Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

A boa pizza do domingo

24 de janeiro de 2016 0

pizza3

 

Antes de reproduzir o texto que li na Revista Time, é bom que diga que gosto das pizzas e que as como com prazer no Brasil. Não gosto é das que sou obrigado a engolir, produzidas em Brasília.

Acho nossos pizzaiolos, os de verdade, os que estão em frente a fornos quentes, mesmo com o nosso verão, para nos ajudar a terminar bem o nosso domingo. Mas não é exatamente o que pensam os italianos sobre as soluções tupiniquins.

Tendo se tornado um apetitoso fast-food em todo o mundo, a pizza sul-americana mostrada na sua terra natal como uma excentricidade, percorreu muitos caminhos (ao exemplo da Revista Time, tem uma com rabo de jacaré e molho de ameixa). Alarmados com a inundação de impostores, as normas de vigilância da Itália elaboraram especificações rigorosas para “una vera pizza italiana”. Quem estabeleceu o decálogo foram os pizzaiolos de Napoli onde foi feita.

A famosa Margherita, nomeada para saudar a rainha da Itália que pela primeira vez visitava Napoli, a ideia era espelhar a bandeira nacional, vermelha, branca e verde, portanto, composta de tomate picado, queijo mussarela e manjericão fresco. A crosta deve ser feita de farinha, sal marinho e azeite de oliva extra-virgem. A massa plana, não enrolada nem na hora de produzi-la. Às pizzarias que seguem as receitas tradicionais será concedido um diploma de autenticidade oficial. Uma alegoria fixada na entrada.

Bookmark and Share

Envie seu Comentário