Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts do dia 5 janeiro 2013

Um Tour Pelos Parreirais

05 de janeiro de 2013 Comentários desativados

O enoturismo é responsável por uma injeção de milhões de reais nos municípios com vinhedos. Cada um de nós tem parentes ou preferência por alguns deles.

E o roteiro turístico na região está atraindo cada vez mais gente. No ano que passou, o crescimento em relação há cinco anos foi gigantesco. Como é feita esta pesquisa, não sei, ninguém sabe. Mas a verdade é que a cada ano estão se instalando na região novos empreendimentos como vinícolas, hotéis, restaurantes e ateliês. E que eu saiba, estão todos contentes. A região é bonita e apesar da taxação injusta e das queixas justas, o nosso vinho melhora muito e se tornou um bom negócio.

A paisagem enche os olhos. No ar, o perfume da uva, de vinho, dos nossos queijos e de pratos típicos. Para os ouvidos, o português entremeado com palavras em vêneto aumenta o charme das músicas que são cantadas há um século. Cores, sons e sabores, bem pertinho sim, a Região dos Vinhedos aqui na Serra Gaúcha dista mais ou menos uns 130/ 140 Km.

A região abrange os municípios de Bento Gonçalves, Garibaldi, Monte Belo do Sul, Flores da Cunha, Farroupilha, Antônio Prado etc… Basta ver os nomes originais, de antes da guerra, ver como eram todos diminutivos das cidades de origem dos nossos colonos, e ainda preservamos grande parte das tradições trazidas da Itália pelos colonizadores.

Mas esqueça da ideia de que a região cristalizou no tempo. Muito pelo contrário, nos últimos anos, os vinhedos e as propriedades familiares passaram a dividir o espaço com empreendimentos turísticos capazes de fazer inveja a muitas metrópoles. Impulsionadas pela potencialidade do enoturismo, dos móveis e das escolas de culinária, como a de Flores da Cunha, as empresas da região investem para atrair visitantes à região que há muito tempo se sofisticou embora antes de começar a subir a serra, a gente já saliva com um Galeto ao Primo Canto ou um Porqueto de Primo Ronco.

A região é o segundo roteiro turístico gaúcho; a Região das Hortênsias lidera, e com razão, o ranking. Os roteiros que falamos atraíram 45 mil visitantes em 2001, número que dizem estar hoje em 200 mil. Vamos ver neste verão.

O início da explosão do Vale dos Vinhedos coincide com a criação de um plano diretor para a região, iniciativa da prefeitura de Bento Gonçalves. O diretor executivo conta que o plano institucionalizou a vocação turística e, atualmente, só são aceitos no local, empreendimentos alinhados com esta atividade. A demarcação funciona como instrumento de marketing. Ajuda a vender os vinhos, que levam o selo de procedência e desperta a curiosidade das pessoas por conhecer as vinícolas. A Região dos Vinhedos já tem e, em breve, as outras regiões o terão.

Bookmark and Share