Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Xico, touros e guerreiros

22 de maio de 2014 0

P1090633

 

 

Touros, em princípio são exemplos de força e combate. É bem possível que o Xico Stockinger, meu amigo e companheiro de viagens tenha se inspirado nestes dois elementos para representar o Rio Grande quando projetou estas figuras. O guerreiro a cavalo lembra a nossa revolução da qual saímos derrotados mas de cabeça erguida, diz a História.

Tenho especial carinho por toda obra do Xico. Mas por esta tenho uma atenção especial, posso dizer que com alguns amigos, como o Léo Dexheimer, o Furho, o Sonilton Alves, então diretor do Yázigi, e mais os dos donos de botecos que frequentávamos, que fomos os responsáveis para que exista. É que na época fizeram o túnel (que não é túnel) o então prefeito Loureiro da Silva, queria “no respiro” do túnel colocar um guerreiro. Feita a proposta.

O Xico fez suas medições e para que houvesse uma proporção. O Guerreiro devia ter 17m de altura. O Xico deixou claro que obras de grande porte eram com o Carlos Tenius. Ele fazia peças mais intimistas etc, etc. Mas a prefeitura queria do Xico.

Houve várias reuniões com as autoridades e com os amigos sobre o assunto. Nós éramos favoráveis e o Xico não queria fazer, mas…sempre há um mas…ele havia comprado o terreno ao lado, queria aumentar sua casa. O casal de filhos estava crescendo etc, etc. O Milton Mattos já havia feito o projeto do aumento. E a nova obra era uma boa vitrine, por ali passaria meia Porto Alegre, seria uma boa amostra para um escultor que já fazia ótimas obras mas que sempre estavam confinadas entre paredes de casas, escritórios, bancos, etc. Bem, felizmente ganhou a turma da Caipirinha e da galinha com arroz que quase sempre animavam as reuniões. Além de ter sido, um impulso para a complementação da casa, da nova estufa para os cactus e a mesa de snooquer para as tardes frias do fim de semana.

O tempo passou, tanto o das revoluções que devem ter inspirado o Xico como o interesse por obras de rua. Sempre que passo por ali, diminuo a marcha e fico olhando mas hoje estou convicto que nem Touros em posição de ataque nem guerreiros montados e de lança em riste resistem à incúria dos responsáveis por praças e monumentos.

 

P1090636

Bookmark and Share

Envie seu Comentário