Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Coletores de lixo.

05 de outubro de 2011 0

Apesar dos atos de vandalismo, podemos considerar o sistema um sucesso. Claro que há inconvenientes e vai levar um bom tempo até resolvê-los. Estão instalados em Porto Alegre e recém completaram dois meses. O Departamento Municipal de Limpeza Urbana ainda não encontrou uma forma de conter os atos de vandalismo. E acho que nem vai conseguir; é como alguém que risca um automóvel parado só porque ele está ali. Vai entender…

Apesar dos problemas eventuais, eu avaliaria a iniciativa como um sucesso. O número de reclamações, dúvidas e sugestões caiu drasticamente em relação aos primeiros dias. Muitos ligam pedindo contêineres em seus bairros. O principal problema ainda enfrentado é a colocação de lixo seco, o que alimenta os incêndios. É o que afirma o supervisor de operações do DMLU, que esclarece que material orgânico não queima. Ainda segundo o supervisor, o estacionamento irregular na proximidade dos contêineres também é um desafio, uma vez que os flanelinhas deslocam o equipamento à noite para abrir mais vagas.

Já em Caxias (foto da ilustração), em três anos, foram vandalizados 80. Hoje, o serviço vai bem. A cidade é mais limpa sem saquinhos de supermercados nas sarjetas e nas esquinas (e, na primeira chuva, nos bueiros). Com o tempo, a Prefeitura começou a colocar dois, um ao lado do outro, e com cores diferentes para os dois tipos de lixo. Não sei detalhes, mas deve ter sido a solução. A verdade é que toda mudança gera uma reação, grande ou pequena, muda nossos hábitos.

Um amigo meu, Madruga Duarte, que trabalha com idéias, tem já no seu computador uma frase, que sai em todos os e-mails: não há nada que não possa ser melhorado.

É uma grande verdade. Quem sabe se aplique aos nossos contêineres: a nós cabe não só usá-los, mas protegê-los e dar sugestões. Algumas certamente serão aprovadas. Temos que entender os contêineres como um sistema, e não como uma unidade/contêiner.

Bookmark and Share

Envie seu Comentário