386

Todos os anos a Zanella realiza a Settimana in Cantina, que proporciona a pessoas amantes dos vinhos a participar da produção de sua própria bebida. Este ano o evento não aconteceu porque a safra foi prejudicada pela geada, mas outros virão. Não vou falar aqui sobre os produtos da vinícola, porque quem conhece sabe da qualidade deles. E quem ainda não conhece tem a oportunidade de conhecer, visitando Antonio Prado. A Zanella também produz espumantes.

DSCN2377

A Zanella tem vinhedo próprio, localizado a uma altitude média de 750 m. Aliás, visitar a vinícola já é um ótimo passeio.

DSCN2389

DSCN2390

DSCN2391

Há muitos animais soltos pela propriedade. Isso significa que você pode levar a família para curtir o passeio.

DSCN2380

DSCN2387

DSCN2397

E dependendo da época do ano, a região se apresenta diferente. No Outono, o colorido da vegetação se destaca.

DSCN2399

DSCN2400

A programação do Dia do Vinho inclui uma série de atividades e descontos especiais. Confira lá no site a programação. O link está no começo do post. Antonio Prado é a cidade mais italiana do Brasil, e além das vinícolas, tem ótima gastronomia. Para acompanhar mais de minhas fotos, confira meu perfil no Instagram. Eu também estou no Twitter.

 

A Gruta da cidade de Sério

05 de março de 2016 1

Quem chega na cidade de Sério a partir de Forquetinha, no Vale do Taquari, passa ao lado da gruta:

DSCN1768

Na verdade não se trata de uma gruta, mas de um altar improvisado para homenagear a santa. Um lugar para atrair pessoas com ligação à religiosidade.

DSCN1772

DSCN1773

Na área verde a uma ponte de pedra e um pequeno riacho, que em dias de chuva forte deve ter bastante água. Quando chove pouco, o riacho quase nem aparece.

DSCN1769

DSCN1776

DSCN1777

A estrada para Sério não está totalmente asfaltada. Há um trecho de uns 5 Km sem asfalto.

DSCN1775

A área da gruta fica à esquerda de quem sobe.DSCN1771

DSCN1774

O turismo em Sério está diretamente ligado à natureza. O município fica a 700 m de altitude e tem algumas cascatas como atração. Para curtir minhas fotos, me siga no Instagram: marcosh85.

 

Uma rota no Vale do Rio Pardo

19 de novembro de 2015 1

O tema de hoje do Viajando de Carro no Gaúcha Hoje é o roteiro germânico do Rio Pardinho. O post completo estará publicado por volta de 9 h da manhã.

rp5

Eu também tenho um perfil no Instagram: marcosh85.

Uma viagem pela costa oeste dos EUA

20 de dezembro de 2014 0

Na década de 80, Lulu Santos cantava:

Garota eu vou prá Califórnia
Viver a vida sobre as ondas
Vou ser artista de cinema
O meu destino é ser star….

Não sei se a Julia Finamor gosta do surfar, mas que ela tem pinta de Star, isso ela tem. E também gosta de viajar.  A Julinha é produtora/repórter da Rádio Gaúcha e em novembro esteve na Califórnia. Uma viagem de carro pela costa oeste dos Estados Unidos que durou 15 dias. Ela passou por várias cidades, entre elas as badaladíssimas Las Vegas, Los Angeles, São Francisco e San Diego. Como a Júlia andou viajando de carro, ganhou espaço para um post especial aqui no Blog. 

Segundo a Júlia, foram mais de 3.000 Km percorridos. A maior parte da viagem foi feita pela Highway 1, que costeia o Oceano Pacífico. Como o trajeto percorrido foi no sentido Norte – Sul, o mar ficada à direita, facilitando as paradas para fotos e descanso. 

Nos EUA, o Sol se põe no Pacífico.

Nos EUA, o Sol se põe no Pacífico.

Algumas dicas da Júlia para quem pretende fazer o mesmo nos EUA:

Aluguel de carros – Muitas locadoras cobram uma taxa de deslocamento se você alugar o carro numa cidade. Uma dica importante é alugar um carro com GPS junto. O galão de gasolina custa lá U$3. Um galão nos EUA corresponde a 3,6 Litros.

Hospedagem – Os EUA tem várias redes de hotéis na de estrada, que você pode chegar a qualquer hora, pois sempre tem vaga. No caso da Júlia, eram 4 pessoas. Um quarto custava de U$ 60 a U$ 100. Eram hotéis como: Motel 6, Super 8, Travelodge, Days Inn.

Destinos/roteiro – O importante é decidir quais cidades pretende visitar e quantos dias vai passar em cada uma delas. Outra dica: estude bem o mapa de cada região.

São Francisco e suas tradicionais ladeiras.

São Francisco e suas tradicionais ladeiras.

As rodovias dos Estados Unidos são quase perfeitas, bem diferente do que acontece no Brasil. Lá, o motorista tem à disposição bom asfalto e sinalização. Mas algumas regras são bem rígidas e devem ser observadas, algo que não ocorre no Brasil.

Segundo a Júlia Finamor, 3 regras não podem ser esquecidas pelos motoristas brasileiros que se aventurarem por lá:

1) O pedestre tem sempre prioridade, e muitos deles atravessam a faixa sem se preocupar com os carros admitindo que eles irão parar. Tome cuidado!

2) Conversões à direita estão sempre liberadas (inclusive em cruzamentos com semáforo), exceto quando há uma placa indicando o contrário.

3) Pare completamente o carro ao ver uma placa ou sinalização de “STOP” pintada no asfalto, mesmo que você consiga ver que não tem nenhum carro vindo na outra direção do cruzamento.

O "túnel verde" americano...

O “túnel verde” americano…

Confira agora como foi o roteiro da viagem da Julia, com as dicas de onde parar.

- COSTA PELA HIGHWAY 1 – PARTE 1:  SAN FRANCISCO A MONTEREY
Esse trajeto leva cerca de duas horas.

PARADAS:

- Half Moon Bay
- Santa Cruz (vale muito a pena ir na praia e tirar fotos no parque, além disso tem o outlet da RipCul)
- De Monterey até Carmel, você deve pegar a 17-Mile, que é uma estrada paga (USD 10) com uma vista incrível da costa.

Highway 1

Highway 1

- COSTA PELA HIGHWAY 1 – PARTE 2: CARMEL A SANTA BARBARA

Trajeto leva cerca de quatro horas, com muitas paradas obrigatórias.

- O trecho entre Carmel e San Luis Obispo tem a paisagem mais bonita (Big Sur) e com a pior sinalização dos pontos que você deve visitar.

- Torça para pegar tempo aberto, com sol nos dias que fizer a Highway 1 de San Fransciso a Carmel e de Carmel a San Luis Obispo.

Carmel

Carmel

PARADAS:

a) Bixby Creek Bridge: não há sinalização antes da ponte, então se você não estiver atento, vai passar sobre ela sem parar num mirante que existe um pouco antes, e que permite uma bela vista de sua estrutura.

b) Julia Pfeiffer Burns State Park: é onde se vê uma cachoeira que cai nas areias de uma praia. Infelizmente a praia não tem acesso para os turistas e você se limita a uma vista de longe. Observação: cuidado com a confusão de nomes “Pfeiffer”!

c) Seguindo pela Highway 1, antes de San Simeon tem um mirante para observação de dezenas de leões marinhos na areia (com um amplo estacionamento, mas não muito bem sinalizado)

d) Morro Bay

e) San Luis Obispo ( cidade do interior, para fazer compras)

Bixby Creek Bridge

Bixby Creek Bridge

calif9

- COSTA PELA HIGHWAY 1 – PARTE 4: SANTA BÁRBARA A LOS ANGELES  -

Esse trajeto dura cerca de uma hora.

Depois da estadia em Santa Barbara, fomos para Los Angeles, sem antes passar o dia no Outlet Camarillo (funciona das 10-21hs) com todas as lojas que você possa pensar num Outlet, dividido em 3 grandes blocos ao ar livre. -

trechos de San Diego

trechos de San Diego

calif4

 

calif3

- LOS ANGELES A SAN DIEGO

Duração da viagem: 2 horas.

Para mim, a parte mais linda da viagem.

PARADAS

Hermosa Beach, Malibu,Huntington Beach, Laguna Beach, Corona Del Mar, Balboa Island, San Clemente.

 

Huntington Beach

Huntington Beach

calif6

 - SAN DIEGO A LAS VEGAS

Duração: 6 horas.
Essa parte da viagem não tem vista para praia, mas não deixa de ser incrível: um deserto todo para você explorar. Para quem estiver disposto a dirigir de uma vez 450km, recomendo muito fazer esse trecho da viagem de carro

PARADAS

Cidade fantasma Calico Ghost Town
Saída para famosa Rout 66. 

Calico Ghost Town

Calico Ghost Town

Trecho da Highway

Trecho da Highway

Não se preocupe quanto a abastecimento de gasolina. Há postos em número suficiente pelo caminho, mas em alguns pontos da estrada você chega a umas 50 milhas sem pontos de abastecimento. Saia de L.A. com tanque cheio e acompanhe o seu consumo.

Esta foi a espetacular viagem da Julia Finamor pela costa oeste da Califórnia.

 

 

No Barreirinho

25 de novembro de 2014 0

Barreirinho é um Distrito de Sarandi, cidade localizada no norte do RS. O acesso é feito por uma estrada asfaltada, a partir da BR-386. São poucos quilômetros, se não me engano, apenas 4. Passei por lá para conhecer o lugar e acabei fotografando algumas áreas rurais.

IMG_5188

IMG_5187

A localidade de Barreirinho tem apenas uma rua, algumas casas e uma pequena igreja.

IMG_5189

IMG_5190

IMG_5191

A foto abaixo é às margens da BR-386, alguns quilômetros adiante, em direção ao norte do Estado.

IMG_5198

Mais fotos de viagens, no Instagram: Marcosh85. No link abaixo, mais informações e fotos de Barreirinho em outro post publicado aqui no blog:

BODAS DE OURO EM BARREIRINHO.

 

 

São Luiz Gonzaga

17 de setembro de 2014 1

Mais uma cidade gaúcha localizada perto das Missões. Longe de Porto Alegre. São cerca de 500 Km. Passei pela cidade no fim de semana em que visitei as Missões.

IMG_4726

IMG_4728

A praça no centro:

IMG_4729

IMG_4730

Para mais fotos de viagens. Instagram: Marcosh85.

Em Hulha Negra

10 de julho de 2014 2

Bem, se as grandes cidades da região da Campanha estão decadentes, o que dizer das pequenas? Estive rapidamente em Hulha Negra, que fica entre Bagé e Candiota. O caminho é a BR-293. Com belas paisagens.

IMG_4010

IMG_4011

Hulha Negra é minúscula na parte urbana.

IMG_4012

IMG_4014

Tem casas velhas.

IMG_4013

Uma pequena igreja.

IMG_4015

E ruas sem calçamento.

IMG_4016

Retrato da pobreza da Metade Sul do RS.  

No interior do Uruguai

30 de maio de 2014 0

Cheguei no Uruguai pelo Chuí e percorri todo o litoral até Colônia de Sacramento. Na volta, fiz o caminho costeando o Rio de la Plata, conhecendo cidades da região. Abaixo algumas fotos desse trecho. Na saída de Colônia de Sacramento em direção à cidade de Dolores, fica a antiga Plaza de los Toros.

IMG_3961

Passei ao largo de Dolores e rapidamente pela cidade de Mercedes, em direção a Paysandu. As fotos que seguem são de vários trechos neste caminho.

IMG_3962

IMG_3966

IMG_3970

IMG_3971

As estradas uruguaias são, em geral, bem tranquilas, sem grande movimento e com asfalto bom.

IMG_3963

Mais fotos de viagens no Instagram: Marcosh85.