Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

A favela que ninguém vê. Ou finge não existir!!

29 de março de 2011 2

Foto: divulgação

Leitor envia a foto tirada por ele do mar em direção à Ponta do Leal, no Bairro Estreito, região continental de Florianópolis. O que se vê é um cenário degradante, com barracos praticamente dentro da água. Detalhe: a região é uma das mais valorizadas da Capital, com a construção da Beira-Mar passando na frente da favela (o que impede a visualização das casas de quem está na pista). Com exceção do Ministério Público Federal, que já solicitou a retirada dos moradores da localidade, o restante é só descaso. Típico caso em que os governos fazem vista grossa e fingem, simplesmente, que o problema não existe.

comentários

Comentários (2)

  • Osvaldo Peixoto diz: 30 de março de 2011

    Martini a foto mostra apenas um, mas quem por lá passa percebe que tres novos barracos com madeira novinha em folha foram construídos na útima semana. Madeira certamente conseguida através de doação de algum político,. Alguém duvida ?

  • OLDIR diz: 1 de abril de 2011

    “Não está na hora do Governo adquirir um terreno adequado, fora do perímetro urbano da Capital Cultural e Turistica do Mercosul para edificar uma Nova Brasília. com oportunidades para os transferidos iniciarem alguma atividade produtiva com auxílio inclusive do Sebrae, construirem suas casas com financiamento subsidiado mediante projetos arquitetonicos aprovados, creches, escolas, centro de saude, etc; erradicando definitivamente este tipo de habitação sub-humana da foto?”.
    A COHAB existe para que?
    O DEINFRA não pode atuar nesta questão?
    ODIR CALDAS, de Floripa Capital Turistica do Mercosul para o Mundo.

Envie seu Comentário