Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Mudanças na composição da Câmara da Capital

13 de outubro de 2011 0
Encerrado o prazo para a filiação partidária com vistas à eleição municipal do ano que vem, no último dia 7 de outubro, a composição da Câmara de Vereadores de Florianópolis sofreu mudanças significativas. Agora, duas grandes bancadas dividem o plenário.

O PSD, novo partido criado por iniciativa do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, e que recebeu recentemente a filiação do governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, terá cinco integrantes em sua bancada. Três deles são oriundos do DEM, o presidente da Câmara Municipal, Jaime Tonello, e os vereadores César Faria e Erádio Gonçalves. Os outros dois são Marcos Aurélio Espíndola, o Badeko, que veio do PPS, e Renato Geske, ex-PR.

O PMDB, partido do governo do prefeito Dário Berger, que já contava com quatro vereadores: Celso Sandrini, Norberto Stroisch, João da Bega e Célio Bento da Silveira, ganhou a adesão do vereador Dinho, Edinon da Rosa, ex-PSB. O PP manteve os seus três vereadores: Aurélio Valente, Dalmo Meneses e João Amin. E três outras siglas têm um vereador cada: o PCdoB com Ricardo Vieira, o PSB com Asael Pereira e o PT com Márcio de Souza.

 
As informações são do site da Câmara da Capital.

 

comentários

Envie seu Comentário